Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Funcionários

Renault consegue mais funcionários em seu PDV do que precisava em São José dos Pinhais

Imagem
A Renault confirmou que conseguiu atingir a sua meta para os funcionários na fábrica de São José dos Pinhais (PR) em seu Plano de Demissão Voluntária (PDV). Cerca de 500 funcionários aceitaram o plano até a última sexta-feira, 15. O volume representou o dobro de trabalhadores esperados para o PDV, que era de 250 funcionários. Caso o plano PDV não desse certo, a Renault partiria para o Plano de Demissão Involuntária (PDI) ou até mesmo ao lay-off. De acordo com a marca francesa, será preciso cortar cerca de 550 funcionários de um total de 5.000 que operam nas fábricas. Para aderir ao plano, serão pagos 10 salários mínimos, verbas rescisórias e plano de saúde ativo por seis meses. Dos 550 funcionários, outros 300 funcionários deveriam ser desativados em layoff, com redução da jornada de trabalho em 18 dias. A fábrica paranaense, responsável pela produção de Kwid, Sandero, Logan, Duster, Oroch, Captur e Master (além da fábrica de motores). “A crise de componentes a nível mundial, da indúst

TRT encerra greve da Chevrolet em São Caetano do Sul (SP), depois de duas semanas paralisadas

Imagem
A Chevrolet voltou a produzir normalmente na fábrica de São Caetano do Sul (SP), responsável pela produção de Tracker, Spin, Joy e Joy Plus. Parada por greve dos funcionários desde o início do mês, a unidade voltou a produção no último dia 14, na quinta-feira passada. De acordo com o Presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de São Caetano do Sul, Aparecido Inácio da Silva, a maioria dos funcionários presentes sinalizaram em votação a permanência do estado do greve, mas uma decisão do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) ordenou o retorno da produção. “Agora precisamos ver como será a votação no período da noite. Estaremos na porta da fábrica para decidir se o turno seguirá em greve ou se voltará ao trabalho”, destacou Aparecido na data referente, 14/10. De acordo com a decisão do TRT-2, cada empregado que não voltasse ao trabalho estaria sob pena de multa de R$ 50 mil reais por dia, em caso de descumprimento. O motivo da greve dos trabalhadores foi porque os funcionários não aceitaram o

Honda abre PDV em Sumaré e Itirapina; produção será toda transferida para Itirapina

Imagem
A Honda abriu um Programa de Demissão Voluntária (PDV) para as fábricas de Sumaré (SP) e Itirapina (SP). As duas fábricas hoje tem cerca de 3.000 funcionários que produzem os modelos nacionais como Civic, HR-V, City, Fit e WR-V. Até dezembro deste ano, todos os modelos da marca serão produzidos em Itirapina (SP), encerrando a produção de automóveis em Sumaré, que vai passar a abrigar uma nova função. A transferência da produção começou em 2019 e será encerrado neste ano. “Tendo em vista a necessidade da empresa de se adaptar a esse novo ambiente de negócios, impactado pela pandemia da Covid-19, e o momento de transferência de colaboradores da unidade de Sumaré para Itirapina, a Honda Automóveis está realizando um programa de demissões voluntárias. O objetivo é oferecer condições para uma transição segura àqueles que contribuíram com a empresa ao longo de suas carreiras” , destacou a Honda em comunicado. Com o PDV, a Honda vai oferecer 12 meses de salários adicionais, vale-alimentação d

VAG cogita cortar cerca de 30% dos empregos globais; porta-voz nega tomada da medida

