Postagens

Mostrando postagens com o rótulo SUV's Coupé

Peugeot 4008, na verdade, pode ser batizado de 408 Cross e é visto em testes com motor PHEV

Imagem
A Peugeot segue o desenvolvimento do seu novo crossover, que era chamado até o momento de 4008. Na verdade, o modelo não deve fazer parte da família ‘00’ de SUVs da marca para receber um batismo com zero único. De acordo com informações, o modelo deve ser chamado de 408 Cross e foi flagrado rodando em testes com opção de motor eletrificado. Desenvolvido a partir da plataforma modular EMP2, o 408 Cross nasce diretamente do design e mecânica do novo 308. Visualmente, a novidade contará com luzes diurnas em LED que imitam as presas de um leão. A grade dianteira traz detalhes cromados pontilhados e com o novo logotipo em destaque, e, acima do centro da grade terá o nome do carro. Os faróis são finos e conectados com a grade dianteira e aderem à tecnologia LED Matrix. No para-choque, ele possui uma entrada de ar inferior e uma pequena entrada de ar nas extremidades do para-choque dianteiro. O capô possui linhas aerodinâmicas, mas que não são tão ousadas assim, possui poucos vincos. Nas late

Volkswagen reajusta os preços de Nivus, T-Cross e Taos no Brasil em até R$ 2.050

Imagem
A Volkswagen está reajustando os preços de todos os seus utilitários esportivos no mercado brasileiro. Nivus, T-Cross e Taos passam a ser vendidos com preços maiores. No caso do Nivus, os preços aumentaram entre R$ 1.200 a R$ 1.350, respectivamente nas versões Comfortline e Highline, fazendo com que ele parta de R$ 119.550 e chegue aos R$ 136.270. No caso do T-Cross, o carro mais vendido da marca atualmente, o SUV compacto teve seus preços reajustados em R$ 1.100 a R$ 1.580. Com isso, os preços que partiam de R$ 109.590 agora já começam em R$ 110.690. Na versão Highline, a única com o motor 1.4 TSI, passa a ser vendida por R$ 159.930! Essa também foi a versão que mais encareceu neste novo reajuste da marca. Por fim, o Taos, também vendido em duas versões assim como o Nivus, recebeu os maiores ajustes. De acordo com a tabela da Volkswagen, ele passa a ser vendido com preços a partir de R$ 177.460 na versão Comfortline, aumento de R$ 1.760. Já o Highline passa a ser vendido por R$ 206.95

Site confirma a escolha da Fiat para o nome do SUV oriundo do Projeto 376: Fastback

Imagem
O nome Fastback será o batismo do SUV compacto cupê da Fiat. O modelo usará o mesmo nome do conceito apresentado em 2018, durante o Salão do Automóvel de São Paulo. Na época, o SUV era baseado na Toro, mas mesmo assim antecipa muita coisa sobre o futuro lançamento da marca. Além do nome, o design pode beber na mesma fonte de inspiração, principalmente na traseira. Ele seré vendido nas versões Drive, Audace e Impetus terão motor 1.0 12v Firefly Turbo Flex (T200). O motor em questão será o 1.0 12v T200 Flex desenvolve 130/125cv de potência (Etanol/Gasolina), com torque de 20,4kgfm com ambos os combustíveis, aliado a um câmbio automático CVT que simula 7 marchas. Já a versão Imperius será a topo de linha, equipada com motor 1.3 16v Firefly Turbo Flex, que desenvolve 185/180cv de potência com torque de 27,5kgfm, acoplado a um câmbio automático de 6 marchas e tração dianteira. As informações são do site Autos Segredos. Conhecido internamente como Projeto 376, ele será desenvolvido sobre a m

Fiat Fastback é confirmado com motor 1.3 Turbo, que fará companhia com motor 1.0 Turbo

Imagem
A Fiat já estreou em fase final do desenvolvimento do Fastback e as primeiras unidade Verifica Processo (VP), estão em produção com motor 1.3 16v Firefly Turbo Flex (T270). O flagra foi confirmado pelo site Autos Segredos, com um papel indicando que o modelo está em testes com esse motor, em companhia com o motor 1.0 12v Firefly Turbo Flex (T200). O motor em questão será o 1.0 12v T200 Flex desenvolve 130/125cv de potência (Etanol/Gasolina), com torque de 20,4kgfm com ambos os combustíveis, aliado a um câmbio automático CVT que simula 7 marchas. O outro é o motor 1.3 16v Firefly Turbo Flex, que desenvolve 185/180cv de potência com torque de 27,5kgfm, acoplado a um câmbio automático de 6 marchas e tração dianteira. No caso do Fastback, o SUV terá o motor de 185cv na versão topo de linha, a Impetus. Conhecido internamente como Projeto 376, ele será desenvolvido sobre a mesma base MLA do irmão menor, Pulse. No entanto, esperava-se que ele fosse desenvolvido com uma relação entre-eixos mai

