Postagens

BMW reduz os preços de Série 2 Active Tourer, Série 3 e X1 promocionalmente em abril

Imagem
A BMW anunciou que até amanhã, 30 de abril, deve vender seus automóveis com desconto de até R$22 mil no Brasil. A promoção vale Série 2 Active Tourer, Série 3 e X1. Além disso, é possível adquirir qualquer um dos três com taxa de financiamento de 0,59% e supervalorização do usado, oferecido como parte do pagamento. No caso da Série 2 Active Tourer, a promoção vale para a versão 220i com ano/modelo 2017/2018, que é vendida com preço de R$171.950 e é vendida até amanhã por R$149.950. O Série 3 é oferecido na versão 320i Sport, também 2017/2018, que pode ser adquirido por R$149.950 ante os R$169.950. Por fim, o X1 é oferecido com o menor desconto, na versão sDrive20i GP 2017/2018, por R$179.950 ante os R$191.950 da tabela. A BMW Serviços Financeiros oferece taxa 0,59% para planos de financiamento de 24 meses, com 60% de entrada. As condições são válidas em todo o Brasil, enquanto durarem os estoques.

Ford vende Ka SE e EcoSport FreeStyle com desconto de até R$4.900 até amanhã, 30

Imagem
A Ford está oferecendo uma promoção para Ka SE e EcoSport FreeStyle com bônus de até R$5 mil até amanhã. Os descontos chegam a R$4.900 e valeram durante todo o mês de abril. No caso do EcoSport FreeStyle 1.5 AT, tabelado em R$89.890, o SUV pode ser adquirido por um preço de R$84.990, desconto de R$4.900. O consumidor ainda pode optar por um financiamento em 36 vezes com taxa de zero de juros, se for uma entrada de 70% do valor do SUV. Além disso, pode ganhar um bônus de até R$4 mil na troca do veículo usado. Já para o Ka SE, o preço de tabela é de R$45.990, mas pode ser vendido por R$41.990, um desconto de R$4 mil. O hatch possui as mesmas condições de financiamento do EcoSport, com exceção do bônus na troca do usado, que no caso do hatch foi dispensada. 

TOP 100: Fiat Cronos, Audi Q3 e Land Rover Range Rover Evoque sobem em março

Imagem
O TOP 100 de março se mostrou um dos mais agitados desse ano de 2018 em relação aos meses de janeiro e fevereiro. Assim como o número de vendas (acima das 200 mil unidades, agitado para um país que sai de uma crise), o número de oscilações em março foi de 3 modelos que subiram e 3 que acabaram caindo, logicamente. Com o início das suas vendas, o Fiat Cronos conseguiu um fácil acesso à lista, estacionando em 59º, um salto em comparação com fevereiro e a sua 135º colocação. Depois de um início de ano bem complicado para Audi Q3 e Land Rover Range Rover Evoque, a dupla conseguiu emplacar bem em março e conseguiu novamente o acesso, depois de bater na trave nos dois últimos meses. O Audi Q3 saltou de 103º para 98º e o Land Rover Evoque passou de 105º para 99º, fazendo com que Mercedes-Benz Sprinter (101º), Volkswagen Tiguan (102º) e Peugeot Partner (106º) ficassem de fora. Dos três que caíram, apenas a Mercedes não sofreu com período de entressafra. Com uma movimentada briga entre o 98

Mercado, março de 2018: Volkswagen ameaça Chevrolet e Renault fica em 6º e passa Toyota

Imagem
Em março de 2018, o Brasil fechou com 200.101 unidades vendidas entre automóveis e comerciais leves, uma alta de 8,86% em relação ao mesmo mês de 2017. Em relação às 151.970 unidades de fevereiro, o avanço é de expressivos 32%. No acumulado do ano, já são 527.312 unidades e o crescimento em relação ao trimestre de 2017, o crescimento é de 14,69%. A Chevrolet chegou ao 29º mês consecutivo na liderança, com 30.572 unidades. Mas nunca foi tão ameaçada pela vice-líder. E a vice nem é a Fiat e, sim, a Volkswagen. A marca alemã com Polo e Virtus, conseguiu chegar a 28.878 unidades, ou seja, uma diferença inferior a 2 mil unidades. Vale lembrar que a Chevrolet sofreu com a paralisação da fábrica de Gravataí (RS) para mudança de maquinário. Em terceiro, a Fiat fechou isolada com 23.321 unidades. Em quarto, a Ford ficou com 19.561 unidades, seguido de Hyundai em quinto com 17.464 e a surpresa do mês ficou com a Renault entre a Hyundai e a Toyota. Com 16.606 unidades e 8,3% de mercado, a fra