Imagem
A Volkswagen confirmou que deve realizar cortes no seu quadro de funcionários a nível global. Segundo o grupo alemão, a Volkswagen pensa em cortar cerca de 30.000 empregos nas suas fábricas ao redor do globo. A informação foi confirmada pelo jornal alemão Handelsblatt. A sugestão desse corte de funcionários foi dada por Herbert Diess, CEO do Grupo Volkswagen (VAG), em reunião com o conselho fiscal do grupo. A notícia surpreendeu os presentes na reunião, visto que foi uma informação que ninguém esperava. Michale Manske, Porta-Voz da VAG, disse que a informação não procede e o que existe é um “debate está em andamento e já existem muitas boas ideias, mas ainda não há cenários concretos" . As demissões ocorreriam em todas as fábricas do grupo, mas a maioria das demissões seria na Europa, por onde a empresa passa por um processo de eletrificação – que precisa ser custeado de alguma maneira. "Não há dúvida de que temos que lidar com a competitividade de nossa fábrica em Wolfsburg

Produzindo apenas o Kicks, Nissan confirma retomada do segundo turno para Resende

Imagem
A Nissan confirmou que vai aumentar a capacidade de produção na fábrica de Resende, no Rio de Janeiro. Mesmo produzindo apenas o Kicks na unidade, algo inédito desde o início da fabricação dos carros da marca na unidade, em 2014. A Nissan revelou que vai voltar com a produção em segundo turno a partir de 2022, contratando 578 novos funcionários. “O Complexo Industrial de Resende é estratégico para a evolução da Nissan no Brasil e em toda a América do Sul. Com o novo turno, além de demonstrarmos mais uma vez nosso compromisso de longo prazo com os brasileiros, teremos mais volume para suprir a forte procura que o Novo Kicks está tendo desde a sua chegada ao mercado” , destacou Guy Rodríguez, Presidente e Diretor Geral da Nissan América do Sul. Com a adição do segundo turno na unidade, a Nissan vai reforçar a produção para atender a demanda pelo novo Kicks, lançado em fevereiro deste ano. Além de abastecer o mercado brasileiro, a unidade é responsável pela exportação do SUV compacto para

Renault prepara PDV e PDI em São José dos Pinhais (PR), por falta de peças para produzir

Imagem
A Renault confirmou que vai começar a ter ajustes em seu quadro de funcionários na fábrica de São José dos Pinhais (PR), como uma das suas mudanças globais do Plano RENAULuTion. A fábrica paranaense, responsável pela produção de Kwid, Sandero, Logan, Duster, Oroch, Captur e Master (além da fábrica de motores), abriu um Plano de Demissão Voluntária (PDV) ou Plano de Demissão Involuntária (PDI), motivado também pela falta de componentes para a fabricação. De acordo com a marca francesa, será preciso cortar cerca de 550 funcionários de um total de 5.000 que operam nas fábricas. Para aderir ao plano, serão pagos 10 salários mínimos, verbas rescisórias e plano de saúde ativo por seis meses. Caso não consiga atingir o quadro de 550 funcionários, a Renault parte para o PDI com pagamento de cinco salários, verbas rescisórias e convênio de saúde ativo em quatro meses. Outros 300 funcionários serão desativados em layoff, com redução da jornada de trabalho em 18 dias. “A crise de componentes a ní

Toyota antecipa terceiro turno em Sorocaba (SP) e produção começa a partir de novembro

Imagem
A Toyota resolveu antecipar a produção no terceiro turno na fábrica de Sorocaba (SP). Previsto anteriormente para a partir de janeiro, o terceiro turno deve começar a operar ainda em 2021. De acordo com a Toyota, a produção em terceiro turno começa no dia 29 de novembro deste ano. Com isso, a fábrica deve operar 24h por dia e terá um quadro de funcionários ampliados para 100 novas contratações. Com isso, 550 novos funcionários serão contratados de maneira direta. A adição do novo turno deve permitir que a Toyota tenha maior capacidade de produção para atender o mercado nacional e os mercados de exportação. Com isso, a capacidade da fábrica aumenta de 122 mil para 158 mil unidades ao ano. “Desde quando reunimos as condições para realizar o 3º turno em Sorocaba, era nossa intenção começar o quanto antes e fico feliz de fazer esse asúncio nesse momento, ajudando o Brasil a ofertar mais empregos. Estamos todos ansiosos para dar as boas-vindas aos novos colaboradores de Sorocaba que nos aju

