Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Smart

Smart apresenta o Concept #1 no Salão de Munique e antecipa o seu primeiro SUV

Imagem
Depois de muito tempo sem informações da marca, a Smart apresentou o primeiro conceito da sua virada. Agora sendo uma marca de propriedade da Daimler e Geely Group, sendo 50% da marca com cada uma, a Smart revelou as imagens do Concept #1, que antecipa o seu SUV compacto, que vai ser apresentado em uma versão de produção dentro de alguns meses. Desenvolvido a partir de uma plataforma modular inteligente, a SEA, o carro será o primeiro de uma série de carros compactos inteligentes que a Smart deve apresentar nos próximos anos. Visualmente, o carro conta com um design que mescla um pouco da Smart, mas diz muito mais sobre a Mercedes-Benz. Desenhado pelo Chefe de Design da Daimler, Gorden Wagener, isso pode explicar um pouco do parentesco com a marca alemã. O Concept #1 deve marcar a estreia de uma nova filosofia de design da marca, ele renova a tradição das linhas progressivas, com inovação, tecnologia e elétrico. Apesar de parecer bonito, o carro perdeu um pouco da essência de ser um Sm

Smart apresenta novas imagens teaser do seu primeiro utilitário esportivo, que será elétrico

Imagem
A Smart segue desenvolvendo o seu primeiro utilitário esportivo, que deve ser apresentado primeiro na China. O novo modelo deve ser criado a partir da nova plataforma modular SEA da Geely e teve mais uma imagem revelada. Desta vez, a Smart mostrou o carro visto de cima, que revela pouca coisa do então utilitário esportivo. Pela imagem, ele deve contar com uma boa dose de personalização, a começa pelo teto que deve contar com uma série de adesivos e terá opção de teto bicolor, sendo que o modelo possui carroceria na cor branca e teto num tom bronze e preto. A dianteira deve trazer faróis retangulares e a traseira possui lanternas finas e compridas, invadindo bem as laterais. O logotipo da Smart aparece por escrito na tampa do porta-malas. Pelas primeiras imagens, o carro deve ter maçanetas retráteis, teto solar panorâmico, formas fluídas e esculpidas, que devem ajudar a ter uma melhor performance, por ser elétrico. A Smart ainda confirmou que deve ter um sistema multimídia avançado com

Smart revela as primeiras imagens teaser do seu SUV, conhecido até então como eSUV

Imagem
A Smart acaba de revelar as primeiras imagens teaser do conceito do seu primeiro utilitário esportivo, que deve ser apresentado em meados de setembro deste ano. O SUV deve ser apresentado como um conceito bem avançado, mas logo em seguida deve ser apresentado em versão de produção. Conhecido internamente como eSUV, o carro deve ser apresentado no Salão do Automóvel de Munique, na Alemanha, no segundo semestre. Previsto para ser revelado em algum momento de 2022 em sua versão de produção, o primeiro utilitário esportivo da marca deve ser desenvolvido em conjunto entre a Daimler e a Geely Group. A marca ainda confirmou que ele será desenvolvido a partir da plataforma SEA, da Geely. Pelas primeiras imagens, o carro deve ter maçanetas retráteis, teto solar panorâmico, formas fluídas e esculpidas, que devem ajudar a ter uma melhor performance, por ser elétrico. A Smart ainda confirmou que deve ter um sistema multimídia avançado com reconhecimento de voz e integrado com uma série de serviços

Smart deve apresentar SUV compacto elétrico em setembro, ainda como conceito

Imagem
A Smart continuará o desenvolvimento do seu primeiro utilitário esportivo, que deve ser apresentado dentro de alguns meses na Europa e na China. Em fase avançada, o carro deve ser revelado antes do previsto, é possível que a marca antecipe a novidade, ainda como conceito, em meados de setembro. Até alguns meses, tinha-se a informação de que ele seria revelado até meados de 2025 e depois se disse que só conheceríamos o carro em 2022. Agora, o projeto terá seus primeiros detalhes já neste ano. A informação foi revelada por Danuel Lescow, Vice-Presidente de Vendas, Marketing e Pós-Venda da Smart. Concorrente do MINI Countryman, o modelo terá um tamanho de um SUV compacto e deverá ser baseado sobre a mesma plataforma SEA do Geely Group. Elétrico, ele deve ser produzido em uma das fábricas da Geely Group na China e é conhecido internamente como Projeto HX11. Ele deve ter um motor elétrico instalado na traseira que deve desenvolver cerca de 270cv de potência. As baterias devem ser de 70kWh,