Os 50 Comerciais Leves mais vendidos do Brasil em março de 2018: Mitsubishi L200 e Nissan Frontier são destaque

Imagem
Entre os Comerciais Leves, o mês de março se destaca por trazer recordes de vendas de dois modelos. A primeira delas é ao recorde de vendas da atual geração da Nissan Frontier, que chegou a 952 unidades. Ainda importada do México, a picape média quase ultrapassou a Mitsubishi L200 Triton, que também cresceu nesse mês de março. Foram 965 unidades, ambas garantindo presença no Top Ten do mercado, em 9º e 10º respectivamente. Além delas, destaque para a Citroën Jumpy, que chegou ao seu novo recorde desde sua chegada no país, em 2017. Foram 137 unidades vendidas. Vale lembrar que o utilitário é vendido apenas na versão Furgão, sem contar com a opção Van, que chega dentro de alguns dias. Enquanto, a liderança ficou novamente com a Fiat Strada e suas 5.595 unidades, seguida pela maior rival, Volkswagen Saveiro, e suas 3.671 unidades. A Fiat Toro, em um dos seus desempenhos mais fracos desde 2016, emplacou 3.493 unidades e por pouco não perdeu o pódio para a Toyota Hilux e suas 3.223 unid

Os 50 Automóveis mais vendidos do Brasil em março de 2018: Fiat Cronos e Volkswagen Virtus crescem

Imagem
O mercado brasileiro parece que enfim tomou a sua trajetória de crescimento. Em março deste ano, primeiro mês “sem férias” do ano, alguns modelos se destacaram do restante. No total, foram 5 grandes destaques. Começando pelo Renault Kwid, que teve 10 mil unidades produzidas entre janeiro e fevereiro a fim de diminuir a fila de espera. Em março, foram 6.454 unidades emplacadas, colocando o hatch em 5º no ranking de automóveis. Começando a partir de R$30.990, o hatch tem no apelo do preço um grande diferencial em relação aos rivais. Outro que mereceu devido destaque foi o Nissan Kicks com suas 5.532 unidades, recorde de vendas desde o seu lançamento em 2016. Além disso, conquistou a liderança do segmento de SUVs Compactos pela primeira vez, mostrando o potencial que o utilitário pode ter no mercado. Na sequência, o Volkswagen Virtus também merece menção honrosa. Seu primeiro mês cheio de vendas, o sedã da VW fechou com 3.059 unidades, ficando em 20º e a frente do irmão compacto Voyag

Nissan chega a marca de 30 mil unidades exportadas da fábrica de Resende, em dois anos

Imagem
A Nissan está chegando a marca de 30 mil unidades exportadas a partir da fábrica brasileira de Resende (RJ). Implantado há dois anos, o processo de exportação na unidade tem se revelado bem promissor e alcançando crescimento exponencial diante da forte demanda de mercados latinos. O primeiro ano teve 10 mil unidades exportadas, especialmente para mercados como Argentina, Bolívia, Chile, Costa Rica, Panamá, Paraguai, Peru e Uruguai. O Kicks se tornou o carro chefe da exportação e a Argentina se tornou o principal destino das exportações, enquanto March e Versa chegam até mesmo a países da América Central, apesar de ter o México bem próximo desses países. "O projeto de exportação do Complexo Industrial de Resende confirma que a Nissan acredita no potencial da América Latina" , disse Wesley Custódio, diretor de produção da marca no Brasil. "O início da exportação do Kicks para a Argentina, no fim do ano passado, mostra que estamos fazendo de Resende um poderoso polo de e

PSA alcança marca de 2 milhões de motores produzidos na fábrica de Porto Real (RJ)

