Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Rimac

Rimac deve fazer Bugatti ter híbrido e elétrico até 2030; ambas já trabalham juntas

Imagem
Depois de revelar sua parceria em julho, a Rimac e a Bugatti já trabalham em conjunto para projetos futuros. Ambas as empresas devem anunciar o desenvolvimento de dois esportivos que devem ser eletrificados. De acordo com informações, a Bugatti deve contar com um modelo hibrido e um elétrico até meados de 2030. Os carros das duas empresas ainda vão ganhar sistemas de propulsão elétrica de alto desempenho, com a ajuda da Porsche. Segundo informações do Motor Trend , o primeiro Bugatti eletrificado deve ser um híbrido que será o sucessor do Chiron. O carro deve ficar em linha por cinco anos e será substituído por um elétrico puro. “Com esta plataforma, você pode fazer muito. Talvez um SUV ou um cupê de capô longo, ou algo absolutamente louco em que ninguém pensa” , disse Mate Rimac, CEO da Rimac em entrevista ao site. De acordo com Frank Heyl, Subdiretor de Design da Bugatti, tanto a francesa como a croata trabalham desenvolvendo novas ideias com seus planos de ter o Bolide nas ruas em 2

Elétrico de 1.914cv, Rimac Nevera quebra novo recorde no 1/4 de milha, abaixo dos 9 segundos

Imagem
A Rimac confirmou que o Nevera pulverizou um recorde que era do Tesla Model S. O famoso teste do ¼ de milha do Tesla Model S Plaid não durou muito tempo. De acordo com a Rimac, é do Nevera o novo recorde, que cumpriu a prova em 8 segundos e 58 milésimos. Ao chegar no ¼ de milha, ele chegou a velocidade máxima de 270km/h. Essa é a primeira vez que um automóvel consegue ficar abaixo dos 9 segundos. Ao ser apresentado nos últimos meses, o Tesla Model S Plaid cumpriu a prova em 9 segundos e 23 milésimos. Com isso a diferença entre ambos é de apenas 0,65 milésimos de segundo. Revelado em junho, o Nevera possui quatro motores elétricos que desenvolvem 1.914cv de potência com torque de 240,7kgfm. Com peso de 2.150kg, o Nevera acelera de 0 a 100km/h em 1,85 segundo, com velocidade máxima de 412km/h, se tornando o elétrico mais rápido do mundo. De acordo com a Rimac, o carro pode acelera ¼ de milha em 8,6 segundos e chegar de 0 a 300km/h em 9,3 segundos. Contando com uma bateria de 120kWh, ele

Primeiro Bugatti com motor elétrico é confirmado para ser revelado até 2030, destaca Rimac

Imagem
Depois do anúncio da joint-venture entre a Bugatti-Rimac, com administração por meio da Porsche, tudo indica que a Bugatti pode se beneficiar dos conhecimentos da Bugatti para seu processo de eletrificação. Depois de rumores que indicavam essa parceria há meses, Rimac e Bugatti ainda terão anos para apresentar o primeiro elétrico da marca francesa com tecnologia “by Croácia”. Segundo Mate Rimac, CEO da Rimac, disse que o primeiro Bugatti elétrico deve ser visto ainda nesta década e que “dentro desta década, haverá modelos Bugatti totalmente elétricos” . Ainda sem comentar muito sobre o assunto, os modelos devem seguir em produção na unidade de Molsheim, na França, mesmo com a joint-venture, ou seja, cada marca deve continuar produzindo em suas próprias fábricas. “O que algumas pessoas esperam que aconteça é que peguemos um Nevera e coloquemos nele o emblema da Bugatti e o chamemos de Bugatti. Isso não vai acontecer de jeito nenhum. Não é isso que vamos fazer. Embora, é claro, queiramos

Bugatti e Rimac anunciam joint-venture inédita com apoio da Porsche, para eletrificação

