Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Renault

Renault volta com o plano de vender Alaskan no Brasil, buscando produtos mais rentáveis

Imagem
A Renault Alaskan já poderia pedir muitas músicas no Fantástico de quantas vezes ela era confirmada para o nosso mercado e no fim acabava sendo descartada. A picape média irmã da Nissan Frontier pode ser lançada em nosso mercado como uma opção mais acessível para a Frontier, podendo chegar em nosso mercado em 2022. Isso porque o Presidente da Renault na Argentina, Pablo Sibilla, confirmou que a picape média precisa ser exportada para outros mercados. Apostando em modelos de maior valor de mercado, a Alaskan poderia ser essa primeira aposta da francesa para se tornar mais rentável na região. Além do Brasil, a picape ainda poderia ser exportada para Chile e Colômbia, outros dois mercados consumidores de picapes médias. Produzida na unidade de Santa Isabel, na região de Córdoba, ela começou a ser produzida em novembro de 2020 e é vendida apenas na Argentina. Para fazer valer o investimento na fábrica, a Renault quer enviar a picape para outros mercados. “Estamos trabalhando no salto das e

Renault Master deve ser reestilizado ainda neste ano, com um face-lift de meia-vida do furgão

Imagem
A Renault confirmou que deve trazer a versão reestilizada do Master no mercado brasileiro. Apresentado em 2019 na Europa, o furgão deve receber um design mais moderno com essa atualização de meia-vida com esta geração. No design, o novo Master terá a nova filosofia de design da marca, com capô mais alto e uma frente mais truncada. Entre as novidades, o Master passa a ser vendida com faróis retangulares com luzes diurnas de LEDs, além do novo capô mais elevado, ela ainda traz uma nova grade dianteira, maior, e com novos elementos estéticos. O para-choque dianteiro foi totalmente redesenhado, embora tenha mantido o mesmo formato, mantendo também os degraus de apoio nas extremidades. Na traseira, as novidades ficam por conta das lanternas com novo design interno. No interior, as novidades ficam por conta de um novo painel e volante. O painel passa a trazer difusores de ar retangulares, assim como os porta-objetos de mesmo formato. O quadro de instrumentos passa a vir com mostradores circu

Segunda geração da Renault Oroch só deve ser lançada em 2024 e será argentina

Imagem
A Renault confirmou que deve desenvolver uma nova geração da Oroch. Mas não sabemos quando que a picape deve ficar pronta. Enquanto a operação sul-africana disse que a picape ficaria pronta em 2022, informações dão conta de que a nova Oroch pode acabar ficando para meados de 2024. Além disso, ela teria a sua produção transferida para a fábrica de Santa Isabel, na Argentina. A informação foi confirmada por Pablo Sibilla, Presidente da Renault na Argentina. O executivo ainda confirmou que a Renault deve forçar seus projetos para passar para a plataforma modular CMF-B o mais rápido possível, se tornando mais rentável. E esse pode ser o atraso da Oroch, que deve trocar de plataforma já nesta nova geração, ao contrário de ser desenvolvida sobre a mesma base B0 do Duster. A informação não confirmada por Sibilla, que em entrevista à Agência Télam, disse que a Renault deve passar a produzir apenas comerciais leves na fábrica de Santa Isabel, deixando de produzir Sandero, StepWay e Logan na uni

Renault Captur ganha teaser e produção já começa, com estreia do motor 1.3 12v TCe

Imagem
A Renault revelou um teaser que antecipa que já produz o novo Captur na fábrica de São José dos Pinhais (PR) e que o SUV compacto deve ser apresentado em breve. O Captur ainda deve ser o responsável por estrear um novo motor no país, o 1.3 12v TCe Flex, que mata o velho 2.0 16v Flex. O motor deve desenvolver cerca de 163cv e 25,5kgfm, mas na Colômbia ele foi apresentado com 154cv e 27,5kgfm, ou seja, o nosso pode ser mais parecido com o motor colombiano, lembrando que aqui ele deve ser Flex, o que deve aumentar a potência com Etanol. O motor deve ser associado ao câmbio automático CVT e o motor 1.6 16v SCe Flex deve ser mantido nas versões de acesso do Captur. O novo Captur deve ser vendido nas versões Zen, Intense e Iconic. Uma versão de entrada, a Life, deve ser mantida com o motor 1.6 16v SCe (que desenvolve 120/118cv de potência com torque de 16,2kgfm) juntamente com o câmbio CVT. As demais versões devem ser associadas apenas ao motor TCe. Esse motor deve desenvolver 170cv de potên

