Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Mercado

Depois do Chile, Chevrolet Groove chega também ao México e em duas versões

Imagem
Depois do Captiva e do Cavalier, a Chevrolet passa a vender um novo modelo de origem chinesa no México. Trata-se do Groove, que chega para ficar abaixo do nosso Tracker. No México, o SUV subcompacto estreia com as versões LT e Premier, seguindo o mesmo caminho do lançamento no Chile. No México, o lineup da Chevrolet de SUVs será composto então por Groove, Tracker, Captiva, Equinox, Blazer, Traverse, Tahoe e Suburban, ou seja, é bem vasto. O Groove começa a ser vendido com preços de 332.900 a 390.900 (cerca de R$ 91.800 a R$ 107.760). “O Groove 2022 chega para completar o amplo portfólio de SUVs Chevrolet, e agora nossos clientes terão uma opção na marca que atenda às suas necessidades, começando pelo segmento de subcompactos. Estamos convencidos de que, com seu design atraente e jovem, equipamento, personalização, espaço e preço, o Chevrolet Groove será a primeira escolha para os clientes que procuram entrar no segmento de SUVs” , destacou Yammil Guaida, Gerente de Marketing da Chevrol

Tesla registra lucro recorde de no terceiro trimestre de 2021, de US$ 1,6 bilhão

Imagem
A Tesla confirmou que registrou um lucro recorde no terceiro trimestre, depois de fechar um recorde de vendas no mesmo período. No terceiro trimestre de 2021, encerrado em setembro, a Tesla confirmou que conseguiu vender 241.300 unidades, o que representa um aumento de 72,3% em relação ao mesmo período de 2020, além de um crescimento de 16,9% sobre o recorde anterior, do segundo trimestre deste ano. Com esse resultado, a Tesla conseguiu chegar a um lucro líquido de US$ 1,6 bilhão, com uma margem operacional de 14,6%, com margem bruta de 30,5%. "Uma variedade de desafios, incluindo a escassez de semicondutores, congestionamento nos portos e blecautes contínuos, têm afetado nossa capacidade de manter as fábricas funcionando a toda velocidade" , disse a marca em comunicado. Enquanto ainda não termina as fábricas de Berlim e Austin, a Tesla vai trabalhando em aumentar a sua capacidade produtiva, o que também vai ajudar a empresa nos lucros. A Giga Berlim já está quase finalizada

Ford Maverick virá em versão Lariat FX4, motor 2.0 Turbo e começa a desembarcar no Brasil

Imagem
A Ford confirmou que a Maverick já está desembarcando no mercado brasileiro. A picape compacta-média desembarcou no Porto de Vitória, no Espírito Santo (ES), programado para 2022. Produzida na fábrica de Hermosillo, no México, a picape vai chegar ao país no primeiro trimestre de 2022 e com versão única e topo de linha, Lariat FX4. “A Ford é a marca com maior tradição em picapes e está usando essa experiência para ampliar a linha e oferecer opções inovadoras para os clientes. A Maverick é um produto que vai surpreender tanto quem já é fã como quem nunca dirigiu uma picape” , disse Daniel Sinzato, gerente de Marketing de Produto da Ford. Visualmente, ela possui faróis Full-LED em formato “C” e são conectados por meio de um barra que atravessa toda a dianteira da picape e que nas extremidades dessa barra possui as setas de direção. A grade dianteira é ampla e o para-choque dianteiro possui linhas bem simples, com uma entrada de ar central inferior e nas extremidades, as versões mais caras

Em clínicas, Volkswagen deve optar por lançar ID.3 e ID.4 no Brasil em 2022, diz revista

Imagem
A Volkswagen pode ter dado a primeira pisa de que vai lançar seus elétricos no Brasil dentro de alguns meses. Com a confirmação de unidades sendo testadas em nosso mercado, a marca já pode ter confirmado a presença de ID.3 e ID.4 no Brasil a partir de 2022. De acordo com informações da revista Quatro Rodas, a decisão da Volkswagen já está definida. O ID.3 é considerado como um dos carros mais importantes na história da Volkswagen pode ser o primeiro elétrico desenvolvido desde o princípio como um elétrico. Depois do ID.3, a Volkswagen apresentaria o ID.4, por ser um SUV elétrico, o que pode ser uma chamariz para suas vendas. Dentro da VAG, apenas a Volkswagen ainda não possui elétricos, sendo que Audi e Porsche já o fazem. O ID.3 conta com motor de 204cv e torque de 31,6kgfm, com velocidade máxima limitada a 160km/h. Essa opção é vendida com bateria de 58kWh de capacidade e autonomia de 420km no padrão WLTP. A Volkswagen passa a oferecer o ID.3 com a mesma bateria de 58kWh, mas com uma

