Postagens

Mostrando postagens com o rótulo SAIC Motor

Buick inicia a produção do Electra E5 na China, primeiro elétrico com plataforma BEV3

Imagem
Buick inicia a produção do Electra E5 na fábrica da joint-venture entre SAIC-GM em Wuhan, China, com um motor elétrico duplo de até 287cv A Buick iniciou a produção do seu primeiro veículo elétrico, o Electra E5. O modelo iniciou sua fabricação na fábrica em joint-venture entre a SAIC-GM em Wuhan, China. De acordo com a marca, ele se torna o primeiro SUV de grande porte da marca a ser lançado como elétrico de uma nova linha de produtos que vai nascer dentro de alguns anos. Com o início da pré-produção do Electra E5, a SAIC-GM celebrou a inauguração de sua fábrica em Wuhan Ultium. A instalação de última geração foi atualizada para incluir a montagem do veículo e da bateria para suportar a futura implantação de EV. A gama de motores elétricos é desenvolvido a partir da plataforma modular elétrica BEV3, vindo com baterias Ultium. Na mecânica, o SUV tem uma bateria de 68,4kWh que oferece 545km de autonomia. Ele ainda tem uma bateria de 79,7kWh que oferece 620km de autonomia. A Buick conf

Volkswagen quer abandonar câmbio manual na China até o final deste mês, com a SAIC

Imagem
Volkswagen encerrará a produção de automóveis com câmbio manual na China ainda neste mês de março, de acordo com informações Parece que está cada vez mais difícil para a transmissão manual se manter em linha no futuro. Na China, um documento vazado informa que os últimos carros com transmissão manual serão produzidos até o final deste mês, ou seja, em poucos dias. A informação vazada surgiu da joint-venture que a Volkswagen possui com a SAIC. O documento vazado foi enviado para a fábrica de transmissão da SAIC-VW em Xangai. O documento vazado caiu em mãos do pessoal do Autohome , que confirmou a veracidade dos fatos. Além disso, a Volkswagen encerraria a produção na fábrica e venderia os ativos, desde maquinário até mesmo a fábrica. A decisão tomada foi antecipada por conta da boa demanda que os carros automáticos tem recebido na China. Além disso, carros híbridos e elétricos têm forçado esse movimento de fim do manual. Atualmente, os carros da SAIC-VW que ainda possuem uma opção d

Wuling inicia a produção do Air na Indonésia, primeiro elétrico da SAIC feito fora da China

Imagem
Wuling dá início a produção do Air EV na Indonésia e é o primeiro elétrico da marca a ser feito fora da China, mas ainda pela SAIC-GM A Wuling deu o start na produção do Air EV no mercado tailandês. O hatch subcompacto e elétrico estreia a sua linha de produção na unidade Bekasi, também chamada de SAIC-General Motors Wuling (SGMW) Motor Indonesia, em Cikarang, estado de Java Ocidental. O hatch é desenvolvido a partir de uma nova plataforma, a Global Small Electric Vehicle (GSEV) da SGMW. A partir da Indonésia, a Wuling vai exportar o Air para uma série de mercados. De acordo com a marca, o Air vai chegar em mercados onde ainda existem poucos elétricos acessíveis. Além da China, ele será vendido na Indonésia, que produz, o Egito e a Índia. O evento ainda contou com a presença de executivos e lideranças governamentais do país. “O Air EV é a mais nova versão de veículos elétricos baseados em bateria fabricados pela SGMW para o mundo, e a Indonésia se tornou a primeira estação” , disse o

Chevrolet testa mais um SUV com carcaça da Wuling, que foi flagrado em testes na China

Imagem
A Chevrolet já desenvolve um novo crossover com base em alguma das marcas chinesas pelas quais a GM possui parceria, como a SAIC. O modelo está em desenvolvimento para ser vendido em alguns países da América Latina, África e Oriente Médio. O carro está em desenvolvimento pela Wuling, mas foi flagrado rodando com um volante da Chevrolet, indicando que ele está em desenvolvimento para também ser vendido pela marca norte-americana. O modelo não possui uma identidade visual da Chevrolet e será mais um carro a destoar os estandes da marca nos países onde será vendido, assim como o Captiva. Pelas imagens, o carro terá entre 4,20 e 4,30 metros de comprimento. Na dianteira, a novidade se destaca por contar com faróis com um estilo mais retangular e conectado com a grade dianteira, que traz uma grade com friso cromado e “U”. O para-choque dianteiro ainda deve ter entradas de ar nas extremidades. Quando visto de lateral, o carro terá uma linha ascendente das janelas, que na coluna C possui um ac

Chevrolet S10 Max é aposta de uma picape média menor que a Colorado para o México

