Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Exportação

Renault inicia exportação da Oroch reestilizada para a Argentina em duas versões e 4x4

Imagem
A Renault confirmou a chegada da reeestilização da Oroch na Argentina. A picape passa a ser vendida no país vizinho com o novo motor 1.3 12v TCe Flex e com opção de tração 4x4 – inexistente no Brasil. A picape será exportada com motor 1.6 16v SCe a gasolina e com o motor 1.3 12v TCe a gasolina. Todas as versões com motor 1.6 terão câmbio manual e as versões turbo só terão câmbio CVT. Com isso, ela terá os motores 1.6 16v SCe de 114cv de potência com torque de 16,5kgfm e câmbio manual de 6 marchas e o 1.3 12v TCe Flex desenvolve 163cv e 27,5kgfm, associado a um novo câmbio automático CVT X-TRONIC, que simula 8 marchas. A versão é sempre dianteira, mas a 1.3 topo de linha ainda terá opção de tração 4x4. Essa opção de tração é vendida em mercados como Argentina, Chile e Uruguai. Visualmente, a picape contará com uma nova grade dianteira, que fica maior. Ele possui o logotipo ao centro e tem três barras horizontais interrompidas pelo logo. O para-choque dianteiro traz um novo desenho que t

Hyundai vai iniciar a exportação do nosso Creta em breve para a Argentina e inicia divulgação

Imagem
A Hyundai vai passar a exportar o nosso Creta para a Argentina, onde ele chega em sua segunda geração. O SUV compacto foi apresentado em um Resort de Ski na cidade de Chapelco, na Argentina. Mostrando o SUV compacto em suas redes sociais, a marca sul-coreana pode vender o Creta apenas com o motor 1.0 12v TGDI a gasolina. Esse motor entrega 120cv e 17,5kgfm, acoplado sempre a um câmbio automático de 6 marchas. Produzido em Piracicaba (SP), o novo Creta se destaca pelo seu design mais excêntrico. Na dianteira, o Creta brasileiro conta com uma nova grade dianteira hexagonal com contorno prateado ou cromado e com o logotipo da Hyundai ao centro, com grelha em preto brilhante e detalhes cromados. O SUV compacto ainda recebe um novo para-choque dianteiro, que traz uma nova entrada de ar inferior emoldurada por um acabamento prateado e há ainda nova disposições de luzes nas extremidades, com os faróis de neblina e as setas de direção em posição inferior. O capô ainda possui linhas pouco marca

Jeep comemora marca de 500.000 unidades produzidas do Renegade em Goiana (PE)

Imagem
A Jeep confirmou que o Renegade chegou à marca de 500.000 unidades produzidas no mercado brasileiro. Produzido em Goiana (PE), o Renegade foi o primeiro carro produzido na fábrica, que começou a produzir em 28 de abril de 2015. Além de abastecer o mercado brasileiro, o Renegade é enviado para uma série de mercados vizinhos, que representam cerca de 20% de toda a produção. Estes mercados, são: México, Argentina, Peru, Uruguai, Colômbia, Costa Rica, Panamá, República Dominicana, Guatemala, El Salvador, Paraguai, entre outros. Recentemente, o Renegade ganhou uma reestilização no início deste ano. O SUV compacto ganhou um novo layout dos faróis, além de uma nova grade dianteira, que fica mais fina, e os novos faróis com DRL (Daytime Running Light) em movimento com função de seta. O para-choque dianteiro também é novo que se destaca por um peito em um acabamento em plástico preto que traz uma nova entrada de ar superior e inferior, separadas por um acabamento plástico ao centro. Nas extremi

Nio ET7 começa a ser exportado para a Europa como segundo elétrico a ser lançado por lá

