Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Berkeley

Depois de 60 anos, Berkeley confirma regresso com o Bandit, com carrocerias cupê e roadster

Imagem
Depois de passagem astronômica no Reino Unido, a Berkeley Cars quer retornar ao mercado automotivo. Depois de ser fundada em 1956 e falir prematuramente em 1960, a marca de pequenos conversíveis do Reino Unido quer voltar a produzir automóveis com o Bandit, apresentado primeiro com imagens computadorizadas. Depois de 60 anos fora do mercado, a marca revelou que o Bandit deve ser apresentado em 2021 como um conversível de dois lugares que será produzido na unidade de Old Warden Biggleswade, em Bedfordshire, Inglaterra. O modelo será revelado em abril do ano que vem e conta com um design que mescla o moderno com o retro. A Berkeley não apresentou muitas informações sobre o modelo, mas ele deve ser apresentado nas carrocerias cupê e roadster. O Bandit teve apenas duas unidades produzidas em 1961, quando a marca produziu as últimas unidades após ter sido decretada sua falência. É como continuar de onde parou. De acordo com a Berkeley, o novo Bandit foi desenvolvido sobre um chassi composto

Postagens mais visitadas deste blog

BYD comemora mês recorde de vendas no Brasil, graças ao resultado de vendas do T3

Retrômobilismo#80: Botinha ortopédica? Fiat Uno tem mais de 30 anos de boas histórias - Parte 02!

Fiat Pulse tem as primeiras imagens do seu interior revelado antes da sua estreia

Xpeng apresenta a reestilização do G3 na China, que recebe a nova identidade visual da chinesa

Mercedes-Benz revela as primeiras imagens teaser do EQE, que estreia no Salão de Munique

Chevrolet já vende a linha 2022 de Cruze e Cruze Sport6, que chega ao país por R$120.680

Toyota Aqua ganha segunda geração no Japão, que estreia com ótimo consumo de 35,8km/l

Toyota e Panasonic devem trabalhar para reduzir custo das baterias em joint-venture PPES

Jeep Commander já tem data de lançamento confirmada para o Brasil, segundo site

Novo Volkswagen Lamando é registrado em imagens de patentes, na China, com design polêmico