Imagem
A PSA está comemorando a marca de 2 milhões de produzidos no Complexo Industrial de Porto Real (RJ). O feito foi celebrado com a montagem do motor 1.6 16v FlexStart e com o anúncio de investimentos na fábrica. Conforme planejado pela PSA, R$43 milhões devem ser investidos até o final deste ano para uma nova linha de virabrequins, que somados aos R$13 milhões aplicados em 2017, totalizarão R$56 milhões em dois anos. Diante desses novos investimentos, a fábrica fluminense deve exportar parte da produção para a unidade de Marrocos, assim como já acontece com a Argentina. Atualmente, a UMPR (Usina Mecânica de Porto Real) conta com uma cadência produtiva de 425 unidades por dia e cerca de 200 funcionários, divididos entre montagem dos motores e a usinagem, responsável pelos blocos e cabeçotes de motor. “Essa marca de 2 milhões de motores produzidos em Porto Real se soma a outra que atingimos em 2017, de 1,5 milhão de veículos aqui também fabricados. Isso comprova nosso know-how e foco e

Mazda revela no Salão do Automóvel de Nova York, o reestilizado SUV compacto CX-3

Imagem
A Mazda revelou no Salão do Automóvel de Nova York o reestilizado CX-3, o seu SUV compacto. O modelo acaba de passar por uma leve atualização de meia-vida. No design externo, destaque para a nova grade dianteira, detalhes cromados espalhados pela carroceria, além de acabamento Black Piano e uma nova opção de cor, batizada de “Crystal”. Na traseira, o CX-3 passa a ter novo layout das lanternas, com LEDs, enquanto a grande novidade da lateral são as novas rodas de liga leve de até 18 polegadas. No interior, as novidades ficam ainda mais limitadas. O CX-3 2019 possui bancos redesenhados que, segundo a marca, oferecem um melhor suporte. Há mais couro utilizado para os estofamentos, enquanto as saídas de ar, mostram acabamentos na cor vermelha. O assento central traseiro dispõe de um encosto que pode abrir-se para ser usado como descansa braços ou porta-copos. Nos itens de série, destaque para o freio de estacionamento elétrico. Na mecânica, a novidade fica pela introdução do motor 2.0

SF apresenta conceitos elétricos de dois SUVs que começam a ser vendidos ainda em 2018

Imagem
A SF Motors está apresentando seus dois primeiros automóveis elétricos. A nova marca surge como uma nova player dessa onda de automóveis 100% elétricos. A empresa apresentou dois utilitários esportivos, o SF5 e o SF7. Os modelos, ainda conceituais, mostram e antecipam as linhas da marca, com matriz na China. O SF5 (unidade azul das fotos) possui design elegante, com linhas fluídas e um design moderno e estilizado. Se destaca por trazer faróis de LEDs que se unem, enquanto o SF7 é quase uma opção esportiva, com carroceria Coupé. Ambos, SF5 e SF7, devem estar disponíveis em diferentes configurações mecânicas. A SF terá opção de um, dois, três ou quatro motores elétricos. Com isso, eles devem ser vendidos com baterias de 100kW (136cv), 400kW (544cv) e uma que chega a 745kW (1.000cv). Segundo a SF, a autonomia será em torno dos 500km no padrão NEDC e serão equipados com uma tecnologia de condução semi-autônoma que utilizará um sensor LiDAR para que o veículo possa realizar diferentes aç

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat Scudo chega ao Brasil no 2º semestre, com produção uruguaia e duas opções de motor

NBR é marca brasileira que surge como aposta de buggy e terá fábrica em Pernambuco

Audi lança a linha 2023 de A4 e A5 Sportback com motor híbrido-leve 40 TFSI, de 204cv

Fiat Scudo será vendido nas mesmas versões de Citroën Jumpy e Peugeot Expert, Cargo e Multi

BMW lança o Série 3 2022, com novidades nas versões 320i, que estreia por R$267.950

Stellantis já testa o Fiat Scudo no Brasil; lançamento vai acontecer ainda em 2022

Peugeot 4008 será apresentado em 2022 como um SUV médio cupê com base no novo 308

Curiosidades: por que o disco de freio parece com ferrugem mesmo sendo novo?

Volvo abre pré-venda do novo XC40 Recharge Electric P6, com motor de 231cv, por R$ 309.950

Nova Chevrolet Spin não deve ser baseada no Orlando, como era estipulado