Imagem
A Nio iniciou a exportação do ET7 para a Europa. O sedã começa a ser exportado para o Velho Continente com a missão de fazer a Nio ganhar terreno no Velho Continente, em mercados onde começa a vender o sedã como Alemanha, Dinamarca, Suécia, Holanda e Noruega. As entregas das primeiras unidades ocorrem ainda neste ano de 2022. O sedã embarca na unidade de Lianyungang, província de Jiangsu, no leste da China. Apresentado em 2021, o sedã conta com 5,100 metros de comprimento, 1,990 metro de largura, 1,500 metro de altura e relação entre os eixos de 3,100 metros; e possui plenas capacidades de ser um concorrente a altura para os demais sedãs da marca. O ET7 deve ser equipado com uma bateria de estado sólido de 150kWh, que deve permitir uma autonomia de incríveis 800km a 1.000km, no ciclo WLTP. O ET7 conta com 0,23Cx de coeficiente aerodinâmico e também deve ser oferecido com baterias de 70kWh e 100kWh, com cerca de 400km a 600km, também no ciclo WLTP. O sedã é equipado com dois motores elé

Lançado aqui em fevereiro, Jeep inicia exportação do novo Renegade para a Argentina

Imagem
A Jeep iniciou a exportação do novo Renegade para a Argentina, depois de alguns meses do seu lançamento no Brasil. Produzido em Goiana (PE), o SUV compacto passa a ser vendido enviado para os Hermanos com um velho conhecido nosso: o motor 1.8 16v EtorQ Flex. Por lá, esse motor desenvolve 130cv de potência e é associado a um câmbio manual de 5 marchas ou automático de 6 marchas. Ele também traz o motor 1.3 16v Firefly Turbo a gasolina de 175cv, com câmbio automático de 6 marchas nas versões intermediárias e de 9 marchas nas versões topo de linha. Por lá, apenas o Sport vem com motor 1.8, enquanto as versões Longitude e Trailhawk vem com motor 1.3, sendo que apenas a versão mais aventureira tem câmbio de 9 velocidades, assim como a tração 4x4. Visualmente, o carro se destaca por trazer uma nova dianteira e uma nova traseira. Na frente, o carro conta com novo layout dos faróis, além de uma nova grade dianteira, que fica mais fina, e os novos faróis com DRL (Daytime Running Light) em movim

VWCO inicia exportação do Delivery e Delivery Express para o Panamá, na América Central

Imagem
A VWCO iniciou a exportação do Delivery Express para mais um mercado. Agora, o VUC começa a ser enviado para o Panamá, na América Central, que se torna o 15º país além do Brasil onde o modelo é vendido. O Grupo Tiesa representa a VWCO no Panamá há 25 anos, e já revende por lá os modelos da família Constellation e os chassis Volksbus. “Temos grandes expectativas com a chegada do VW Delivery. Sentimos que é a ferramenta para o desenvolvimento e crescimento da nossa empresa, rumo a um mercado muito competitivo, com um produto de alta qualidade. Já conquistamos o segmentos de saneamento, administração municipal e construção, porém queremos ainda mais: observamos um grande potencial para vendas nos mercados avícola, de panificação e agroindustrial. Com certeza a família Delivery será um sucesso” , ressalta Rafael Aleman, Diretor Executivo da Tiesa. No Panamá, o Delivery chega primeiro com as versões 6.160 e 9.170. Na América Central, a marca já vende o caminhão e o VUC em mercados como Arub

Ford Bronco também será vendido na Europa a partir de 2023, menos em países de mão inglesa

Imagem
Depois de negar que ele seria vendido em muitos mercados fora da América do Norte, a Ford confirmou que o Bronco chega na Europa no final de 2023. A marca revelou as primeiras imagens da versão europeia do jipe e confirmou que ele vai concorrer com o Land Rover Defender na Europa. Apesar da confirmação dele ser vendido na Europa, a Ford disse que ele não estará disponível em todos os países. Um deles é o Reino Unido, que não vai receber o Bronco. Fora da Europa, a Ford também confirmou que ele não será vendido nem na Austrália, conhecido por ser um mercado consumidor de veículos off-road. O motivo é que a Ford não desenvolveu o Bronco para ter volante no lado direito, o que também exclui as chances de ele ser vendido em mercados como Nova Zelândia, Japão e África do Sul. Para os demais mercados europeus, o Bronco será vendido apenas com a carroceria de quatro portas e serão bem equipados de série. Ele conta com motor 2.3 EcoBoost a gasolina que desenvolve 274cv de potência com torque d

