Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Mercedes-Benz Group

Nissan deixa de produzir componentes para Mercedes-Benz e Renault em duas fábricas

Imagem
A Aliança entre Renault-Nissan-Mitsubishi parece estar bem desgastada. Recentemente, a Nissan confirmou que vai deixar de produzir componentes para a Renault e para a Mercedes-Benz. De acordo com a Nissan, a japonesa confirmou que vai deixar de produzir cabeçotes para a Renault na Europa a partir de 2024. Essa fábrica produz componentes na unidade de Sunderland, na Inglaterra. “A partir do começo de 2024, a planta da Nissan vai interromper a produção de cabeçotes. A expectativa é a de não realizar demissões e estamos trabalhando para realocar os funcionários em outras áreas” , disse a fabricante. Além disso, a Nissan produz motores para a Renault numa linha de montagem de 250 funcionários. “Após realizar um estudo de viabilidade econômica relacionado aos fornecedores de cabeçotes, o Grupo Renault encontrou outro fornecedor que começará a trabalhar conosco a partir de 2024” , afirmou um porta-voz da marca francesa. Além de Sunderland, a Nissan deixará de produzir motores para a Mercedes

Stellantis vai transformar fábrica de Termoli, na Itália, em fábrica de baterias com a ACC

Imagem
A Stellantis confirmou que vai transformar a sua fábrica de Termoli, na Itália, em uma grande fábrica de baterias para os modelos da Stellantis. Por lá, serão produzidas baterias em parceria com a Automotive Cells Company (ACC), em joint-venture, entre a Stellantis e a TotalEnergies/Saft, como parte do investimento da Stellantis em baterias para equipar seus veículos. Até 2030, a fábrica estima produzir cerca de 120GWh, ampliando o desenvolvimento e produção de baterias de última geração. Essas baterias da ACC serão desenvolvidas em parceria com a Mercedes-Benz. O acordo entre as empresas foi firmado em setembro do ano passado. Cada uma das três empresas (Stellantis, Mercedes-Benz Group e TotalEnergies) terá 33% das ações e a transação ainda depende de aprovações de cada grupo. O deve investir 1,2 bilhão de euros no empreendimento, passando de 48GWh para 120GWh até 2030. Ainda não se tem informações de quanto que deve ser investido por cada marca, mas o investimento total será de 7 bil

Mercedes-Benz vai criar bateria de estado sólido em 2025 e executivos dão mais detalhes

Imagem
A Mercedes-Benz confirmou que vai desenvolver baterias de estado sólido. A informação já era sabida desde o anúncio da parceria com a Mercedes-Benz Group e a ProLogium Technology, anunciado no mês de janeiro. A bateria de estado sólido que os carros da marca alemã terão contará com eletrólitos cerâmicos. "As células ProLogium têm algumas das melhores soluções técnicas que já vi nessa indústria, a bateria é segura, tem ótimo desempenho, alta potência de carregamento e boa construção. Tudo sem sacrificar a densidade energética e com um preço competitivo. Na minha opinião, é a melhor bateria de estado sólido para uso automotivo." , disse Martin Eberhard, co-fundador da Tesla. A Mercedes-Benz ainda confirmou que a nova bateria estará disponível em seus carros a partir de 2025. "As vantagens do eletrólito cerâmico em vez do líquido são óbvias ter acesso a essas tecnologias nos permitirá, no futuro, oferecer aos nossos clientes carros com melhores características" , desta

Agora é oficial! Daimler muda para Mercedes-Benz Group e Daimler ganha nova direção

Imagem
A Mercedes-Benz Group confirmou o fim da Daimler, com a troca de nomes do grupo. Desde o dia 1º de fevereiro, o nome Daimler passa a ter uma nova função: gerenciar outros setores da Mercedes-Benz, como a divisão de caminhões, que será separada dos automóveis e vai ser batizada de Daimler Truck. Com isso, o grupo ganha uma divisão que vai ajudar os dois grupos a trabalharem de maneira mais independente, apesar de ainda serem Mercedes-Benz. “A renomeação para Mercedes-Benz Group AG reforça o nosso foco estratégico. Ao fazê-lo, queremos deixar claro onde vemos o núcleo da nossa empresa - construir os automóveis mais desejáveis do mundo. A estrela da Mercedes-Benz sempre foi uma promessa para o futuro: mudar o presente para melhor. Queremos continuar esse legado de nossos fundadores, assumindo a liderança em mobilidade elétrica e softwares para veículos” , disse Presidente do Conselho de Administração do Mercedes-Benz Group AG, Ola Källenius. A Daimler Group fica como responsável pelas div

Mercedes-Benz confirma parceria com a ProLogium para ter baterias de estado sólido

Imagem
A Mercedes-Benz oficializou uma nova parceria para o seu futuro. Desta vez, a marca alemã confirmou uma parceria com a ProLogium, líder do desenvolvimento de baterias de estado sólido. O acordo foi assinado para ambas terem uma cooperação tecnológica para desenvolver células de baterias de próxima geração. Acredita-se que os primeiros veículos de teste da Mercedes-Benz equipados com baterias de estado sólido co-desenvolvidas com a ProLogium sejam produzidos nos próximos anos. As empresas também concordaram com ações que permitirão a integração da tecnologia de baterias de estado sólido em uma série de veículos de passageiros na segunda metade da década. Com a estima de investimentos em áreas como Pesquisa & Desenvolvimento, junto com o know-how da ProLogium, a Mercedes-Benz quer manter seu papel como líder em tecnologia de baterias e terá uma participação no conselho de administração da ProLogium. O investimento da Mercedes-Benz será utilizado para apoiar o desenvolvimento da tecno

