Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Fábricas

Fábrica da VW em São Bernardo do Campo vai aderir a layoff e terá só um turno em novembro

Imagem
A Volkswagen confirmou que a fábrica de São Bernardo do Campo (SP) vai trabalhar, a partir de de novembro, apenas em um turno. Com isso, a marca alemã confirmou que vai colocar os funcionários do segundo turno em lay-off, segundo informações do site Automotive Business. São cerca de 1.500 funcionários que voltam à linha de produção apenas dentro de dois a cinco meses (!). A informação foi confirmada pelo Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo do Campo, fazendo com que a produção de modelos como Saveiro, Polo, Virtus e Nivus sejam parcialmente realizada. O motivo dessa ação é a falta de componentes para a produção dos carros, que vem afetando em cheio a fabricação em várias partes do mundo, incluindo o Brasil. Só neste ano, a fábrica de São Bernardo do Campo já parou algumas vezes. Pelas nossas contas foram quatro paradas que foram avisadas por sindicatos, mas não se sabe se esse número foi maior. Já as demais fábricas da Volkswagen de Taubaté (SP) e de São José dos Pinhais (PR) vol

Primeiro carro da Xiaomi é confirmado para ser lançado em 2024; produção será com a GWM

Imagem
A Xiaomi confirmou que vai apresentar o seu primeiro automóvel em 2024, algo que antes era tratado apenas como rumor. A marca de eletrônicos revelou que o seu primeiro automóvel será grande parte do investimento de US$ 10 bilhões que a marca vai fazer nos próximos anos para tornar o carro realidade. Informações dão conta ainda que ele será produzido em parceria com a Great Wall, assim como a Nio fez com a JAC, por exemplo. A produção inicial vai contar com lotes maiores para abastecer o mercado local, mas também com pequenos lotes para exportação, com locais ainda indefinidos. Previsto para ser lançado em 2024, mais precisamente no primeiro semestre deste ano, esse primeiro carro da Xiaomi será apenas a porta de entrada da marca no mundo dos automóveis. Acredita-se que a empresa lance um novo modelo a cada três anos, ou seja, será um processo lento, mas mais sólido. Ao todo, estão previstos quatro modelos. Assim, é esperado que se tenha lançamentos em 2024, 2027, 2030 e 2033. A Xioami

Citroën C3 será o primeiro de três modelos com base CMP que serão produzidos em Porto Real

Imagem
A Citroën revelou informações sobre o desenvolvimento do novo C3 para chegar ao Brasil em 2022. O modelo será o primeiro a vir com a plataforma modular CMP, que será o primeiro automóvel com essa base a ser produzido em Porto Real (RJ). A Commom Modular Platform (CMP) pode ser usada em veículos dos segmentos B e C (compactos e médios), usando componentes novos como suspensões, componentes elétricos e eletrônicos e até o powertrain. E todas essas definições, baseadas na plataforma do veículo, garantem sua performance, dirigibilidade, conforto, estabilidade e segurança, por exemplo. “Os produtos fabricados em nossas diferentes e modernas plataformas são complementares e distintos. A Stellantis está na vanguarda quando falamos em tecnologia no mundo e na América Latina isso não é diferente. Temos excelentes estruturas, equipamentos, laboratórios, espaços para realizar todos os tipos de testes previstos no desenvolvimento de um veículo. Tudo isso com equipes altamente capacitadas para cond

Volkswagen comemora aniversário de 25 anos da fábrica de São Carlos (SP), de motores