Depois de Argentina, Colômbia e Uruguai, Fiat inicia exportação do Pulse para o México

Imagem
A Fiat iniciou a exportação do Pulse para mais um mercado, dessa vez, o México. Além de ser vendido no Brasil, a Fiat já vende seu SUV subcompacto em mercados como Argentina, Uruguai e Colômbia. Agora, ele chega ao México, onde será vendido apenas com motor 1.3 8v Firefly a gasolina que desenvolve 97cv de potência com torque de 13kgfm, com câmbio manual de 5 marchas ou automático CVT. No México, a Fiat confirma que o Pulse CVT terá um consumo de 19,5km/l. Curiosamente, a Fiat não quis levar o motor 1.0 12v T200 ao mercado mexicano. Ele será vendido nas versões Drive MT, Drive Plus (CVT), Audace CVT e Impetus CVT. Desde a versão Drive, o Pulse é equipado com quatro airbags (sendo dois frontais, um de tórax e dois de cabeça), alarme antifurto, alerta de não utilização do cinto de segurança, Fiat Sound System, ar-condicionado automático e digital, ASR (Controle eletrônico de tração), banco do motorista com regulagem de altura, barras longitudinais no teto, central multimídia com tela de 8

Chevrolet Tracker também vai começar a ser produzido na Argentina, na fábrica de Santa Fé

Imagem
A Chevrolet confirmou que a fábrica de Santa Fé, na Argentina, que produz atualmente o Cruze e Cruze Sport6, vai passar a produzir o Tracker. No fim, o SUV compacto era parte do Projeto AVA (Alto Valor Agregado), que estava previsto para a Argentina. A produção do Tracker no país vizinho vai produzir o modelo não só para a Argentina, como também exportá-lo ao Brasil, uma vez que a produção em São Caetano do Sul (SP) não dá conta de atender todos os mercados que dependem da produção nacional. Fruto de um investimento de US$ 300 milhões, a Chevrolet confirmou em evento com a presença de Alberto Fernández, Presidente da Argentina, Sergio Massa, Presidente da Câmera dos Deputados, Santiago Cafiero, Ministro das Relações Exteriores, e Shilpan Amin, Presidente da GM International, confirmaram que a unidade vai ganhar um novo produto de maior volume de produção. Cruze e Tracker vão compartilhar a mesma linha de produção e vão ter uma capacidade produtiva de 80.000 para 115.000 unidades ao ano

Renault inicia exportação da nova Oroch para o México, que tem motor 1.3 TCe de 156cv

Imagem
A Renault já iniciou a exportação da nova Oroch para outros mercados. Apresentada no Brasil em abril, a picape passa a ser vendida com as mudanças visuais também no México. Por lá, a picape estreia com as versões Life, Zen e Outsider. As versões Life e Zen são equivalentes às nossas versões Pro e Intense, enquanto a Outsider é conhecida do nosso mercado. Por lá, ela será vendida com motores 1.6 16v SCe a gasolina que desenvolve 116cv, com câmbio manual de 6 marchas. Outra novidade é o motor 1.3 12v TCe a gasolina, que entrega 156cv e 25,4kgfm, com câmbio automático CVT que simula 8 marchas. A tração nos dois casos será sempre dianteira. De série, a picape será vendida no México com nova central multimídia de 8 polegadas com conectividade sem fio com Android Auto e Apple CarPlay. Além disso, inclui um painel de instrumentos renovado com velocímetro digital, retrovisores eletricamente ajustáveis ​​e sensores de manobra de ré. A versão Outsider adiciona ar-condicionado digital automático,

Fiat comemora marca de 400.000 unidades do Mobi produzidas em Betim (MG) desde 2016