Smart terá um SUV compacto elétrico em 2022; marca tem Peugeot e-2008 como rival

Imagem
Depois de confirmar que deve desenvolver um SUV compacto elétrico sobre a plataforma modular da Geely, a SEA, a Smart revelou mais algumas informações sobre o modelo. O maior Smart já desenvolvido deve ter um perfil mais de crossover que deve contar com um design atraente e aparência robusta. Segundo informações do Auto Express , o modelo da Smart será apresentado em 2022 e terá o mesmo porte de um Peugeot e-2008, ou seja, cerca de 4,30 metros de comprimento. Visualmente, o carro deve contar com uma aparência que deve ser próxima com a do ForFour, mas com carroceria mais anabolizada. O site ainda revela que o modelo deve ser bem reconhecível como um Smart, tanto externa como internamente. O modelo deve ser desenvolvido para o mercado chinês e europeu, onde a Geely deve desenvolver o carro para ter plenas capacidades de atingir cinco estrelas de proteção no EuroNCAP. O SUV da Smart ainda deve ser equipado com condução autônoma e uma bateria capaz de fornecer uma autonomia de 640km. A Da

Mercedes-Benz e Smart aumentam suas vendas de carros eletrificados em 2020 em 229%

Imagem
A Daimler comemorou o resultado de vendas de 2020, quando o assunto for os seus modelos eletrificados. Tanto a Mercedes-Benz como a Smart ajudaram a Daimler a triplicar a venda de modelos elétricos e híbridos. De acordo com os primeiros dados, os resultados mostram que a marca pode ter bons desempenhos comerciais no ano passado. Apesar das vendas gerais de Mercedes e Smart terem uma queda de 10,3% nas vendas comparados com 2019, o grupo fechou com 2.202.578 unidades vendidas globalmente. Desses, mais de 160 mil unidades foram de modelos elétricos e híbridos, o que representa 7,4% do volume de vendas. Isso indica que foram cerca de 162.990 unidades. O volume é cerca de três vezes superior ao resultado de 2019, com um aumento de 228,8%, quando 49.570 unidades eletrificadas foram vendidas. Na época, isso representava 2% do volume da Mercedes-Benz. O interessante é que a maioria do volume de 2020 foi de modelos híbridos, cerca de 87.000 unidades, que foi vendida durante o quarto trimestre

Smart confirma SUV compacto com plataforma da Geely, a SEA; estreia deve ocorrer em 2022

Imagem
A Smart confirmou o desenvolvimento de utilitário esportivo para os próximos anos. O SUV compacto da marca deve ser criado para ser um modelo puramente elétrico e deve ser desenvolvido em conjunto entre Daimler e Geely. Previsto para ser apresentado no ano que vem, o modelo deve ser o maior Smart em linha. De acordo com Daniel Lescow, Vice-Presidente de Vendas Globais da Smart, disse que o novo modelo será “o alfa da selva urbana”. Além da sede da Smart ser enviada para Hangzhou, na China, a marca francesa deve passar a produzir seus modelos elétricos na China, nas próximas gerações de ForTwo e ForFour. É de também que deve ser produzido o SUV compacto da marca. O modelo deve ser desenvolvido para o mercado chinês e europeu, onde a Geely deve desenvolver o carro para ter plenas capacidades de atingir cinco estrelas de proteção no EuroNCAP. O SUV da Smart ainda deve ser equipado com condução autônoma e uma bateria capaz de fornecer uma autonomia de 640km. A Daimler deve ficar encarregad

