Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Renault

Renault inicia exportação da Oroch reestilizada para a Argentina em duas versões e 4x4

Imagem
A Renault confirmou a chegada da reeestilização da Oroch na Argentina. A picape passa a ser vendida no país vizinho com o novo motor 1.3 12v TCe Flex e com opção de tração 4x4 – inexistente no Brasil. A picape será exportada com motor 1.6 16v SCe a gasolina e com o motor 1.3 12v TCe a gasolina. Todas as versões com motor 1.6 terão câmbio manual e as versões turbo só terão câmbio CVT. Com isso, ela terá os motores 1.6 16v SCe de 114cv de potência com torque de 16,5kgfm e câmbio manual de 6 marchas e o 1.3 12v TCe Flex desenvolve 163cv e 27,5kgfm, associado a um novo câmbio automático CVT X-TRONIC, que simula 8 marchas. A versão é sempre dianteira, mas a 1.3 topo de linha ainda terá opção de tração 4x4. Essa opção de tração é vendida em mercados como Argentina, Chile e Uruguai. Visualmente, a picape contará com uma nova grade dianteira, que fica maior. Ele possui o logotipo ao centro e tem três barras horizontais interrompidas pelo logo. O para-choque dianteiro traz um novo desenho que t

Renault lança Sandero StepWay com motor 1.0 12v SCe, que chega ao país por R$ 77.990

Imagem
A Renault apresentou no mercado brasileiro a chegada de uma nova versão para o Sandero StepWay, com motor 1.0 12v SCe Flex. A principal novidade é que a Sandero StepWay recebeu o motor 1.0 12v Flex que desenvolve 82/79cv de potência e torque de 10,5/10,2kgfm, com câmbio manual de 5 marchas. O consumo é de 13km/l na cidade e 13,7km/l na estrada. Já com etanol, tanto o consumo urbano como o rodoviário é de 9,3km/l. Visualmente, o StepWay não muda. Ele conta com para-choque dianteiro mais robusto, faróis de neblina com moldura cromada e ski frontal na cor prata, bem como a assinatura luminosa com luzes diurnas de LED no formato de ‘C’, ao redor dos faróis, e a grade com detalhes cromados, que traz elegância ao conjunto. Nas laterais, o hatch possui alargadores de para-lamas e as barras de teto, características da versão, bem como a identificação StepWay na porta. As rodas de aço, de 15 polegadas, trazem calotas na cor prata. As lanternas traseiras escurecidas em LED e o robusto para-choqu

Renault voltará a ter um sedã compacto aventureiro com o Taliant X, com motor híbrido

Imagem
Depois de alguns flagrantes estranhos de um modelo três-volumes com uma suspensão elevada na Europa, eis que surgem novos rumores que começam a apontar para que a Renault prepara uma versão off-road do Taliant, sedã compacto substituto do Logan e Symbol em alguns mercados. De acordo com informações do site Auto-Moto, a marca francesa prepara a chegada de um Taliant X, que será uma versão aventureira que vai mudar a dianteira do sedã e que vai fazer com que ele vire um crossover com caimento mais cupê. Inclusive, a dianteira do sedã deve se aproximar muito do nosso futuro SUV subcompacto que a Renault prepara lançar no Brasil e que em mercados como a Turquia, terá o modelo em sua versão sedã/crossover. Visualmente ele vai se diferenciar pelos faróis divididos em dois andares, sendo a parte superior conectada com a grade dianteira, com o novo logotipo da Renault. Os faróis principais ficarão em posição intermediária em um acabamento em plástico preto, com uma nova entrada de ar inferior

Renault lança promoção pro Kwid com desconto de R$ 3.600 até fim do mês na versão Zen

Imagem
A Renault vai vender até o final deste mês o Kwid com condições especiais de compra. O hatch subcompacto será vendido com descontos nos seus preços. A promoção é válida para a opção Zen, de entrada. Essa será vendida com descontos de R$ 3.600 sobre o preço de tabela. Isso vai fazer com que o hatch seja vendido por R$ 62.990 nessa versão, ante os R$ 66.590 de tabela. De série, a versão mais simples do Kwid é equipado com 4 airbags (2 frontais e 2 laterais), controle eletrônico de estabilidade (ESP), assistente de partida em rampa (HSA), alerta visual e sonoro de não utilização do cinto de segurança de todos os ocupantes, sistema Start & Stop, sistema de monitoramento da pressão dos pneus (TPMS), luzes de circulação diurna (DRL) em LED, painel de instrumentos com mostradores em LED, indicador de temperatura externa, computador de bordo, tacômetro, direção elétrica, ar-condicionado, rádio Continental 2DIN (Bluetooth, USB, AUX) com dois alto-falantes, travas elétricas das portas e vidr