Toyota vai apostar em outros modelos além dos híbridos ao Brasil; eletrificação total em 6 anos

Imagem
A Toyota confirmou que vai continuar apostando em novas soluções de eletrificação no mercado brasileiro. Depois de produzir os híbridos Corolla e Corolla Cross no país, a marca japonesa vai apostar em um novo modelo eletrificado a ser produzido no país em 2022. A informação foi confirmada por Masahiro Inoue, Presidente da Toyota América do Sul e Caribe, que confirmou que todos os carros da marca terão algum tipo de eletrificação dentro de seis anos. A marca ainda confirmou que já tem um plano para substituir todos os motores exclusivamente a combustão por motores híbridos no Brasil, incluindo que essas novidades vão chegando de acordo com o ciclo de vida dos atuais modelos, estimados em até seis anos para os carros atuais da Toyota. O substituto da linha Yaris, que ainda está indefinido sobre ser uma nova geração ou um SUV compacto, já virá com motor híbrido. Além dos híbridos, a Toyota não descarta a possibilidade de trazer novas soluções ao Brasil, como motores puramente elétricos e

Ford revela como foi a bateria de testes da Transit em adaptação para a América do Sul

Imagem
A Ford revelou em vídeo como foram os testes da Transit no mercado sul-americano para começar a vender o modelo. A Ford confirmou que o comercial leve rodou cerca de 1.000.000km, suficiente para dar 80 voltas ao mundo, um trabalho de 20.000 horas de engenharia para adaptação da Transit para os mercados da América do Sul. Neste trabalho de engenharia, a Ford buscou trabalhar principalmente em questões como motor, dirigibilidade, isolamento acústico, suspensão, tecnologias de assistência ao motorista e adaptação da central multimídia para os idiomas português e espanhol. “Todos os testes de desenvolvimento e validação do veículo, agora produzido no Uruguai, foram feitos no Brasil, pela engenharia brasileira, usando a estrutura do nosso campo de provas em Tatuí, no interior paulista” , diz Daniel Santos, Gerente de Desenvolvimento do Produto da Ford América do Sul. A Ford ainda ressalta que a Transit é única no segmento e ser equipada com piloto automático adaptativo, auto start-stop, sis

VW comemora início da produção do câmbio MQ200 EVO e chega a 15 milhões de unidades

Imagem
A Volkswagen comemorou a fabricação de 15 milhões de caixas de câmbios na Argentina, na fábrica de Córdoba. Atualmente, a Volkswagen envia a transmissão para fábricas instaladas no Brasil, Espanha, Eslováquia, Índia, África do Sul, México e Portugal. “Estamos muito orgulhosos de atingir este marco de produção em Córdoba, que reflete o compromisso que o Grupo Volkswagen Argentina tem com a produção e exportação durante esses 41 anos que estamos presentes no país. Córdoba é uma de nossas fábricas modelo na região, de onde se exportam caixas de câmbio para mais de 10 destinos no mundo” , disse Thomas Owsianski, Presidente e CEO do Grupo Volkswagen Argentina. “Produzir 15 milhões de transmissões é um evento que nos enche de orgulho, pois demonstra o grande trabalho realizado por todos os nossos colaboradores, destacando a excelência dos nossos produtos, a competitividade e a qualidade dos nossos produtos fabricados em Córdoba” , disse Marcus Gorisch, diretor do Centro Industrial de Córdoba

Lamborghini encerra pedidos pelo Aventador; produção do hiperesportivo vai até fim de 2022

Imagem
Como se imaginava, a série especial Ultimae será a última leva de produção do Lamborghini Aventador, que vai deixar a linha de produção com o fim da produção da série, no final de 2022. De acordo com a marca, não é mais possível encomendar uma unidade do Aventador, pois todas já foram vendidas. No mercado há dez anos, a Lamborghini já trabalha em seu substituto, que será lançado em 2024. Substituto do Murciélago, o Aventador tinha a meta de ter 4.000 unidades produzidas em toda a sua vida comercial, mas esse número já foi rompido há alguns anos, em 2015. Em sua trajetória, o Aventador foi reestilizado uma única vez, em 2016 no Coupé e em 2017 no Roadster. A série de despedida foi apresentada como LP780-4, equipado com um motor 6.5 V12 capaz de desenvolver 780cv de potência com torque de 73,4kgfm e a um câmbio automático de dupla embreagem de 7 marchas. A tração é a integral nas quatro rodas, com as rodas traseiro com esterçamento. Segundo a marca, ele é 25kg menos pesado que o Aventado