Jaguar, Volkswagen e Audi são as mais afetadas por falta de componentes para seus carros na Europa

Imagem
Na Europa, várias marcas tem sofrido com a produção dos seus carros com a falta de alguns componentes para a produção, algo que já tinha sido anunciado que seria possível. Há três marcas com alguns problemas de produção: Jaguar, Volkswagen e Audi. A inglesa parou a produção de XE e XF no Reino Unido. Segundo informações, a fábrica de Castle Bromwich está com falta de componentes. “Apesar da forte demanda da clientela, houve necessidade de alterações em nosso cronograma de produção na planta de Castle Bromwich. Estamos trabalhando junto ao fornecedor. Dentro em breve a interrupção se resolverá. Isso, por sua vez, visa minimizar o impacto nos pedidos dos clientes” , disse o comunicado da Jaguar, no Reino Unido. A produção da Jaguar já retomou, mas a marca ficou uma semana sem produzir a dupla de sedãs, mas que de acordo com o The Guardian não afetou apenas os sedãs. Apenas a produção do F-Type não teria sido afetada. No caso da Volkswagen, a produção envolve de componentes ligados a semi

Ineos deve produzir o Grenadier na França, ao lado do Smart ForTwo, que se mantém em linha

Imagem
A Ineos confirmou que deve produzir o Grenadier na fábrica que era da Smart em Hambach, na França. A marca inglesa confirmou que o jipe deve ser feito por lá, mas não será o único. A fábrica deve sim passar para a Ineos, mas a Smart deve continuar produzindo o ForTwo elétrico na unidade. Apesar da Smart estar indo para a China, onde terá um domínio compartilhado entre a Daimler e a Geely Group. A fábrica francesa possui 1.300 funcionários da Daimler, que ficarão em Hambach. “Hambach nos apresentou uma oportunidade única que simplesmente não podíamos ignorar: comprar uma fábrica automotiva moderna com uma força de trabalho de classe mundial” , disse Jim Ratchliffe, CEO da Ineos. Vale destacar que a produção do Grenadier seria compartilhada em duas fábricas. O início da produção seria um Portugal e depois seria enviado para ser finalizado no Reino Unido, o que aumentaria a logística e os custos de produção. Também recentemente, a Ineos terá uma opção de motorização ecológica, com a célul

Daimler deve investir pesado com 70 bilhões de euros entre 2021 a 2025 para modelos elétricos

Imagem
A Daimler confirmou um massivo investimento para os seus carros no futuro. Apostando alto em modelos elétricos, a Mercedes-Benz e a Smart devem receber novos modelos elétricos dentro de alguns anos. Entre 2021 a 2025, a Daimler confirmou um plano de negócios gigante que deve envolver 70 bilhões de euros. Segundo o grupo, o montante investido deve ser aplicado em Pesquisa & Desenvolvimento, atualização de fábricas e aquisição de equipamentos. A Daimler ainda confirmou que a missão também deve envolver a Daimler Truck, com os caminhões da Mercedes-Benz. “Nós queremos avançar de forma mais rápida nos campos da eletrificação e digitalização. Com este acordo, estamos cumprindo nossa responsabilidade compartilhada de moldar ativamente a transformação de nossa empresa. Melhorar nossa lucratividade e investimento direcionado no futuro da Daimler andam de mãos dadas.” , disse Ola Källenius, Presidente dos Conselhos Administrativos da Daimler AG e Mercedes-Benz AG. Isso indica que a marca de

Smart confirma que o SUV compacto será produzido na China e será apresentado em 2022

