Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Parceiros

Bugatti tem o futuro nas mãos de Porsche e Rimac, que podem criar joint-venture

Imagem
A Bugatti deve ter o seu futuro definido dentro de alguns meses. Ao que tudo indica, a marca francesa deve ser gerida pela Porsche e Rimac. Com o Grupo VAG delegando novas marcas chefes dentro do grupo (vulgo responsabilidade, direção e futuro), a Porsche deve desenvolver os novos projetos e ficará encarregada pelo desenvolvimento dos novos carros da marca, em parceria com a Rimac. Isso porque a Bugatti deve se tornar uma marca elétrica. A fábrica de Molsheim, na França, deve passar a produzir modelos eletrificados. De acordo com Herbert Diess, CEO da VAG, o futuro da marca francesa pode estar mais esclarecido agora. Se reforça a ideia de que a Bugatti se forme da joint-venture entre Porsche e Rimac, unindo o melhor de dois mundos distantes, o que encerra as teorias de que a Bugatti seria vendida para a croata Rimac. Recentemente a empresa passou a ter uma porcentagem da Bugatti e a Porsche aumentou a sua parcela nas ações da Rimac, o que também reforçava um vínculo entre as três empre

Ford e Mahindra oficializam o fim total da parceria e do desenvolvimento de projetos

Imagem
A Ford e a Mahindra confirmaram que devem encerrar todo o tipo de parceria que chegou a ser planejada por ambas as marcas. De acordo com informações, a joint-venture foi cancelada quase que de última hora. Na Índia, ainda se tinha a impressão de que a Mahindra pudesse assumir as operações da Ford, encerrando o desenvolvimento de novos modelos, assim como também não devem compartilhar plataformas e motores, segundo informações do Autocar Índia . A decisão foi tomada depois de um rumor de que o EcoSport indiano pudesse receber o novo motor 1.2 Turbo de injeção direta de combustível e desenvolvido pela SsangYong. Os quatro projetos que estavam em andamento pela marca também foram encerrado já no início deste ano. Os modelos em questão eram um SUV subcompacto, um SUV compacto e dois SUVs médios, sendo um convencional e um com perfil mais cupê. Em fevereiro deste ano, a informação era que o desenvolvimento destes novos modelos estavam congelados. O SUV subcompacto, conhecido internamente co

Tesla e Toyota podem desenvolver plataforma e tecnologias para futuro SUV elétrico

Imagem
A Tesla e a Toyota podem desenvolver uma parceria inédita para criar novidades entre o mundo dos carros. A japonesa e a norte-americana analisam desenvolver novidades, como uma plataforma para carros elétricos que pode ser compartilhada entre as marcas. De acordo com informações reveladas pela Fox Business , a análise dessa parceria está nos olhos da dupla desde o final do ano passado, com chances de se tornar realidade. Essa plataforma em questão deve ser criada para ser usada em utilitários esportivos elétricos, de acordo com o site Chosun . A plataforma deve ser criada para modelos mais compactos, com uma menor faixa de lucro. Acredita-se ainda que o compacto que a Tesla deve criar deve usar já essa base compacta. Esses carros que serão criados a partir dessa plataforma devem contar com atualização Over The Air (OTA), além de ambas dividirem o custo de desenvolvimento, ganhando em economia de escala. A Tesla ainda deve oferecer o controle eletrônico de software e a Toyota entra com

Fisker e Foxconn devem se unir para desenvolver um carro subcompacto elétrico

Imagem
A Fisker e a Foxconn devem fechar uma parceria para o desenvolvimento de um novo projeto. Internamente, o conceito é conhecido como “Project PEAR” e deve ser produzido pela Foxconn, empresa que é encarregada de fabricar os componentes da Apple, como iPhone e iPad. Recentemente, a Foxconn confirmou se interesse no desenvolvimento de automóveis, o que parece estar mais próximo da realidade com a parceria com a Fisker. A marca conta com uma parceria já formada com marcas como a Geely e agora deve expandir a parceria para com a Fisker. “A criação do Project PEAR com a Foxconn reúne duas empresas complementares e de ideias semelhantes, cada uma centrada na criação de novos valores em uma indústria tradicional. Criaremos um veículo que ultrapassará as fronteiras sociais, oferecendo ao mesmo tempo uma combinação de tecnologia avançada, design atraente, inovação e boa relação qualidade-preço, cumprindo ao mesmo tempo nosso compromisso de criar os veículos mais sustentáveis do mundo” , destacou