Imagem
Depois dos rumores, eis que vem a confirmação de que a Bugatti e a Rimac devem se unir em uma joint-venture. Por conta da Porsche, que anunciou a joint-venture, disse que a Bugatti deve ser gerida pela Rimac Group, recém apresentado e que deve criar a joint-venture Bugatti-Rimac. A Bugatti-Rimac terá sede na cidade de Zagreb, na Croácia, onde as operações devem começar no final deste ano. Fundada em 2009 como uma marca de automóveis elétricos, a Rimac tem ganhado bastante destaque com os superesportivos apresentados recentemente. O mais recente deles foi o Nevera, apresentado no mês passado. Com uma nova investida da Porsche, que possui 24% das ações da marca croata, a Rimac deve trazer a Rimac Automobili e a Rimac Technology. A maior parte deve envolver as marcas Bugatti e a Rimac, mas a Porsche também deve atuar nesta joint-venture, tendo um papel estratégico no empreendimento. Segundo Oliver Blume, CEO da Porsche, e Lutz Meschke, Vice-Presidente da Porsche, e ambos Membros do Consel

VAG deve decidir sobre a Bugatti dentro de algumas semanas; saída é joint-venture com Rimac

Imagem
Depois de rumores indicarem que a Bugatti poderia ser compartilhada entre a VAG e a Rimac, surgiu informações que o Grupo VAG revelou. De acordo com informações do Conselho de Administração da VAG e CEO da Porsche, Oliver Blume, o futuro da Bugatti deve ser definido em breve. A informação foi revelada para o Automotive News Europe . O grupo alemão ainda avisou que trabalharia em uma parceria com uma marca de automóveis croata, o que recai 100% das suas chances de ser com a Rimac. Com isso, ao que tudo indica, a Bugatti deve ser uma joint-venture entre a Porsche (responsável pela Bugatti dentro da VAG) e a Rimac. Isso permite que a Bugatti possa viver com o melhor de dois mundos. A engenharia alemã junto com a tecnologia dos carros elétricos. Recentemente, vale lembrar, que a Porsche adquiriu ações da Rimac, passando de 15% para cerca de 24% e essa porcentagem por aumentar. Isso porque a Rimac pode ter a “guarda” compartilhada da Bugatti em troca de oferecer mais ações para a Porsche. C

Rimac apresenta a versão de produção do Nevera, elétrico que estreia com 1.914cv

Imagem
Apresentado pela primeira vez no Salão do Automóvel de Genebra de 2018 como C_Two, a Rimac enfim apresentou a versão de produção do seu hiperesportivo elétrico, o Nevera. De acordo com a Rimac, Nevera é o nome de uma tempestade que aparece repentinamente sobre o mar da Croácia. O modelo possui um conjunto de quatro motores elétricos que desenvolvem 1.914cv de potência com torque de 240,7kgfm. Com peso de 2.150kg, o Nevera acelera de 0 a 100km/h em 1,85 segundo, com velocidade máxima de 412km/h, se tornando o elétrico mais rápido do mundo. De acordo com a Rimac, o carro pode acelera ¼ de milha em 8,6 segundos e chegar de 0 a 300km/h em 9,3 segundos. Contando com uma bateria de 120kWh, ele possui bateria refrigerada a água. O carro deve ser equipado com o All-Wheel Torque Vectoring 2 (R-AWTV 2), que substituiu o seu antigo sistema de vetorização de torque. "Permite um novo nível de calibração do trem de força e dependendo do modo de direção selecionado, a tecnologia R-AWTV 2 pode pe

Bugatti tem o futuro nas mãos de Porsche e Rimac, que podem criar joint-venture

Imagem
A Bugatti deve ter o seu futuro definido dentro de alguns meses. Ao que tudo indica, a marca francesa deve ser gerida pela Porsche e Rimac. Com o Grupo VAG delegando novas marcas chefes dentro do grupo (vulgo responsabilidade, direção e futuro), a Porsche deve desenvolver os novos projetos e ficará encarregada pelo desenvolvimento dos novos carros da marca, em parceria com a Rimac. Isso porque a Bugatti deve se tornar uma marca elétrica. A fábrica de Molsheim, na França, deve passar a produzir modelos eletrificados. De acordo com Herbert Diess, CEO da VAG, o futuro da marca francesa pode estar mais esclarecido agora. Se reforça a ideia de que a Bugatti se forme da joint-venture entre Porsche e Rimac, unindo o melhor de dois mundos distantes, o que encerra as teorias de que a Bugatti seria vendida para a croata Rimac. Recentemente a empresa passou a ter uma porcentagem da Bugatti e a Porsche aumentou a sua parcela nas ações da Rimac, o que também reforçava um vínculo entre as três empre

