Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Great Wall

CAOA confirma interesse em comprar unidade de Camaçari (BA), da Ford; agora são cinco interessados

Imagem
Depois das marcas Changan, GAC, Geely e Great Wall demonstrarem interesse pela fábrica de Cammaçari, Bahia, da Ford, parece que temos mais uma interessada na rodada. A CAOA, que já estava atrás da unidade de São Bernardo do Campo (SP). Apesar de se desconfiar que a CAOA esteja por trás de uma das quatro marcas chinesas, o grupo brasileiro ainda pode comprar a marca para enfim apresentar a sua própria marca, sendo uma marca verdadeiramente brasileira. Atualmente com as fábricas de Anápolis (GO) e Jacareí (SP), uma terceira fábrica da CAOA poderia acontecer. Vale destacar que a CAOA e a Ford possuem uma parceria de longa data, sendo a CAOA uma das maiores rede de concessionárias Ford do país. Ainda seria de interesse da CAOA ter uma empresa sua, além de administrar as demais que já administra no país, como a Chery, importados da Hyundai e a Subaru. "Sempre tenho interesse em novos negócios, mas é preciso analisar todo o processo porque não queremos desgastar a nossa imagem. E só ire

Governo da Bahia procura nova montadora para assumir fábrica da Ford, em Camaçari (BA); há 4 chinesas interessadas

Imagem
O Governo da Bahia, assim como o fez o de São Paulo com a unidade de São Bernardo do Campo (SP), está atrás de um comprador para a fábrica de Camaçari, na Bahia. Depois da Ford encerrar a produção imediatamente, se busca um novo dono. O Governador da Bahia, Rui Costa (PT), busca montadoras chinesas que estão de olho no mercado brasileiro e com interesse em adquirir a unidade baiana. Em contato com a Embaixada da China no Brasil, objetivando o interesse de marcas chinesas em nosso mercado, o governador criou um grupo de trabalho com a Federação das Indústrias da Bahia, a fim de buscar alternativas para a fábrica da Ford. O complexo industrial possui capacidade de “250 mil veículos por ano, 912 veículos por dia ou 1 veículo a cada 80 segundos” , de acordo com a Ford. De acordo com informações da CNN Brasil , existem quatro montadoras interessadas na planta da Ford. São elas: Changan, GAC, Geely e Great Wall. O site ainda destaca que Carlos Alberto de Oliveira Andrade, o “Sr. CAOA”, estar

Great Wall pode chegar ao Brasil no pós-2022; marca viria neste ano, se não fosse pandemia e Dólar

Imagem
Depois de um crescimento interessante nas vendas no ano passado, o Brasil receberia o interesse de algumas marcas que congelaram seus planos para o nosso mercado. Com projetos cancelados, desde a crise econômica dos últimos anos, fez com que algumas marcas adiassem o processo de vinda ao nosso mercado. Com a pandemia, esse gelo deve durar ainda mais. É o caso da Great Wall, que estava de malas prontas para vir ao Brasil. De acordo com a revista Quatro Rodas , a marca chinesa possui um plano robusto para o Brasil, que contempla ainda a expansão na América Latina. Tendo o Brasil como principal mercado da região, a pandemia e a alta do Dólar fizeram com que os executivos da marca adiassem seus planos para o pós-2022. Isso porque a Great Wall sonda o mercado desde 2018, contatando profissionais de outras marcas para criar um corpo executivo. A marca chegaria de surpresa no nosso mercado neste ano de 2020, se não fosse a pandemia. A Great Wall prefere ter uma filial própria no Brasil, s

Great Wall registra patente da Série P no Brasil, no Instituto Nacional de Propriedade Industrial

Imagem
Apresentada no ano passado na China, a Great Wall Série P é uma nova picape média que a marca chinesa deve começar a vender nos países onde atua ainda neste ano. O interessante é que a Great Wall registrou duas imagens de patente da picape no Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI). Sem atuar no Brasil, a Great Wall registrou a picape mesmo assim no país. Vale destacar que modelos de outras marcas que não atuam no Brasil também registram patentes, como a Opel fez recentemente com o novo Corsa, mas a Opel é do Grupo PSA. A Great Wall não tem nenhum vínculo de operação com o Brasil, o que levanta suspeitas de interesse da marca no Brasil e na região. Vale destacar que existem duas marcas chinesas interessadas na compra da fábrica de São Bernardo do Campo (SP), da Ford. Ao apresenta-la, a Great Wall disse que a intenção da marca é "redesenhar o cenário global de picapes e estar entre as três picapes mais vendidas do mundo". Batizada de P71, a nova base da picape que

