Postagens

Mostrando postagens com o rótulo VUC

Volkswagen inicia exportação do Delivery Express para mais um país: El Salvador

Imagem
A Volkswagen confirmou que iniciou a exportação do Delivery Express para mais um país. Dessa vez, o VUC deve ser enviado para El Salvador, na América Central. Por lá, a representante da Volkswagen Caminhões, Autozama, confirmou que o modelo chega para ampliar a quantidade de modelos em oferta por lá, além do ônibus 17.230 OD. “O lançamento da linha Delivery tem sido um sucesso e gerado grande interesse entre os clientes. Apresentamos as melhores qualidades dessa família de veículos a mais de 200 clientes potenciais. Confiamos que esse caminhão será ideal para o nosso mercado por sua grande versatilidade e potencial de uso” , destaca Juan Carlo Gautreau, Gerente Regional da Autozama. Produzido em Resende (RJ), o Delivery Express já é enviado para outros mercados, como México, Aruba, Costa Rica e Guatemala, abrangendo países da América Central e do Sul. O Delivery Express deve ser vendido com motor 2.8 Cummins Turbo Diesel que desenvolve 150cv de potência e 36,7kgfm de torque, acoplado a

Além do Eco, Hitech apresenta o E-Work, um VUC versão maior em tamanho e bateria

Imagem
A Startup brasileira Hitech Electric apresentou no Brasil mais um modelo. Desconhecida da maioria, a empresa vende a Eco Truck e Cargo e também a E-Work, que é um modelo maior e com uma dose maior de conforto que o irmão menor. Se a Eco Truck consegue transportar até 800kg, a E-Work consegue levar até 1.500kg na sua caçamba, possuindo ainda uma velocidade máxima limitada em 80km/h. As baterias recarregam em seis horas e o modelo deve ser vendido com baterias de 20kWh ou 22kWh, com autonomia de até 150km. A E-Work ainda deve ser vendida com carroceria cabine simples ou cabine dupla. De acordo com a Hitech, o modelo possui um gasto de apenas R$15,40 para rodar 150km e ela pode ser recarregada numa estação de recarga rápida em 2 horas. A E-Work é vendida em oito versões: Picape Cabine Simples 20kWh, Picape Cabine Dupla 20kWh, Picape Cabine Simples 22kWh, Picape Cabine Dupla 22kWh, Baú Cabine Simples 20kWh, Baú Cabine Dupla 20kWh, Baú Cabine Simples 22kWh e Baú Cabine Dupla 22kWh. Entre os

Hitech apresenta o Eco, um VUC elétrico que deve ser vendido nas versões picape e furgão

Imagem
Conhecida por ser uma startup brasileira um tanto quanto desconhecida da maioria dos brasileiros, a Hitech vende dois modelos elétricos comerciais leves. O E.co (nas carrocerias Cargo e Truck) e o E-Work. O E.co Truck conta com capacidade de carga de 800kg e possui um motor elétrico que permite velocidade máxima de 60km/h e autonomia de até 200km. Falando em bateria, a Hitech oferece três opções de bateria para a dupla. O modelo garante autonomia de até 80km (7,5kWh), 120km (10kWh) ou 200km (17,5kWh), sendo essa última com duas baterias. A Hitech garante que o modelo recarrega sua bateria em 6 horas. Com espaço para dois ocupantes, ele possui uma garantia de 24 meses e pneus de 165/70 R13. Entre os opcionais, tanto o E.co Truck como a Cargo possuem como opcionais: assistente de direção (R$4.495), HMI (Human Machine Interface, por R$7.999), sistema de Som e Mídia com Bluetooth (R$604) e ar-condicionado (R$3.999). O modelo deve ser vendido com várias opções de cores, tais como amarelo, a

Movi Electric começa a produção dos elétricos em sua fábrica em Toledo (PR)