Imagem
A Fiat está comemorando a marca de 400.000 unidades produzidas do Mobi no Brasil, na unidade de Betim (MG). Além do Brasil, a Fiat ainda exporta o Mobi para 12 países da América do Sul. Lançado há seis anos como uma solução inteligente para o dia a dia com suas dimensões compactas e seu uso inteligente, o Fiat Mobi é o único hatch de sua categoria capaz de rodar mais de 700km com um tanque de combustível graças às recentes evoluções técnicas do seu conhecido motor Fire. Em março, a Fiat lançou a linha 2023 do hatch subcompacto, que recebeu algumas novidades e passou a ser equipado com a opção de controle de estabilidade (ESP) e controle de tração (ASR). Tanto o ESP como o ASR serão oferecidos como opcional. Com essa oferta, pela primeira vez todos os carros da Fiat podem ser vendidos com os sistemas como itens de série. Os controles de estabilidade e tração coletam informações de sensores para identificar situações que podem ocasionar a perda da direção do veículo. Quando isso acontece

Iveco começa a exportação para Chile e Peru com Daily e a linha de caminhões da marca

Imagem
A Iveco deu início a uma expansão na América Latina com a chegada a mercados como Chile e Peru, que vão fazer parte dos países que vendem os comerciais leves e caminhões da marca. Por meio de uma parceria firmada com um novo distribuidor nestes países, Andes Motor. A parceria foi fechada em presença de executivos como Márcio Querichelli, Presidente da Iveco para a América Latina, a montadora abriu oficialmente suas portas aos clientes da região. “Incorporar parceiros estratégicos com alto nível de profissionalismo e capacidade é essencial para nossa expansão, especialmente para mercados tão importantes como Chile e Peru. Para a Iveco, é um grande orgulho receber a Andes Motor. Estamos muito contentes com esse novo caminho e com os desafios que enfrentaremos juntos, e temos certeza de que continuaremos a consolidar a marca neste mercado tão rico e cheio de possibilidades" , destacou Querichelli. Nos dois países, a Iveco irá vender os modelos Daily, Tector, S-Way e Trakker Hi-Land,

Executiva da GM fala que Brasil possui grande potencial para a exportar carros EVs

Imagem
A Chevrolet confirmou nas últimas entrevistas que pretende fazer com que a marca possa ter mais modelos elétricos em alguns anos, chegando, inclusive, ao Brasil. Em entrevista para a revista Exame Invest, Marina Willisch, Vice-Presidente da Chevrolet na América do Sul, destacou que o Brasil possui um potencial muito grande para vender modelos elétricos. “Temos todos os minerais necessários ou no Brasil ou no nosso entorno. Temos mão-de-obra extremamente qualificada, exportamos engenheiros. A academia é muito forte. Temos uma capacidade de produção enorme. Precisa de investimentos, como em qualquer lugar do mundo. Os fornecedores no país são globais. E temos consumidores exigentes a partir do momento em que puderem experimentar carros elétricos. Temos condições de nos tornarmos um polo de desenvolvimento, produção e exportação de veículo elétrico e das tecnologias. Não ficarmos só no CKD. Do ponto de vista de comércio internacional, o Brasil não só não vai exportar -- na América do Sul

Fiat inicia a exportação do Pulse para a Argentina, onde ele é lançado oficialmente

Imagem
A Fiat iniciou a exportação do Pulse para a Argentina, onde ele foi lançado depois de Uruguai e Colômbia. Na Argentina, ele será vendido com motor 1.3 8v Firefly a gasolina que desenvolve 99cv de potência com torque de 13kgfm ou com 1.0 12v Turbo T200 a gasolina também, que desenvolve 120cv e 20,4kgfm, podendo ser acoplado a um câmbio manual de 5 marchas ou automático CVT, como o T200, oferecido só com câmbio automático. Lá, ele será vendido nas versões Drive 1.3 MT, Drive 1.3 CVT e Impetus 1.0 Turbo CVT, ou seja, a Fiat não traz as versões Drive T200 CVT e Audace T200 CVT ao mercado vizinho. Ele será vendido de série com quatro airbags (sendo dois frontais, um de tórax e dois de cabeça), alarme antifurto, alerta de não utilização do cinto de segurança, Fiat Sound System, ar-condicionado automático e digital, ASR (Controle eletrônico de tração), banco do motorista com regulagem de altura, barras longitudinais no teto, central multimídia com tela de 8,4" touchscreen, Apple CarPlay