BMW lança a 1º série especial do X6, a Vermilion Black Edition, que chega por R$ 729.950

Imagem
A BMW lança uma nova série especial do X6 no Brasil, chamada de Black Vermilion Edition. A série será limitada em 30 unidades, todas com pintura Frozen Black e grade dianteira pintada na cor vermelha com iluminação noturna. Produzido na unidade de Spartanburg, nos Estados Unidos, ela é baseada na versão xDrive40i. Entre as novidades estão as rodas de 22 polegadas e design exclusivo, pinças de freio na cor vermelha, badge alusivo à versão no console central e bancos de couro preto com costuras também vermelhas. O motor é o mesmo 3.0 TwinPower Turbo de seis cilindros em linha que desenvolve 340cv de potência e 45,8kgfm de torque, com câmbio automático de 8 marchas. Com esse conjunto ele acelera de 0 a 100km/h em 5,5 segundos, com velocidade máxima de 250km/h. Com tração integral, a BMW confirmou que otimizou o funcionamento da suspensão para deixar o X6 mais dinâmico e ágil. De série, o X6 Vermilion Black é equipado com Intelligent Personal Assistant, Driving Assistant Professional, BMW

Avatr apresenta o 11 de produção na China, para o Salão de Pequim, com motor de 586cv

Imagem
A Avatr apresentou oficialmente a versão de produção do 11, um SUV médio cupê de linhas bem futuristas. O modelo foi apresentado com o nome 011 MMW, por ter sido projetado em colaboração com Matthew M. Williams, designer da Givenchy, uma marca de moda de luxo com sede na França e o modelo será vendido como uma série especial de 500 unidades. Voltamos ao 11, que nasce na Avatr, que é uma marca da Changan e a Huawei e conta com uma joint-venture com a Changan com a CATL, joint-venture essa que é chamada de Changan Nio New Energy Automotive Technology, que também foi criada porque a Changan e a Nio que fundaram a joint-venture. Visualmente, o carro mescla um pouco de futurismo com retro. Na dianteira, o carro conta com faróis dianteiros em dois andares, sendo que a marca superior e inferior possuem LEDs, que parecem ser LEDs diurnos. A parte inferior dos faróis ainda se conecta com os faróis de neblina e o para-choque dianteiro tem linhas bem lisas. O para-choque dianteiro ainda possui um

Volkswagen Nivus e T-Cross são vendidos com condições especiais de financiamento em maio

Imagem
A Volkswagen confirmou que venderá Nivus e T-Cross no Brasil com condições especiais de financiamento até o fim deste mês de maio. Os SUVs serão vendidos com taxa zero e algumas versões estarão disponíveis a pronta entrega. Durante a promoção, o Nivus será vendido com condições especiais nas versões Comfortline e Highline. A dupla poderá ser vendida com uma entrada de 50% e saldo em 18 parcelas, com taxa zero de juros. No caso do T-Cross, a Volkswagen deve oferecer condições especiais para as versões Sense, 200TSI e Highline, que vão ser vendidos com uma entrada de 50% e saldo em 18 parcelas, sem juros. A versão Comfortline será vendida com entrada de 50% e saldo em 18 ou 24 parcelas. De acordo com a Volkswagen, apesar de ter taxa zero de juros, os modelos não serão negociados com o valor de tabela. Com todo o gasto necessário para elaborar o financiamento, um T-Cross Sense, por exemplo, tabela em R$ 110.690, será financiado por R$ 112.855,72, um valor que não chega a ser muito acima d

Aston Martin confirma que quer vender 10.000 unidades ao ano até 2025 e ser rentável

