Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Bravo

Bravo revela mais algumas informações da sua operação, que inicia em 2024 na região

Imagem
A Bravo Motor Company confirmou que vai apostar na cidade de Nova Lima (MG) para a produção dos seus primeiros carros elétricos a partir de meados de 2024. A startup argentina confirmou que quer produzir no Brasil, automóveis e baterias. A Bravo conta com nacionalidade argentina, tem sede nos Estados Unidos e uma parceria com a Federação das Indústrias de Minas Gerais (Fiemg). Neste ano, a empresa confirmou um investimento de R$ 25 bilhões para o Governo de Minas Gerais para a produção. Esse valor incluem os recursos que devem ser aplicados até meados de 2029, com capacidade de gerar 13.813 empregos. O estado ainda pode receber investidas para a produção de baterias de lítio para estes veículos elétricos, com objetivo de se tornar um Polo Industrial de elétricos no mercado. A localidade de sua fábrica teria sido escolhida como ponto estratégico para a exportação. A meta da empresa é produzir cerca de 24.000 unidades ao ano, abastecendo o mercado interno e a exportação. A marca quer com

Bravo escolhe a cidade de Nova Lima (MG) para erguer uma fábrica de automóveis elétricos

Imagem
Enquanto o mercado brasileiro ainda não tem definição quanto a produção de automóveis elétricos em nosso mercado, algumas empresas já miram que o Brasil possa ter algum potencial. É o caso da Bravo Motors, que pode erguer uma fábrica em Nova Lima (MG), de acordo com informações reveladas pela CNN Brasil . De acordo com o Prefeito de Nova Lima, João Marcelo Dieguez Pereira, disse que assinou uma carta de intenções com a Bravo Motors Company para a construção de uma fábrica na cidade. De acordo com Pereira, um pacote tributário que deve "passa pela isenção do IPTU nas fases de construção, implantação e ramp-up e isenção de ITBI. Além disso o ISS será de 0% a 5% por dez anos. Em cerca de cinco anos nós vamos ter carros elétricos automatizados aqui, com a expectativa é de que de 10% a 13% das baterias elétricas do planeta sejam produzidas em Nova Lima." , destacou o prefeito. A Prefeitura de Nova Lima ainda destacou que deve ter uma isenção de Imposto de Propriedade de Veículos A

Bravo Motors deve ter fábrica de veículos elétricos no estado de Minas Gerais

Imagem
O estado de Minas Gerais pode ser o foco de uma fabricante de modelos elétricos, ainda startup, chamada Bravo Motors. A marca é chamada de Bravo Motor Company pode erguer uma fábrica na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Chamado de Projeto Colossos, a produção destes carros elétricos no local, o investimento deve ser de R$25 bilhões. Esse valor incluem os recursos que devem ser aplicados até meados de 2029, com capacidade de gerar 13.813 empregos. O estado ainda pode receber investidas para a produção de baterias de lítio para estes veículos elétricos, com objetivo de se tornar um Polo Industrial de elétricos no mercado. “É um empreendimento que abre um cenário muito positivo para o futuro. Sabemos que, nas próximas décadas, a indústria automobilística deverá se reinventar totalmente, passando do tipo de motorização atual para motores elétricos. Vamos começar esse processo em Minas Gerais e no Brasil. Faremos tudo para que essas raízes fiquem muito consistentes e, independentement

Postagens mais visitadas deste blog

Renault vai trazer 1º lote de 500 unidades do Kwid E-Tech Electric a partir de agosto

Chery desenvolve a chegada do eQ1 ao mercado brasileiro, candidato a elétrico mais barato

Volvo abre pré-venda do novo XC40 Recharge Electric P6, com motor de 231cv, por R$ 309.950

Surgem projeções de como pode ficar o Renault 'StepWay', que estreia no Brasil em 2023

Site confirma a escolha da Fiat para o nome do SUV oriundo do Projeto 376: Fastback

Com fechamento da fábrica, Chery Tiggo 3X sai de linha e Arrizo 6 virá importado da China

Porsche Panamera receberá nova geração em 2023 e central antecipa desenho do carro

Jeep confirma o lançamento da Gladiator para breve no Brasil; picape terá motor 3.6 V6

Volkswagen desenvolve um Polo Hybrid com motor eTSI, que chega na reestilização

Chery fecha fábrica de Jacareí (SP) até 2025, quando retoma produzindo híbridos e elétricos