Ford congela os projetos desenvolvidos pela Mahindra e não plano B na Índia

Imagem
Depois de cancelar o desenvolvimento de quatro novos utilitários esportivos que seriam desenvolvidos em parceria com a Mahindra, a Ford ainda não deu maiores informações de como a marca deve apostar sua permanência no mercado indiano. De acordo com a Agência Reuters, a decisão foi tomada para que a Ford possa trabalhar numa nova estratégia comercial para a Índia. “As opções podem incluir trabalhar em um novo tipo de parceria com a Mahindra ou encerrar completamente a aliança e os veículos relacionados” , disse uma das fontes para a Reuters . A Ford ainda deve achar alguma saída que traga mais lucratividade, ou seja, não deve continuar apostando em modelos mais acessíveis, tanto que a linha Figo, Figo Sedan e Aspire pode estar com os dias contados. Entre os projetos que estavam listados, estavam: um SUV subcompacto, conhecido internamente como Projeto BX745 e teria cerca de 4 metros de comprimento e seria um substituto da linha Ka/Figo, com porte do atual EcoSport. Informações davam con

Grupo Volkswagen se alia com a Microsoft para desenvolvimento de tecnologias

Imagem
A Volkswagen confirmou uma parceria com a Microsoft para o desenvolvimento de condução autônoma e serviços em nuvem da Microsoft, para otimizar o desenvolvimento dos seus futuros carros. A notícia veio depois de alguns dias do acordo entre General Motors e Microsoft. A empresa de tecnologia vem trabalhando em modelos autônomos e desenvolvendo em novas tecnologias para o mundo automotivo. Entre algumas dessas novidades estão o controle de cruzeiro adaptativo e sistema de frenagem de emergência. Os sistemas devem ser criados para as marcas do grupo, como Audi e Porsche, que devem receber primeiro essas novidades. "Atualizações pelo ar são fundamentais. Essa funcionalidade precisa estar lá. Se você não puder fazer isso, você perderá terreno" , disse Dirk Hilgenberg, Presidente da Car.Software, subsidiária da VW. Segundo Scott Guthrie, Vice-Presidente Executivo de Nuvem e Inteligência Artificial da Microsoft disse: "nossos telefones de 15 ou 20 anos atrás depois que você o c

Carro da Apple seria desenvolvido e produzido pela Kia; Nissan entrou na jogada e já saiu

Imagem
Parece dança das cadeiras. O primeiro carro desenvolvido da Apple contaria com o apoio de um gande grupo automotivo, mas ninguém sabia quem. Depois de se cogitar a parceria entre Hyundai-Kia Group com a Apple, os planos já parecem ter ruído. Isso porque os coreanos não ficaram muitos empolgados com o projeto do carro. O modelo da Apple contaria com o apoio da Kia, sendo que o negócio tinha o investimento de US$3,59 bilhões. No dia seguinte, as ações da Kia dispararam, fazendo eles crescerem cerca de 14,5%, fazendo o chegar aos níveis mais elevados em 20 anos. O Projeto Titan da Apple deve enfim ser colocado em prática, mas não seria com a ajuda das coreanas... mas de que seria essa ajuda então? "Recebemos solicitações de várias empresas com a proposta de explorar possibilidades de cooperação na área de veículos não tripulados, mas tudo isso está em um estágio inicial e nenhuma decisão foi tomada ainda. Não estamos negociando com a Apple sobre o desenvolvimento de veículos não trip

Ford investe US$1 bilhão para fazer nova Ranger e Volkswagen Amarok na África do Sul