Imagem
Inaugurada em 1996, a fábrica de motores da Volkswagen em São Carlos (SP) comemorou 25 anos de operação, chegando a marca de 12,5 milhões de unidades produzidas. Em todo esse tempo, a fábrica recebeu investimentos contínuos ao ponto de passar até mesmo a exportar os motores para outros mercados. A fábrica conta com 87.000m² de área construída, aumento de 200% em relação à fábrica original, inaugurada em 1996. “Temos muito orgulho da história que estamos construindo na região. A nossa unidade abastece hoje tanto o mercado interno quanto externo, somando mais de 12,5 milhões de motores produzidos” , ressalta Cesar Drazul, Plant Manager da fábrica de São Carlos. Atualmente, a Volkswagen produz os motores EA111 e EA211, que equipam modelos como Taos, Nivus, T-Cross, Virtus, Polo, Tiguan, Gol, Voyage e Saveiro. Além disso, a fábrica de São Carlos já enviou cerca de 450.000 unidades de motores para o México, desde 2017. Em 2021, a unidade ainda chegou à marca de 2.000.000 de motores TSI prod

Terceira geração do Nissan Leaf será um crossover cupê que será apresentado em 2025

Imagem
A Nissan já trabalha em uma nova geração do Leaf, que ainda nem foi reestilizado. O hatch médio é um dos elétricos mais vendidos do mundo, mas que na sua terceira geração passará pela maior transformação desde a sua estreia. Rumores indicam que o novo Leaf vai se tornar um crossover, baseado no EV36Zero Concept, revelado em primeiras imagens. De acordo com informações do site Autocar, a terceira geração será apresentada em 2025, informação confirmada pelo CEO da Nissan Europa, Guillaume Cartier. Ele vai manter sua produção em Sunderland, na Inglaterra, que vai receber um aporte de 1 bilhão de libras para a sua renovação. "Vamos procurar a Aliança para uma formação completa e trens de força. Um assunto que ainda está aberto é a chegada do [sucessor do porte do Micra]. O ponto chave é como oferecermos algo da Aliança com a marca Nissan. Estrategicamente, apostamos na eletrificação. Se investirmos no EU7, o custo da evolução é cerca de metade da margem de lucro por carro, cerca de 20

Stellantis e LG se unem para criar e produzir células e módulos para baterias nos EUA

Imagem
A Stellantis confirmou uma parceria com a LG Energy Solutions para o desenvolvimento dos seus futuros carros elétricos. Ambas as empresas terão uma joint-venture para produzir módulos e células de baterias para elétricos na América do Norte. A parceria vai fazer com que as empresas construam, juntas, uma fábrica com capacidade anual de 40GWh ao ano, que vai começar a produção em meados de 2024. Na América do Norte, a Stellantis espera que 40% das vendas sejam de modelos elétricos em 2030. A fábrica vai abastecer as fábricas da América do Norte e Central. "O anúncio de hoje é mais uma prova de que estamos implantando nosso agressivo roteiro de eletrificação e estamos cumprindo os compromissos que fizemos durante nosso evento do EV Day em julho. Com isso, determinamos agora a próxima 'gigafactory' que chega ao portfólio da Stellantis para nos ajudar a alcançar um mínimo total de 260 GWh de capacidade até 2030. Quero agradecer calorosamente a cada pessoa envolvida neste proj

Renault confirma o fim de linha do Kwid na Argentina... por questões cambiais do governo

Imagem
Depois de estar à venda na Argentina desde novembro de 2017, o Renault Kwid saiu de cena por lá. O motivo, no entanto, não veio da Renault. O fim de linha do hatch ainda parece ser temporário. O motivo do seu fim por lá são as restrições de importação impostadas pelo governo local, segundo o Argentina Autoblog . Produzido em São José dos Pinhais (PR), o Kwid é um dos carros que são produzidos aqui e enviados para a Argentina. Em troca, nenhum Renault vem mais da Argentina para o Brasil, desde o fim de linha do Kangoo a combustão. Por isso, a Renault foi questionada pelo governo argentino sobre sua balança comercial, por estar operando mais como “uma importadora que uma fabricante”. “Devido a problemas de disponibilidade gerados por restrições de importação e com o objetivo de promover veículos de fabricação nacional, fomos obrigados a tomar a decisão de suspender temporariamente a comercialização do modelo Kwid em nosso país. Sabemos que o Kwid é um veículo de grande aceitação pelo púb

Jeep Compass comemora aniversário de 5 anos da produção nacional, com 315 mil unidades