Porsche aumentará sua participação sobre a Rimac pela segunda vez em dois anos

Imagem
A Rimac confirmou que deve desenvolver uma expansão de modelos elétricos para os próximos anos. No entanto, a Porsche deve aumentar a sua porcentagem em relação á marca croata. Atualmente, a Porsche possui 15% da Rimac, o que deve aumentar para cerca de 24%. Atualmente, a Rimac desenvolve componentes de alta tecnologia para a mobilidade elétrica e que traz ainda novos trens de força de alto desempenho e sistemas mais avançados para as baterias. A Porsche se interessou pelo desenvolvimento da Rimac ainda em 2018 e aumentou a sua porcentagem sobre a marca pela última vez em 2019. "A Rimac tem uma posição excelente em soluções de protótipo e pequenas séries. Mate Rimac e sua equipe são parceiros importantes, principalmente, quando se trata de nos apoiar no desenvolvimento de componentes. A Rimac está a caminho de se tornar um fornecedor Tier 1, para a Porsche e outros fabricantes, no segmento de alta tecnologia. A Porsche já fez seus primeiros pedidos à Rimac para o desenvolvimento d

VAG não desistiu de vender Bugatti para a Rimac e decisão será tomada em breve

Imagem
Depois de confirmar que poderia vender a Bugatti, Lamborghini e Ducati, a VAG confirmou que marcas como a Lamborghini e a Ducati não seriam vendidas, enquanto a Bugatti ainda teria seu futuro definido. A marca francesa poderia acabar sendo vendida para a Rimac, como parte de um plano de união que envolve o aumento de participação da Porsche na Rimac. No mês passado, CEO da Porsche e Membro do Conselho Administrativo da VAG, Oliver Blume, disse ao Automobilwoche , disse: "Acredito que a questão será decidida pelo grupo ainda no primeiro semestre" , destacou em entrevista. Blume ainda destaca que "poderia ter um papel importante, porque as marcas são uma boa combinação tecnológica e que há vários cenários com estruturas diferentes. No momento, há intensas deliberações sobre como a Bugatti pode ser desenvolvida da melhor maneira possível" , concluiu. Ou seja, a marca ainda não tem um futuro definido dentro da gama de marcas da VAG, mas que essa decisão está próxima de

Rimac inicia a produção dos protótipos de pré-série do C_Two na sua fábrica, na Croácia

Imagem
A Rimac ainda não começou a fabricação do C_Two na sua fábrica de Veliko Trgovishte, na Croácia. Por lá, a marca ainda trabalha em fase final de desenvolvimento dos protótipos do modelo. Agora, a Rimac apresentou as primeiras imagens dos seis modelos de pré-série. De acordo com a Rimac, já são 12 modelos montados, com tecnologia by-pass. Os carros já foram testados, incluindo testes de colisão. Apresentado em 2018, o C_Two traz 4 motores elétricos que produzem 1.926cv de potência, enquanto seu peso é de 1.950kg. Contando com baterias de 120kWh que lhe permite uma autonomia de 650km pelo padrão europeu, NEDC. Ele acelera de 0 a 100km/h em 1,8 segundos e chega até 300km/h em 11,8 segundos. Ele também passa a ser um dos primeiros automóveis no mundo a contar com sistema de condução autônoma de nível 4, nível que nenhum fabricante anunciou até agora em um veículo que está a ponto de chegar às ruas. O modelo deve ser montado nessas oito unidades de protótipo pré-série de produção que deve d

Bugatti pode ser vendida para a croata de hipercarros elétricos Rimac, de acordo com revista

