Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Fim de Linha

Volkswagen Up! aumenta o time de compactos fora de linha, depois de 7 anos no mercado

Imagem
Depois de causar uma revolução no segmento de hatchs subcompactos no mercado brasileiro, o Volkswagen Up! se despediu do Brasil depois de sete anos (duros) de mercado. O hatch chegou em fevereiro de 2014 prometendo muita segurança para um segmento que estava acostumado a ver carros zerarem testes do LatinNCAP. O Up! chegou com cinco estrelas e se tornou um dos carros mais bem construídos do segmento, apesar de um design que dividia opiniões. Sendo um dos primeiros carros do segmento com motor tricilíndrico, o Up! até teve um início de vendas interessante. Ele partia de R$26.900 e chegava aos R$39.390 na época, mas de 2015 em diante começou a cair em vendas. Em 2015 mesmo, recebeu a famosa versão TSI, que deu vários apelidos ao carro e que também fizeram um relativo sucesso de vendas. Em 2017 ele passou por sua única mudança visual, quando já tinha preços entre R$37.990 a R$57.100. Nessa faixa de preços, na época, faziam o Up! se tornar uma opção cara no segmento, visto que ele invadia

Ford retira Ka, Ka Sedan e EcoSport do site e marca passa a ter quatro opções no mercado

Imagem
A Ford passa a ser oficialmente uma marca de apenas quatro modelos em linha. A gente já sabia desde janeiro, quando anunciou o fechamento de suas fábricas no país, mas agora o trio composto por EcoSport, Ka e Ka Sedan deixaram de marcar presença no site da marca. Com poucos estoques dos modelos nas concessionárias, a Ford deve vender apenas Ranger, Territory, Mustang e Edge. Isso deve dar abertura para a Ford dar início à sua nova fase em nosso país, que vai apresentar Bronco Sport e Transit ainda neste ano. A partir disso, o Ford mais em conta do mercado é a Ranger, que é vendida por R$166.790 na versão XL Cabine Simples 2.2 Turbo Diesel 4x4. O Territory começa em R$179.900, o Mustang Mach 1 é vendido por R$499.000 e o Edge ST é vendido por R$351.950. Essa é a primeira vez que a Ford conta apenas com quatro modelos em linha. Isso só aconteceu na década de 1970, quando a marca tinha Corcel, Galaxie, Belina e F-100. Ainda nos próximos meses, a Ford deve voltar a ter uma linha maior de m

Citroën confirma fim de linha de C3, AirCross e C4 Lounge; trio sai do site da marca

Imagem
A Citroën enfim confirmou o fim de linha de três modelos. Com o fim de linha já no ano passado, a Citroën agora confirma a saída do mercado do trio com a saída do site da marca. Com isso, C3, C4 Lounge e AirCross deixam de ser vendidos no Brasil. Isso já era uma realidade no ano passado, entre novembro e dezembro. O primeiro a ter tido informações sobre o fim de linha foi o C4 Lounge. Lançado em 2013 no Brasil, o sedã médio francês teve uma trajetória bem tímida no mercado nacional. Seu melhor resultado foi em 2014, quando 9.207 unidades foram vendidas. Desde seu lançamento até o mês passado, foram 31.072 unidades vendidas até abril de 2021. Neste ano, a marca fez uma queima de estoques do sedã, que emplacou 227 unidades neste quadrimestre. Assim como ele, a Citroën deixou de vender a dupla C3 e AirCross. Com vendas bem pequenas e que caíram muito em 2020, a dupla já é bem envelhecida e já caminharia para o seu fim de linha. No entanto, acreditava-se que isso aconteceria apenas em ness

Ford Mondeo deve sair de linha na Europa em março de 2022, de acordo com site

Imagem
Depois de encerrar a produção do Fusion na unidade de Hermesillo, no México, a Ford deve se despedir da produção do Mondeo, versão europeia do Fusion, na fábrica de Valência, na Espanha. Por lá, Mondeo e Mondeo Turnier, são produzidos na unidade espanhola e que a produção deve ser finalizada em 2022. Segundo o site, o sedã e a SW deixam de ser produzidos na Espanha em março de 2022. De acordo com informações, o motivo deve ser "a crescente mudança nas preferências dos clientes" , fazendo a Ford mirar no desenvolvimento de utilitários esportivos e picapes. Lançado em 1993, o Mondeo chegou ao Brasil em 1995 e ficou até 2005, quando foi substituído pelo Fusion. Em quatro gerações, o sedã e a station wagon acumulam mais de 5 milhões de unidades vendidas apenas na Europa. O fim de linha do sedã/SW já estava quase declarado também na Europa com o fim de linha do Fusion no México. Segundo um Porta-Voz da Ford ao site Automotive News Europe, o segmento onde o Mondeo está presente cai

