Postagens

Mostrando postagens com o rótulo TAC

TAC vira CAB e deve produzir Stark em Santa Maria (DF) em fábrica de R$200 milhões

Imagem
Apresentada em 2005, a TAC surgiu com uma proposta de fabricante do jipe Stark a ser produzido em Santa Catarina. O modelo no entanto não conseguiu ser produzido no estado. A fábrica acabou indo para o Ceará em 2012 e desde então também não se teve mais notícias da TAC. A marca tinha decidido se mudar para lá pela menor carga tributária e a proximidade com a Troller, seu maior concorrente. Até o momento, a marca não vingou também. Foram produzidas 100 unidades em Santa Catarina e 150 unidades no Ceará, o que antes era previsto produzir cerca de 3 mil unidades anuais. A marca teria uma dívida de R$11,5 milhões com os acionistas de Santa Catarina, contraída do fundo de desenvolvimento local, o SCPar. Atualmente com 90 acionistas, a TAC fala em renegociar a dívida em Santa Catarina e deve mudar de estado novamente depois do Ceará não cumprir com o investimento que tinha confirmado quando a empresa saiu de Santa Catarina. A chamada fábrica deve ser erguida no Distrito Federal, na cidad

Jipes mais vendidos do Brasil em 2018: Suzuki Jimny é líder e TAC Stark retorna ao mercado

Imagem
Um dos segmentos mais velhos do Brasil e um segmento de carros raiz, o Suzuki Jimny liderou o mercado com uma vantagem maior para o Troller T4. O pequeno valente japonês, prestes a ganhar uma nova geração e produzido no Catalão (GO), viu suas vendas aumentarem ao mesmo tempo que o Troller T4 perdeu mercado no ano passado. Também prestes a ganhar uma nova geração, o Jeep Wrangler conseguiu o último lugar do pódio, enquanto a TAC enfim voltou a produzir o Stark no país, sob encomenda, e pretende aumentar suas redes de concessionárias ao longo de 2019, a fim de fazer com que o nacional repita o mesmo sucesso do Troller e se estabelecer no mercado. Lançado esse ano, a nova geração do Mercedes-Benz Classe G voltou a emplacar depois de passar 2017 em branco. Esperando uma nova geração que vem ao Brasil só em 2020, o Land Rover Defender foi a lanterna.  1º Suzuki Jimny Vendas 2017: 2.033 2018: 2.208 Variação: + 8,61% Participação no Segmento: 58,42% 2º Troller T4 V

TAC confirma que quase toda produção do Stark para 2018 já está vendida

Imagem
Fora do mercado desde 2014, a TAC voltou forte em 2018. Ao apresentar o Stark Black Cover, a marca brasileira confirmou que todas as 100 unidades que serão produzidas em 2018 já foram vendidas. Vale destacar que de 2009 a 2014 foram vendidas apenas 217 unidades do jipe catarinense. "Já tivemos mais de 100 encomendas para 2018, que já está praticamente todo vendido. Queremos aumentar mais esse número, já que a capacidade de produção da nossa fábrica é de 1.000 carros por ano" , afirmou Neimar Braga, presidente da TAC. Com um investimento de R$150 milhões nos próximos quatro anos, a TAC pretende produzir cerca de 1.000 unidades por ano, quase o mesmo número da rival Troller. Com isso, a marca desenvolve as versões Flex e automática do Stark, que devem surgir dentro de quatro anos. Segundo a TAC, o Stark deve continuar sendo vendido sob encomenda. A marca brasileira quer aumentar sua produção gradativamente e deve atender as regiões Sudeste, Sul, Centro-Oeste, Norte e Nordes

TAC Stark retorna ao mercado renovado e com mais investimentos por R$115.000

Imagem
A TAC retomou as suas atividades no mercado brasileiro. Depois de ficar em standby, a empresa transferiu sua produção para Sobral (CE). A empresa até tentou uma parceria com a Zotye, mas a chinesa nunca chegou ao Brasil. O Stark volta a ser oferecido em versão única, a Black Cover, e traz algumas novidades em relação ao modelo anterior. Com um investimento de R$150 milhões nos próximos quatro anos, a TAC pretende produzir cerca de 1.000 unidades por ano, quase o mesmo número da rival Troller. Com isso, a marca desenvolve as versões Flex e automática do Stark, que devem surgir dentro de quatro anos. O Stark segue o mesmo carro de sempre, visualmente falando. Montado sobre chassi, ele continua com a leve carroceria com estrutura metálica que forma a célula de sobrevivência, revestimentos plásticos e fibra de vidro. Toda a suspensão do Stark possui amortecedores duplos e pneus voltados para o offroad, com rodas que variam do aro 15 ao 17. O jipe possui bons ângulos de entrada e saída

