Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Changan

Changan ganha perfil em Instagram e sinaliza retorno com sedã Eado Plus ao Brasil

Imagem
Surgiu um curioso (e novo) perfil no Instagram de uma página sobre a Changan Motors Brasil. Ao que tudo indica, a empresa está na rota de retornar ao mercado brasileiro. Criada neste mês de fevereiro, o perfil conta com uma imagem do sedã médio Eado. Curiosamente, a única empresa que o perfil segue é a Keyton Motors, que já confirmou a sua vinda ao nosso mercado, tanto que ambas contam com uma imagem de perfil com a mesma identidade visual do “Brasil”. A mesma empresa que trouxe a Keyton pode também trazer a Changan no mercado. Como a Keyton deve ser uma marca que vá vender apenas carros elétricos, estima-se que a Changan venda carros com motores a combustão, a fim de não competirem entre si. Vale destacar que o perfil da Keyton também foi criado antes do anúncio da chegada da marca ao nosso mercado, no dia 30 de setembro de 2020 (o anúncio da vinda da marca aconteceu apenas no dia 6 de novembro de 2020), ou seja, a vinda da Changan ao Brasil deve ocorrer dentro de algumas semanas. O s

CAOA confirma interesse em comprar unidade de Camaçari (BA), da Ford; agora são cinco interessados

Imagem
Depois das marcas Changan, GAC, Geely e Great Wall demonstrarem interesse pela fábrica de Cammaçari, Bahia, da Ford, parece que temos mais uma interessada na rodada. A CAOA, que já estava atrás da unidade de São Bernardo do Campo (SP). Apesar de se desconfiar que a CAOA esteja por trás de uma das quatro marcas chinesas, o grupo brasileiro ainda pode comprar a marca para enfim apresentar a sua própria marca, sendo uma marca verdadeiramente brasileira. Atualmente com as fábricas de Anápolis (GO) e Jacareí (SP), uma terceira fábrica da CAOA poderia acontecer. Vale destacar que a CAOA e a Ford possuem uma parceria de longa data, sendo a CAOA uma das maiores rede de concessionárias Ford do país. Ainda seria de interesse da CAOA ter uma empresa sua, além de administrar as demais que já administra no país, como a Chery, importados da Hyundai e a Subaru. "Sempre tenho interesse em novos negócios, mas é preciso analisar todo o processo porque não queremos desgastar a nossa imagem. E só ire

Governo da Bahia procura nova montadora para assumir fábrica da Ford, em Camaçari (BA); há 4 chinesas interessadas

Imagem
O Governo da Bahia, assim como o fez o de São Paulo com a unidade de São Bernardo do Campo (SP), está atrás de um comprador para a fábrica de Camaçari, na Bahia. Depois da Ford encerrar a produção imediatamente, se busca um novo dono. O Governador da Bahia, Rui Costa (PT), busca montadoras chinesas que estão de olho no mercado brasileiro e com interesse em adquirir a unidade baiana. Em contato com a Embaixada da China no Brasil, objetivando o interesse de marcas chinesas em nosso mercado, o governador criou um grupo de trabalho com a Federação das Indústrias da Bahia, a fim de buscar alternativas para a fábrica da Ford. O complexo industrial possui capacidade de “250 mil veículos por ano, 912 veículos por dia ou 1 veículo a cada 80 segundos” , de acordo com a Ford. De acordo com informações da CNN Brasil , existem quatro montadoras interessadas na planta da Ford. São elas: Changan, GAC, Geely e Great Wall. O site ainda destaca que Carlos Alberto de Oliveira Andrade, o “Sr. CAOA”, estar

Changan apresenta o belo Uni-K na China, seu novo utilitário esportivo cupê grande