Honda deve se despedir do S660 Roadster com a série especial Modulo X Version

Imagem
A Honda confirmou o fim de linha do S660 no Japão. O pequeno roadster passa a ser vendido com uma série especial de despedida, que deve marcar o fim da produção do esportivo. Como forma de se despedir, a Honda apresentou as primeiras imagens do S660 Modulo X Version Z, que deve marcar o final da produção que deve ser encerrada em março de 2022. A série possui a cor Grey Pearl e possui ainda a opção Premium Star White Pearl. Entre as novidades, o S660 Modulo X Version deve contar ainda com detalhes em preto brilhante na carroceria, como emblemas, rodas de liga leve, aerofólio traseiro e a lona do teto deve ser na cor Bordeux Red. A última mudança que a Honda apresentou para o S660 foi no final de 2019, quando ele recebeu mudanças sutis em seu visual. Entre outras novidades apresentadas naquela época, estão: para-choques dianteiros com luzes de LED para circulação diurna e a grade foi redesenhada. Os faróis ganharam novo layout, assim como as lanternas. São mudanças simples e bem sutis.

VW confirma que Jetta 1.4 TSI sai de cena e sedã é vendido apenas com versão GLI

Imagem
A Volkswagen confirmou a chegada da linha 2021 do Jetta, que passa a ser vendido apenas com a versão GLI. O sedã médio perdeu as versões Comfortline e R-Line, que eram vendidas como opções de entrada e intermediária. No configurador da Volkswagen, o Jetta já aparece apenas com a versão GLI, o que indica que a Volks deve mesmo se despedir das versões mais acessíveis. Ainda existe apenas o Comfortline no “Monte o Seu”, mas ainda com ano/modelo 2020, o que indica que os estoques devem estar acabando. O GLI 2021 já está à venda por R$178.490 e ganhou alguns itens de série a mais. Entre as novidades, o sedã médio esportivo passa a ser vendido com uma porta USB do tipo C, Carregador Wireless e central multimídia de 8 polegadas com conectividade com Apple CarPlay sem fio e Android Auto por cabo. Se une aos itens novos, os já existentes, tais como 6 airbags, Faróis Full-LED, ar-condicionado digital de duas zonas, sistema de som Beats com 6 alto-falantes, controle de cruzeiro adaptativo, painel

Land Rover apresenta o Range Rover Vogue SVAutobiography Ultimate Edition

Imagem
A Land Rover apresentou oficialmente a série especial SVAutobiography Ultimate, que marca o fim de linha desta geração do Range Rover Vogue, que em breve deve receber uma nova geração. O SUV inglês deve ser ainda mais luxuoso que a versão SVAutobiography. Para receber o nome Ultimate, a Land Rover trouxe uma pintura especial na carroceria, com tonalidade verde Orchard e acabamento interno de cetim. Além disso, o utilitário esportivo britânico ainda conta com detalhes da carroceria em preto Narvik, como teto e a capa dos retrovisores. Há ainda detalhes em cobre, no entorno do nome Range Rover na dianteira e na traseira e os logotipos SVA. O Range Rover Vogue ainda deve contar com alguns detalhes da carroceria em Grafite Atlas.  De série, ele deve ser equipado com rodas de liga leve forjadas de 22 polegadas com pintura Cinza Gloss com detalhes em diamante. No interior, a versão alongada do SUV deve ter acabamento na cor Bronze Vintage e pelas em fibra de carbono em Cobre Weave. Como opci

O fim de uma Journey: após fim do SUV, Dodge de despede (de novo) do mercado

Imagem
Após o fim de linha da Town&Country, a Chrysler deixou de contar com uma presença no mercado brasileiro. Agora, o fim do Journey marca o fim da Dodge em nosso mercado. Mais uma vez. Assim como a Chrysler, a marca vive de períodos em nosso mercado, desde que chegou ao nosso mercado, no final da década de 1960. O fim de linha do Journey, no final do ano passado e o consequente fim de estoque do utilitário esportivo fez com que a marca norte-americana passe a vir ao nosso mercado apenas com as importação independentes de Challenger e Charger. Desde 2016 que a operação oficial da Dodge no Brasil contava apenas com o Journey, após o fim de linha do Durango. Curiosamente, o nome Journey finaliza a segunda jornada da marca em nosso mercado. Por aqui, o Journey chegou em 2008, ou seja, o SUV foi o carro mais vendido da Dodge nos últimos doze anos. Após do fim de operação com modelos zero quilômetros, a Dodge deve se unir com a Chrysler e vão continuar operando em nosso mercado para atender