Zotye volta a oferecer o TAC Stark, que é vendido sob encomenda por R$89.900 no mercado brasileiro

Imagem
A Zotye fez com que a TAC Motors voltasse a oferecer o Stark no mercado brasileiro. Projeto 100% nacional, a TAC foi comprada pela Zotye na semana passada e a marca de origem chinesa já voltou a oferecer o Stark por encomenda por R$89.900. O preço se torna até mais atraente pelo simples motivo que com a Zotye, o Stark ficou R$8.880 mais em conta. Além disso, pesa a favor do Stark o rival mais próximo sai por R$110.900, que é o Troller T4, que briga pela liderança do segmento com o Suzuki Jimny unidade a unidade. Apresentado pela primeira vez no Salão do Automóvel de São Paulo de 2008, o projeto nunca foi adiante e as vendas iniciais não foram animadoras. O jipe conta com motor 2.3 Diesel da FTP que desenvolve 127cv de potência e 30,6kgfm de torque, acoplado a um câmbio manual de 5 marchas. A tração é integral e conta com bloqueio de diferencial do eixo traseiro, além de suspensão independente. Entre os itens de série, o TAC Stark oferece direção hidráulica, ar-condicionado, vidros,

Zotye compra TAC e confirma intenção de expandir negócios da marca brasileira e fala em inédita picape

Imagem
A Zotye confirmou a compra da marca brasileira TAC e não deve matá-la como se esperava. A marca cearense deve ganhar uma expansão e deve chegar até outros países, pela primeira vez. Principal rival da Troller, a TAC foi comprada por R$190 milhões e passa a fazer parte das operações da Zotye. A intenção da Zotye é aproveitar a fábrica de Sobral (CE) a manter a produção do Stark. Ao lado do Stark será produzido o Zotye Hunter, que deve dividir a fabricação. O Hunter deve ser o primeiro automóvel chinês com tração 4x4. Por conta da aquisição, a homologação dos carros da empresa foi prorrogada até o primeiro semestre de 2016. No caso do jipe Stark, a Zotye pretende exporta-lo para os Emirados Árabes Unidos e África, bem como lançar uma versão Flex com preço mais atrativo que a atual versão diesel e, futuramente, uma picape 4x4 derivada do projeto brasileiro. A Zotye cogita enviar o utilitário para mercados da América Latina onde a Zotye já vende seus automóveis. Assim, a TAC ganharia pr

Zotye pode entrar em parceria com a brasileira TAC para produzir o Hunter, na mesma fábrica do Stark!

Imagem
A marca brasileira TAC, pode reverter seu cenário de "crise" após parar a fabricação do jipe devido a falta de verba, pode voltar a vender o jipe com o dinheiro da chinesa Zotye. Isso porque ambas podem estar abrindo um amplo acordo comercial. A Zotye, que deve chegar ao Brasil ainda nesse ano, vê a parceria com a TAC a possibilidade de acelerar o início da produção do SUV Compacto Hunter no Brasil. Localizada no Ceará, a fábrica da TAC pode ser usada pelo Hunter, onde a marca brasileira deve receber dinheiro para fabricar no local e voltar a produzir o jipe cearense mais uma vez. Além disso, o Stark, poderia ganhar âmbito em outros países da América Latina, uma vez que a Zotye seria sua parceira. Isso aumentaria as vendas do jipe, que atualmente é vendido sob encomenda. O novo grupo, que assumirá a administração da TAC já adiantou que reformulará sua estratégia comercial e lançará novos modelos derivados do Stark, inclusive com as inéditas opções de câmbio automático e mo

TAC Stark começa as vendas em Junho. Modelo está em homologação para o Proconve P-7

Imagem
A TAC enfim deve fazer sua estreia. O modelo e a marca devem chegar em Junho. O Stark está em homologação para o novo Diesel brasileiro, o S-50 e para isso, a marca deve se adequar as novas regras propostas pelo Proconve P-7. O preço já está confirmado, a partir de R$98.780, e com um motor 2.7 Diesel que rende 127CV. Seu maior rival é o T4, da Troller, mas o Stark também irá concorrer com o Wrangler da Jeep. Assim como a Troller, a TAC é uma marca 100% Brasileira e torcemos para que a TAC também possa vender modelos de passeio, pois o último "100% brasileiro" foi os modelos da Gurgel, que nos deixaram em 1993.