Renault revela as primeiras imagens teaser do novo Megane E-Tech Electric de produção

Imagem
A Renault revelou as primeiras imagens do Megane E-Tech Electric, que deve ser apresentado dentro de alguns meses. Mesmo assim, a marca já revelou informações do hatch/crossover. Baseado pelo Megane eVision Concept, o carro foi apresentado agora como um protótipo semi-definitivo. O modelo revela que mantém basicamente o mesmo design do modelo conceitual, mas com linhas mais próximas de um carro de produção. Para não revelar todo o seu design, o Megane E-Tech Electric foi revelado em imagens com adesivos. A Renault ainda confirmou que o carro teve 30 unidades produzidas em protótipos e que deve começar a desenvolver o carro nas ruas, na Europa. Desenvolvido sobre a plataforma modular CMF-EV, o carro deve contar com uma autonomia de 450km no ciclo WLTP, tendo um motor elétrico capaz de desenvolver 217cv de potência com torque de 30,6kgfm, com uma bateria de 60kWh. A Renault confirmou que o carro ainda deve pesar 1.650kg. O carro deve contar com um design que se destaca para o conjunto de

Vazam as primeiras imagens de patente do novo Renault 4 Concept, que estreia em breve

Imagem
Depois da Renault revelar as primeiras imagens do Renault 5, vazou as primeiras imagens de patente do Renault 4, que deve ser um utilitário esportivo baseado no R4. Um Renault 4 Prototype Concept deve ser apresentado dentro de alguns meses, antecipando um novo elétrico que deve ser desenvolvido pela francesa. De acordo com imagens reveladas pelo site Autovisie , o Renault 4 deve se tornar um SUV subcompacto elétrico e essas imagens foram registradas em imagens de patente no EPO, em novembro de 2020, no escritório de patentes europeu. O carro deve contar com uma forte inspiração no clássico da Renault, principalmente nas suas linhas. Visualmente ele deve se destacar por trazer uma grade dianteira com faróis redondos com três faixas de LEDs horizontais nos faróis, circundado por uma moldura. Visto de lateral, ele terá desenho das portas que deve ser idêntico ao do hatch clássico, assim como um adesivo que deve ser instalado na coluna C do carro. O R4 ainda possui acabamento plástico na p

Renault pode desenvolver o R5 com um sistema de troca de bateria, removível, diz executivo

Imagem
A Renault confirmou o desenvolvimento do Renault 5 (ou R5) para dentro de alguns anos, mas o modelo poderá trazer algumas inovações quando o assunto for baterias. Isso porque ele pode acabar sendo o primeiro Renault a ter baterias removíveis, de acordo com Luca de Meo, CEO da Renault. A possibilidade surge como alternativa para fazer com que o carro possa ter uma autonomia bem maior de maneira muito mais rápida. Isso já é uma realidade na China, onde a Nio faz isso com seus carros em estações próprias da marca. A possibilidade foi revelada por de Meo em uma conferência, na Europa. "Há uma vantagem potencial em tentar encontrar uma solução segura e confiável para a troca de baterias. Não está decidido, mas vejo como uma oportunidade interessante. Do ponto de vista empresarial, há uma boa razão para separar a bateria do carro elétrico, especialmente se você está considerando uma segunda e uma terceira vida para esta bateria." , disse o CEO. Com isso, a autonomia do carro poderi

Renault confirma que vai elevar o padrão dos carros no Brasil, mais rentáveis, até 2024