Stellantis confirma layoff em Betim (MG), na fábrica da Fiat, e afeta 1.800 funcionários

Imagem
A Stellantis confirmou que a fábrica de Betim (MG) deve paralisar por tempo determinado. Por conta da falta de semicondutores, essa será a primeira vez que a Fiat deve paralisar a produção neste ano. O que tinha ocorrido nos últimos meses era a diminuição no ritmo de produção. Com isso, a Stellantis deve colocar cerca de 1,8 mil funcionários em layoff a partir do dia 4 de outubro. Esses funcionários ficarão em layoff por cerca de três meses e afeta principalmente o turno da noite de uma linha de montagem e os carros afetados não foram revelados. Atualmente, a fábrica de Betim é responsável pela produção apenas de modelos da Fiat, como Mobi, Uno, Argo, Doblò, Fiorino, Grand Siena e a Strada. Em breve, vai começar a produção do Pulse. A unidade ainda possui a fábrica de motores da linha Firefly, nas versões aspirada e Turbo. “A medida é uma decorrência do impacto da crise sanitária e de suas consequências sobre a economia, que agravaram a escassez global de insumos, notadamente de compon

Toyota confirma 3º turno em Sorocaba a partir de janeiro de 2022 com 850 novos empregos

Imagem
A Toyota confirmou que vai chegar ao terceiro turno da fábrica de Sorocaba (SP), a partir de janeiro de 2022. A meta é fazer com que a marca já comece o ano produzindo 24 horas. Por conta da falta de semicondutores, a Toyota tem produzido menos, principalmente para o seu novo carro mais vendido, o Corolla Cross. Até pouco dias, a marca tinha toda a produção paralisada entre os dias 18 a 27 de agosto. Além disso, o SUV médio produzido no Brasil será exportado para 22 países, ou seja, o carro vai precisar ter um maior volume de produção. Além do Corolla Cross, a linha Etios e Yaris também deve ganhar com o aumento na produção. Apesar de fora de linha no Brasil, a linha Etios segue para outros mercados. Com esse terceiro turno, a Toyota deve passar das 122 mil unidades anuais para cerca de 152 mil unidades, aumento de 30 mil unidades apenas com um novo turno. O novo turno vai gerar 850 novos empregos na unidade de Sorocaba. “Trabalhamos duro para criar esse momento importante da história

Chery amplia produção em Anápolis (GO) com 2º turno e contrata 385 novos funcionários

Imagem
A Chery confirmou que vai aumentar a sua produção na fábrica de Anápolis (GO), fábrica que também faz modelos da Hyundai. No caso, a fábrica compartilhada da Caoa deve abrir o segundo turno, aumentando a produção em 28%. A Caoa estaria aumentando o quadro de funcionários em 385 pessoas, pelo menos. Isso porque Mauro Correa, CEO da Caoa Montadora, disse que a ideia é contratar ainda mais. “Só neste ano criamos 789 novos postos de trabalho diretos e esperamos realizar novas contratações nos próximos dias. Essas vagas fazem parte de um grande plano que iniciamos em 2020 para a planta de Anápolis, que inclui investimento de R$ 1,5 bilhão em cinco anos” , disse Correa. No lado da Hyundai, a produção atualmente faz ix35, Tucson, HR e HD78, mas o aumento da produção será dado pelo crescimento nas vendas de modelos da Chery, com Tiggo 5X, Tiggo7 e Tiggo 8. Em Anápolis, a Caoa ainda possui um programa chamado Caoa Capacita, uma parceria com o Senai que já treinou cerca de 1,1 mil alunos, 350 de

Chevrolet contrata 600 novos funcionários na unidade e confirma investimento para nova S10 e TrailBlazer

