Tesla confirma que seu compacto 'Model 2' virá com o sistema de condução autônoma FSD

Tesla confirma, por meio de entrevista de Elon Musk, que o ‘Model 2’ será apresentado com o Full Self Driving já avançado em relação ao atual



Depois do seu Investor Day 2023, onde a Tesla revela muitas informações pertinentes, como a fábrica do México e a construção de um modelo compacto, Elon Musk resolveu falar um pouco mais sobre o ‘Model 2’. Candidato a ser o produto mais importante da Tesla na história da empresa, o modelo deve ser apresentado até meados de 2027. Antes disso, a empresa confirmou que trabalha na redução dos custos pela metade em relação ao Model 3.

E, durante a entrevista do Conference Morgan Stanley, Musk, CEO da Tesla, confirmou seu compacto será apresentado com o Full Self Driving (FSD), apesar de ser um carro de US$ 25.000. “Existe um caminho claro para fabricar um veículo, um veículo menor, que custa aproximadamente metade do custo de produção do nosso Model 3”, disse ele. O compacto será anunciado possivelmente no ano que vem, com um lançamento que pode aparecer até meados de 2027, contando com possíveis atrasos.

“Esse veículo será usado quase inteiramente no modo autônomo. O que é gigantesco para a Tesla é a autonomia. E para as pessoas que usaram o Tesla Full-Self Driving e viram a rapidez com que as capacidades de Full-Self Driving têm evoluído, deveria ser óbvio que isso é o que há de mais profundo [para o fabricante de automóveis].”, adicionou Musk. A Tesla tem como um dos seus objetivos diminuir a quantidade de horas que a população passa dirigindo seus carros, que varia de 10 a 12 horas por semana. Com um sistema autônomo, os consumidores vão poder usar mais o carro de 50 a 60 horas semanais e ter mais tempo livre.

“Isso representa 5x o valor de um carro e custa o mesmo para fabricá-lo. Nesse ponto, você basicamente tem margens de software em um produto de hardware.”, destaca. Segundo rumores, o projeto do ‘Model 2’ estaria em desenvolvimento na China, onde ele deve começar a ser produzido. A liderança da China no projeto se dá pela importância do hatch para os mercados mais emergentes. Antes disso, a empresa quer focar no seu empenho em diminuir os custos de produção dos carros elétricos em até 50%. Essa importância para emergentes também abre caminho para o compacto ser feito no México – onde ele poderia atender mercados sul-americanos.

Os esforços da Tesla em fazer com que os carros elétricos sejam mais acessíveis de produzir em 50% em relação aos atuais Model 3 e Model Y. Com isso, o Model 2, que já nasce com uma proposta de ser mais acessível, tendo a ficar ainda mais em conta. Estima-se que seus preços podem ficar entre US$ 20.000 a US$ 25.000 iniciais, fora os benefícios fiscais.



Fotos: Tesla / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

RAM reajusta os preços de Rampage, 1500, 2500 e 3500 no Brasil, em até R$ 5.000

Ford desenvolve um SUV elétrico de 7 lugares que será apresentado em meados de 2025

Nosso novo Peugeot 2008 será igual ao modelo europeu, recém reestilizado; terá motor T200

Fiat reajusta os preços da Toro em versões com motor T270, com cortes de até R$ 10.000

Nio ET5 Touring é a primeira station wagon da marca; estreia na China de olho na Europa

Alfa Romeo surpreende e confirma nome Milano para SUV subcompacto que estreia em abril

Lamborghini comemora aniversário de 60 anos de Sant'Agata Bolognese e revela três séries

Chevrolet Camaro ganha séries especiais Collector's Edition e Garage 56 Edition nos EUA

Jetour apresenta o X90 Plus no Salão do Automóvel de Guangzhou, que é reestilizado

Ferrari apresenta a SF90 XX Stradale e Spider na Europa, com motor híbrido de 1.030cv