Imagem
A Smart segue desenvolvendo o seu futuro utilitário esportivo, que deve ser apresentado até 2022. O modelo deve ser fundamental para fazer com que a marca alavanque seus desempenhos comerciais. Com ações divididas em 50% entre a Daimler e a Geely, a Smart aproveitar-se da plataforma de qualquer um dos dois grupos. Tudo indicava que a Smart pudesse se aproveitar da plataforma CMA, a mesma usada pelo Volvo XC40, por exemplo. Essa hipótese foi descartada. A joint-venture entre as duas empresas devem juntar o desenvolvimento de 700 milhões de euros, que deve implicar numa série de decisões para a Smart. Além da sede da Smart ser enviada para Hangzhou, na China, a marca francesa deve passar a produzir seus modelos elétricos na China, nas próximas gerações de ForTwo e ForFour. É de também que deve ser produzido o SUV compacto da marca. As novas gerações dos subcompactos devem ser apresentados em 2022, em nível global. Estes novos modelos devem ser produzidos na China e serão desenvolvidos so

Daimler e CATL ampliam parceria para o desenvolvimento de uma bateria de 700km de autonomia

Imagem
A Daimler, responsável pela Mercedes-Benz e 50% da Smart, confirmou que deve ter uma aliança com a chinesa CATL, responsável pela produção de baterias para carros elétricos, para entregar uma bateria capaz de ter uma autonomia de 700km. De acordo com a CATL, essa parceria deve incluir o fornecimento de células e sistemas completos de baterias, com combinação de desenvolvimentos e pesquisa entre as duas empresas. "Pretendemos liderar as tecnologias de bateria, por isso agora estamos combinando nosso conhecimento em pesquisa e desenvolvimento com parceiros ousados" , disse a Daimler em comunicado oficial. A parceria entre as empresas ainda deve ser a responsável pelo desenvolvimento dos novos carros elétricos da Mercedes-Benz. Os alemães esperam ter carros elétricos que se aproximem de modelos a combustão, principalmente relativo à sua autonomia. Também em comunicado, a CATL confirmou que deve utilizar eletricidade de fontes renováveis, tais como eólica, hidrelétrica e solar pa

Daimler deve vender fábrica da Smart em Hambach; Ineos é uma das candidatas interessadas

Imagem
A venda de 50% da Smart para a Geely Group abriu uma brecha para a Daimler poder vender a fábrica da França, na cidade de Hambach. A unidade é responsável pela produção de toda a linha de modelos elétricos da Smart. A unidade foi inaugurada em 1997 e possui 1.600 funcionários. Desde então sempre produziu os carros da Smart e atualmente é responsável pela produção dos modelos ForTwo e ForFour. Com uma nova geração desses modelos, eles passam a ser produzidos na China. Vale destacar que a fábrica passou por um processo de ampliação e modernização em 2018, quando a Daimler investiu o montante de 500 milhões de euros. De acordo com a Mercedes-Benz, “melhorar de forma sustentável sua estrutura de custos e se tornar significativamente mais eficiente” . Isso tem muito a ver com a venda de metade da Smart para a Geely, no ano passado. De acordo com o Membro do Conselho da Daimler, Markus Schäfer, disse: “Um objetivo importante para nós é garantir o futuro do local. Outra condição: os atuai

Smart pode se beneficiar da tecnologia, plataforma e motores elétricos da Volvo, diz executivo

Imagem
A Smart, desde que começou a fazer parte do Grupo Geely e do Grupo Daimler, sendo dividida igualmente em 50% cada para cada grupo, pode se tornar um importante elo entre os dois grupos e já recebeu 700 milhões de euros em investimentos. A sede da marca ainda deve ser transferida para a cidade de Hangzhou, na China. O futuro da marca em muito depende dos chineses e a Smart deve seguir o mesmo caminho que a Volvo percorreu – e que foi bastante satisfatório, diga-se de passagem. Maior mercado automotivo do mundo, a China é um dos principais mercados mundiais quando o assunto são carros elétricos, papel que a Smart deve passou a usar nos últimos anos. Como uma marca 100% elétrica, a Smart vê na China tudo que é necessário para alcançar o sucesso comercial. Além de um utilitário esportivos compacto que deve ser desenvolvido para ser lançado em algum momento de 2022, a Smart deve ganhar muito com o know-how elétrico da Volvo. “Tínhamos um produto bem-sucedido e os clientes gostavam muito e t