Imagem
A Ford e a Volkswagen assinaram um acordo de parceria entre as duas marcas no início de 2019, que foi concretizado em 2020. O acordo deve prever a colaboração para o desenvolvimento de comerciais leves entre as duas empresas, o que deve afetar na criação de modelos como picapes, furgões e vans. A nova geração da Ford Ranger deve ser produzida nos Estados Unidos, Argentina e África do Sul. Esse último país recebeu um investimento de US$1,05 bilhão para a modernização e ampliação da fábrica, que deve compartilhar a produção com a Volkswagen Amarok. Com a expansão do Complexo Industrial de Silverton, a fábrica terá capacidade de produção para as duas picapes, sendo que deve abastecer a maioria dos mercados, principalmente com a Amarok de segunda geração, que ao que tudo indica, só deve ser produzida por lá. “Este investimento irá modernizar ainda mais nossa operação sul-africana, ajudando a ter um papel mais importante na nossa reestruturação e crescimento da operação automotiva global, a

Ford e Google firmam parceria para desenvolvimento de conectividade para centrais

Imagem
A Ford segue desenvolvendo seu futuro e confirmou uma parceria com a Google. A parceria deve ser a responsável por reinventar e experiência dos motoristas conectados. Os motoristas devem criar serviços e recursos exclusivos para os veículos da Ford e também da Lincoln. A parceria ainda deve estabelecer outras áreas com o Google Cloud, serviço de armazenamento em nuvem, inteligência artificial e aprendizado de máquina. Um dos resultados que a parceria deve proporcionar é a cooperação que deve durar seis anos para o desenvolvimento do sistema Android, com aplicativos e serviços integrados ao Google. Ford e Google ainda confirmaram que devem esperar experiências agradáveis, seguras e eficientes em veículos conectados, minimizando a distração do motorista ao volante. Os primeiros frutos dessa parceria devem aparecer em meados de 2023. Os carros de Ford e Lincoln devem contar com serviços integrados à Google como o Google Maps e o Google Assistente. As centrais ainda devem contar com o Goog

Faraday Future enfim deve produzir o FF91, graças a parceria com a Geely

Imagem
A Faraday Future deve conseguir produzir o seu primeiro automóvel. Depois de muita luta, a startup deve produzir o FF91 com a ajuda da Geely. Criando várias parcerias pelo mundo, a Geely deve ser a produtora do crossover da Faraday, que ficou em standby por meses até ter uma parceira para desenvolver o modelo. Apresentado pela primeira vez em 2017, o FF91 deve ser visto como o modelo anti-Tesla Model Y. Desenvolvido com quatro motores elétricos que desenvolvem 1.065cv de potência com torque de 183,6kgfm, que acelera de 0 a 100km/h em 2,4 segundos e atinge a autonomia de 700km. Parece que o FF91 chegou em um bom momento para levantar a moral da Faraday Future, que sofreu com notícias ruins, com saídas de executivos, de acusação de falta de dinheiro para erguer sua fábrica em Nevada, que gerou a descrença do público e da imprensa. O FF91 conta com 5,25 metros de comprimento com 2,28 metros de largura (contando os retrovisores), 1,60 metro de altura e 3,20 metros de entre os eixos. Ele co

Ford pode voltar a produzir no Brasil, em fábricas da VW e com novos comerciais leves

Imagem
A Ford confirmou o fechamento das fábricas de Camaçari (BA) e Taubaté (SP), encerrando a sua produção no mercado brasileiro. Com isso, todo Ford que teremos no Brasil serão importados. Mas, isso não significa que a Ford deve encerrar a produção totalmente no país. Por enquanto, sim. Mas de acordo com o jornalista Fernando Calmon, da coluna Alta Roda, do UOL, disse que a marca pode voltar a produzir no Brasil, mas com a Volkswagen. A parceria de comerciais leves entre as duas marcas pode permitir que até três comerciais sejam feitos no Brasil. De acordo com o plano de parceria entre a marca norte-americana e a alemã, as marcas possuem os modelos Ranger, Connect/Courier, Tourneo e Transit, enquanto a Volkswagen tem Amarok, Caddy, Transporter e Crafter. Todos os quatro modelos são semelhantes e podem ser desenvolvidos de maneira conjunta. Isso deve permitir que esses modelos sejam oferecidos em outros mercados, em fábricas da Volkswagen ou da Ford. Com a produção de Ranger e Amarok na Arg

