LatinNCAP revela nova bateria com Kia Sportage, Hyundai Accent e Great Wall Wingle 5


O LatinNCAP revelou a sua última bateria de testes de 2021 com mais três resultados... nenhum deles interessantes para nós, brasileiros. O mais próximo para nós seria o Kia Sportage, mas a versão avaliada é de uma versão simples que não é vendida aqui. Mesmo assim, vamos aos resultados. Os escolhidos desta vez foram o Kia Sportage, Hyundai Accent e Great Wall Wingle 5, modelos que são vendidos em alguns países vizinhos. O Kia Sportage alcançou um total de zero estrelas. O SUV médio teve 48% de segurança para adultos, 15% de proteção para crianças, 58% para pedestres e só 7% de sistemas de segurança necessários para uma boa avaliação. De acordo com o LatinNCAP, o Kia Sportage recebeu uma proteção oferecida à cabeça e pescoço do motorista e do passageiro avaliada como boa. A proteção apresentada ao peito do motorista foi adequada, enquanto a proteção do peito do passageiro foi boa. Os joelhos do motorista receberam proteção marginal, pois podem impactar estruturas perigosas atrás do painel, enquanto os joelhos do passageiro mostraram proteção boa. As tíbias do motorista e do passageiro apresentaram boas notas e foi considerada adequada. A área ao redor dos pés foi considerada instável. A estrutura do habitáculo foi classificada estável e capaz de suportar cargas maiores. No impacto lateral, o abdômen, a cabeça e a pelve obtiveram boa proteção, enquanto o tórax ofereceu proteção adequada. O impacto lateral não foi realizado porque o modelo não oferece proteção lateral de cabeça como equipamento padrão. 



No teste Whiplash, que avalia a segurança dos bancos para com os passageiros, o assento mostrou proteção boa para o pescoço. O veículo atende aos requisitos de estrutura de impacto traseiro. No caso do Hyundai Accent, o sedã compacto fica entre o HB20S e o Elantra, sendo um sedã do porte de Volkswagen Virtus e Chevrolet Onix Plus, maior que o HB20S. O modelo teve uma avaliação ruim também, com 0 estrelas. Ele obteve 9% de proteção para adultos, 13% para proteção de crianças, 53% de proteção aos pedestres e 7% de equipamentos de segurança. A proteção oferecida à cabeça e pescoço do motorista e do passageiro foi boa. A proteção apresentada ao peito do motorista foi adequada, enquanto a proteção do peito do passageiro foi pobre o que resultou em 0 pontos no impacto frontal. Os joelhos do motorista e um joelho do passageiro receberam proteção marginal, pois podem impactar estruturas perigosas atrás do painel, o outro joelho do passageiro recebeu boa proteção. As tíbias do motorista apresentaram adequada proteção e as tíbias do passageiro receberam uma boa proteção. A área dos pés foi considerada estável, bem como a estrutura do habitáculo que foi capaz de suportar maiores cargas. No impacto lateral, a cabeça e o tórax obtiveram proteção marginal, enquanto o abdômen obteve proteção adequada e a pelve, boa proteção. Assim como o Sportage, o impacto lateral de poste não foi realizado porque o modelo não oferece proteção lateral de cabeça como equipamento padrão. No Whiplash, o assento mostrou proteção marginal para o pescoço. 


Por fim, a Great Wall Wingle 5 é uma picape da antiga geração de produtos da Great Wall, marca que já oferece a Poer em alguns mercados. Assim como os dois modelos, ela também teve 0 estrelas. A proteção de adultos teve 9% de proteção, 0% de proteção para crianças, 19% de proteção para pedestres e 0% de equipamentos de segurança. De longe, o pior produto avaliado nesta bateria. A proteção oferecida à cabeça e pescoço do motorista foi pobre o que resultou em 0 pontos no impacto frontal. A proteção oferecida à cabeça e pescoço do passageiro foi boa. A proteção apresentada ao peito do motorista foi pobre o que resultou em 0 pontos no impacto frontal. Os joelhos do motorista receberam proteção marginal, pois podem impactar estruturas perigosas atrás do painel, enquanto os joelhos do passageiro mostraram proteção marginal e pobre. As tíbias do motorista apresentaram proteção marginal e pobre. As tíbias do passageiro apresentaram proteção adequada. A área ao redor dos pés foi considerada instável. A estrutura do habitáculo foi classificada instável e incapaz de suportar cargas maiores. O impacto lateral teve o abdômen, a cabeça e a pelve obtiveram boa proteção, enquanto o tórax ofereceu proteção marginal. O impacto no poste também não foi realizado porque o modelo não oferece proteção lateral de cabeça como equipamento padrão. O Whiplash provou que o assento apresentava pouca proteção para o pescoço do adulto. Esta bateria foi a terceira apresentada apenas neste mês de dezembro, de testes que estavam na espera para serem divulgados.


Testes

Kia Sportage


Hyundai Accent


Great Wall Wingle 5

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat confirma que o futuro interior dos seus carros terão inspiração no clássico Lingotto

BYD lança no Brasil promoção para interessados em seus carros durante este mês de junho

Toyota confirma produção do primeiro elétrico nos EUA em 2025, no estado de Kentucky

Lynk & Co revela um novo teaser do Zero, que será o primeiro veículo 100% BEV da marca

Hyundai apresenta oficialmente o Ioniq 5 N, a versão esportiva com motor de 609cv

Hyundai apresenta a linha 2025 de HB20, HB20S, Creta Action e Creta no Brasil com novidades

GWM vai produzir primeiro o Haval H6 na fábrica de Iracemápolis (SP) por alguns motivos

Stellantis investe em Rennes, inaugura fábrica de baterias e fecha parceria com a Vulcan

Fiat lança a linha 2025 de Mobi, Strada, Pulse, Fastback e Fiorino no Brasil com novidades

InMetro confirma que vai cortar autonomia dos carros elétricos em 30% no ciclo PBEV