Executivo da Mercedes fala que Smart deve apresentar em 2022 o seu utilitário esportivo compacto

Imagem
A Smart passou recentemente a ser uma marca compartilhada entre Mercedes-Benz (Daimler) e Geely Group, dividas em 50%. Com isso, a marca deve receber o investimento de 38 milhões de dólares para desenvolver novos produtos para a marca. Desenvolvendo apenas modelos elétricos, a marca de compactos deve desenvolver um utilitário esportivo compacto que deve remontar um passado que quase contou com um carro batizado de ForMore (foto acima). "Foi um produto de sucesso em termos de agradar aos clientes e mudar para uma marca exclusiva de veículos elétricos foi um passo corajoso, mas, no final, perdemos a oportunidade de torná-lo bem-sucedido comercialmente. Precisamos aumentar o volume. Com os volumes atuais, não temos escala e precisamos ser competitivos em um mundo onde um volume maior - especialmente neste segmento - é extremamente importante." , disse Markus Schäfer, Chefe de Desenvolvimento da Mercedes, ao Autocar . Esse novo modelo deve ser apresentado em algum momento de 2022

Mercedes-Benz e Geely investem 1,6 bilhão em Smart; marca terá renovação e expansão da linha

Imagem
Depois de correr o risco de ser descontinuada, a Smart deve ganhar um pesado investimento para voltar o desenvolvimento de novas gerações e ampliar seu lineup. A Smart passou a ser uma marca da Daimler e da Geely, tendo 50% da empresa cada. Agora, o anúncio de investimento de 2,7 bilhões de yuans (cerca de US$38 milhões ou R$1,6 bilhão) foi feito para reerguer a marca francesa. A ideia é transformar a Smart em uma marca elétrica de subcompactos. Em suas últimas mudanças, ForTwo e ForFour aceitaram de vez a eletrificação ao abandonarem os motores a combustão. Além do desenvolvimento de novas gerações de ForTwo, ForTwo Cabrio e ForFour, a Smart deve receber um SUV. O desenvolvimento desse novo modelo deve ser tocado pela Geely, enquanto a Daimler deve focar na supervisão do desenvolvimento do carro. É esperado que os carros da Smart compartilham componentes com os carros da Geely. Com essa expansão comercial, a Smart enfim pode crescer. Com um SUV compacto com cerca de 4 metros de co

Smart não nega a possibilidade em se inspirar na primeira geração do MINI para os futuros ForTwo e ForFour

Imagem
A Smart confirmou que pode acabar se inspirando na MINI para desenvolver a nova geração dos seus carros elétricos. Recentemente os modelos da marca francesa foram reestilizados e passaram a adotar exclusivamente o motor elétrico. Com a compra da meta da Smart pela Geely, isso deve tornar interessante o modo de como deve ser desenvolvida as novas gerações da dupla ForTwo e ForFour. De acordo com Gordon Wagener, Chefe de Design da Mercedes-Benz, confirmou em entrevista que os modelos podem se inspirar na primeira geração dos MINI. “O ponto fundamental é que a sensualidade vende, e neste sentido busco inspiração nos primeiros MINI. Houve uma simplicidade, uma voluptuosidade que lhes deu um atrativo único, e o desafio é obter esse tipo de formas sem que o automóvel cresça muito ou que pareça muito pesado” , destacou Wagener. Apesar de estar previsto para 2022, as novas gerações já começaram a ser desenvolvidas pela marca francesa, juntamente com os novos acionistas da China. “Estamos n

Daimler confirma fim do desenvolvimento de motores a combustão para Mercedes-Benz e Smart