Imagem
Mais ativa nos últimos anos e com a estreia de novidades, a Aston Martin quer voltar a ser lucrativa e expandir seus mercados e crescer no mercado. De acordo com informações, a marca quer aumentar suas vendas apostando em novos modelos e também na personalização dos seus carros. De acordo com Lawrence Stroll, Presidente da Aston Martin, a marca tem um plano de aproximar sua gestão ao o que a Ferrari tem feito ultimamente. Tendo a Mercedes-Benz como braço direito, a Aston Martin trabalha na sua eletrificação e recentemente confirmou que quer vender apenas elétricos a partir de 2030. Tobias Moers, CEO da Alfa Romeo, será encarregado de aumentar a lucratividade da marca. “Quando entrei, a empresa era dominada pela fabricação em vez de liderada pela engenharia, o que para um negócio de luxo automotivo é insano. Em uma empresa desse porte, você precisa do máximo de flexibilidade e agilidade.” , destacou Moers em entrevista para a Agência Reuters. Desde a chegada do executivo na marca ingles

Buscando neutralização do carbono, Audi vai usar vidro reciclado no Q4 e-tron futuramente

Imagem
A Audi confirmou que participa de um projeto piloto para colocar nas janelas dos seus carros, uma tecnologia de reciclagem de vidro. Esse projeto deve ajudar a marca a economizar toneladas de CO2 na produção dos carros. O projeto leva em conta primeiro a produção do Q4 e-tron, que será o primeiro a receber os vidros reciclados. A Audi terá uma parceria com indústrias com a Reiling Glas Recycling, Saint-Gobain Glass e Saint-Gobain Sekurit, em um projeto que ainda é piloto e que vai determinar o uso e viabilidade do vidro nas janelas. “Nosso objetivo é usar materiais secundários em todos os lugares em que for tecnicamente possível e economicamente razoável fazê-lo. Estamos trabalhando na introdução de materiais aos quais temos acesso direto em circuitos fechados. Até agora, por exemplo, vidros de carros antigos não estão sendo usados para produzir novos vidros de carros. Queremos mudar isso.” , disse Marco Philippi, Chefe de Estratégia de Compras. A reciclagem de vidro danificado signifi

Nio comemora a marca de 200.000 unidades produzidas em quatro anos de fundação

Imagem
A Nio está comemorando a marca de 200.000 unidades produzidas na unidade de Centro de Manufatura Avançada JAC-Nio em Hefei, na China. Em menos de quatro anos, a marca chegou a 200.000 unidades vendidas, após iniciar a produção em maio de 2018. A marca dos 200.000 modelos fabricados aconteceu no mês passado, com uma unidade do ET7. A marca vem crescendo rápido. Em maio do ano passado, a Nio tinha atingido a marca de 100.000 unidades, ou seja, menos de um ano depois chegou a 200 mil unidades. Atualmente a Nio produz cinco modelos: ET5, ET7, EC6, ES6 e ES8. Até o final de 2022, a Nio confirmou que terá 100 novas concessionárias em todo o mundo e outros 50 Centros de Serviços da Nio, para a troca de baterias. A Nio aumentará seu investimento no desenvolvimento de recursos full-stack e tecnologias internas. Espera-se que o investimento em P&D em 2022 mais que dobre ano a ano, com a equipe de Pesquisa & Desenvolvimento, crescendo para 9.000 pessoas até o final do ano. Enquanto isso,

Primeiro Land Rover elétrico pode ser a terceira geração do Range Rover Evoque, em 2024

Imagem
A Land Rover confirmou que a nova geração do Range Rover Evoque deve acontecer em meados de 2024, poderá ser o seu primeiro carro elétrico. Apesar de oferecer uma opção de motor elétrico, o SUV ainda pode manter as opções de motor a gasolina/híbridas, mas existe a chance da marca começar o seu processo total de eletrificação. Um dos motivos dessa hipótese é que, de acordo com informações, ele será desenvolvido a partir da plataforma EMA (Electrified Modular Architecture), sendo uma plataforma (quase que) específica para modelos elétricos (ela pode ser base para modelos híbridos plug-in). Essa plataforma nasce com uma arquitetura eletrônica de 800V, que terá uma recarga rápida das baterias. Rumores ainda indicam que esse novo Range Rover Evoque tenha baterias da Envision AESC, que terá uma fábrica no Reino Unido, em Sunderland. Segundo a marca, as baterias terão uma eficiência que vai permitir que se tenha um consumo de 6,4km/kWh a 7,2km/kWh, ou seja, baterias de 75kWh poderiam oferecer

Renault desenvolve uma versão cupê do Captur, que aparece em meados de 2024 na Europa