Lucid quer vender 100 mil unidades do Air no Oriente Médio; sedã vai à Europa neste ano

Imagem
A Lucid confirmou detalhes da sua expansão para outros mercados. Mesmo com a redução na expectativa da produção em 2022 por conta da crise dos semicondutores, a marca já planeja chegar a dois novos mercados: o Oriente Médio e a Europa. O velho continente europeu será o primeiro a receber o sedã, que será vendido primeiro com a versão Dream Edition. “A expansão para a Europa e a decisão de oferecer o Lucid Air Dream Edition neste mercado servem para fortalecer a posição da Lucid como marca global e apoia ainda mais nossa missão de elevar os padrões da indústria de veículos elétricos” , disse Zak Edson, Vice-Presidente de Vendas e Serviço da Lucid. O sedã começa a desembarcar na Europa no final de 2022 e logo em 2023 começa a ser enviada as versões mais simples como a Pure, Touring e Grand Touring.  Na Europa, o Dream Edition terá autonomia em torno dos 900km, no ciclo WLTP.  Até o momento, está confirmada a ida do sedã para mercados como a Alemanha, Holanda, Suíça e Noruega. A primeira

Lucid está pronta para expandir para a Europa, Oriente Médio e China entre 2022 e 2023

Imagem
A Lucid confirmou que quer expandir seu mercado para outros continentes. Além da América do Norte, sua terra natal, a Lucid deve chegar na Europa e também no Oriente Médio. Neste último, inclusive, a marca planeja ter a sua segunda fábrica. A Lucid já busca mercados no Reino Unido e trabalha para fazer com que os carros tenham volante no lado direito, podendo ser apresentado já no final deste ano de 2022. Em 2023, a Lucid quer chegar na China, mas provavelmente com a exportação a partir dos Estados Unidos. De acordo com um Porta-Voz da Lucid, a marca chega à Europa e ao Oriente Médio, em junho ou julho de 2022, enquanto a China é aposta para 2023. Na Europa, a Lucid começa a atender pela Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Finlândia, Islândia, Itália, Mônaco, Holanda, Espanha, Suécia, Suíça e Noruega. O Reino Unido também receberá os carros da marca, mas esse último acontece no final de 2022, com entregas em meados de 2023. A notícia boa vem logo depois da marca anunciar que vai pre

Para exportação, Europa confirma que manterá produção dos ICE mesmo após sua proibição

Imagem
A União Europeia confirmou nos últimos anos que vai deixar de aceitar a produção de modelos a combustão que serão produzidos após 2035. Com isso, as montadoras já estão apostando em modelos elétricos e híbridos até esta data. No entanto, nada impede que a Europa continue a produção de modelos a combustão, a fim de atender outros continentes – com motor a gasolina e diesel. O motivo dessa produção seria inteiramente para exportação, enviando carros para a América do Norte, Central, do Sul, África, Oceania e Ásia. Isso porque a Europa será o primeiro continente a abolir os carros a combustão. A informação foi confirmada por meio de Thierry Breton, Comissário de Mercado Interno da União Europeia. "Embora a Europa proíba a venda de veículos de combustão, outros países continuarão a usá-los. Encorajo toda indústria automotiva a garantir a transição elétrica a ser preparada para 2035 na União Europeia, mas também a continuar exportando veículos térmicos ou híbridos para países que ainda

Além do Virtus, Volkswagen troca T-Cross brasileiro pelo indiano, com design diferente