Imagem
Às vezes há notícias que surpreendem todo mundo. Foi assim que aconteceu com a Opel/Vauxhall quando passou da GM para a PSA, em 2017. Pode ser o que pode acontecer com a Bugatti, que pode sair do Grupo VAG. De acordo com informações da revista inglesa Car Magazine, o Grupo Volkswagen estaria cogitando transferir a Bugatti para a Rimac Automobili. De acordo com fontes para a revista, o negócio foi aprovado pelo executivos da VW na semana passado, mas o Conselho da VAG ainda não tinha dado o sinal verde para essa mudança. Vale destacar que a Porsche possui uma parcela de 15,5% da Rimac e a Porsche também faz parte do Grupo VAG. Aparentemente, a VAG já tinha dado alguns sinais de desinteresse por esse segmento de modelos hiperepsortivos como a Bugatti, visto que a marca “desistiu” de ter o carro mais veloz de produção do mundo. Para o negócio se tornar uma realidade, a VAG queria fazer com que a Porsche fosse uma beneficiária pela troca, fazendo com que a Porsche detenha 49% das ações da

Com apenas 10 funcionários, Rimac acelera apresentação dos protótipos do C_Two

Imagem
A Rimac iniciou na Croácia uma nova fase com a aceleração da produção de protótipos do hiperesportivo C_Two, nas instalações em Velko Trgovisce. A fábrica deve produzir, a empresa disse que agora cada carro deve demorar cinco semanas para ficar pronto e a instalação eslava pode produzir até quatro carros por mês. A Rimac confirmou que deve montar quatro carros por mês, sendo que são necessários 13 carros para testes completos para homologação na Europa. As entregas devem começar aos clientes em meados de 2021, em virtude da pandemia de Corona Vírus, que afetou os mercados a produção global de todas as marcas. A Rimac conta com apenas 10 funcionários para a produção dos seus veículos. O modelo foi apresentado com quatro motores elétricos que produzem 1.926cv de potência, enquanto seu peso é de 1.950kg. Contando com baterias de 120kWh que lhe permite uma autonomia de 650km pelo padrão europeu, NEDC. Ele acelera de 0 a 100km/h em 1,8 segundos e chega até 300km/h em 11,8 segundos. Esse

Rimac se aproxima de apresentar a versão de produção do C_Two e caminha para fim dos testes

Imagem
Apresentado no Salão do Automóvel de Genebra de 2018, o Rimac C_Two ainda segue em desenvolvimento antes do início da sua produção. Ao que tudo indica, o carro está cada vez mais próximo de ser apresentado. De acordo com a marca croata, o hiperesportivo está em seus últimos testes de dinâmica de condução, tato da direção e a configuração de suspensão e pneus. Previsto para começar a ser produzido e entregue aos donos no final de 2020, o modelo foi apresentado com quatro motores elétricos que produzem 1.926cv de potência, enquanto seu peso é de 1.950kg. Contando com baterias de 120kWh que lhe permite uma autonomia de 650km pelo padrão europeu, NEDC. Ele acelera de 0 a 100km/h em 1,8 segundos e chega até 300km/h em 11,8 segundos. Esse desenvolvimento é auxiliado por marcas mais experientes como a Porsche e a Hyundai. Audi, Porsche e Hyundai são um dos principais acionistas da Rimac e conta com a expertise das duas últimas para desenvolver o carro. A fabricante croata pode se orgulhar

Postagens mais visitadas deste blog

Jeep Compass possui fila de espera até 2022 pra algumas versões por falta de semicondutores

Sem nenhum emplacamento, Jeep Commander já possui longa fila de espera de até 6 meses

Chery Arrizo 6 Pro terá condições especiais no seu mês de lançamento, para financiamento

Último Troller T4 produzido será vendido por R$ 299.990; unidade está localizada em Natal (RN)

Fiat Pulse Abarth está em desenvolvimento e será apresentado em 2022, de acordo revista

Curiosidades: por que o disco de freio parece com ferrugem mesmo sendo novo?

Ford testa novas versões para a Ranger na Argentina, como a FX4; será que vem pra cá?

Novo Honda Civic Si é apresentado nos Estados Unidos só como sedã e com motor de 203cv

Com lançamento para amanhã, Fiat Pulse Impetus T200 aparece custando R$ 125.790

BYD também testa o D1 no Brasil, que pode ser o quinto lançamento da marca para 2022