Lamborghini pode quebrar novo recorde de vendas em um ano; em 2021 já cresce 23%

Imagem
A Lamborghini confirmou um novo recorde nas vendas em 2021, no acumulado do ano. De janeiro a setembro de 2021, a italiana já vendeu 6.902 unidades em todo o mundo, o que representa um aumento de 23% em relação ao mesmo período de 2020. Quando comparado com o mesmo período de 2019, antes da pandemia, as vendas cresceram 6%. Ao que tudo indica, se seguir nesse caminho, a Lamborghini pode caminhar para quebrar um novo recorde. “A marca Lamborghini está em uma posição extremamente forte, com uma gama de modelos abrangente e altamente desejável em V10, V12 e Urus Super SUV. A empresa não apenas resistiu ao clima difícil dos últimos 18 meses, mas manteve de forma consistente seu crescimento de volume, o que é uma prova da força de nosso portfólio de produtos, do apelo contínuo da marca em todo o mundo e de nossa estratégia de negócios e rede de revendedores” , disse o Presidente e CEO Stephan Winkelmann. “No início deste ano, anunciamos um roteiro robusto para a eletrificação de produtos fu

Motor 1.3 8v Firefly Flex da Stellantis fica mais fraco para atender padrões do Proconve L7

Imagem
Após apresentar o Pulse, a Fiat revelou que o motor 1.3 8v Firefly Flex vai perder potência para se enquadrar no Proconve L7, que entra em rigor a partir de 2022. O motor 1.3 8v é atualmente usado em outros modelos da Fiat, como Argo, Cronos e Strada, que também vão ficar um pouco mais fracos para 2022. De acordo com a Fiat, o motor vai passar de 109/101cv de potência com torque de 14,2/13,7kgfm para 107/98cv de potência e 13,7/13,2kgfm. Por enquanto, esse ajuste será necessário para os carros equipados com o câmbio manual de 5 marchas ou com câmbio automático CVT, ou seja, afeta até mesmo os modelos com câmbio manual já na virada do ano. No entanto, é válido lembrar que Argo, Cronos e Strada vão receber o câmbio automático até o ano que vem. O Pulse ainda será vendido com o inédito T200, o motor 1.0 12v Turbo 200 Flex desenvolve 130/125cv de potência (Etanol/Gasolina), com torque de 20,4kgfm com ambos os combustíveis, disponíveis a partir de 1.750rpm. O motor conta com um wastegate el

Kia Niro só deve chegar ao Brasil com nova geração; 2º geração já roda em testes finais

Imagem
A Kia parece ter perdido a janela de lançamento do Niro no mercado brasileiro. Apresentado em 2016 e com uma nova geração quase pronta rodando em testes na Coreia do Sul, o híbrido pode chegar em uma eventual segunda geração em nosso mercado. Apresentado no Salão do Automóvel de São Paulo de 2018 junto com o Stonic, que chega na rede de concessionárias da Kia no próximo mês, o Kia Niro terá uma nova geração dentro de alguns meses. Apesar do Stonic ser revelado globalmente em 2017 e estar sendo lançado só agora no Brasil, ainda não se tem informações de uma segunda geração do SUV compacto. Já o Niro poderia ter sido lançado no Brasil desde 2018 e a Kia resolveu postergar seu lançamento por questões cambiais – como se o Brasil fosse um paraíso fiscal onde sempre está estável. O Niro chegou até a ter registro do seu consumo de gasolina no InMetro. Concorrente do Toyota Corolla Cross, ele teria consumo de 16,8km/l na cidade e 17,1km/l na cidade, usando gasolina. O Niro conseguiu garantir a

Chevrolet Onix ainda tem complicações com a produção para atender a demanda do cliente

Imagem
Com a produção retomada em agosto, a fábrica de Gravataí (RS) retomou a fabricação do Onix e Onix Plus no mercado brasileiro. No entanto, os compactos ainda patinam nas vendas com esse retorno. Com cinco meses sem produção, a Chevrolet voltou com a fabricação apenas em turno único. De acordo com o levantamento feito com a rede de concessionárias da Chevrolet, o Onix ainda sofre com a baixa produção, principalmente das versões com câmbio automático, que são as opções que concentram o seu maior volume de vendas. O cliente interessado no hatch ainda não pode escolher o carro da maneira que deseja. As poucas unidades produzidas e enviadas para a rede de concessionárias são das versões de entrada, com câmbio manual e o consumidor pode escolher entre versões prontas, com cores já estabelecidas pela fábrica. "Se o cliente chega aqui hoje e quer escolher versão e determinada cor, eu não posso vender, a não ser que esteja no catálogo que a montadora já enviou e que será produzido. Não há g