Imagem
A Renault confirmou que deve elevar o valor dos carros vendidos no Brasil. Durante uma conferência com Luca de Meo, CEO da Renault, a marca confirmou que os consumidores brasileiros não podem ter produtos abaixo dos consumidores europeus. Com isso, a marca deve apostar em novos modelos no segmento C, o que deve tornar a Renault mais rentável na região. "Não queremos tratar o Brasil diferente do que tratamos do mercado europeu. Os clientes do Brasil não merecem menos do que fazemos para os europeus. São tempos difíceis, mas temos que melhorar a qualidade dos negócios. Buscamos mercado no Brasil (com modelos mais acessíveis e de alto volume) e isso não foi uma boa ideia, agora temos que elevar o patamar. Temos uma visão cada vez mais clara do que pretendemos fazer em toda a região, em toda América Latina" , destacou de Meo. A Renault deve desenvolver um SUV médio que vai concorrer com Jeep Compass, Toyota Corolla Cross e Volkswagen Taos, baseado no Dacia Bigster. "Para mim

Renault mata divisão Renault Sport em favor da Alpine Cars, que deve ganhar mais destaque

Imagem
A Renault confirmou o fim da divisão Renault Sport. Assim como já tinha feito na Fórmula 1, a marca francesa passa a adotar o nome Alpine Cars. Desde o dia 1º de maio, a Renault passou a usar a Alpine como a sua divisão de carros esportivos. De carros próprios, a Alpine deve contar com outros dois modelos, que serão lançados até meados de 2023. Com isso, todo o Renault esportivo deve ser batizado de Alpine Mégane ou Alpine Clio, assim como acontece com a relação entre Seat e Cupra. “Como parte da reorganização do Grupo Renault por marcas, é fundamental que as diferentes entidades que compõem a Unidade de Negócio levem o nome Alpine e encarnem os valores e ambições da marca. A Alpine aspira ser uma marca esportiva premium na vanguarda da inovação e na tecnologia. A Alpine Cars com sua perícia e experiência em veículos esportivos é um cartão mestre para conseguir nossos objetivos” , disse Laurent Rossi, CEO da Alpine. A partir de agora, a Renault Sport deve passar a desenvolver automóvei

Novo Renault Kwid deve atender Proconve L7, terá motor mais potente e design do indiano

Imagem
Previsto para ser uma das novidades deste segundo semestre, a reestilização do Renault Kwid deve ser apresentado no último trimestre do ano. O modelo deve manter o mesmo design apresentado pelo hatch indiano, mas deve trazer novidades. Assim como o Proconve L7 prevê que alguns carros devem sair de linha no final deste ano, a Renault deve mudar a mecânica do Kwid. Isso porque o Proconve L7 prevê que os carros devem contar com motores tenham menos ruídos e emitam menos emissões. Com isso, a revista Quatro Rodas confirmou que o novo Kwid deve trazer o mesmo motor 1.0 12v SCe Flex do Sandero, que desenvolve 82/79cv de potência e torque de 10,5/10,2kgfm, com o mesmo câmbio manual de 5 marchas (contra o atual 1.0 12v SCe Flex de 70/66cv de potência com torque de 9,8/9,5kgfm), que além da potência extra, possui cabeçote com duplo comando variável (admissão e escape), o que melhorar ainda mais o desempenho do Kwid e o deixa-lo ainda mais econômico. O hatch ainda deve ganhar ESP, TCS e assiste

Os 50 Comerciais Leves mais vendidos do Brasil em abril de 2021: RAM 1500 estreia em 26º

Imagem
Assim como aconteceu entre os Automóveis, a lista dos Comerciais Leves também foi bastante interessante. Apesar de ainda assim vermos Fiat Strada, Fiat Toro e Toyota Hilux entre as mais vendidas (sendo a Strada a líder do mercado brasileiro geral pelo segundo mês seguido), vimos a Volkswagen Saveiro em 4º e a Ford Ranger subindo para 5º, sendo a vice-líder do segmento de picapes médias, atrás apenas da Toyota Hilux. A Chevrolet S10 aparece em 6º, dando luz alta no retrovisor da Ranger. Isso porque a picape da Chevrolet ficou com 1.987 unidades, 20 unidades a menos que a picape da Ford. Depois, apareceu o Fiat Fiorino em 7º e outro destaque em 8º, a Mitsubishi L20 Triton, que ficou acima das mil unidades mais uma vez. A picape japonesa ficou com 1.045 unidades, com a Renault Oroch em nono e a Volkswagen Amarok voltando ao Top 10. A picape da Volkswagen que esgotou praticamente todo seu estoque nos primeiros meses do ano e agora ficou com 864 unidades, já à frente da Nissan Frontier, que