Imagem
A startup brasileira Movi Eletric começou a produção dos seus primeiros automóveis elétricos no Paraná. O modelo deve ser produzido no parque tecnológico (Biopark) de Toledo (PR) e foram reveladas mais informações sobre o desenvolvimento dos carros. Compacto de dois lugares, eles devem ter três modelos, sendo um compacto e dois utilitários, sendo um com caçamba e outro com baú, em tese, o mesmo carro com duas opções de carroceria. Entre as novidades, os carros devem ser vendido com baú ou caçamba. Os carros devem ser montados no Paraná e terão como principais atrativos o baixo custo de manutenção, autonomia de até 150kW com uma carga única e carregamento em tomadas convencionais de 110V ou 220V, com carregamento das baterias de 5 a 7 horas. O modelo ainda terão velocidade máxima de 50km/h. Voltado para vendas corporativas e órgãos públicos, os modelos devem contar com uma frota inteligente por meio de aplicativo. "Com a produção no Biopark podemos não somente incluir gradualmente

Volkswagen apresenta o novo Delivery Express+, que aposta em itens de segurança

Imagem
A Volkswagen confirmou a estreia do Delivery Express+, uma versão com mais segurança do VUC/caminhão da marca. Com quase 3.400 unidades vendidas no Brasil em 2020, o VUC da marca se tornou vice-líder do segmento, atrás apenas do Hyundai HR. Com a chegada da versão “+”, a Volkswagen espera brigar nesse segmento a ponto de conquistar a liderança deste segmento. “Com o e-commerce aquecido no último ano, o Express favoreceu empreendedores interessados em ter uma logística própria com a robustez de um caminhão e a facilidade de condução de um automóvel. O modelo já é um dos mais desejados da categoria e agora vamos agregar novas oportunidades e tecnologias de segurança para atrair os clientes com o Delivery Express+” , pontua Ricardo Alouche, Vice-Presidente de Vendas, Marketing e Pós-Vendas da Volkswagen Caminhões e Ônibus. Entre as novidades, essa versão passa a ser equipada com itens de segurança como controle de estabilidade (ESC) e de tração (ATC), além de partida em rampa (HSA). Vendi

Hyundai CAOA comemora vendas 3% maiores de HR e HD80 em 2020, mesmo com crise sanitária

Imagem
A Hyundai CAOA comemorou os resultados de vendas de HR e HD80 no mercado brasileiro em 2020. A dupla de comerciais leves da marca coreana tiveram vendas 3% maiores que as de 2019, mesmo enfrentando um ano pandêmico como foi 2020 Foram 4.371 unidades emplacadas da dupla. “Mesmo em um ano muito difícil para todos, a CAOA manteve todos os seus investimentos e seguiu acreditando no Brasil. Essa alta nas vendas dos nossos veículos comerciais, reafirma o sucesso dos utilitários Hyundai HR e Hyundai HD80 por oferecer relação custo x benefício que supera a concorrência" , destaca o Diretor Executivo da CAOA, Roberto Kovacs. Só o HR foi responsável por 4.146 unidades vendidas, seguindo como líder do segmento de VUCs médios, cargo que ocupa há 16 anos no mercado, sendo a sua hegemonia uma das mais extensas atualmente no Brasil. O modelo é produzido em Anápolis (GO) desde 2007, sendo um dos primeiros a inaugurarem a fábrica junto ao primeiro Tucson. Já o HD80, um caminhão, teve 225 unidades

Feito no Brasil, Volkswagen Caminhões inicia exportação do Delivery Express na Guatemala

Imagem
A Volkswagen começou a exportação do Delivery Express, o VUC da marca alemã que é produzido pela Volkswagen Caminhões no Brasil. Foram as primeiras 9 unidades do modelo enviadas para a Guatemala, onde devem ser usado como transporte de refrigerantes da Big Cola. De acordo com a Continental, representante oficial da Volkswagen Caminhões e Ônibus na Guatemala cedeu unidades do modelo para demonstração por cerca de três meses, o que motivou a encomenda do cliente, quando foi lançado por lá. “A performance do Delivery 9.170 na operação da Big Cola demonstrou que o TCO justifica o investimento nos caminhões Volkswagen. Essa é uma ferramenta importante para a tomada de decisão, pois traz informações técnicas para o cliente fazer a aquisição da forma mais assertiva para o seu negócio” , comenta Matheus Francesco, supervisor de Vendas da VW Caminhões e Ônibus. O Delivery Express deve ser vendido com motor 2.8 Cummins Turbo Diesel que desenvolve 150cv de potência e 36,7kgfm de torque, acoplado