Chery Arrizo 5 está "quase" fora de linha; marca nega o fim da produção do sedã compacto

Imagem
A Chery parece que vai dar um fim na produção do Arrizo 5. Figurativamente, porque as chances dela já ter dado são grandes. Com a produção encerrada há alguns meses, já não é mais possível encontrar unidades em concessionárias. De acordo com levantamento do site Autos Segredos , várias concessionárias já relataram a falta do sedã na rede e que não recebem uma unidade há alguns meses também. Em nota, a Chery confirmou que o carro segue em linha, mas não em produção. “A CAOA CHERY mantém a produção compartilhada dos veículos Arrizo 5 e Arrizo 6. A montadora esclarece que vem adequando a produção dos modelos na unidade fabril de acordo com a demanda do mercado. Por esse motivo, nos últimos meses, aumentou o volume produtivo do Arrizo 6, devido a uma maior procura dos clientes pelo modelo, seguindo uma tendência de consumo por sedans maiores, com alto nível tecnológico e design diferenciado” . No entanto, não há motivo aparente para deixar de produzir um carro numa fábrica que tem plenas c

Kia terá fábrica na Colômbia com produção em regime CKD para fazer Soluto, Sonet e Seltos

Imagem
A Kia confirmou que vai erguer uma fábrica na Colômbia, com produção em Cota, na província de Savanna, no departamento de Cundinamarca. O investimento para a fábrica será de US$ 4 milhões, de acordo com o governo colombiano. A informação foi revelada pelo Ministério do Comércio da Colômbia e essa fábrica vai gerar cerca de 120 empregos diretos, com capacidade de produzir apenas... 180 carros ao mês, mas com chances de aumentar a sua capacidade de acordo com a demanda. "Aqueles de vocês que pensaram que a indústria automotiva colombiana não vai bem, temos uma ótima notícia para vocês. A Kia terá uma fábrica de montagem de veículos na Colômbia. Exatamente como eles leem. E não falamos, não é especulação, muito menos 'fake news'" . É o que afirma a ministra do Ministério do Comércio, Indústria e Turismo, María Ximena Lombana Villalba. A informação foi revelada pela Agência BloombergLínea , que o projeto está em andamento e que vários detalhes vão ser definidos ainda. Atu

Tesla atinge marca de 2 milhões de unidades de elétricos vendidos, desde a sua inauguração

Imagem
A Tesla se tornou a primeira montadora de automóveis a chegar à marca de 2.000.000 de unidades de veículos produzidos. O carro de número 500.000 foi no 4º trimestre de 2018 e o primeiro milhão veio no 2º trimestre de 2020. No 3º trimestre de 2021, a marca chegou a 2 milhões de unidades produzidas. Líder global de carros elétricos, a Tesla vem acelerando a sua fabricação desde a inauguração da fábrica de Xangai, na China, no início do ano passado. Além da unidade de Xangai, a empresa está concluindo as fábricas de Berlim, na Alemanha, e de Austin, no Texas, Estados Unidos. Com essas duas novas fábricas, a empresa terá ainda mais capacidade produtiva, fazendo com que as demais marcas acelerem em seus processos de eletrificação. Agora, a meta da marca é começar a vender cerca de 1 milhão de unidades ao ano, meta que está próxima de conquistar antes mesmo de inaugurar as novas fábricas. Nos últimos 12 meses, a marca já vendeu mais de 800.000 unidades. O destaque fica por conta da dupla Mod

Por falta de chips, carros da Mercedes-Benz chegam ao Brasil mais simples e baratos

Imagem
A falta de semicondutores tem afetado a produção de várias marcas pelo mundo. E isso atingiu em cheio as marcas premium, que usam bastante semicondutores por serem carros com mais tecnologia. Para não parar a produção, a Mercedes-Benz retirou de série alguns itens de alguns dos seus carros e isso agora chega em novos lotes no Brasil. Modelos como CLA, GLA, GLC, GLC Coupé, GLE, GLE Coupé e GLS perderam alguns itens de série. Ao perder esses itens, eles ficaram mais em conta também. O CLA perde o Head-Up Display e passa a ter um preço de R$ 324.900, R$ 3.000 a menos que o preço de tabela. Já o GLA ficou R$ 3.000 mais em conta e passa a ser vendido por R$ 325.900, que perdeu a abertura das portas por aproximação e o carregador sem fio para smartphones. Em troca, ganhou iluminação ambiente da cabine. O GLC na versão Enduro, perdeu o sistema de som Burnmester, chave presencial e o carregador por indução. A versão Off-Road perdeu os dois últimos itens da versão Enduro. Com isso, o GLC Enduro