Os 50 Automóveis mais vendidos de abril de 2021: Fiat Mobi lidera e Toyota Corolla Cross cresce

Imagem
A lista dos 50 Automóveis mais vendidos do Brasil tem passado por muitas mudanças nos últimos meses. A liderança não para de mudar. Em quatro meses de mercado, Chevrolet Onix liderou janeiro e fevereiro, mas o Hyundai HB20 liderou em março e agora o Fiat Mobi liderou em abril. São três líderes diferentes em quatro meses. Isso é algo impensável até alguns anos, onde a hegemonia do Chevrolet Onix era incontestável. Após bater seu recorde de vendas, o Fiat Mobi liderou o mercado de automóveis com 6.861 unidades, mas apenas míseras 12 unidades. O Hyundai HB20 foi o vice-líder, com 6.849 unidades. A diferença entre o primeiro e o quinto foi de menos de 500 unidades. Embolados, Fiat Mobi, Hyundai HB20, Jeep Renegade, Volkswagen Gol e Chevrolet Onix ficaram entre os mais vendidos. Hyundai Creta, Jeep Compass, Fiat Argo, Chevrolet Tracker e Chevrolet Onix Plus. Até os quinze mais vendidos, ainda tem Renault Kwid (11º), Volkswagen T-Cross (12º), Nissan Kicks (13º), Toyota Corolla (14º) e Volksw

Renault decreta o fim dos subcompactos com motores a combustão e os vê como elétricos

Imagem
A Renault confirmou que o segmento de subcompactos na Europa deve passar por mudanças. A marca apresentou recentemente o Dacia Spring, que ser o novo jeito de desenvolver subcompactos. Na Europa, ele foi apresentado pelo grupo francês no ano passado. Conhecido na Europa como segmento A, alguns modelos devem começar a desaparecer do segmento por conta da baixa lucratividade. O segmento pode morrer ou migrar para os SUVs subcompactos. Na Europa, com a eletrificação, os custos de desenvolvimento de carros desse segmento devem ficar ainda mais caros. A fim de atender as novas normas de emissões, esses carros deveriam se tornar puramente elétricos porque não há espaço suficiente para os carros serem híbridos. Com o Euro7 passando a valer a partir de 2025, isso vai forçar as marcas a desenvolverem os modelos como carros puramente elétricos, o que torna os carros mais caros, deixando-os próximos dos carros compactos, que são maiores e geralmente são mais atraentes. Em entrevista ao Autocar ,

Renault Scénic deve ganhar uma quinta geração, mas deve se tornar em um crossover elétrico

Imagem
Depois de comunicar que a Renault Scénic pode sair de linha em meados de 2022, acredita-se agora que o modelo possa não morrer. Isso porque a Renault pode dar uma nova forma para a minivan na Europa. Desde a década de 1990 como uma minivan e quatro gerações depois, a Scénic pode se tornar um crossover – algo o que deve acontecer com a nova geração do Mégane. O dito fim de linha da Scénic pode ser o fim do modelo como minivan, o que muda a perspectiva de fim de linha que tínhamos do modelo. Se tornando puramente elétrica, a nova geração deve focar no que é forte no momento: crossovers e utilitários esportivos. Ao que tudo indica, há chances da Scénic se tornar primo do Nissan Ariya, um crossover elétrico apresentado no ano passado, sobre a plataforma modular CMF-EV. A informação foi sugerida por Luca de Meo, CEO da Renault. “Eu acho o carro excecional, mas nós não fazemos dinheiro com ele. O segmento está em baixo, ao contrário do segmento dos SUV, que continua a progredir e no qual não

Renault apresenta mais detalhes, informações e fotos do Taliant, que estreia na Turquia