SUV subcompacto da Renault é testado com mula do Dacia Sandero StepWay no Brasil

Imagem
A Renault segue testando o seu novo SUV subcompacto, que ficará abaixo do Duster no mercado brasileiro. Concorrente do Fiat Pulse, o novo modelo será feito a partir da plataforma CMF-B. Aqui, ele tem usado o Dacia Sandero StepWay de terceira geração como sua mula de testes. Isso porque o modelo será basicamente o Dacia Sandero, com um novo design dianteira, traseira e o interior. A mula de testes foi flagrada rodando em testes em Curitiba (PR), pela página TSWGarage. Previsto para ser lançado em 2023, o SUV terá cerca de 4,00 a 4,10 metros de comprimento, ele é uma das apostas para nosso mercado em 2023. Baseado no Dacia Sandero de terceira geração, o que explica o motivo dele estar em testes justamente na Romênia, seu design dianteiro e traseiro será diferente. Pela dianteira, ele deve se destacar por contar com faróis divididos em dois andares. Na parte superior, parece contar com luzes diurnas em LED, com os faróis principais logo abaixo. A dianteira ainda ostenta o logotipo da Rena

Renault já testa o Arkana E-Tech Hybrid no Brasil, que será lançado aqui no ano que vem

Imagem
Parece que a Renault finalmente começar a acordar no mercado brasileiro depois de alguns meses adormecida. Em termos de carros inéditos, a última novidade da marca foi o Zoe, lançado em 2018. Agora, o Arkana já está rodando em testes no Brasil, como flagrou o site Autos Segredos . O SUV médio virá importado numa faixa de preços de R$ 180.000 a R$ 210.000, sendo o primeiro híbrido francês a rodar no país. Ele chega para concorrer com Toyota Corolla Cross e Kia Niro. O modelo foi avistado rodando em testes em Curitiba (PR) e será lançado em nosso mercado em 2023. O motor híbrido é formado pelo motor 1.6 16v SCe de quatro cilindros que se unem a dois motores elétricos, cada um de 69cv e 20,9kgfm. Com isso, o motor entrega 160cv de potência e 20,9kgfm. De acordo com a Renault, ele consegue rodar 50km no modo elétrico a velocidade máxima de 135km/h no ciclo misto. A bateria do SUV compacto é de 9,8kWh, formando um conjunto HEV. O câmbio é um automatizado EDC de dupla embreagem e 7 marchas.

Porto de Santos comemora quebra de recorde na chegada de carros elétricos no país

Imagem
O Porto de Santos quebrou o recorde de recebimento de unidades de carros elétricos no mercado brasileiro. De acordo com informações, o porto recebeu 324 unidades de elétricos em apenas um dia, no dia 2 de agosto. A confirmação do porto foi com o recebimento de unidades do Renault Kwid E-Tech Electric, que desembarcaram do navio Grande Sapphire. Para o início de setembro, o porto recebeu um novo recorde de vendas, com o navio Taipan. Foram as demais 430 unidades do Kwid E-Tech Electric, que quase fecham o primeiro lote de 750 unidades que a Renault começou a vender em abril deste ano. Só pelo Porto de Santos, cerca de 4.000 unidades de elétricos já desembarcaram no local. "Até agora, a chegada de carros elétricos se dava de modo mais esporádico, nunca em grandes lotes, mas acreditamos que esta seja a tendência daqui pra frente" , disse Danilo Ramos, diretor Comercial de Operações Portuárias da Santos Brasil. O Porto de Santos recentemente recebeu dois carregadores para carros

Renault Captur pode sair de linha em breve por falta de peças que vinham da Rússia

Imagem
A Renault sofre em conseguir produzir o Captur no Brasil. Isso porque o nosso modelo tinha peças importadas do modelo russo, conhecido como Kaptur. Diferente do modelo europeu, o nosso SUV compacto é mais comprido. Como o nosso Captur é próximo do Kaptur russo, há componentes que chegavam importados ao nosso mercado, o que impossibilita que a Renault consiga produzir novas unidades sem esses componentes. Desde o início deste ano, a produção está suspensa por falta da guerra entre Rússia e Ucrânia. De acordo com o site Mobiauto , um levantamento foi feito e a marca francesa já retirou o Captur do catálogo de venda direta, o que pode ser uma atitude de momento, favorecendo os interessados de vendas de varejo. Ao mesmo tempo, isso pode indicar um fim de linha prematuro do SUV, o que não pode ser descartado. O site ainda destaca que a Renault ainda cogita nacionalizar a produção dos componentes que vinham importados, mas isso exigiria um custo e o Captur não é um modelo bom de loja, sendo