Mas de novo? NEVS, antiga Saab, pode ser colocada à venda pela Evergrande Group

Imagem
Nós não tínhamos notícias sobre o desenvolvimento dos novos carros da NEVS há mais de um ano. A marca estaria trabalhando nos primeiros automóveis após a aquisição do ferramental da Saab, que foi extinta. Com o endividamento da Evergrande Group na China, a NEVS foi colocada à venda na China e isso explica o motivo do desaparecimento da marca. Formada a partir da Saab, a National Electric Vehicle Sweden (NEVS), a Evergrande estuda a possibilidade de vender a marca, segundo a Agência Reuters. Segundo o Presidente da NEVS, Stefan Tilk, disse que já fez as primeiras conversas com interessados na marca, em busca de dar um destino para a marca e trazer dinheiro para a Evergrande com a venda. A marca poderia custar cerca de US$ 1 bilhão, o que já seria interessante para sanar algumas dívidas do grupo chinês. Alguns investidores demonstraram interesse na compra da marca sueca e as negociações tem sido realizadas com empresas dos Estados Unidos e Europa, ou seja, a empresa deixaria de ter capit

Fábrica da VW em São Bernardo do Campo vai aderir a layoff e terá só um turno em novembro

Imagem
A Volkswagen confirmou que a fábrica de São Bernardo do Campo (SP) vai trabalhar, a partir de de novembro, apenas em um turno. Com isso, a marca alemã confirmou que vai colocar os funcionários do segundo turno em lay-off, segundo informações do site Automotive Business. São cerca de 1.500 funcionários que voltam à linha de produção apenas dentro de dois a cinco meses (!). A informação foi confirmada pelo Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo do Campo, fazendo com que a produção de modelos como Saveiro, Polo, Virtus e Nivus sejam parcialmente realizada. O motivo dessa ação é a falta de componentes para a produção dos carros, que vem afetando em cheio a fabricação em várias partes do mundo, incluindo o Brasil. Só neste ano, a fábrica de São Bernardo do Campo já parou algumas vezes. Pelas nossas contas foram quatro paradas que foram avisadas por sindicatos, mas não se sabe se esse número foi maior. Já as demais fábricas da Volkswagen de Taubaté (SP) e de São José dos Pinhais (PR) vol

Maserati atrasa estreia do Grecale para segundo trimestre de 2022 por falta de chips

Imagem
Depois de ter sido confirmado que sua apresentação global seria no próximo dia 16 de novembro, a Maserati confirmou o adiamento da estreia do Grecale. O motivo do atraso da apresentação do SUV seria a falta de semicondutores e que “os problemas que causaram interrupções nas cadeias de abastecimento dos principais componentes necessários para concluir o processo de produção do carro. Em particular, devido à escassez de semicondutores, a quantidade de produção não nos permitiria responder adequadamente à demanda global esperada.” , disse a marca em comunicado. Assim, a Maserati adiou o seu lançamento e apresentação postergada até a primavera europeia do próximo ano de 2022, entre os meses de abril a junho, no segundo trimestre. Desenvolvido a partir da plataforma modular Giorgio, o modelo italiano já chega como substituto do Ghibli, que sai de cena em meados de 2024. O novo SUV da marca italiana deve ser menor que o Levante e deve concorrer com modelos como o Porsche Macan, Audi Q5, BMW

Postagens mais visitadas deste blog

Nova geração da Ford Ranger é vista novamente em flagrante que revela mais da dianteira

Jeep Compass possui fila de espera até 2022 pra algumas versões por falta de semicondutores

Sem nenhum emplacamento, Jeep Commander já possui longa fila de espera de até 6 meses

Peugeot inicia pré-produção do SUV cupê 4008 na Europa, na fábrica de Mulhouse, na França

Curiosidades: por que o disco de freio parece com ferrugem mesmo sendo novo?

Fiat Pulse Abarth está em desenvolvimento e será apresentado em 2022, de acordo revista

BYD também testa o D1 no Brasil, que pode ser o quinto lançamento da marca para 2022

Nova geração do BMW Série 3 chega em 2025, com opção de motor puramente elétrico

Jeep Renegade 2023 não vai ganhar novo painel, mas terá novo volante e cluster digital

Chevrolet Onix ainda tem complicações com a produção para atender a demanda do cliente