Imagem
A Daimler, dona da Mercedes-Benz e da Smart, veio a público confirmar que não deve mais desenvolver motores a combustão. O desenvolvimento de novos motores a combustão foi interrompido por tempo indeterminado e o grupo alemão passa a focar diretamente no desenvolvimento de motores elétricos. A informação foi revelada por Markus Schaefer, Chefe de Desenvolvimento da Daimler, em entrevista à revista alemã Auto Motor und Sport . “A Daimler está lançando sua nova geração de motores a combustão em vários modelos, como um novo motor de seis cilindros em linha para os Classe E e Classe S, além de seus SUVs - esta geração pode ser a última” , disse Schaefer em entrevista. Os planos para o futuro do grupo ainda não tem nada sobre o desenvolvimento de novos motores a combustão, embora diga que isso pode mudar com o tempo. No momento, o foco da Daimler é desenvolver motorizações elétricas e deixar o desenvolvimento de motores a gasolina e a diesel de lado. A Daimler confirmou que o foco das m

Puramente elétrico, Smart apresenta ForFour reestilizado no Salão do Automóvel de Frankfurt

Imagem
A Smart apresentou no Salão do Automóvel de Frankfurt a primeira mudança visual da segunda geração do ForFour. O subcompacto, que passou a ser vendido exclusivamente com motor elétrico no ano passado, passa por mudanças visuais que os deixam de acordo com a nova identidade visual da marca, antecipada por conceitos nos últimos meses. O ForFour passa a ser vendido com mudanças na dianteira, como a grade dianteira que perde o logotipo da Smart. Agora, a inscrição da marca está escrita no capô e não mais representada pelo logo. A grade dianteira ainda fica mais baixa, uma vez que ele perde a necessidade de maiores entradas de ar por ser um elétrico. Os faróis de neblina foram reposicionados e subiram, ficando no meio do para-choque dianteiro, nas extremidades. Na traseira, o hatch passa a conta com um novo layout das suas lanternas, que traz um desenho mais chamativo, dividida em quatro setores. Visto mais de lateral, as lanternas parecem ser de 3D. O para-choque traseiro também foi mo

Smart apresenta oficialmente o ForTwo e ForTwo Cabrio reestilizados no Salão de Frankfurt

Imagem
A Smart apresentou no Salão do Automóvel de Frankfurt a primeira mudança visual da dupla ForTwo e ForTwo Cabrio. Os subcompactos, que passaram a ser vendidos exclusivamente com motores elétricos no ano passado, passam por mudanças visuais que os deixam de acordo com a nova identidade visual da marca, antecipada por conceitos nos últimos meses. A dupla composta pelo ForTwo passa a ser vendida com mudanças na dianteira, como a grade dianteira que perde o logotipo da Smart. Agora, a inscrição da marca está escrita no capô e não mais representada pelo logo. A grade dianteira ainda fica mais baixa, uma vez que ele perde a necessidade de maiores entradas de ar por ser um elétrico. Os faróis de neblina foram reposicionados e subiram, ficando no meio do para-choque dianteiro, nas extremidades. Na traseira, o ForTwo passa a conta com um novo layout das suas lanternas, que traz um desenho mais chamativo, dividida em quatro setores. Visto mais de lateral, as lanternas parecem ser de 3D. O par

Postagens mais visitadas deste blog

Chevrolet Blazer de sete lugares é registrado na Argentina; SUV já foi cotado para o Brasil

Subaru apresenta a nova geração do WRX, que estreia com motor 2.4 Boxer de 275cv

Curiosidades: por que o disco de freio parece com ferrugem mesmo sendo novo?

Chery antecipa lançamento do Arrizo 6 Plus para outubro e ganha primeiro teaser

Ford Bronco Raptor pode acabar usando o motor 3.0 V6 EcoBoost de 406cv de potência

Jeep Compass possui fila de espera até 2022 pra algumas versões por falta de semicondutores

Novo Opel Astra elétrico será apresentado em 2023, com o mesmo motor do Corsa-e

Volkswagen confirma chegada da atualização remota OTA para ID.3 e ID.4 na Europa

BMW quebra recorde histórico de vendas no Brasil em agosto, com 1.517 unidades vendidas

Primeira Quinzena de setembro de 2021: Chevrolet Onix é 8º e VW T-Cross acelera para ser 4º