Postagens

Mostrando postagens com o rótulo GlobalNCAP

GlobalNCAP testa Renault Kwid e Honda Mobilio, que ainda seguem indo mal nos testes de impacto

Imagem
O GlobalNCAP testou o Renault Kwid mais uma vez para ver como o compacto indiano se sairia no teste com os reforços que a Renault fez para o hatch. Depois de um montante de zeros, o popular receber reforços estruturais e melhorias técnicas. Os reforços estruturais surtiram efeito na carroceria, que, diferentemente da primeira passagem do Kwid, mantiveram o habitáculo muito mais estável que antes. No entanto, o Global NCAP ressalta que as melhorias foram feitas apenas no lado do motorista, onde é feito o teste de impacto. O modelo testado contava com airbag apenas para o motorista. O habitáculo do carro ficou mais seguro, mas ainda assim é considerado crítico pelo órgão avaliador. Assim, o Renault Kwid elevou a nota de 0 estrelas dos testes anteriores, para uma estrela em proteção para passageiros adultos e crianças. Vale destacar que o nosso Kwid será completamente diferente em relação ao indiano e segundo a Renault, será 200kg mais pesado e terá 4 airbags desde a versão de acesso.

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat confirma que o futuro interior dos seus carros terão inspiração no clássico Lingotto

Chevrolet lança a nova S10 no Brasil, que traz atualizações importantes e parte de R$ 247.860

Kia confirma a vinda do EV9 ao Brasil e define estreia para o primeiro semestre de 2024

Eccentrica apresenta o Lamborghini Diablo remasterizado que agora desenvolve 550cv

Mercedes-Benz lança o Classe G 63 AMG Grand Edition no Brasil, por caros R$ 2.247.900

Tank registra novas imagens de patente do 700 Hi4-T no MIIT e confirma uso de motor de 517cv

Fiat Titano vai virar RAM 1200 no México, antecipa teaser; picape ganhará quarto logotipo

GWM adiciona caminhões elétricos para fazer entregas de peças para concessionárias

GWM registra imagens de patente do Veyron na China, que pode ser da marca Haval ou da Sar

Volkswagen lança Polo Robust, versão voltada ao agronegócio, que chega por R$ 89.290