BMW Group e Great Wall Motors desenvolvem joint-venture para produzir apenas elétricos

Imagem
A BMW Group avançou com o processo de desenvolvimento de produzir carros elétricos na China. Em parceria com a Great Wall, o grupo alemão deve produzir os carros elétricos da MINI, enquanto os modelos híbridos e a combustão permanecem em Oxford, no Reino Unido. A joint-venture foi assinada entre BMW Group e Great Wall Motors, que criaram a Spotlight Automotive, que deve ser a encarregada de produzir e administrar a nova fábrica de Zhangjiagang, em Jiangsu. A unidade deve ficar pronta em 2022 e terá cerca de 3 mil empregados e capacidade de produzir cerca de 160 mil unidades de veículos por ano. Enquanto ela deve ficar encarregada de produzir os carros elétricos da MINI, provavelmente a Great Wall acabe usando a unidade para produzir seus modelos elétricos também. Até o momento, apenas o MINI Cooper SE foi confirmado para ser produzido por lá. Enquanto a unidade não fica pronta na China, a versão elétrica do Cooper deve começar a ser produzida primeiramente em Oxford. A previsão é q

BMW Group e Great Wall confirmam construção de uma nova fábrica para elétricos na China

Imagem
A Great Wall e a BMW Group assinaram o acordo que prevê a construção de uma fábrica de carros elétricos, com capacidade anual de 160 mil unidades. Nessa unidade deve ser construído carros tanto da Great Wall como da MINI, que pertence à BMW Group. A fábrica deve ser construída por meio de um investimento de 650 milhões de euros e deve ser concluída em 2022. A joint-venture criada é batizada de Spotlight Automotive e terá sede na cidade de Zhangjiagang, próximo à Xangai, que deve abrir 3 mil vagas de trabalho. Montadoras e fornecedores estão se esforçando para atender a novas e difíceis cotas chinesas para carros menos poluentes. A MINI deve produzir o Cooper SE, mas outros carros da BMW, com motorização elétrica, deve ser produzida na unidade. O Cooper SE foi apresentado no Salão de Frankfurt de 2019. O hatch conta com assoalho quase que por inteiro liso e fechado, a fim de reduzir o arrasto aerodinâmico. Ele conta com um motor elétrico no lugar de onde tradicionalmente fica o moto

Great Wall apresenta mais novidades da Série P, sua nova picape média para o mercado chinês

Imagem
Depois de revelar a sua picape média Série P, a Great Wall apresentou mais algumas informações sobre o modelo. A maior fabricante de SUVs e picapes da China apresentou a picape com a ambição de ser líder global de picapes, mirando a liderança que hoje é da Ford. Segundo a Great Wall, a intenção da marca é "redesenhar o cenário global de picapes e estar entre as três picapes mais vendidas do mundo". Batizada de P71, a Great Wall apresentou a nova base da picape que confere um veículo mais seguro, eficiente e confortável que os modelos antecessores. Ainda conta com uma vasta opção de configuração, que de acordo com a marca chinesa, ultrapassa 100 variantes. A picape possui motor 2.0 Turbo Diesel que desenvolve 143cv de potência e 31,1kgfm de torque, acoplado a um câmbio automático de 8 marchas com tração integral inteligente. De série ela deve ser vendida com piloto automático adaptativo ACC, estacionamento automático, aquecimento do volante, ignição remota e controle por v