Daihatsu apresenta os primeiros detalhes das suas novidades para o Salão do Automóvel de Tóquio

Imagem
A Daihatsu apresentou as primeiras imagens dos seus conceitos para o virtual Salão do Automóvel de Tóquio, no Japão. Como a pandemia fez com que quase todos os eventos do mundo fossem cancelados, a Daihatsu irá ao Salão de Tóquio com cinco conceitos. O primeiro modelo apresentado é o Copen Spyder Ver, que deixa o carro com um novo design e que o aproxima a um kart, com muitos acessórios que podem ser encontrados em um Copen GR Sport. O modelo é desenvolvido com rodas BBS, volante MOMO e uma suspensão especialmente ajustada para essa configuração. Ele possui um motor 0.7 12v que desenvolve 63cv de potência. Além dele, a Daihatsu apresentou o Hijet Truck Sportza Ver, desenvolvido a partir do Hijet convencional. O modelo não conta com teto e converteu o comercial leve em um roadster com um design bem provocativo. O modelo possui um para-brisa reduzido, rodas de liga leve vermelhas e saídas de escape nas laterais. O seu motor terá apenas 50cv. Outro Hijet preparado para o evento foi o Jumb

Foton apresenta a nova geração do Aumark no Brasil, o Aumark S, que estreia por R$177 mil

Imagem
A Foton apresentou a nova geração do Aumark no Brasil, que passa a ser chamado de Aumark S. O VUC começa a ser vendido em substituição do modelo em linha há quase dez anos no mercado e se adequa ao mesmo modelo apresentado em 2018 na China, de acordo com a marca. Eles chegam ao mercado brasileiro em três versões: Citytruck 6.5-15, Citytruck 9-16 e Citytruck 11-16. “Esses veículos serão um novo marco na história da logística urbana brasileira. São caminhões que trazem, de série, itens de conforto e segurança que até então só eram encontrados como opcionais” , comenta Márcio Vita, CEO da Foton no Brasil. Os novos modelos primeiramente chegam importados da China, mas em breve há chances de serem nacionalizados. De acordo com o CEO da marca, “há uma boa expectativa em relação ao desempenho em vendas, uma vez que os veículos trazem atributos de qualidade superiores aos concorrentes e preços mais competitivos” . O novo Aumark chega ao mercado brasileiro com a mecânica Cummins e câmbio ZF, al

Kia apresenta a linha 2021 do Bongo com mais itens de segurança; preço é de R$99.990

Imagem
A Kia apresentou a linha 2021 do Bongo no mercado brasileiro, depois de comemorar a marca de 30 mil unidades do modelo produzidas na fábrica da Nordex, no Uruguai. Nessa última semana a Kia ainda comemorou a fábrica, que fez aniversário de dez anos no país. A linha 2021 do Bongo passa a vir ainda mais equipada, com cinto de segurança de três pontos e ncosto de cabeça para todos os 3 ocupantes. “Ao longo de 2019, com a participação de engenheiros e fornecedores brasileiros e uruguaios, desenvolvemos e testamos os pontos de fixação do cinto e o encosto de cabeça. As novidades, homologadas por certificadoras, asseguram o conforto e a segurança de todos os seus ocupantes, sendo um motorista e dois passageiros” , explica Gustavo Gandini, diretor de Operações da KIA Motors do Brasil. O Kia Bongo é equipado com um motor 2.5 Turbo Diesel que desenvolve 130,5cv de potência com torque de 26kgfm, acoplado a um câmbio manual de 6 marchas. O Bongo é equipado de série com direção hidráulica, vidros

Fábrica da Kia no Uruguai comemora dez anos de atividades com 30 mil unidades produzidas