Imagem
A Chevrolet confirmou que a fábrica de São José dos Campos (SP), responsável pela produção de S10 e TrailBlazer. Segundo a General Motors e o Sindicato dos Metalúrgicos confirmou a contratação de 600 novos funcionários na fábrica. A contratação aconteceu no último dia 11 de junho na unidade e os novos funcionários devem começar a trabalhar na fábrica para um aumento na produção da dupla, assim como também devem operar para as novas gerações de S10 e TrailBlazer. A confirmação do investimento na unidade está previsto até 2023 e o investimento acalma os ânimos de quem pensava que a produção poderia ser encerrada, visto que a fábrica faz apenas S10 e TrailBlazer. Em 2019 foi assinado um compromisso de R$5 bilhões na fábrica de São José dos Campos, mantendo a produção da dupla na unidade. Foram 400 funcionários contratados no início do ano e mais 200 contratados agora. Com isso, a unidade já chega a ter 600 novos funcionários. A nova geração de S10 e TrailBlazer devem ser produzidas sobre

SsangYong apresenta plano para resgate financeiro, com redução de salário e corte de funcionários

Imagem
Ainda se tem poucas informações sobre o desenvolvimento que a SsangYong tem, financeiramente. Mas uma notícia, ao menos feliz, é que a empresa apresentou um plano de auto-resgate para sair da falência. O plano foi uma colaboração conjunta entre a administração da marca e seus trabalhadores. O plano prevê que metade da equipe da SsangYong saia de licença sem vencimento por até dois anos, com uma tentativa de evitar demissões. “Esse tipo de plano reduzirá potenciais cortes de empregos, mas certamente reduzirá os custos de mão-de-obra. Os trabalhadores que usufruírem dessa licença sem vencimento poderão retornar ao trabalho assim que a empresa começar a lucrar” , destacou uma das fontes ligadas com a SsangYong. Além disso, a empresa conseguiu um acordo com os trabalhadores, que ficarão sem aumento salarial por três anos. “A administração judicial está a um passo da falência no sistema jurídico sul-coreano. Na liquidação, o tribunal decidirá se e como ressuscitar a empresa. Normalmente, um

Toyota Group confirma que não vai abandonar segmento de sedãs e que terá novidades

Imagem
A Toyota confirmou que não deve abandonar o segmento de sedãs e muito menos o desenvolvimento de modelos três-volumes. Depois da Ford Group e a General Motors confirmar que deveria apostar apenas em utilitários esportivos e picapes, a Toyota Group confirmou que os sedãs não devem ser deixados de lado. A informação foi revelada pelo site CarScoops , durante uma entrevista, durante um painel na sede da Toyota Motor América do Norte, no Texas. Na fábrica, funcionários confirmaram que a Toyota deve manter todos seus planos para os sedãs, destacando que a continuação no desenvolvimento de sedãs deve ser uma boa decisão a longo prazo. Embora tenha caído nos últimos anos e os SUVs e as picapes tem crescido, não se sabe se isso é um momento passageiro do mercado. Em mercados como a América do Norte, a Toyota quer conquistar os consumidores de Chevrolet Cruze, Chevrolet Impala, Ford Focus, Ford Fusion e outros sedãs dos dois gigantes grupos norte-americanos. A Toyota ainda confirmou que pode te

Ford deve pagar R$130 mil para cada funcionário da fábrica de Camaçari (BA), fechada em janeiro

Imagem
A Ford já definiu qual deve ser o valor para cada funcionário de suas duas fábricas que foram fechadas no Brasil no início deste ano. Pelo menos, os funcionários de Camaçari já tem uma resposta agora. Cada funcionário deve receber R$130.000 com verbas rescisórias previstas em lei. O valor foi fechado em uma assembleia que definiu que a compensação financeira por empregado da produção ou da área administrativa. Aos operários, serão pagos um salário de 2,05 salários nominais por ano trabalhado, além de um valor fixo adicional de acordo com a faixa salarial. Para as áreas administravas da unidade, a Ford ainda vai pagar um salário extra por ano trabalhado. Ou seja, dependendo de quanto tempo cada funcionário trabalhou na fábrica, vai receber mais que os R$130 mil. Além de Camaçari, na Bahia, a unidade de Taubaté, em São Paulo, também já possui um valor estipulado com os trabalhadores da unidade de motores e câmbios da Ford. “Diante do fechamento da montadora, não nos restou outra opção a