Imagem
A Renault apresentou novas informações do Taliant, que foi lançado na Turquia. Substituto do Renault Symbol por lá, o sedã deve substituir o Logan nos mercados onde ele é vendido como Renault. Primo Renault do Dacia Logan, o Renault Taliant deve ser uma versão mais sofisticada do sedã para ser vendido em mercados emergentes. Além da Turquia, ele deve ser apresentado ainda em outras regiões como África, Oriente Médio e provavelmente a América do Sul. Visualmente, o Taliant conta com novos faróis, grade dianteira, capô mais vincado com o logotipo da marca e um novo para-choque dianteiro também, com uma entrada de ar inferior ligada aos nichos dos faróis de neblina. Nas laterais, o carro em si é igual ao Logan romeno, com novas rodas, apenas. O mesmo não pode ser dito na traseira. O sedã conta com uma nova traseira, a começar pelas novas lanternas que invadem a tampa do porta-malas, ganhando ainda uma nova tampa do porta-malas e um novo para-choque traseiro, mais característico das linhas

Renault deve apresentar o Sandero Sport Edition, que deve herdar o mesmo visual do RS

Imagem
A Renault deve lançar uma nova versão do Sandero no mercado brasileiro. O hatch compacto deve receber uma nova versão com estilo esportivo. O hatch recebe uma versão Sport Edition vai herdar o mesmo design do Sandero RS, mas será equipado com um motor 1.0 12v SCe Flex. A versão deve contar praticamente com o mesmo design do RS, mas sem os logotipos da Renault Sport e possivelmente sem os adesivos alusivos à versão. O Sandero Sport Edition deve contar com rodas de 15 polegadas, mas opcionalmente deve ter rodas de 16 polegadas, que também serão diferentes em relação às rodas de 17 polegadas do RS. Faz parte do “Pacote RS”, a dianteira agressiva com nova grade que mescla preto e o cromado, também presente na saída dupla do escape. Na traseira, destaque para as lanternas fumês e o aerofólio traseiro, assim como saia lateral. O interior também recebe modificações com materiais de melhor qualidade, bancos com novo revestimento, detalhes em vermelho nas saídas de ar e nos grafismos do painel,

Renault confirma fim do desenvolvimento de nova geração de motores diesel na Europa

Imagem
A Renault confirmou que deve abandonar o motor diesel em seus carros. A francesa revelou que não deve mais desenvolver novos motores diesel para seus carros e comerciais leves. Com os novos padrões de emissões de poluentes na Europa, a marca confirmou que deve abandonar o desenvolvimento de novos motores para seus carros – e focando em elétricos. Depois da Lexus, Mitsubishi, Nissan e Volvo confirmarem que não devem mais desenvolver motores elétricos, a Renault se une a este grupo. Essa medida faz parte do Plano RENAULuTion, apresentado no meio do ano passado. A informação foi confirmada por meio do CEO da Renault, Luca de Meo, que disse que não deve mais investir dinheiro no desenvolvimento de motores a diesel de nova geração. A última medida com os motores diesel deve ser feita com os atuais dCi, que devem ser adaptados para atender as novas normas de emissões de poluentes da Europa. Isso deve manter esses motores em linha por mais algum tempo, enquanto a Renault deve desenvolver alte

Postagens mais visitadas deste blog

Ford apresenta oficialmente a Maverick, que estreia como potencial rival à Fiat Toro

Volkswagen terá baterias de estado sólido e fecha parceria com a QuantumScape

Fiat Uno, Grand Siena e Doblò saem de linha em dezembro; Volkswagen Fox deve ir junto

Ford perdeu US$12 bilhões em oito anos no Brasil e perdia R$10 mil a cada carro vendido

Surgem novidades sobre o design do novo Volkswagen Virtus, que terá Nivus como inspiração

Novas gerações de Land Rover Discovery Sport e Range Rover Evoque serão elétricos em 2024

Renault Master deve ser reestilizado ainda neste ano, com um face-lift de meia-vida do furgão

Jaguar apresenta o reestilizado F-Pace no país, que estreia em quatro versões e parte de R$463.750

Audi e-tron GT esgota o primeiro lote de unidades em 24h; entregas serão em setembro

Volvo lança promoção no Brasil, com condições especiais de financiamento e descontos