Imagem
Laçado no Brasil há cinco anos, a Jeep está comemorando o aniversário de cinco anos da segunda geração do Compass no nosso mercado. Segundo Jeep nacional na história moderna da marca, o Compass foi o terceiro modelo produzido na unidade de Goiana (PE). “O Compass é um verdadeiro case de sucesso da Jeep. Ele chegou com a função de ditar um novo rumo para o mercado de SUVs, o que de fato cumpriu. Inclusive, trouxe para a sua categoria um alto nível de tecnologia, sofisticação e design. Neste ano, todos estes atributos ficaram ainda mais evidentes com o Novo Compass, que também foi responsável por trazer a performance da nova motorização T270 turbo flex. Esta combinação perfeita resultou em mais marcos para a história da Jeep, sendo que a nova geração apresentada em 2021 foi um sucesso desde a sua pré-venda” , destaca Alexandre Aquino, Diretor do Brand Jeep para a América Latina. Desde o seu lançamento em 2016, a Jeep já produziu cerca de 315 mil unidades, sendo que cerca de 280 mil unida

Tesla Roadster também tem produção adiada para 2023, por falta de semicondutores

Imagem
A Tesla confirmou que o Roadster também vai ter a sua produção adiada. Assim como aconteceu com a Cybertruck, o hiperesportivo elétrico vai passar a ser produzido apenas em 2023, um atraso de quase dois anos em relação ao plano inicial, que assim como a picape seria ainda em 2021. Apresentado como protótipo em 2017, o carro só estará disponível seis anos depois. De acordo com Elon Musk, CEO da marca, o motivo do atraso estaria ligado com a pandemia e os problemas de abastecimento de componentes como semicondutores, dos quais o Roadster vai usar bastante por ser um carro com uma alta carga de tecnologia embarcada. “O mais provável é que vejamos a produção do Cybertruck no próximo ano e, em seguida, alcance um volume de produção em 2023. Oxalá até então possamos estar produzindo o Tesla Semi e o novo Roadster em 2023 também. Deveremos superar nossa grave escassez da linha de fornecimento em 2023. Sou otimista de que esse será o caso;  2021 tem sido o ano de uma escassez super maluca nos

Mercedes-Benz AMG One é confirmado para enfim começar a ser produzido em 2022

Imagem
A Mercedes-Benz enfim confirmou que o AMG One vai começar a ser produzido no início de 2022. Apresentado como protótipo em 2017, é possível que sua produção comece no primeiro trimestre do ano que vem. Depois de ser considerado um rumor, a produção do AMG One foi confirmada pela Mercedes para ocorrer em 2022. O motivo desse atraso seria adaptar o carro aos novos padrões de emissões de poluentes na Europa, que gerou uma tremenda dor de cabeça aos engenheiros. O motivo é simples: o AMG One usará um motor 1.6 V6 de Fórmula 1 adaptado em um carro de produção para rodar em ruas. O motor híbrido em questão é o 1.6 V6 Turbo que desenvolve 680cv de potência com rotação máxima de 11 mil rpm. Como trabalha sem flutuação de válvulas, há um controle pneumático delas, além das molas. O conjunto ainda conta com motor turbo elétrico que segundo a Mercedes é 40% mais eficiente termicamente falando. Os dois motores elétricos desenvolvem 163cv de potência cada e giram a 50 mil rpm. Com os dois motores e

Renault consegue mais funcionários em seu PDV do que precisava em São José dos Pinhais