Ford destruiu unidades inacabadas de Ka, Ka Sedan e EcoSport na fábrica de Camaçari

Imagem
Depois de fechar a unidade de Taubaté (SP) e Camaçari (BA), a Ford deixou de produzir uma série de modelos que estavam na linha de montagem. Cerca de 900 carrocerias de Ka, Ka Sedan e EcoSport foram destruídas e vendidas como sucata. Após anunciar que a fábrica seria fechada, os carros que estavam na linha de produção, já com a carroceria montada, virou sucata, sem ao menos ganhar uma luz. O fim da produção de automóveis no mercado brasileiro, informação que caiu como uma bomba no mercado. Depois de fechar a fábrica de São Bernardo do Campo (SP), em 2019, se cogitava que a operação brasileira passasse a ter momentos melhores. No entanto, a Ford confirmou que as fábricas de Camaçari (BA) e Taubaté (SP), que foram fechadas no dia 11 de janeiro. A decisão deve fazer com que Ford Ka, Ford Ka Sedan e Ford EcoSport saíssem de linha e se mantém apenas em últimas unidades em estoque. Com essa decisão, a única fábrica que deve restar na América do Sul é a de General Pacheco, na Argentina. Desde

Toyota confirma fim da produção nacional de Etios Hatch e Etios Sedan neste mês

Imagem
Agora é oficial. A Toyota confirmou que deve deixar de oferecer a dupla Etios Hatch e Etios Sedan ao mercado brasileiro. Responsáveis por inaugurar a fábrica de Sorocaba (SP), lá em 2012, a dupla sairá de linha, apenas no Brasil. Isso porque a Toyota confirmou que a dupla deve continuar sendo produzida em São Paulo para abastecer os mercados vizinhos, como Argentina e Paraguai, Uruguai e Peru, mercados onde o Etios ainda consegue ter um volume de vendas bem interessante. O fim de linha do Etios para o mercado nacional serve para abrir caminho para o Corolla Cross. “Decidimos, estrategicamente, focar a produção para ganhar força de oferta neste novo modelo, mas sem abrir mão da importante missão que o Etios possui na América Latina”, destacou Rafael Chang, Presidente da Toyota do Brasil. Apesar de saber que isso já aconteceria, o Etios foi a primeira aposta da Toyota para estar num segmento de compactos, antes da estreia do Yaris. Lançado em setembro de 2012, o Etios Hatch e Etios Sedan

Nissan Frontier deve sair de linha na Europa; picape é produzida em Barcelona, na Espanha

Imagem
Vendida desde 2014 na Europa, a Nissan Frontier pode sair de linha no Velho Continente. A picape média deve deixar de ser produzida na unidade de Barcelona, na Espanha. De acordo com a Aliança Renault-Nissan-Mitsubishi, essa fábrica deve ser fechada dentro de alguns meses e a picape deixará de ser vendido por lá. Conhecida como Navara na Europa, a picape vinha amargando queda nas vendas nos últimos meses e esse pode ser um dos motivos pelo fim da sua comercialização por lá. Vale destacar que suas primas de desenvolvimento, como Mercedes-Benz Classe X e Renault Alaskan também já deixaram de ser produzidas na Europa, na mesma fábrica de Barcelona, que produzia as picapes. Segundo o site Pickup & 4x4 , o estoque de unidades da Frontier deve continuar no Reino Unido até meados do início de 2022 e que depois não há uma previsão de substituição. A Navara/Frontier ainda segue em produção em outras três unidades pelo mundo e que poderiam abastecer a Europa. São elas: Samut Prakan, na Tailâ

Volkswagen deve receber pedidos pelo up! até final de abril e produção vai até fim de maio

Imagem
A Volkswagen trouxe a linha 2021 ao Brasil em dezembro de 2020, sendo um modelo que passou a levar quatro ocupantes. Isso porque o up! não deve ficar muito tempo no mercado brasileiro. O jornalista Jorge Moraes disse que a Volkswagen deve produzir o hatch até meados de abril e maio, na unidade de Taubaté (SP). A partir daí o carro deve sobreviver com estoques que restarem da produção. O hatch subcompacto chegou ao mercado na linha 2021 apenas na versão Xtreme 170TSI, equipado com motor 1.0 12v TSI Flex capaz de desenvolver 105/101cv de potência com torque de 16,8kgfm e câmbio manual de 5 marchas. Com esse motor ele acelera de 0 a 100km/h em 9,3 segundos e chega a velocidade máxima de 183km/h. O hatch conseguiu vir equipado com ISOFIX presente desde seu lançamento, o hatch não precisava adicionar o acessório. A alteração não deve mudar em nada no carro, mas ele deve perder o cinto de segurança do banco do meio. No lugar onde ia o passageiro do meio, a Volkswagen colocou um aviso. Lançad