Imagem
Depois das primeiras imagens de um SUV cupê da Renault ter vazado no manual de instruções da Dacia Jogger na França ( veja aqui ), a Renault segue o desenvolvimento do novo modelo. A Renault está em processo de reorganização do seu lineup de modelos na Europa. O Austral é o substituto do Kadjar, enquanto a marca trabalha no ‘Captur Coupé’, como está sendo chamado provisoriamente esse novo modelo. Essa reestilização aparece em 2023 e o novo modelo será apresentado em 2024 na Europa, depois da reestilização do Captur. Conhecido internamente como Projeto DJB, o novo modelo será baseado na plataforma CMF-B e contará com até 4,40 metros de comprimento. A novidade será disposta no segmento de compactos, fazendo a ponte entre o Captur e o Austral. É cotado ainda que esse modelo possa ser o substituto do Mégane (de quarta geração) e até mesmo do Arkana. O Mégane E-Tech Electric, apresentado em 2021, será o único modelo da gama Mégane. Já o Arkana seria substituído precocemente, visto que foi a

Fiat Fastback será adiado para o segundo semestre por conta da falta de semicondutores

Imagem
A crise dos semicondutores começou em 2020, durante a pandemia e já alterou o calendário de uma série de marcas. E a Fiat não está imune. De acordo com informações do site Motor1 Brasil, a chegada do Fastback, que era esperada para meados deste semestre, deve atrasar e ficar apenas para o segundo semestre. Ficando acima do Pulse, o Fastback é conhecido internamente como Projeto 376 e será desenvolvido sobre a mesma base MLA do irmão menor. No entanto, esperava-se que ele fosse desenvolvido com uma relação entre-eixos maior que os 2,532 metros do Pulse. De acordo com informações do Autos Segredos, a diferença entre os eixos dos dois modelos é exatamente a mesma, o que vai deixar o Fastback distante de modelos como Volkswagen T-Cross e Hyundai Creta, por exemplo, ambos com mais de 2,60 metros. Vale destacar que, uma maior relação entre os eixos, garante um maior espaço interno para os ocupantes do banco traseiro. Se ele não deve trazer um espaço traseiro tão bom, o porta-malas deve ser m

Volkswagen interrompe produção em São Bernardo do Campo duas vezes em dois meses

Imagem
A Volkswagen tem vivido um inferno na terra com suas fábricas no Brasil. A falta de componentes tem feito a Volkswagen estar ‘capenga’ no mercado, sem conseguir produtos, tanto no Brasil como na Argentina. Isso tem afetado a produção em unidades como General Pacheco, na Argentina, Taubaté (SP), São José dos Pinhais (PR) e a mais prejudicada: São Bernardo do Campo (SP), responsável pela produção de Saveiro, Polo, Virtus e Nivus. A produção da unidade em São Bernardo do Campo ficou paralisada entre os dias 18 a 25 de abril e voltará a ficar paralisada entre os dias 9 a 28 de maio. O motivo de todas essas paradas é a falta de semicondutores para a produção, mas há ainda a falta de pneus em alguns casos. Cerca de 3 mil funcionários pararam entre os dias 18 a 25 de abril, ficando dentro do banco de horas previsto no acordo coletivo entre os funcionários e a Volkswagen. Cerca de 1.000 colaboradores continuaram na unidade para efetuar reparos na linha durante a parada. No dia 25 de abril, a u

Recorde: Volvo comemora marca de 500 unidades vendidas de elétricos apenas em 2022

Imagem
A Volvo está comemorando a marca de 500 elétricos vendidos apenas em 2022. Isso torna a Volvo a marca que mais vendeu elétricos em apenas um ano no país, superando os resultados da Nissan de 2021. Vendendo XC40 e C40, a Volvo vem apostando cada vez mais em modelos elétricos e em breve apresenta o substituto do XC90, o Embla. “Para a Volvo é mais uma grande conquista, estamos transformando a indústria no Brasil. Bater o recorde de vendas apenas no quarto mês do ano significa muito para nós que sempre acreditamos na eletrificação e temos feito um trabalho contínuo para a expansão, investindo não somente em novos modelos, mas também em infraestrutura no país” , celebra João Oliveira, Diretor Geral de Operações e Inovação da Volvo Car Brasil. O primeiro elétrico da Volvo foi lançado em setembro de 2021 e hoje a Volvo lançou o C40 no primeiro trimestre deste ano. Os dois modelos são os dois mais vendidos elétricos no país. Desde que lançou seu primeiro veículo 100% elétrico, a Volvo tem se

Lamborghini Urus reestilizado pode ter versão Tecnica ou Performante com motor híbrido