Imagem
Depois de apresentar o Uni-T no Salão do Automóvel de Genebra, a Changan apresentou um novo utilitário esportivo na China, o Uni-K. Assim como o outro modelo da linha Uni, o Uni-K conta com um desenho bem original e não apela para absurdos para ser diferente. O utilitário esportivo possui um porte grande com seus 4,865 metros de comprimento, 1,948 metro de largura e 1,70 metro de altura. Visualmente o carro se destaca pelas suas linhas, inspirado no conceito apresentado no Salão do Automóvel de Pequim, o Vision V Concept. Visualmente, o Changan Uni-K chama atenção pela dianteira, com a grade dianteira que parece se fundir com a carroceria ao não ser bem delimitada. A grade conta com um estilo escama, com o logotipo da marca bem destacado ao centro. A frente dele é alta, mas as linhas do capô não são essencialmente musculosas. Os faróis são pequenos e horizontais, afilados e com projetor em LED. O para-choque possui um desenho mais esportivo, com os faróis de neblina sendo substituídos

Changan antecipa SUV com o Vision V Concept no Salão do Automóvel de Pequim, na China

Imagem
A Changan foi ao Salão do Automóvel de Pequim, na China, apresentar o Vision V Concept, o conceito que antecipa um novo utilitário esportivo da marca. O conceito deve ser um novo modelo da marca UNI, que deve ser criada pela marca chinesa dentro de alguns anos. Ele deve se unir com o UNI-T. O conceito mede cerca de 4,90 metros de comprimento e entre eixos na casa dos 2,80 metros. Assim como o T, o novo modelo da UNI deve ter um design de linhas bem modernas. Visualmente, o conceito se destaca pelo desenho dos faróis, diminutos, interligadas por uma linha luminosa em LED. A grade dianteira é representada por um estilo colmeia na dianteira e que parece contar com iluminação, que envolve com o logotipo da marca. Abaixo estão a parte do design que é mais interessante na dianteira. Ele conta com LEDs diurnos na entrada de ar das laterais do para-choque, em formato em “Y”. Por fim, uma entrada de ar central e inferior deve resfriar as baterias do elétrico conceitual. Visto de lateral, o mode

Changan apresenta a picape média Hunter, prima-irmã da Kaicheng F70, na China

Imagem
Depois da Kaicheng e da Peugeot apresentarem as suas picapes F70 e Landtrek, respectivamente, chega a vez da Changan apresentar a sua picape: a Hunter. A picape média desembarca na China como a terceira picape desenvolvida a partir dessa parceria entre o grupo francês e o grupo chinês. Visualmente, ela é idêntica a Kaicheng F70. Visualmente, a picape se diferencia apenas pela enorme grade dianteira, com moldura cinza e o para-choque dianteiro conta com uma abertura de ar inferior com protetor cinza. A picape conta com 5,33 metros de comprimento, 3,18 metros entre os eixos, 1,93 metro de largura e 1,87 metro de altura e será equipada com pneus 265/65 R17 ou 265/60 R18, dependendo da versão. A capacidade de carga será de uma tonelada. No interior, a central multimídia é destacada no painel, volante oval e pequeno, painel digital e até mesmo os botões do console central, além da manopla do câmbio. De acordo com o site chinês, ela deve ser equipada com banco do motorista com ajuste elé

Changan se arrisca ao apresentar seu primeiro automóvel no Salão de Genebra, o Uni-T

Imagem
A Changan almeja chegar a outros continentes dentro de alguns anos, deixando de oferecer seus carros apenas na Ásia e em países emergentes. A marca apresentou um automóvel pela primeira vez no Salão do Automóvel de Genebra, o Uni-T. O SUA médio da marca conta com 4,515 metros de comprimento, 2,710 metros entre os eixos e 1,870 metro de largura, o Uni representa uma nova fase de design dentro da Changan. O carro se destaca por trazer uma dianteira com uma grade de proporção bem grande e conta com faróis bem pequenos que se conectam por um friso cromado. Ao centro deste friso está o logotipo da marca chinesa. Os faróis que se fala são os faróis com luzes diurnas de LED e luzes de direção, uma vez que o farol “escorre” para um farol principal, no meio da dianteira. Praticamente junto dele estão os faróis de neblina do carro. As linhas formam uma espécie de “Z” no conjunto óptico do Uni-T. Visto de lateral, destaca-se as maçanetas da porta dianteira embutidas na carroceria e as maçanet

CAOA pode produzir carros da Changan em Jacareí (SP), que possui capacidade ociosa