Ford Figo pode ter dado os primeiros indícios do fim de linha também na Índia

Imagem
Depois de sair de linha na América Latina, a Ford pode também dar adeus ao Figo na Índia. Pelas imagens se percebe que o Figo indiano é claramente o nosso Ford Ka. O modelo já começa a demonstrar sinais de que pode sair de linha também por lá. Os indícios seriam a redução da gama de versões do hatch e do sedã por lá. Ele deixa de ser vendido nas versões mais acessíveis e passa a ser vendido apenas nas versões mais caras, que possuem maior rentabilidade. Mas isso, claro, deve fazer o compacto perder mercados. Na Índia, ele passa a ser comercializado apenas nas versões Ambiente, Titanium e Titanium Blu, sempre com motor a gasolina ou diesel, dependendo da versão. O Aspire também sofre com o corte de versões na Índia. Versão encurtada do Figo Sedan, o sedã de 4 metros de comprimento (que mais parece um notchback) passa a ser vendido nas versões Titanium, Titanium+ e Flair, com a mesma mecânica a gasolina e diesel. Por lá, os motores que equipam a família Figo ficam por conta com motores 1

Limitado a 1.500 unidades, Polestar 1 deve encerrar produção em breve, ainda em 2021

Imagem
Limitado a 1.500 unidades, o Polestar 1 deve deixar de ser produzido em breve. O cupê híbrido, que marcou o início da Polestar como uma marca deve deixar de ser produzido dentro de algumas semanas. O esportivo sueco foi apresentado em 2017 e só começou a ser produzido em 2019. A Polestar confirmou que já está nas últimas 500 unidades produzidas do carro, que é produzido na fábrica Polestar em Chengdu, na China. Feito sobre a plataforma SPA, como os modelos da série 90, o modelo é o primeiro automóvel da Polestar, que ganhou vida própria após ser adquirida pela Volvo. Praticamente um Volvo S90 Coupé no design externo e interno, a principal novidade do Polestar está na mecânica. Por enquanto, os automóveis da Polestar ainda devem beber na fonte de inspiração dos automóveis da Volvo. Com produção confirmada na China para apenas em 2019, o Polestar One ainda deve ganhar a companhia de mais três modelos, que também devem ser produzidos por lá. O cupê 2+2 possui o motor 2.0 16v Hybrid que de

Honda Civic Si é a primeira baixa de 2021; cupê deixa de ser oferecido no país

Imagem
Lançado em julho do ano passado, a Honda se despediu oficialmente o Civic Si no mercado brasileiro. O cupê esportivo saiu de linha menos de um ano após ser reestilizado no mercado. O esportivo saiu de cena por conta do seu fim nos Estados Unidos, onde o cupê era produzido. A Honda já confirmou que o Civic não deve ser desenvolvido em uma carroceria cupê na próxima geração. O Si começou a ser vendido ao Brasil em 2007, na oitava geração do Civic. Naquela época, o Si era vendido com a carroceria sedã. A próxima geração já veio com a carroceria cupê, mas só em 2015. Ele começou a ser importado do Canadá e trazia novamente a carroceria cupê do Civic ao nosso mercado, depois do cupê ser vendido no início da década de 1990. Acredita-se que cerca de 100 unidades dessa geração veio ao nosso mercado, ou seja, foi um carro bem raro e com chances de se tornar um potencial item de colecionador dentro de alguns anos. A nova geração do Civic Si veio também em carroceria sedã em 2018, com o motor 1.5

Postagens mais visitadas deste blog

Reestilização do Volkswagen Jetta chega até 2022, com o inédito motor 1.5 TSI

Chevrolet lança a linha 2022 da S10, com duas opções de motor Flex; parte de R$156.890

Chevrolet Tracker PcD volta a ser vendido em breve, mas com mudanças de conteúdo

Volkswagen revela mais informações sobre a linha ID e VAG terá nova bateria

Chery convoca recall de Arrizo5, Tiggo5X e Tiggo7 no Brasil com defeito no motor 1.5 Turbo

Citroën "C2 AirCross/C3/C3 Sporty" deve ser apresentado no próximo dia 20 de maio

Citroën confirma fim de linha de C3, AirCross e C4 Lounge; trio sai do site da marca

Lançado há quatro anos, Seat Ibiza também ganha reestilização de meia-vida na Europa

Chevrolet comemora a marca de 150.000 unidades do Cruze, produzidos na Argentina

Volkswagen Up! aumenta o time de compactos fora de linha, depois de 7 anos no mercado