Imagem
A Renault confirmou que conseguiu atingir a sua meta para os funcionários na fábrica de São José dos Pinhais (PR) em seu Plano de Demissão Voluntária (PDV). Cerca de 500 funcionários aceitaram o plano até a última sexta-feira, 15. O volume representou o dobro de trabalhadores esperados para o PDV, que era de 250 funcionários. Caso o plano PDV não desse certo, a Renault partiria para o Plano de Demissão Involuntária (PDI) ou até mesmo ao lay-off. De acordo com a marca francesa, será preciso cortar cerca de 550 funcionários de um total de 5.000 que operam nas fábricas. Para aderir ao plano, serão pagos 10 salários mínimos, verbas rescisórias e plano de saúde ativo por seis meses. Dos 550 funcionários, outros 300 funcionários deveriam ser desativados em layoff, com redução da jornada de trabalho em 18 dias. A fábrica paranaense, responsável pela produção de Kwid, Sandero, Logan, Duster, Oroch, Captur e Master (além da fábrica de motores). “A crise de componentes a nível mundial, da indúst

TRT encerra greve da Chevrolet em São Caetano do Sul (SP), depois de duas semanas paralisadas

Imagem
A Chevrolet voltou a produzir normalmente na fábrica de São Caetano do Sul (SP), responsável pela produção de Tracker, Spin, Joy e Joy Plus. Parada por greve dos funcionários desde o início do mês, a unidade voltou a produção no último dia 14, na quinta-feira passada. De acordo com o Presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de São Caetano do Sul, Aparecido Inácio da Silva, a maioria dos funcionários presentes sinalizaram em votação a permanência do estado do greve, mas uma decisão do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) ordenou o retorno da produção. “Agora precisamos ver como será a votação no período da noite. Estaremos na porta da fábrica para decidir se o turno seguirá em greve ou se voltará ao trabalho”, destacou Aparecido na data referente, 14/10. De acordo com a decisão do TRT-2, cada empregado que não voltasse ao trabalho estaria sob pena de multa de R$ 50 mil reais por dia, em caso de descumprimento. O motivo da greve dos trabalhadores foi porque os funcionários não aceitaram o

Tesla Cybertruck deve ficar apenas para 2023; site some com preços e informações da picape

Imagem
De 2021 para 2022 e agora para 2023. A Tesla decidiu adiar mais uma vez o início da produção da Cybertruck. O motivo seria a cadeia de fornecedores para a picape, que jogaram outro balde de água (bem) fria na marca, o que deve dar mais tempo para a concorrência lançar os seus modelos elétricos até lá. Com a crise dos semicondutores, isso piorou ainda mais os planos de Elon Musk, CEO da marca, a lançar a picape no cronograma inicial. No site da Tesla, a marca norte-americana retirou informações da picape, como preços e especificações técnicas. Apresentada em três versões, a picape foi revelada com preços de US$ 39.900, US$ 49.900 e US$ 69.900 em três versões. Em agosto deste ano, a marca tinha confirmado o primeiro atraso no início da produção da picape, que atrasou por conta da não-finalização da Gigafactory do Texas, na cidade de Austin, nos Estados Unidos. E o atraso já poderia estar ligado a dois fatores na época. O primeiro deles seria a falta de componentes eletrônicos que a picap

XPeng chega a marca de 100.000 unidades produzidas na China com uma unidade do P7

Imagem
A XPeng se tornou mais uma das novatas marcas chinesas a romper a barreira das 100.000 unidades produzidas. A marca conquistou recentemente as primeiras 10.000 unidades produzidas em apenas um mês de produção, com o P7, G3 e P5. Foram 7.500 unidades do P7 e 2.600 unidades do G3. "Hoje, alcançamos um novo marco com o 100.000º veículo XPeng saído da linha de produção. Hoje também marca um novo capítulo de nossa jornada compartilhada para explorar soluções de mobilidade mais inteligentes, verdes, seguras e sustentáveis. #GoElectric #Substainability" , destacou a empresa em comunicado. A chegada do P5 na linha deve aumentar a capacidade de produção da marca, tanto para atender a China como os demais mercados. Das 100 mil unidades, 60 mil unidades foram do P7, produzidas na unidade de XPeng Zhaoqing Smart EV, na província de Guangdong. Essa fábrica deve passar por um processo de expansão de 100 mil unidades por ano para 200 mil unidades ao ano. Já o G3 é produzido em parceria com