Imagem
Se a CAOA não conseguiu comprar a fábrica da Ford em São Bernardo do Campo (SP), que seria adquirida para produzir os carros da Changan, o projeto da marca chinesa vir ao Brasil estaria corrompido? Nem tanto. Isso porque João Dória, Governador do estado de São Paulo, confirmou que a CAOA saiu da disputa pela unidade da Ford para investir em uma das fábricas que já possui: Jacareí (SP). “A CAOA não foi possível viabilizar, mas a CAOA deve anunciar agora em 2020 um novo e forte investimento com um fabricante chinês na indústria automobilística aqui em São Paulo” , disse Dória. Isso confirma que o investimento deve ser feito na unidade de Jacareí porque a outra fábrica da CAOA fica em Goiás. “A CAOA acabou não consolidando a compra da fábrica da Ford exatamente porque o investidor chinês queria um espaço maior para produção automobilística” , completou Dória. A unidade de Jacareí foi erguida pela Chery com uma capacidade de produzir 150 mil carros por ano. A fábrica de Jacareí produzi

Com fusão com a FCA, PSA deve encerrar parceria com Changan no mercado chinês

Imagem
A PSA confirmou que deve encerrar a joint-venture com a Changan Automobile na China. Depois da fusão com a FCA, o grupo francês deve encerrar a parceria após os resultados da parceria não dar muito certo. Com a Changan, a PSA desenvolveu os modelos da DS, DS 6 e DS 4ª, um SUV e um hatch de porte médio. Junto a isso as quedas das vendas da PSA no gigante asiático e a PSA já possui uma joint-venture com a Dongfeng, com quem desenvolveu a nova plataforma CMP e tem uma relação mais bem sucedida. Os carros da DS continuam em linha na China, mas por novos meios não revelados pela diretoria do grupo francês. O último modelo desenvolvido com a parceria da Changan será a picape média que Changan e Peugeot desenvolveram juntas, que deram origem a Changan Kaicheng F70 e uma picape para a Peugeot. A própria Changan já tinha tentado vender a sua parte da joint-venture com a PSA, sendo que nos últimos seis meses foram perdidos US$700 milhões. As vendas ainda caírem em cerca de 700 mil unidades d

Desenvolvida pela Changan, Kaicheng K70 é revelada na China e antecipa picape da Peugeot

Imagem
A Changan também apresentou na China a sua nova picape, desenvolvida em parceria com a PSA. A novidade deve ser vendida com a submarca da marca chinesa, a Kaicheng, que revelou a picape F70. Desenvolvida como uma picape da Peugeot, pelas suas linhas, ela antecipa como será a picape da marca francesa, mas nesse caso a cópia estreou antes do modelo original. Prevista para ser vendida a partir de 2020, a Kaicheng F70 já tinha sido antecipa por imagens do protótipo. A picape deve medir 5,33 metros de comprimento, 3,18 metros entre os eixos, 1,93 metro de largura e 1,87 metro de altura e será equipada com pneus 265/65 R17 ou 265/60 R18, dependendo da versão. A capacidade de carga será de uma tonelada. No interior, a central multimídia é destacada no painel, volante oval e pequeno, painel digital e até mesmo os botões do console central, além da manopla do câmbio. De acordo com o site chinês, ela deve ser equipada com banco do motorista com ajuste elétrico em 8 direções, saídas traseiras

Postagens mais visitadas deste blog

Reestilização do Volkswagen Jetta chega até 2022, com o inédito motor 1.5 TSI

Chevrolet Tracker PcD volta a ser vendido em breve, mas com mudanças de conteúdo

Chevrolet lança a linha 2022 da S10, com duas opções de motor Flex; parte de R$156.890

Citroën "C2 AirCross/C3/C3 Sporty" deve ser apresentado no próximo dia 20 de maio

Citroën confirma fim de linha de C3, AirCross e C4 Lounge; trio sai do site da marca

Chevrolet comemora a marca de 150.000 unidades do Cruze, produzidos na Argentina

Lançado há quatro anos, Seat Ibiza também ganha reestilização de meia-vida na Europa

Stellantis confirma que quer triplicar a venda de eletrificados e aposta em hidrogênio

Mercedes-Benz apresenta oficialmente o EQB no Salão do Automóvel de Xangai, na China

Prestes a ganhar irmão quase gêmeo, Chery Tiggo2 ganha versão Smile AT por R$80.650