Postagens

Mostrando postagens com o rótulo SAIC Motor

Chevrolet testa mais um SUV com carcaça da Wuling, que foi flagrado em testes na China

Imagem
A Chevrolet já desenvolve um novo crossover com base em alguma das marcas chinesas pelas quais a GM possui parceria, como a SAIC. O modelo está em desenvolvimento para ser vendido em alguns países da América Latina, África e Oriente Médio. O carro está em desenvolvimento pela Wuling, mas foi flagrado rodando com um volante da Chevrolet, indicando que ele está em desenvolvimento para também ser vendido pela marca norte-americana. O modelo não possui uma identidade visual da Chevrolet e será mais um carro a destoar os estandes da marca nos países onde será vendido, assim como o Captiva. Pelas imagens, o carro terá entre 4,20 e 4,30 metros de comprimento. Na dianteira, a novidade se destaca por contar com faróis com um estilo mais retangular e conectado com a grade dianteira, que traz uma grade com friso cromado e “U”. O para-choque dianteiro ainda deve ter entradas de ar nas extremidades. Quando visto de lateral, o carro terá uma linha ascendente das janelas, que na coluna C possui um ac

Chevrolet S10 Max é aposta de uma picape média menor que a Colorado para o México

Imagem
A Chevrolet apresentou mais uma picape média no México, batizada de S10 Max. O modelo nada mais é que a Maxus T70 com a gravatinha dourada da marca norte-americana. A novidade chega ao México com o mesmo nome da nossa picape, mas vale destacar que, por lá, a nossa S10 não é oferecida e sim a Colorado, que possui um design um pouco diferente. Por conta da parceria com a SAIC, a picape ganha pequenas novidades como uma nova grade dianteira com o logotipo da Chevrolet. Além disso, a única mudança fica por conta dos logotipos como no volante, quadro de instrumentos, tampa da caçamba e nas rodas. De série, a picape é equipada com 6 airbags, sistema de acesso sem chave, controle de cruzeiro, câmera de ré, ar-condicionado, botão de partida e outros. Por lá, ela será ofertada com opção de Cabine Simples, Cabine Dupla e Chassi. No motor, a Chevrolet vai oferece-la com o 2.4 16v aspirado a gasolina que desenvolve 160cv de potência ou o 2.0 Turbo de 213cv de potência, com um câmbio que pode ser m

Wuling Xingchen será base para mais um SUV da Chevrolet, para mercados latinos

Imagem
A SAIC deve servir à Chevrolet mais uma vez. Com a joint-venture entre a SAIC e a GM, que já originou o Chevrolet Captiva (que é um Baojun 530) e o Chevrolet Groove (que é um Baojun 510), um novo SUV médio chinês usará a gravara dourada da Chevrolet em mercados latino-americanos. Trata-se do recém apresentado Wuling Xiangchen, apresentado no último Salão do Automóvel de Xangai, em abril deste ano. O novo modelo deve ser exportado para alguns países da América do Sul, além do Sudeste Asiático e Oriente Médio. A tática é seguir com o que já fez com outros dois modelos. A proposta é que o novo Chevrolet fique entre o Groove e o Captiva em mercados onde o Tracker não existe. O Xingchem possui 4,594 metros de comprimento, 2,750 metros entre os eixos, 1,820 metro de largura e 1,740 metro de altura. Considerado primo do Baojun 530, o Wuling Xingchem é um SUV de linhas bem simples – e até mesmo genéricas, o que pode ajudar a Chevrolet a adaptá-lo ao seu gosto. As mudanças devem ser mínimas em

Joint-venture entre a GM-SAIC vai produzir seus próprios semicondutores na China até 2026

Imagem
A General Motors confirmou que juntamente com a sua divisão da SAIC na China, vai passar a produzir semicondutores depois da crise que afetou o grupo no mundo todo. De acordo com informações da Agência Reuters, o desenvolvimento do seu componente próprio é feito desde 2018 e as metas é que os chips sejam produzidos na China no prazo de cinco anos. Isso vai permitir que a marca eleve o nível de cooperação com a produção chinesa em uma escala global. Sem sequer imaginar que passariam por uma crise da falta do componente entre 2020 a 2022 (data que deve manter a falta dos componentes no mercado), a GM deve passar a produzir o seu próprio componente, deixando de ficar refém de fornecedores. Além dos semicondutores, GM e SAIC tinham conversado para desenvolver outros componentes como a troca de baterias para seus veículos subcompactos, de acordo com o Congresso Mundial de Veículos de Nova Energia. No Brasil, todas as fábricas da GM pararam a produção. Em comunicado, o grupo disse que "

Volkswagen confirma investimento de 15 bilhões de euros, com 3 joint-ventures, na China

Imagem
A Volkswagen confirmou um investimento maciço na China para o desenvolvimento de modelos elétricos. Junto de três parceiros, a Volkswagen deve fazer o investimento de 15 bilhões de euros em mobilidade na China, maior mercado de carros eletrificados do mundo. O plano prevê que os investimentos devem valer para 2020 a 2024 e o projeto tem a ver com 15 diferentes modelos de carros movidos a bateria ou híbridos plug-in. De acordo com a Volkswagen AG, o investimento deve ser feito em parceria da FAW Group, SAIC Motor e JAC. A marca deve começar a produzir elétricos na China, da linha ID, a partir de outubro. Os modelos devem ser feitos sobre a plataforma modular MEB, sendo que o ID.3 deve estrear as linhas de produção e abrir caminho para o ID.4, que também será feito na China. De acordo com a VAG, as baterias dos modelos deve ser fornecida pela CATL, Guoxuan e A123. Por exemplo, o ID.4, última novidade elétrica da marca Volkswagen apresentada no mundo, deve ser feito na fábrica de Anting,

Postagens mais visitadas deste blog

Única Lamborghini Aventador Ultimae no Brasil está à venda, mas por R$ 8,7 milhões

Curiosidades: Quantos BTUs possui o ar-condicionado de um carro?

Lamborghini apresenta o novo Huracán Super Trofeo Evo 2, com evoluções aerodinâmicas e visuais

Curiosidades: por que o disco de freio parece com ferrugem mesmo sendo novo?

Novo Chevrolet SS poderá ser nosso novo Chevrolet Omega!

SsangYong apresenta o Torres e espera que SUV marque recuperação da marca coreana

Curiosidades: Os carros mais vendidos do Brasil em 2003!

Jeep Commander vai receber dupla de motores maiores, com o 2.0 Turbo e o 2.2 Turbo Diesel

Jeep já vende o novo Renegade com descontos para consumidores com CNPJ em até R$ 13.063