Renault reajusta os preços do Kwid no Brasil, que começa a partir de R$ 65.790

Imagem
A Renault reajustou os preços do Kwid no mercado brasileiro. O hatch compacto passa a ser vendido com preços entre R$ 1.100 a R$ 1.600 mais caros que anteriormente. Os preços passaram de R$ 64.690 para R$ 65.790 na versão Zen, aumento de R$ 1.100. Já a versão Intense viu seus preços chegarem de R$ 66.990 para R$ 68.590, aumento de R$ 1.600. Já a versão topo de linha Outsider aumentou R$ 1.500, passando de R$ 70.490 para R$ 71.990. O Kwid é desenvolvido sobre a plataforma modular CMF-A, o hatch ainda possui 3,680 metros de comprimento, 2,423 metros entre os eixos, 1,579 metro de largura e 1,479 metro de altura, tendo um porta-malas de 290 litros de capacidade. O hatch pesa só 820kg. O motor também traz algumas novidades. Não chega a ser o mesmo motor 1.0 12v SCe do Sandero, mas passou de 70/66cv para 71/68cv de potência, com torque de 10,0/9,4kgfm, acoplado a um câmbio manual de 5 marchas. Com isso, o consumo de combustível está 5% mais econômico no ciclo urbano com etanol no tanque, re

Renault confirma chegada do primeiro lote do Kwid E-Tech Electric ao mercado brasileiro

Imagem
A Renault confirmou a chegada do primeiro lote de unidades do Kwid E-Tech Electric ao Brasil. O primeiro lote de unidades do hatch eram de 750 unidades, que esgotaram em pouco tempo, cerca de dois meses. O hatch elétrico é importado da China e se torna o elétrico mais acessível da Renault no país, cargo que atualmente era do Zoe E-Tech Electric. Quando foi lançado, neste primeiro lote, ele chegou por R$ 142.990, sendo o elétrico mais acessível do Brasil, posto que era do JAC e-JS1. Pouco tempo depois, a Chery trouxe o iCar, por R$ 139.990 e posteriormente o segundo lote do Kwid começou a ser vendido por R$ 146.990. O motor elétrico de 65cv e 10,0kgfm de torque. De acordo com a Renault, o Kwid E-Tech Electric acelera de 0 a 50km/h em 4,1 segundos, contando com uma autonomia de 298km em ciclo urbano ou 265km em ciclo misto, ao ser equipado com uma bateria de 26,8kWh. A velocidade máxima é de 130km/h. Ela pode ser recarregada em tomadas de 20A, aterrada. A autonomia da bateria pode ser ot

Renault Kwid atinge a marca de 300.000 unidades no Brasil e aniversário de cinco anos

Imagem
A Renault está comemorando o aniversário de cinco anos de mercado do Kwid no Brasil. Líder de vendas da marca desde seu lançamento, o Kwid ainda chegou a marca de 300.000 unidades apenas no Brasil. Desde seu lançamento, a Renault destaca o protagonismo que o hatch teve ao ser o primeiro a ser vendido por site Loja Renault ( https://loja.renault.com.br ), além de ser um dos primeiros a ser oferecido no Renault On Demand, a plataforma de aluguel da marca, onde pode ser alugado a partir de R$ 1.489 ao mês. Produzido em São José dos Pinhais (PR), o Kwid já teve o total de 140 mil unidades exportadas para outros 28 países, além das 300 mil unidades vendidas no Brasil. “O Kwid é o primeiro carro de muitos jovens e de muitas famílias. Atrai muitos consumidores que vinham do mercado de usados e agora estão comprando seu primeiro veículo zero-quilômetro. No último ano, 25% dos clientes de Kwid tiveram acesso à mobilidade, ou seja, eram clientes que não tinham carro anteriormente. E com a linha

Renault e Geely revelam teaser de um SUV cupê que será produzido na Coreia a partir de 2024

Imagem
A Renault Korea confirmou que vai produzir um novo modelo na Coreia do Sul, podendo ser um primeiro veículo que será fabricado a partir da parceria da Renault-Geely. O modelo tem lançamento previsto para acontecer em meados de 2024 e é um utilitário esportivo de perfil cupê. Além de abastecer a produção para o mercado local, o SUV será fabricado para ser exportado para outros mercados. Ele será desenvolvido a partir da plataforma CMA, criada pela Volvo. Outra novidade é que o carro virá com um motor híbrido e atuará no segmento D, ou seja, médio-grande. “Este veículo também demonstra a capacidade da RKM de capitalizar a nova e muito promissora plataforma híbrida. Levará seus ocupantes para um futuro em que tecnologia e inovação conectarão mobilidade e vida digital e oferecerão serviços atenciosos aos nossos clientes.” , disse a Renault Korea em um comunicado à imprensa. Além do perfil de um SUV cupê, a primeira imagem revelada mostra que ele terá faróis dianteiros retangulares e um cai