GM, Cruise e Microsoft se unem para desenvolver tecnologia de condução autônoma

Imagem
A Cruise e a General Motors confirmaram uma parceria com a Microsoft para o desenvolvimento da tecnologia de condução autônoma nos seus carros. A parceria, vista como estratégica e de longo prazo, deve reforçar e investir no desenvolvimento da condução autônoma, graças a ampla expertise de engenharia, hardware e software de ambas as empresas. Ambas ainda possuem projetos de computação em nuvem, conhecimento de manufatura e ecossistema de parceiros para o desenvolvimento da tecnologia autônoma. “Nossa missão de oferecer transporte mais seguro, melhor e mais acessível para todos não é apenas uma corrida tecnológica - é também uma corrida pela confiança. A Microsoft, que é padrão ouro na democratização confiável da tecnologia, será um multiplicador de força para nós à medida que comercializamos nossa frota de veículos autônomos, totalmente elétricos e compartilhados” , disse o CEO da Cruise, Dan Ammann. A fim de aproveitar o máximo de potencial da computação em nuvem, a Cruise deve usar a

Alpine e Lotus devem criar parceria para desenvolvimento de novos cupês esportivos elétricos

Imagem
A Alpine e a Lotus devem firmar uma parceria para desenvolvimento de esportivos compactos e elétricos. A francesa e a britânica devem desenvolver uma plataforma em comum para esses modelos. Depois da Renault apresentar o Plano RENAULuTion, ambas as marcas assinaram um Memorando de Entendimento (MoU), onde ambas devem se comprometer a estudar uma série de áreas de cooperação incluindo o desenvolvimento em conjunto de uma dupla de carros esportivos. O desenvolvimento deve contar com as equipes da Alpine e da Lotus, que farão um estudo de viabilidade integral para engenharia, design e propulsão elétrica dos carros. Ambas empresas também devem explorar o desenvolvimento de uma oferta de serviços que combinem uma experiência em engenharia, podendo ser estudada a possibilidade de desenvolver modelos para competições. “A assinatura deste memorando de entendimento com a Lotus mostra o enfoque esbelto e inteligente que estamos implementando como parte da nova estratégia da marca Alpine. Ambas a

Hyundai Motor Group pode ajudar Apple no desenvolvimento do seu primeiro carro, o Projeto Titan

Imagem
Depois de retornar para pauta o desenvolvimento de um carro elétrico da Apple, começa a surgir novas informações que dão conta que uma marca pode ajudar a Apple no desenvolvimento desse novo carro. A marca se prepara para a produção dos primeiros componentes do carro. O “Apple iCar” parece estar caminhando até de maneira rápida e tem sido recebido até mesmo pelas montadoras mais conhecidas do mundo, como a Volkswagen. De acordo com informações do site Korea Economic Daily, MacRumors destaca que a Apple pode produzir o seu modelos elétricos com a Hyundai Motor Group. O grupo sul-coreano poderia estar em negociações iniciais com a Apple. "Entendemos que a Apple está em discussão com várias montadoras globais, incluindo a Hyundai Motor. Como a discussão está em seu estágio inicial, nada foi decidido. Temos recebido pedidos de cooperação potencial de diversas empresas em relação ao desenvolvimento de VEs de condução autônoma, mas nenhuma decisão foi tomada, pois as discussões estão em

Chery e Huawei assinam acordo de parceria e Geely e Foxconn também fecham acordo na China