Apple contrata ex-Porsche para o desenvolvimento do seu primeiro automóvel

Imagem
A Apple já vem recrutando pessoas para trabalhar no seu novo empreendimento: carros elétricos. A marca de eletrônicos confirmou que deve ter à sua disposição o Dr. Manfred Harrer, ex-Porsche e um dos pais do Porsche Taycan. O executivo deve trabalhar no Projeto Titan da Apple, sendo um dos executivos líderes desse processo. O Apple Car deve ser um projeto inovador da empresa que promete desenvolver um elétrico premium de última geração. A vinda de Harrer para a Apple deve fazer com que o projeto do carro elétrico da Apple realmente seja um produto bem desenvolvimento. A marca ainda deve trabalhar muito em cima do projeto, visto que o elétrico deve ser apresentado apenas em meados de 2024 ou 2025. Com uma grande experiência em criar carros elétricos, prática que ajudou muito no desenvolvimento do Taycan, Harrer ainda teve grande ajuda na criação da plataforma do Cayenne. O carro ainda pode ser equipado com os chips TSMC, com semicondutores responsáveis pela fabricação dos processadores

Ford deve se comprometer em manter pós-venda e retoma produção em Taubaté

Imagem
A Ford assinou um termo com o Procon-SP chamado de Termo de Compromisso, em que a fabricante deve se comprometer em manter a “assistência ao consumidor com operações de vendas, serviços, assistência técnica, peças de reposição e garantia para seus clientes'' . Segundo o Procon de São Paulo, o acordo tem abrangência nacional e vigência durante toda a vida útil dos produtos da Ford, mas de prazo não definidos. Ambas as marcas ainda confirmaram que devem criar um canal de contato para tratamento de questões coletivas, com o objetivo de solucionar problemas antes de reclamações serem judicializadas. No comunicado, Luis Cláudio Casanova, Diretor Jurídico da Ford, disse que a garantia de cumprir com as necessidades dos clientes da marca. “Isso nos dá a certeza de que os nossos consumidores saberão da seriedade do nosso compromisso de atender as demandas de todos os consumidores Ford, que deverão procurar o Procon-SP ou entrar em contato pelos nossos canais de atendimento” , destacou

CAOA contrata 150 funcionários para fábrica de Anápolis (GO), para Chery e Hyundai

Imagem
A CAOA confirmou a contratação de novos 150 funcionários na fábrica de Anápolis (GO), que produz modelos da Hyundai e Chery para o mercado brasileiro. A contratação de novos funcionários deve ser para a produção de novos modelos, sendo que o grupo pretende lançar 10 novidades que serão produzidas na fábrica até meados de 2025. Da Chery, atualmente são produzidos os modelos Tiggo5X, Tiggo7 e Tiggo8. Da Hyundai, a fábrica produz Tucson, ix35, HR e HD80. De acordo com a CAOA, os 150 novos funcionários já estão operando na fábrica. Entre as contratações, estão funções de montagem de veículos, operadores de produção e auxiliadores de logística. Todos os profissionais devem ser capacitados pela CAOA Montadora e já estão em treinamento para desempenharem suas atividades. “Temos muito orgulho, como uma montadora 100% nacional, em seguir investindo no Brasil. Sabemos de todas as dificuldades que o mercado enfrenta globalmente, mas escolhemos acreditar no nosso País e na sua capacidade de recupe

Porsche bate recorde de pedidos pelo Taycan e não dá conta do recado; marca tem ajuda da Audi