Anunciada há um ano, Hongqi inicia exportação para a Europa com o SUV elétrico E-HS9

Imagem
Depois de confirmar há um ano que iria chegar na Europa, a Hongqi envia as primeiras unidades do E-HS9 para o Velho Continente. A exportação foi iniciada com festa na China, sendo que as primeiras unidades desembarcam na Noruega, que vem se tornando o berço das marcas chinesas na Europa. O envio das primeiras unidades do Hongqi E-HS9 é só o começo da exportação. Na Noruega, a Hongqi disse que já recebeu o pedido de 500 consumidores pelo utilitário esportivo elétrico. O primeiro lote de unidades embarcou na cidade de Changchun, província de Jilin, no dia 29/09. O E-HS9 conta com dois motores elétricos, um para cada eixo. Cada um desenvolve 215cv de potência e 35,69kgfm cada, ou seja, ele desenvolve 430cv de potência quando combinados, com torque de 71,38kgfm. O modelo possui uma versão topo de linha, com um novo motor na traseira e com um motor que desenvolve 329cv na traseira e 215cv na frente. Juntos, eles entregam 544cv, com uma bateria de 92,4kWh. De acordo com a Hongqi, o modelo po

Hyundai confirma que vai produzir seus próprios semicondutores em alguns anos

Imagem
Depois de sofrer muito com a crise dos semicondutores, várias empresas já confirmaram que vão passar a produzir seus próprios semicondutores, tanto na indústria automotiva como em outros ramos. A Hyundai entrou para este grupo de empresas que já definiu que vai passar a produzir seus próprios chips para a fabricação de seus carros. A confirmação foi dada por Jose Muñoz, Diretor de Operações Globais da Hyundai Motor Company, em entrevista ao Automotive News Europe . "A indústria (de chips) está reagindo muito, muito rápido. Mas também no nosso caso, queremos ser capazes de desenvolver nossos próprios chips dentro do grupo, por isso somos um pouco menos dependentes em uma situação potencial como esta. Isso exige muito investimento e tempo, mas é algo em que estamos trabalhando." , destacou Muñoz. O braço da montadora, a Hyundai Mobis, também confirmou que a divisão será essencial para a produção de chips a fim de diminui a dependência da Ásia para a produção dos componentes. Mu

Honda abre PDV em Sumaré e Itirapina; produção será toda transferida para Itirapina

Imagem
A Honda abriu um Programa de Demissão Voluntária (PDV) para as fábricas de Sumaré (SP) e Itirapina (SP). As duas fábricas hoje tem cerca de 3.000 funcionários que produzem os modelos nacionais como Civic, HR-V, City, Fit e WR-V. Até dezembro deste ano, todos os modelos da marca serão produzidos em Itirapina (SP), encerrando a produção de automóveis em Sumaré, que vai passar a abrigar uma nova função. A transferência da produção começou em 2019 e será encerrado neste ano. “Tendo em vista a necessidade da empresa de se adaptar a esse novo ambiente de negócios, impactado pela pandemia da Covid-19, e o momento de transferência de colaboradores da unidade de Sumaré para Itirapina, a Honda Automóveis está realizando um programa de demissões voluntárias. O objetivo é oferecer condições para uma transição segura àqueles que contribuíram com a empresa ao longo de suas carreiras” , destacou a Honda em comunicado. Com o PDV, a Honda vai oferecer 12 meses de salários adicionais, vale-alimentação d

Mercedes-Benz AMG GT vai sair de linha ainda em 2021; esportivo foi apresentado em 2014