Imagem
Duas empresas gigantes da China se tornaram parcerias de outras duas empresas que não são da área automotiva. O primeiro caso é a Chery e a Huawei, que se uniram para o desenvolvimento de carros inteligentes. As duas marcas devem desenvolver tecnologias para a produção de automóveis com tecnologia em nuvem. Ambas devem criar carros inteligentes, conexão inteligente, quadro de instrumentos inteligente, computação a bordo, direção autônoma, energia inteligente e o Intelligent Vehicle Cloud Services (IVCS). Ambas ainda devem estudar o uso de tecnologias em 5G e V2X. A assinatura teve presença de Yin Tongyue, presidente da Chery; Wang Jun, presidente da Unidade de Negócios de Soluções para Carros Inteligentes da Huawei; Gao Xinhua, vice-presidente da Chery; e Chi Linchun, Gerente Geral de Serviços de Marketing e Vendas da Unidade de Negócios de Soluções de Carros Inteligentes da Huawei. Já no caso de Geely e Foxconn, a parceria nasceu para produzir carros elétricos de terceiros. Segundo a

Baidu e Geely fecham parceria para desenvolver condução autônoma e inteligência artificial

Imagem
Duas gigantes chinesas se encontraram para firmar uma parceria de desenvolvimento de tecnologias. A Baidu e a Geely assinaram uma parceria para o desenvolvimento da condução autônoma e da inteligência artificial. Depois de procurar uma marca para ajudar no seu desenvolvimento, a Baidu encontrou a Geely, que também busca o aperfeiçoamento da tecnologia em seus carros. A Baidu, uma espécie de Google chinesa, quer fazer o mesmo que seu maior concorrente, que lançou a Waymo. A Baidu ainda pode se aproveitar da plataforma elétrica SEA da Geely para o desenvolvimento das duas tecnologias que o acordo prevê. A meta é que os carros com essa base tenham uma autonomia de cerca de 700km e uma bateria com ciclo de vida de 2.000.000km. A Baidu já confirmou que deve investir seu "portfólio completo de tecnologias, incluindo a condução autônoma Apollo, DuerOS para Apollo e Baidu Maps". A Baidu já conta com o Apollo, uma tecnologia que oferece aos seus condutores em viagens gratuitas em seus

É a GM que deve desenvolver e produzir os elétricos da Honda, em fábricas no México e EUA

Imagem
A Honda confirmou que deve estreitar a sua parceria com a General Motors. Isso indica que os japoneses devem desenvolver modelos em conjunto dentro de alguns anos. A Honda confirmou que vai produzir um elétrico na fábrica da GM no México. De acordo com informações apuradas pelo Automotive News, esse novo elétrico deve ser produzido pela GM na unidade de Ramos Arizpe, de onde são produzidos atualmente os modelos Equinox e Blazer. Por lá, esse SUV elétrico da Honda deve ser produzido a partir de 2023. Citando fontes anônimas, o site ainda revelou que a GM deve produzir o elétrico para a Acura, divisão de luxo da Honda, em outra unidade. Nesse caso será na fábrica de Tennessee, Estados Unidos, que deve ser produzido em meados de 2024, que estão também no planejamento da Honda Group. A fábrica em questão deve ser a Spring Hill. A fonte ainda destaca que os dois elétricos devem ter tamanho similar ao Cadillac Lyriq, ou seja, devem ser um SUV médio/grande. Tanto a Honda como a General Motors

Postagens mais visitadas deste blog

Reestilização do Volkswagen Jetta chega até 2022, com o inédito motor 1.5 TSI

Chevrolet Tracker PcD volta a ser vendido em breve, mas com mudanças de conteúdo

Renault apresenta o Zoe reestilizado no mercado brasileiro, que chega por R$204.990

BMW apresenta a nova geração do Série 4 Cabrio no Brasil, que estreia por R$460.950

Skoda apresenta o reestilizado Kodiaq na Europa, SUV médio de 7 lugares da marca

Fiat apresenta a nova Toro, que estreia por R$114.590 no mercado e traz 1.3 Turbo

Kia passa a vender o Cerato apenas na versão topo com a chegada da linha 2022

Opel confirma que deve expandir na América do Sul para três novos países

Volkswagen revela novo teaser da nova geração da Transporter, que estreia este ano

Honda revela o reestilizado CR-V no Brasil, que ganha mudanças sutis por R$264.900