TAC sai de SC e vai para o Ceará. Vendas começam em Julho

Imagem
Depois de tanta espera, a brasileira TAC deve começar a operar em Julho. Agora montado no Ceará, o Stark é o segundo jipe nacional em linha, já que o Troller T4 foi o primeiro. A expectativa de vendas do modelo é de cerca 60 unidades ao mês. A marca saiu de Joinville (SC) para ir para o Ceará. Suas vendas começam em Julho. O modelo terá motor 2.3 de origem Fiat, que rende 127CV. O preço deve se manter o mesmo, que parte dos R$98.780.

Porque as vendas do TAC Stark não começam?

Imagem
Até agora as vendas do Stark não constam na Fenabrave. O que será que está acontecendo? A fábrica que fica em Santa Catarina. não iniciaram, mais aí surgiram boatos que a fábrica iria para o nordeste, mas ainda não é certo. Acho que as vendas do jipe brasileiro devem começar logo, mas só no fim do ano. Se algo mais grava acontecer, o jipe nem irá para as ruas.

Veja as marcas que mais abriram concessionárias em um ano

Imagem
Este é um especial, pois fazia tempo em que não faziamos outro. Mas este é diferente pois tem uma só parte. Com a chegada de várias marcas como JAC e Lifan não contam, pois tem menos de um ano de mercado. Veja abaixo as que mais abriram e as que fecharam as portas em umas cidades. As marcas que não estiveram aqui ou fecharam algumas concessionárias ou não abriu nenhuma. Veja a tabela Marca Abril de 2010 Abril de 2011 Diferença 1º   Chery 30 Concessionárias 73 Concessionárias 43 2º   Chevrolet 559 Concessionárias 600 Concessionárias 42 3º   Effa 50 Concessionárias 75 Concessionárias 25 4º   Suzuki 23 Concessionárias 47 Concessionárias 24 5º   Renault 153 Concessionárias 174 Concessionárias 21 6º   Kia 125 Concessionárias 143 Concessionárias 18 7º   Honda 158 Concessionárias 174 Concessionárias 16 8º   Nissan 84 Concessionárias 100 Concessionárias 16 9º   Ssangyong 25 Concessionárias 41 Concessionárias 16 10º Chana 20 Concessionárias 35 Concessionárias 15 11º Hyundai 16

Quantos carros importados e nacionais estrearam no ano de 2010 - Parte 3

Imagem
PRIMEIRA POSTAGEM DE 2011! Olá! É hoje que apresentamos, a Parte 3 do "Quantos carros importados e nacionais estrearam no ano de 2010", e aqui está. Aproveite e amanhã apresentaremos só os importados mas o título é o mesmo ok? Veja então aqui a Parte 3. RENAULT Novo Sandero GT Line A versão esportiva do Sandero, nem eram pra estar aqui, já que o Sandero foi lançado em 2007, mas só para não deixar a Renault sem nenhum lançamento. Preço: R$42.590 Pré-Venda do Novo Fluence O substituto do sedã Mégane, que tem uma ótima relação custo-benefício, é um sedã que suas vendas vão começar em Fevereiro deste ano. Preço: R$59.990 TAC Novo Stark O jipe brasileiro que é Catarinense, já tem 12 concessionárias no Brasil, o Stark é robusto e valente, ótimo para fazer trilhas. Preço: R$98.780 TOYOTA Novo RAV4 4X2 O utilitário que baixou R$15.000 mil, já tem suas venda maiores desde de seu lançamento da versão 4X2 que ficou mais competitivo no preço.

Postagens mais visitadas deste blog

Chevrolet Tracker PcD volta a ser vendido em breve, mas com mudanças de conteúdo

Fiat Toro recebe motor 1.3 Turbo em todas versões e catálogo vaza antes da estreia

Curiosidades: por que o disco de freio parece com ferrugem mesmo sendo novo?

Reestilização do Volkswagen Jetta chega até 2022, com o inédito motor 1.5 TSI

Tesla revela nova informação sobre design da Cybertruck, que estreia no fim do ano

Volkswagen não vê chances em desenvolver modelos com a tecnologia do hidrogênio

GMA apresenta o T.50S Niki Lauda, que traz melhorias no motor e apenas 25 unidades

Volkswagen deve receber pedidos pelo up! até final de abril e produção vai até fim de maio

Mercedes-Benz apresenta a nova geração da Classe C Estate, que estreia na Europa

Mercedes-Benz apresenta a nova geração do Classe C, que adere aos motores híbridos