Imagem
A Chevrolet apresentou mais uma picape média no México, batizada de S10 Max. O modelo nada mais é que a Maxus T70 com a gravatinha dourada da marca norte-americana. A novidade chega ao México com o mesmo nome da nossa picape, mas vale destacar que, por lá, a nossa S10 não é oferecida e sim a Colorado, que possui um design um pouco diferente. Por conta da parceria com a SAIC, a picape ganha pequenas novidades como uma nova grade dianteira com o logotipo da Chevrolet. Além disso, a única mudança fica por conta dos logotipos como no volante, quadro de instrumentos, tampa da caçamba e nas rodas. De série, a picape é equipada com 6 airbags, sistema de acesso sem chave, controle de cruzeiro, câmera de ré, ar-condicionado, botão de partida e outros. Por lá, ela será ofertada com opção de Cabine Simples, Cabine Dupla e Chassi. No motor, a Chevrolet vai oferece-la com o 2.4 16v aspirado a gasolina que desenvolve 160cv de potência ou o 2.0 Turbo de 213cv de potência, com um câmbio que pode ser m

Wuling Xingchen será base para mais um SUV da Chevrolet, para mercados latinos

Imagem
A SAIC deve servir à Chevrolet mais uma vez. Com a joint-venture entre a SAIC e a GM, que já originou o Chevrolet Captiva (que é um Baojun 530) e o Chevrolet Groove (que é um Baojun 510), um novo SUV médio chinês usará a gravara dourada da Chevrolet em mercados latino-americanos. Trata-se do recém apresentado Wuling Xiangchen, apresentado no último Salão do Automóvel de Xangai, em abril deste ano. O novo modelo deve ser exportado para alguns países da América do Sul, além do Sudeste Asiático e Oriente Médio. A tática é seguir com o que já fez com outros dois modelos. A proposta é que o novo Chevrolet fique entre o Groove e o Captiva em mercados onde o Tracker não existe. O Xingchem possui 4,594 metros de comprimento, 2,750 metros entre os eixos, 1,820 metro de largura e 1,740 metro de altura. Considerado primo do Baojun 530, o Wuling Xingchem é um SUV de linhas bem simples – e até mesmo genéricas, o que pode ajudar a Chevrolet a adaptá-lo ao seu gosto. As mudanças devem ser mínimas em

Joint-venture entre a GM-SAIC vai produzir seus próprios semicondutores na China até 2026

Imagem
A General Motors confirmou que juntamente com a sua divisão da SAIC na China, vai passar a produzir semicondutores depois da crise que afetou o grupo no mundo todo. De acordo com informações da Agência Reuters, o desenvolvimento do seu componente próprio é feito desde 2018 e as metas é que os chips sejam produzidos na China no prazo de cinco anos. Isso vai permitir que a marca eleve o nível de cooperação com a produção chinesa em uma escala global. Sem sequer imaginar que passariam por uma crise da falta do componente entre 2020 a 2022 (data que deve manter a falta dos componentes no mercado), a GM deve passar a produzir o seu próprio componente, deixando de ficar refém de fornecedores. Além dos semicondutores, GM e SAIC tinham conversado para desenvolver outros componentes como a troca de baterias para seus veículos subcompactos, de acordo com o Congresso Mundial de Veículos de Nova Energia. No Brasil, todas as fábricas da GM pararam a produção. Em comunicado, o grupo disse que "

Volkswagen confirma investimento de 15 bilhões de euros, com 3 joint-ventures, na China

Imagem
A Volkswagen confirmou um investimento maciço na China para o desenvolvimento de modelos elétricos. Junto de três parceiros, a Volkswagen deve fazer o investimento de 15 bilhões de euros em mobilidade na China, maior mercado de carros eletrificados do mundo. O plano prevê que os investimentos devem valer para 2020 a 2024 e o projeto tem a ver com 15 diferentes modelos de carros movidos a bateria ou híbridos plug-in. De acordo com a Volkswagen AG, o investimento deve ser feito em parceria da FAW Group, SAIC Motor e JAC. A marca deve começar a produzir elétricos na China, da linha ID, a partir de outubro. Os modelos devem ser feitos sobre a plataforma modular MEB, sendo que o ID.3 deve estrear as linhas de produção e abrir caminho para o ID.4, que também será feito na China. De acordo com a VAG, as baterias dos modelos deve ser fornecida pela CATL, Guoxuan e A123. Por exemplo, o ID.4, última novidade elétrica da marca Volkswagen apresentada no mundo, deve ser feito na fábrica de Anting,

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat confirma que o futuro interior dos seus carros terão inspiração no clássico Lingotto

BYD lança no Brasil promoção para interessados em seus carros durante este mês de junho

Toyota confirma produção do primeiro elétrico nos EUA em 2025, no estado de Kentucky

Lynk & Co revela um novo teaser do Zero, que será o primeiro veículo 100% BEV da marca

Hyundai apresenta oficialmente o Ioniq 5 N, a versão esportiva com motor de 609cv

Hyundai apresenta a linha 2025 de HB20, HB20S, Creta Action e Creta no Brasil com novidades

GWM vai produzir primeiro o Haval H6 na fábrica de Iracemápolis (SP) por alguns motivos

Stellantis investe em Rennes, inaugura fábrica de baterias e fecha parceria com a Vulcan

Fiat lança a linha 2025 de Mobi, Strada, Pulse, Fastback e Fiorino no Brasil com novidades

InMetro confirma que vai cortar autonomia dos carros elétricos em 30% no ciclo PBEV