Imagem
A Volkswagen do México deixa de trazer modelos produzidos no Brasil para passar a importar modelos feitos bem mais longe: indianos. Foi assim com o Virtus, que recém foi reestilizado na Índia e passa a ser assim agora com o T-Cross, que fica a mesma cara do Taigun indiano. Produzido em Pune, na Índia, o Taigun nada mais é que o nosso T-Cross com um design diferenciado e novo nome. Desenvolvido sobre a plataforma modular MQB-A0-IN, sendo o primeiro VW com essa base. Ele possui 4,20 metros de comprimento e 2,65 metros entre os eixos. Em relação ao nosso T-Cross, o Taigun adota a grade dianteira reta e novos faróis e para-choque dianteiro e traseiro. As novidades ficam por conta de faróis maiores e uma nova grade dianteira, enquanto o para-choque dianteiro deve receber um novo desenho, muito semelhante ao do T-Cross chinês. As laterais possuem um novo elemento no para-lama dianteiro e um detalhe plástico na coluna C que dá sequência ao desenho dos vidros laterais. Na traseira, as novidade

Ebro confirma interesse em vender na América do Sul; marca terá uma picape elétrica

Imagem
A Ebro deve retornar ao mercado espanhol e europeu depois de mais de 40 anos foram de cena. A marca adquiriu a fábrica da Nissan em Barcelona, na Espanha. Atuando entre 1954 a 1980, a Ebro vai retornar ao mercado com uma picape elétrica e o retorno da marca nasce a partir de uma união de empresários (QEV Technologies, BTECH, Ronn Motor Group e Ecopower). A marca terá uma capacidade de produzir 40.000 unidades anuais na fábrica, mas começa produzindo entre 10.000 a 15.000 unidades por ano. Como o mercado europeu não é tão fã de picapes médias, a Ebro já tem planos de exportação. A marca terá uma possível parceria com a Nissan para ter a base em chassi da picape japonesa. De acordo com as primeiras informações, a Ebro está de olho em mercados como Europa, África e América do Sul, com chances de vir para a Argentina e Brasil. Há rumor, inclusive, de ter uma segunda fábrica, a ser erguida no Uruguai, responsável pela exportação aos mercados citados, além de expandir a sua chegada para outr

Fiat inicia exportação do Pulse para Uruguai e em maio começa a ser enviado para a Colômbia

Imagem
A Fiat já confirmou a chegada do Pulse para dois primeiros mercados vizinhos. Depois de ser apresentado em outubro do ano passado, o Pulse começa a ser exportado para o Uruguai, de onde vai custar a partir de US$ 25.200 e chega aos US$ 32.500, nas versões Drive MT, Drive CVT, Audace T200 CVT e Impetus T200 CVT. Já em maio começa a ser exportado para a Colômbia. Nestes dois países, ele será vendido com motor 1.3 8v Firefly a gasolina que desenvolve 99cv de potência com torque de 13kgfm ou com 1.0 12v Turbo T200 a gasolina também, que desenvolve 120cv e 20,4kgfm, podendo ser acoplado a um câmbio manual de 5 marchas ou automático CVT, como o T200, oferecido só com câmbio automático. Ele já é vendido na Argentina e em breve também desembarca no México, onde deve chegar com as mesmas opções. Aqui no Brasil, o Pulse é vendido de série com quatro airbags (sendo dois frontais, um de tórax e dois de cabeça), alarme antifurto, alerta de não utilização do cinto de segurança, Fiat Sound System, ar

Postagens mais visitadas deste blog

Novo Chevrolet SS poderá ser nosso novo Chevrolet Omega!

Ford EcoSport sairá de linha globalmente em 2023, com o fim na produção na Romênia

Jeep Compass é oferecido com desconto com CNPJ, que é de 8% em todas as versões

Volkswagen Sagitar, o nosso Jetta, ganha versão alongada no entre-eixos, "L", na China

Primeiro Caoa Chery, Tiggo 2 sai de linha oficialmente por não atender ao Proconve L7

Curiosidades: por que o disco de freio parece com ferrugem mesmo sendo novo?

Jeep já vende o novo Renegade com descontos para consumidores com CNPJ em até R$ 13.063

SsangYong apresenta o Torres e espera que SUV marque recuperação da marca coreana

Curiosidades: Quantos BTUs possui o ar-condicionado de um carro?