Great Wall apresenta o Haval F7X, primeiro SUV cupê da marca, na China

Imagem
A Great Wall apresentou na China mais um utilitário esportivo. Trata-se do Haval F7X, mais um carro da linha Série F, que já conta também com F5 e F7. Agora é a vez do F7X, versão cupê que faz sua estreia no oriente. Ele conta com 4,620 metros de comprimento e um entre eixos de 2,725 metros. Em relação ao F7, o F7X conta com uma carroceria nova a partir da coluna B, que traz um perfil mais inclinado, com linhas mais esportivas. O interior conta com um design bem próximo ao que conhecemos do F7, mas traz guarnições e estofamentos que são próprios do modelo cupê. Ele conta com uma central multimídia com tela de 9 polegadas e várias opções de conectividade, além do volante multifuncional de desenho esportivo de base plana forrado em couro, quatro vidros elétricos, acesso sem chave, partida por botão, climatizador automático, freio de mão elétrico, câmera de visão traseira, etc. O quadro de instrumentos possui uma tela de 12,3 polegadas, teto panorâmico de vidro, bancos térmicos, luzes

Para o Salão do Automóvel de Xangai, Great Wall apresenta a nova picape Série P

Imagem
A Great Wall foi ao Salão do Automóvel de Xangai, na China, apresentar a sua nova picape, batizada de Série P. O lançamento da linha P é desenvolvida sobre a plataforma modular P71 e a picape faz parte da estratégia 5+N da Great Wall para os próximos três anos. Visualmente, a picape passa a ser vendida com piloto automático adaptativo ACC, estacionamento automático, aquecimento do volante, ignição remota e controle por voz. De série, ainda pode ser vendida com três travas do diferencial na dianteira e na traseira, snorkel, guincho, recurso de giro de 180º e muitas outras configurações profissionais off-road, com uma profundidade máxima de 90 centímetros dentro d’água. A Great Wall ainda desenvolveu a picape com capacidades de atender a família, conforto, desempenho, fora-de-estrada e a capacidade de carga. A picape passa a ser vendida com opção de motor a combustão, não revelado pela marca chinesa, mas com câmbio automático de 8 marchas e suspensão traseira multilink. Ela ainda dev

Ora se torna a mais nova marca de carros elétricos chineses, da Great Wall, e revela R1 e iQ

Imagem
A Great Wall apresentou na China a sua nova submarca batizada de Ora. O primeiro carro apresentado foi o R1, mas quase que junto a Ora revelou também o iQ. A dupla começa a ser vendida na China ainda nesse mês. O Ora R1 é um hatch bem compacto, com entre-eixos de 2,47 metros. Lembrando visualmente o Smart ForFour, ele mescla elementos futuristas e clássicos em seu design, com interior de linhas simples, com destaque para a central multimídia no console central. Ele é vendido com motor elétrico de 35kW que desenvolve 50cv de potência com uma bateria de 33kWh, que proporciona uma autonomia de 310km com uma carga completa no ciclo NEDC ou 250km em condição normais. A velocidade máxima é de 100km/h. Além dele foi revelado o iQ, SUV urbano da marca, também elétrico. Com autonomia de 350km, o iQ já conta com uma lista de espera de quase 10 mil unidades na China e conta com design futurista, principalmente na dianteira. A Ora confirmou que deve chegar na Europa já em 2020, desenvolvendo m

Great Wall apresenta o novo Haval F5 no Salão de Guangzhou, na China

Imagem
A Great Wall apresentou na China a nova opção para os consumidores chineses, o Haval F5. Apresentado no Salão do Automóvel de Guangzhou, o SUV foi desenvolvido para os consumidores mais jovens. Entre as novidades, o Haval F5, da Série F da marca, conta com logotipo em azul, diferente da Série H da Haval. Ele conta com a mesma plataforma do Haval H6 e mede 4,47 metros de comprimento e conta com um design mais esportivo e musculoso. Com teto de linha inclinada, o Haval F5 é mais um SUV cupê que nasce no país asiático e que tenta fisgar consumidores que não tenham família. No interior, ele possui opções de conectividade, volante esportivo de base plana, um estofamento em couro e um equipamento completo que inclui airbags frontais, freios ABS, central multimídia com tela flutuante, vidros elétricos, acesso sem chave, partida por botão, freio de mão elétrico, ar-condicionado automático, seletor de modos de condução, volante multifuncional forrado em couro, entre outros. De série ele ain