Mercedes-Benz fecha parceria com Luminar para criar tecnologias e condução autônoma

Imagem
A Mercedes-Benz fechou uma parceria com a Luminar Technologies, uma empresa que é líder de desenvolvimento de tecnologias automotivas a nível global. A parceria vai fazer com que os alemães da Mercedes-Benz possam desenvolver a sua tecnologia de condução autônoma de modo mais acelerado. A parceria ainda visa alavancar a tecnologia LiDAR, que é fundamental para a Luminar quanto ao desenvolvimento da tecnologia. Com isso, a Mercedes-Benz quer que os seus futuros carros autônomos sejam equipados com a máxima tecnologia que a Luminar pode oferecer. “A Luminar é o complemento perfeito para nossa lista existente de cooperações de primeira classe com empresas líderes e de tecnologia de ponta. A conquista da Mercedes-Benz no Nível 3 já marcou um grande marco para a condução automatizada e estou absolutamente convencido de que as parcerias aumentarão nosso nível de ambição para o que é possível no futuro. A cooperação é uma parte essencial da estratégia da Mercedes-Benz. Portanto, estou muito s

Mercedes-Benz vai produzir seus próprios motores elétricos a partir de 2024, diz executivo

Imagem
A Mercedes-Benz confirmou que vai desenvolver os seus próprios motores elétricos dentro de alguns anos. A empresa alemã vem trabalhando para pôr em prática uma eletrificação mais massiva e a produção dos seus próprios motores faz parte deste plano e dá independência de fornecedores externos. De acordo com informações, isso será possível em meados de 2024 e o mesmo deve seguir com as baterias, que será tocado por meio de joint-ventures que a Mercedes-Benz já possui e que vá fazer futuramente. A informação foi confirmada por Markus Shafer, Diretor de Desenvolvimento, que confirmou que essa seria a estratégia do grupo, em entrevista à revista alemã Automobilwoche . De acordo com informações ditas pelo executivo, os motores elétricos criados pela Mercedes-Benz podem ser desenvolvidos externamente em parceria, como com a ZF e Valeo. Esses motores estão em desenvolvimento para carros criados a partir da nova plataforma MMA, que será usada em carros de porte médio, assim como carros com plata

Daimler vai encerrar parceria com a Renault-Nissan-Mitsubishi com a sua venda das ações

Imagem
Estremecida depois do atrito com as picapes médias como Mercedes-Benz Classe X, Nissan Frontier e Renault Alaskan, a parceria entre Daimler e a Renault-Nissan-Mitsubishi vai caminhar para o fim. Com isso, o projeto desenvolvido em conjunto entre os alemães e o nipo-franceses foi as novas gerações de Renault Kangoo e Mercedes-Benz Citan, que contou com a estreia da Nissan Townstar. A parceria ainda contou com o desenvolvimento em parceria de motores com a gama de motores 1.3 12v TCe Turbo a gasolina, que hoje equipa Mercedes-Benz Classe A Sedan, Mercedes-Benz GLA, Mercedes-Benz GLB e Renault Captur no Brasil. Em outras regiões, esse motor equipa os compactos da Mercedes-Benz. Segundo informações do site Automotive News Europe , a Daimler vai negociar a sua participação na Renault-Nissan-Mitsubishi, que pode ser vendido por 9,2 milhões de ações por 316 milhões de euros (quase R$ 2 bilhões na conversão direta). Com a venda destas ações, a Daimler deixa de ter um vínculo com o grupo. Em ma

Divisão da Daimler é aprovada por acionistas em Mercedes-Benz Group e Daimler Trucks

Imagem
Os acionistas da Daimler chegaram a um ponto de aprovação para a separação do Grupo Daimler, separando os caminhões e ônibus dos automóveis. A votação teve 99,9% dos votos, o que deve fazer com que exista a Daimler Truck e Mercedes-Benz Group. O mesmo acontece, por exemplo, com a Volvo, que conta com duas divisões separadas. “Até agora, tivemos que nos orientar para a rota seguida por nossos colegas de carro. No futuro, podemos planejar nossa própria rota e escolher o caminho ideal para nós” , destacou Martin Daum, CEO da Daimler Trucks. Além dos automóveis, a Mercedes-Benz Group vai contar com a subdivisão Mercedes-Benz Vans, que conta com os modelos Citan, Vito e Sprinter. Já a divisão de pesados de caminhões e ônibus não terá em nada a ver com a divisão de automóveis e vans. “Mercedes-Benz Cars & Vans e Daimler Trucks & Buses são empresas diferentes com grupos de clientes específicos, caminhos de tecnologia e necessidades de capital. Ambas as empresas atuam em setores que es

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat Egea é o nome oficial do sedã médio da Fiat que deve ser apresentado oficialmente e pode chegar ao Brasil!

GWM revela imagens e informações do nosso Haval H6, que estreia em breve no Brasil

Nova geração do Dacia Duster continua na Renault como 'linha Adventure' na Austrália

Nissan convoca recall da Frontier 2023, com defeito na fixação do freio traseiro

Prevista para 2023, a nova geração do BMW i8 pode ser totalmente elétrica

BMW revela detalhes da sua bateria cilíndrica, que estará nos carros com base Neue Klasse

Peugeot revela teaser de novidades elétricos em evento na Europa, o 'E-Lion Day'

Ford quer fazer com que seus carros elétricos sejam mais competitivos nos Estados Unidos

Mazda já desenvolve uma nova geração do MX-5, que estreia até o fim do ano que vem

Nem elétrico e muito menos um SUV: Bugatti confirma que não terá nenhum em dez anos