Renault segue enviando unidades de Kangoo e Alaskan ao Brasil, para São José dos Pinhais

Imagem
A Renault segue trabalhando no Brasil com a dupla Kangoo e Alaskan, que não são vendidos no Brasil. No caso do Kangoo, o que nós temos é o Kangoo europeu, o elétrico E-Tech Electric. O modelo feito na Argentina é baseado no Dacia Dokker, vendido como Kangoo no país vizinho. Já a Alaskan é bem conhecida e chegou a ser cogitada de ser vendida no Brasil várias vezes. Os modelos seguem sendo enviados para São José dos Pinhais (PR), sede da Renault no Brasil, para testes de emissões, feitos rotineiramente. O motivo da picape e da multivan estarem no país seria para testes de homologação dos motores, no Centro de Desenvolvimento na fábrica de São José dos Pinhais (PR). Depois do procedimento, as unidades retornam para a Argentina. Lançado na Argentina em 2018 e desde então é cotado para ser exportado ao nosso mercado, onde a Renault até cogita lançar o modelo e estuda suas condições no país. Por aqui, o modelo deve ser lançado em versão única de acabamento, concorrendo com a Fiat Fiorino. Em

Os 50 Comerciais Leves mais vendidos do Brasil em julho de 2022: Ford Transit quebra novo recorde

Imagem
Assim como aconteceu com os Automóveis, o ranking dos Comerciais Leves trouxeram novidades em julho de 2022. Destaque positivo para picapes e furgões. Mas nenhuma dessas novidades estão entre os primeiros. Isso porque a lista não se alterou em relação ao mês anterior: Fiat Strada (1º, 10.897 unidades), Fiat Toro (2º, 4.333 unidades), Toyota Hilux (3º, 4.122 unidades), Chevrolet S10 (4º, 2.229 unidades) e Mitsubishi L200 Triton (5º, 1.794 unidades) mantiveram suas colocações. O destaque começa com a sexta colocada, a Volkswagen Saveiro (1.751 unidades), que mais que duplicou suas vendas em relação ao mês anterior. Completando o Top 10, Fiat Fiorino, Renault Oroch, Renault Master e Nissan Frontier foram os mais vendidos do mês. Sentiu falta de alguém entre os dez mais vendidos? A Ford Ranger aparece apenas em 11º, com 653 unidades, e, por pouco, não foi ultrapassada pela Volkswagen Amarok, 12º, com 636 unidades. Vale destacar que a picape alemã teve em julho um dos seus melhores meses em

Os 50 Automóveis mais vendidos do Brasil em julho de 2022: VW Gol lidera e Nissan Kicks é Top 10

Imagem
O mercado brasileiro viu as vendas de julho crescerem levemente em relação a junho e também a julho de 2021. As vendas mostraram ainda um novo líder de mês, que não fosse Chevrolet Onix e Hyundai HB20: o Volkswagen Gol, que retomou a primeira colocação depois de quase oito anos sem figurar como líder do mercado. O hatch da Volkswagen teve 11.925 unidades vendidas, seguido pelo Chevrolet Onix com 8.837 unidades e o Hyundai HB20 em terceiro com 8.156 unidades. Em quarto e quase no pódio aparece o Chevrolet Onix Plus com 8.135 unidades e o Fiat Argo fecha o Top 5 com 6.103 unidades. Líder entre os SUVs e os SUVs compactos, o Chevrolet Tracker aparece em 6º com 5.998 unidades, seguido pelo Fiat Pulse (7º, 5.300 unidades), Nissan Kicks (8º, 5.221 unidades), Hyundai Creta (9º, 5.125 unidades) e Volkswagen Voyage (10º, 4.776 unidades). Destaque para o excelente resultado do Nissan Kicks, que fez o modelo aparecer entre os 10 automóveis mais vendidos do país depois de muito tempo. Renault Kwid

Postagens mais visitadas deste blog

Ford EcoSport sairá de linha globalmente em 2023, com o fim na produção na Romênia

Novo Chevrolet SS poderá ser nosso novo Chevrolet Omega!

Curiosidades: por que o disco de freio parece com ferrugem mesmo sendo novo?

Curiosidades: Quantos BTUs possui o ar-condicionado de um carro?

SsangYong apresenta o Torres e espera que SUV marque recuperação da marca coreana

Jeep Compass é oferecido com desconto com CNPJ, que é de 8% em todas as versões

Lamborghini apresenta o novo Huracán Super Trofeo Evo 2, com evoluções aerodinâmicas e visuais

Jeep já vende o novo Renegade com descontos para consumidores com CNPJ em até R$ 13.063

Primeiro Caoa Chery, Tiggo 2 sai de linha oficialmente por não atender ao Proconve L7

Volkswagen Sagitar, o nosso Jetta, ganha versão alongada no entre-eixos, "L", na China