Imagem
A Lamborghini deve apresentar ainda em 2022 a reestilização do Urus, que será apresentado com as primeiras mudanças desde a sua estreia. Visualmente, as mudanças não deve ser muitas, mas vão deixar o Urus parecido com o Huracán Tecnica, apresentada há alguns dias. O motivo do ‘parentesco visual’ é um acabamento que liga as entradas de ar inferiores com os faróis, com uma entrada de ar vertical. Visualmente, o Urus vai ganhar novas entradas de ar, além de vir com um capô ventilado. Nas laterais, as mudanças ficam por conta das novas rodas, enquanto os para-lamas também serão redesenhados. Na traseira, a mudança ficará apenas por conta de um novo para-choque traseiro e possivelmente um novo (e discreto) aerofólio traseiro. O para-choque traseiro ainda deve ser redesenhado, com novas saídas de ar nas extremidades e novos difusores de ar. No interior, o Urus Evo 2023 vai receber ajustes, provavelmente na central multimídia, que deve ganhar novos recursos. É esperado ainda bancos dianteiros

Surgem novas informações sobre o Opel Manta-e, que pode ter autonomia de até 700km

Imagem
A Opel confirmou o investimento em tornar-se uma marca de elétricos dentro dos próximos anos e o retorno do nome Manta é uma das apostas. O Manta retorna apenas com motor elétrico e será chamado de Manta-e, sendo um crossover nessa nova geração. Desenvolvido sobre uma base STLA da Stellantis (muito provavelmente seja a base STLA Medium), o Manta será um “carro altamente emocional” que oferecerá aceleração rápida devido ao trem de força elétrico. De acordo com a Opel, o Manta será uma “nova interpretação fascinante e surpreendentemente espaçosa” . Aparecendo quase como uma ‘Astra Cross’, o Manta será apresentado com a atual identidade visual da Opel, em 2025, e terá a produção (muito provavelmente) na unidade de Melfi, na Itália. De acordo com o site CarScoops , o crossover deve ser equipado com baterias que variam de 87kWh a 104kWh, podendo ter uma autonomia de 500km até 700km. Na mecânica, é esperado que ele seja equipado com um motor elétrico que varia de 170cv a 245cv com tração di

Berlim: Tesla já produz ritmo de 350 unidades por semana e vai aumentar para 1.000 semanais

Imagem
A Tesla confirmou que a fábrica de elétricos que a marca inaugurou recentemente em Berlim, na Alemanha, já está avançando em termos de quantidade de modelos produzidos ao dia. De acordo com as primeiras informações, a Tesla está querendo atingir em poucas a marca de produzir cerca de 1.000 unidades do Model Y por semana, mas deve aumentar esses números para 5.000 a 10.000 unidades até o final de 2022. Atualmente, a Tesla tem produzido cerca de 350 unidades por semana do crossover elétrico. Inaugurada em março, a fábrica ainda está nos seus primeiros meses funcionando, com a produção pegando ritmo. Para 2022, é estimado que a Tesla produza cerca de 30.000 unidades, de acordo com informações que foram apuradas pelo site Automobilwoche. Até o final de maio, a Tesla quer passar das 350 para 1.000 unidades semanais, diminuindo a dependência do modelo que é produzido na China. Por lá, a unidade contará com cerca de 12.000 trabalhadores, que vão exportar o Model Y para toda a Europa. A fábric

Postagens mais visitadas deste blog

Chery desenvolve a chegada do eQ1 ao mercado brasileiro, candidato a elétrico mais barato

Renault vai trazer 1º lote de 500 unidades do Kwid E-Tech Electric a partir de agosto

Volvo abre pré-venda do novo XC40 Recharge Electric P6, com motor de 231cv, por R$ 309.950

Surgem projeções de como pode ficar o Renault 'StepWay', que estreia no Brasil em 2023

Volkswagen desenvolve um Polo Hybrid com motor eTSI, que chega na reestilização

Com fechamento da fábrica, Chery Tiggo 3X sai de linha e Arrizo 6 virá importado da China

Site confirma a escolha da Fiat para o nome do SUV oriundo do Projeto 376: Fastback

Jeep confirma o lançamento da Gladiator para breve no Brasil; picape terá motor 3.6 V6

Chery fecha fábrica de Jacareí (SP) até 2025, quando retoma produzindo híbridos e elétricos

Porsche Panamera receberá nova geração em 2023 e central antecipa desenho do carro