Imagem
A Porsche não está conseguindo atender a demanda pelo Taycan na Europa. O sedã já conta com mais de 40 mil pedidos e, de acordo com o site Automobilwoche, a demanda pelo modelo elétrico da Porsche tem sido tanta que a marca acabou pedindo ajuda para a Audi. Com isso, a fábrica da Porsche, em Zuffenhausen, na Alemanha, deve receber 400 novos funcionários que foram transferidos da fábrica da Audi. O sedã elétrico tinha a capacidade global de atender a demanda de 40 mil unidades, mas essa demanda é só do mercado europeu. "Atualmente, estamos produzindo mais de 150 Taycans por dia. Ainda estamos na fase de crescimento" , disse um porta-voz. O Taycan 4S é equipado com um conjunto de baterias de íon-lítio de 79,2kWh, menor que as baterias de 93,4kWh das versões mais caras. Ele desenvolve 530cv de potência, podendo chegar aos 571cv com as baterias maiores. Ele acelera de 0 a 100km/h em 4 segundos e possui uma autonomia de 407km na versão normal, podendo chegar aos 463km com o pacote

Volkswagen cogita demitir cerca de 5 mil funcionários das suas quatro fábricas no Brasil

Imagem
A Volkswagen pode demitir cerca de 5 mil funcionários no mercado brasileiro. De acordo com o sindicato dos metalúrgicos das quatro fábricas da Volkswagen no Brasil, a empresa pode ter um corte que chega a 35% do pessoal nas unidades. Dos 14,7 mil funcionários que trabalham diretamente nas fábricas, a Volkswagen pode demitir cerca de 5 mil destes funcionários, nas unidades de São Bernardo do Campo (SP), Taubaté (SP), São Carlos (SP) e São José dos Pinhais (PR). Isso incluiria ainda funcionários mensalistas, horistas e até terceirizados. De acordo com reportagem do G1 , a Volkswagen disse que procura, juntamente com os sindicatos, "medidas de flexibilização e revisão dos acordos coletivos vigentes para adequação ao nível atual de produção, com foco na sustentabilidade de suas operações no cenário econômico atual, muito impactado pela pandemia do novo coronavírus" . A Volkswagen não comentou a decisão de demitir parte dos seus funcionários mas disse que há funcionários excedente

Renault readmite os 747 funcionários demitidos em julho e encerra greve de 21 dias

Imagem
Depois da Renault demitiu os 747 funcionários da fábrica de São José dos Pinhais (PR), o Sindicato dos Metalúrgicos da Grand Curitiba (SMC), entrou em greve e a fábrica paralisou toda a produção novamente. O anúncio da demissão dos funcionários aconteceu no dia 22 de julho, ou seja, lá se vão mais de 20 dias em que a fábrica está parada. Com isso, a Renault decidiu readmitir os 747 funcionários da unidade de SJP após uma proposta para recontratação, aprovada por 95% dos funcionários participantes, em votação online. Com esse resultado do acordo, a categoria anunciou o fim da greve que durou 21 dias. A Renault confirmou que a produção começou a ser retomada hoje (12), no Complexo Industrial Ayrton Senna. De acordo com a marca, os 747 funcionários readmitidos não devem retomar o trabalho. A Renault deve voltar com a produção em dois turnos, manhã e tarde. O turno noturno deve seguir recebendo salário até que seja anunciado um Plano de Demissão Voluntária (PDV), no dia 20 de agosto. O aco

Postagens mais visitadas deste blog

Jeep Compass possui fila de espera até 2022 pra algumas versões por falta de semicondutores

Sem nenhum emplacamento, Jeep Commander já possui longa fila de espera de até 6 meses

Último Troller T4 produzido será vendido por R$ 299.990; unidade está localizada em Natal (RN)

Chery Arrizo 6 Pro terá condições especiais no seu mês de lançamento, para financiamento

Curiosidades: por que o disco de freio parece com ferrugem mesmo sendo novo?

Lifan apresenta as primeiras novidades, agora no controle da Geely Group, e retoma produção

Ford testa novas versões para a Ranger na Argentina, como a FX4; será que vem pra cá?

Fiat Pulse Abarth está em desenvolvimento e será apresentado em 2022, de acordo revista

Nova geração do Audi A4 será apresentada em 2023 e será geração de transição para o elétrico

Renault segue estudando a chegada do Kwid ZE ao Brasil, puramente elétrico, para 2022