Imagem
Depois de sete anos de mercado, a Mercedes-Benz vai encerrar a produção do AMG GT no final deste ano. O modelo vai sair de linha nas versões cupê e conversível, ambos de duas portas. O único que se mantém em linha será o AMG GT4, sedã com ares cupê. Substituto do SLS AMG, o AMG GT já não aceita mais pedidos de encomendas na Europa, sendo que as últimas unidades produzidas são da Black Edition. Equipado com motor 4.0 V8 TwinTurbo que desenvolve 475cv de potência e torque de 64,1kgfm e a versão C conta com o mesmo motor, mas com 557cv de potência e torque de 69,2kgfm, o esportivo saiu de cena com o motor 4.0 V8 biturbo que desenvolve 730cv de potência e torque de 81,5kgfm, acoplado a um câmbio automático de dupla embreagem AMG SPEEDSHIFT de 7 marchas, que ganha novas relações e possui trocas de marchas mais rápidas, apresentado na versão Black Series. De acordo com a Mercedes-Benz, o modelo acelera de 0 a 100km/h em 3,2 segundos e chega aos 200km/h em menos de 9 segundos. A velocidade má

Maserati transfere sua produção de Grugliasco para Turim, de onde fazia Ghibli e Quattroporte

Imagem
A Stellantis confirmou que vai transformar a fábrica de Turim, na Itália, em um centro de veículos elétricos. O grupo ítalo-franco-americano vai produzir automóveis com uma nova plataforma para a produção apenas de carros elétricos. Com isso, a produção dos modelos da Maserati será transferida de Grugliasco para Turim, onde Ghibli e Quattroporte serão realocados. Os 1.100 funcionários da fábrica também vão ser realocados, visto que as fábricas estão distantes apenas em 4km. Assim, a unidade de Grugliasco passa a produzir apenas componentes. A fábrica de Turim deve passar a produzir apenas modelos eletrificados a partir de 2025, ou seja, a produção dos modelos da Maserati, como conhecemos, será por pouco tempo. Com isso, marca o fim da produção de automóveis em Grugliasco, o que vai diminuir os custos de produção nas fábricas existentes. Também conhecida como Mirafiori, a fábrica de Turim vai passar a produzir também um novo modelo em breve. O Maserati Grecale será feito na unidade, que

Keyu confirma produção nacional da EcoPick, que será em Cariacica (ES) a partir de 2022

Imagem
A Keyu já vende a EcoPick no mercado brasileiro, mas tem a intenção de produzir o modelo no mercado. A partir de 2022, a picapinha ondoor e elétrica da marca vai passar a ser produzida nacionalmente. Contando com o mesmo importador da Keyton, as marcas vão contar com uma fábrica em Cariacica (ES). O local da fábrica está em fase final de acerto e vai ser gerenciado pelo importador, que conta com quase 50 anos de atuação no mercado brasileiro e no Mercosul. A fábrica deve gerar cerca de 300 empregos e terá uma capacidade de produção de 10.000 unidades ao ano. Ao que tudo indica, primeiramente a fábrica deve operar com a Keyu, mas quando a Keyton chegou ao mercado foi confirmado que também cogitava a produção nacional. A EcoPick é vendida com preço de R$68.500 e é basicamente o mesmo modelo que já está à venda desde maio, mas chamada de EcoTruck. Com velocidade máxima de 50km/h, a picape deve ser usada apenas para locais fechados e áreas particulares, ou seja, é um modelo que não pode se

Postagens mais visitadas deste blog

Jeep Compass possui fila de espera até 2022 pra algumas versões por falta de semicondutores

Sem nenhum emplacamento, Jeep Commander já possui longa fila de espera de até 6 meses

Chery Arrizo 6 Pro terá condições especiais no seu mês de lançamento, para financiamento

Último Troller T4 produzido será vendido por R$ 299.990; unidade está localizada em Natal (RN)

Fiat Pulse Abarth está em desenvolvimento e será apresentado em 2022, de acordo revista

Curiosidades: por que o disco de freio parece com ferrugem mesmo sendo novo?

Ford testa novas versões para a Ranger na Argentina, como a FX4; será que vem pra cá?

Novo Honda Civic Si é apresentado nos Estados Unidos só como sedã e com motor de 203cv

Com lançamento para amanhã, Fiat Pulse Impetus T200 aparece custando R$ 125.790

BYD também testa o D1 no Brasil, que pode ser o quinto lançamento da marca para 2022