Nova marca da Great Wall, Link Tour apresenta seu primeiro automóvel, o K-One

Imagem
A Great Wall apresentou a sua mais nova marca de automóveis na China, a Link Tour. Sua marca de carros elétricos, a Link Tour apresentou o utilitário esportivo compacto batizado de K-One. Ele possui apenas 4 metros de comprimento e lembra um pouco o Mercedes-Benz GLA e o SUV deve ser o primeiro de um total de cinco veículos elétricos que devem ser apresentados até o final de 2019. A marca ainda confirmou os nomes C3, C5, BX100 e S5 City Edition, sendo esse último um sedã baseado na mesma plataforma do K-One. Segundo a marca, o K-One conta com motor puramente elétrico que desenvolve 60cv e 17kgfm de torque e deve ser vendido em uma versão mais potente com 128cv e torque em torno dos 31kgfm, com autonomia de 405km no caso do motor mais forte. De série o elétrico deve ser vendido com freios ABS com EBD, múltiplos airbags, monitoramento da pressão dos pneus, instrumentação digital configurável, central multimídia com navegação GPS, Bluetooth, USB e acesso a aplicativos, além de sensore

MINI confirma interesse em desenvolver plataforma em conjunto com a Great Wall

Imagem
A MINI confirmou que pode desenvolver uma plataforma em parceria com a gigante chinesa Great Wall. A plataforma pode ser desenvolvida com um material um tanto quanto inédito: fibra de carbono. A plataforma se tornaria cara demais apenas para a BMW produzir para a MINI e por isso que o grupo alemão decidiu que deve produzir essa plataforma com a Great Wall, que também se interessou no projeto. Desde 2011 buscando um sócio para o desenvolvimento dessa base, a MINI pode confirmar o investimento em uma fábrica na China, primeiramente, abastecendo o mercado local. A ideia era produzir carros elétricos, já que a marca britânica planeja produzir cerca de 12 automóveis puramente elétricos até 2025. No entanto, um possível acordo com a Great Wall é estudado já que se tem informações que ambas assinaram contratos com a BMW para produzir na China. A MINI precisa desenvolver uma plataforma para substituir a UKL, mas acontece que a nova plataforma denominada FAAR é muito cara para a marca britâ

Grupo BMW se une à Great Wall para produzir MINI Cooper elétrico na China

Imagem
O Grupo BMW fechou uma parceria com a Great Wall para produzir a futura versão elétrica do MINI Cooper na China. Antecipado pelo Electric Concept, a união formou a empresa Spotlight Automotive, que deve produzir automóveis elétricos da MINI e da Great Wall. Vale lembrar que a marca também se juntou a Brilliance para começar a produzir carros na China. A meta do Grupo BMW é driblar as tarifas mais elevadas no mercado asiático para carros produzidos nos EUA. Em 2017 foram vendidos mais de 560 mil carros do grupo alemão, além da China ser o terceiro maior mercado da MINI no mundo. Com a joint-venture para a produção de elétricos, a MINI dá importância para a China, hoje o maior consumidor de elétricos do mundo. O Electric Concept tem design praticamente igual ao modelo a combustão, com carroceria de três portas. O conceito ainda usa o mesmo esquema de cores já visto há algum tempo no MINI E Concept, prata com detalhes em amarelo. Entre as novidades, a grade dianteira falsa simula a en

Postagens mais visitadas deste blog

Reestilização do Volkswagen Jetta chega até 2022, com o inédito motor 1.5 TSI

Chevrolet Tracker PcD volta a ser vendido em breve, mas com mudanças de conteúdo

Renault apresenta o Zoe reestilizado no mercado brasileiro, que chega por R$204.990

BMW apresenta a nova geração do Série 4 Cabrio no Brasil, que estreia por R$460.950

Kia passa a vender o Cerato apenas na versão topo com a chegada da linha 2022

Skoda apresenta o reestilizado Kodiaq na Europa, SUV médio de 7 lugares da marca

Fiat apresenta a nova Toro, que estreia por R$114.590 no mercado e traz 1.3 Turbo

Opel confirma que deve expandir na América do Sul para três novos países

Volkswagen revela novo teaser da nova geração da Transporter, que estreia este ano

Honda revela o reestilizado CR-V no Brasil, que ganha mudanças sutis por R$264.900