Imagem
A Kia está comemorando a marca de dez anos da fábrica de Nordex, produzido na província de Montevidéu, no Uruguai. A operação não é própria da Kia, mas o Grupo Gandini decidiu, em 2010, fechar uma parceria com a Nordex pela produção do Bongo na região. Ainda que seja um país pequeno (pouco menor que o estado do Rio Grande do Sul), para o Uruguai os números são bastante positivos, ao ponto do VUC ser o modelo mais produzido no país, nestes dez anos. Durante a década da produção, cerca de 27.500 unidades foram destinadas para o Brasil e as outras 2.500 unidades foram vendidas no próprio Uruguai. O valor de 30 mil unidades faz do modelo o veículo de maior produção da indústria automotiva do Uruguai, que ainda conta com outras marcas como a PSA e a unidade da Lifan/Brilliance. Na época da fábrica da Kia, o Grupo Gandini investiu US$25 milhões na unidade, sendo que outros US$10 milhões foram para modernização da planta e a ampliação da nacionalidade do Bongo, que hoje é de 55%. Atualmente a

Electric Brands apresenta o eBussy na Europa, um comercial leve com até 10 opções de carroceria

Imagem
A Electric Brands revelou as primeiras imagens e o primeiro vídeo do seu primeiro veículo, batizado de eBussy. O modelo é um comercial leve que possui dez tipos de carroceria, adaptando-se aos mais variados tipos de necessidades. O modelo é oferecido com as configurações off-road e cidade, que muda a altura em relação ao solo e os pneus também. O eBussy pode ser um van, um VUC, uma picape e até mesmo um motorhome. O carro conta com quatro motores elétricos, um para cada roda. Cada motor desenvolve 5cv de potência e faz o eBussy tem uma potência de 20cv, com um torque de 100kgfm, justamente porque cada motor atua numa roda. O carro pesa entre 450kg a 600kg sem as baterias. Isso porque ele conta com dois tipos de baterias. O primeiro conta com uma padrão de 10kWh que oferece autonomia de 200km, enquanto a opção de bateria estendida oferece um conjunto de 30kWh que possui 600km de autonomia. Ele conta com um sistema de direção chamado de Drive by Wire. O volante não está conectado a u

FNM confirma retorno com 832 e 833, dois novos caminhões elétricos; produção começa em novembro

Imagem
Nem sempre falamos de caminhões por aqui. Não é bem a nossa praia, muito menos a nossa especialidade. Mas a notícia tem muito a ver com o mercado automotivo nacional, até porque essa empresa já produziu carros no Brasil. Trata-se da FNM, a Fábrica Nacional de Motores, que confirmou o seu retorno. No entanto, a marca deve ser batizada de Fábrica Nacional de Mobilidades, mantendo a famosa sigla que perdurou até 1978. Ela deve voltar a produzir caminhões, em parceria com a Agrale. O plano prevê que a FNM retorne ao mercado brasileiro ainda em 2020, vendendo dois VUCs, oferecendo modelos de 13 e 18 toneladas de peso bruto total. Esses modelos contarão com carroceria em fibra de vidro e o visual deve ser inspirado nos clássicos caminhões da marca, chamados de Fenemê. Apesar do visual ser mais retro, a sua base mecânica deve ser bem moderna. De acordo com informações da nova FNM, o caminhão será um modelo de última geração.  Ele deve contar com um central multimídia em formato de

Postagens mais visitadas deste blog

Chevrolet Tracker PcD volta a ser vendido em breve, mas com mudanças de conteúdo

Reestilização do Volkswagen Jetta chega até 2022, com o inédito motor 1.5 TSI

Opel confirma que deve expandir na América do Sul para três novos países

Pré-venda do Jeep Compass 80 Anos Edition, reestilizado, esgota 1.000 unidades em 48h

VW confirma que Jetta 1.4 TSI sai de cena e sedã é vendido apenas com versão GLI

Substituto do Volkswagen Passat e Arteon, ID.7, aparece na China com pesada camuflagem

Fiat deve revelar o Progetto 363 a conta-gotas e surgem mais alguns detalhes do SUV

Nova geração do Volkswagen Polo pode ser baseado na plataforma MQB-A00

Surgem novas imagens do Nissan 400Z, que deve fazer sua estreia em breve

Curiosidades: Os carros mais vendidos do Brasil em 1995!