Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Sedãs Coupés

Porsche Taycan ultrapassa em vendas o 911 em 2021 e se torna o terceiro Porsche mais vendido

Imagem
A Porsche vem comemorando o resultado de vendas que o seu primeiro veículo elétrico, o Taycan, vem atingindo no mercado global. O sedã cupê, elétrico e esportivo já representa 13% dos emplacamentos da Porsche no mundo e recentemente ultrapassou o 911 no ranking da marca. Entre janeiro a setembro de 2021, a Porsche vendeu 217.198 unidades, um aumento de 13% quando comparado com o mesmo período do ano passado. O Cayenne ainda continua líder com 62.451 unidades e o Macan o acompanha muito de perto, com 61.944 unidades. O Taycan assumiu o posto de terceiro mais vendido, com 28.640 unidades. No último trimestre, o Taycan passou o 911, que nos três primeiros semestres emplacou 27.972 unidades. As vendas do Taycan devem crescer ainda mais com a chegada da Taycan Cross Turismo, apresentada no início deste ano. No Brasil, o Porsche Taycan é o carro elétrico mais vendido do país e é vendido em quatro versões: 4, 4S, Turbo e Turbo S. Ele é equipado com um conjunto de baterias de íon-lítio de 79,2

XPeng chega a marca de 100.000 unidades produzidas na China com uma unidade do P7

Imagem
A XPeng se tornou mais uma das novatas marcas chinesas a romper a barreira das 100.000 unidades produzidas. A marca conquistou recentemente as primeiras 10.000 unidades produzidas em apenas um mês de produção, com o P7, G3 e P5. Foram 7.500 unidades do P7 e 2.600 unidades do G3. "Hoje, alcançamos um novo marco com o 100.000º veículo XPeng saído da linha de produção. Hoje também marca um novo capítulo de nossa jornada compartilhada para explorar soluções de mobilidade mais inteligentes, verdes, seguras e sustentáveis. #GoElectric #Substainability" , destacou a empresa em comunicado. A chegada do P5 na linha deve aumentar a capacidade de produção da marca, tanto para atender a China como os demais mercados. Das 100 mil unidades, 60 mil unidades foram do P7, produzidas na unidade de XPeng Zhaoqing Smart EV, na província de Guangdong. Essa fábrica deve passar por um processo de expansão de 100 mil unidades por ano para 200 mil unidades ao ano. Já o G3 é produzido em parceria com

Entre 2022 a 2026, Alfa Romeo terá uma estreia por ano, garante executivo em entrevista

Imagem
Se hoje a Alfa Romeo parece esquecida com apenas Giulia e Stelvio, a marca possui um plano intenso de lançar um novo modelo até meados de 2026. O plano vai começar em 2022 com o lançamento do Tonale e terá outros quatro lançamentos para 2023, 2024, 2025 e 2026. Com isso, se ninguém sair de linha (ou se essas mudanças não incluírem Giulia e Stelvio), a Alfa Romeo terá, em seis anos, um portfólio que passou de dois carros para sete carros. A informação foi confirmada pelo CEO da Alfa Romeo, Jean-Philippe Imparato para a Agência Reuters. Até 2027, a Alfa Romeo também confirmou que será puramente eletrificada, sendo com modelos híbridos ou elétricos. Todos os lançamentos entre 2022 a 2026 já sairão da linha de produção com algum tipo de eletrificação. Com o lançamento do Tonale em 2023, a Alfa Romeo pode ter um substituto do MiTo em 2023, que será um SUV abaixo do Tonale, conhecido internamente como Alfa Romeo Brennero. Este será o primeiro Alfa Romeo com motor elétrico. Entre 2024 a 2025

Polestar revela detalhes do seu novo plano estratégico, com três novos produtos até 2024

Imagem
A Polestar confirmou um plano estratégico que prevê o desenvolvimento de novos modelos até meados de 2024. A marca sueca vai receber três novos modelos, após um investimento de US$ 20 bilhões da Geely Group para as criações. A informação foi confirmada por meio de Thomas Ingenlath, CEO da Polestar, que confirmou que a marca vai revelar o Polestar 3, Polestar 4 e Polestar 5. Destes três carros, o plano inicia com um novo modelo que será o primeiro utilitário da Polestar, que estreia em 2022. Esse novo carro vai ser um concorrente de SUVs como Porsche Cayenne, Audi e-tron, Tesla Model S e outros. Este deve contar com uma bateria com autonomia de cerca de 450km. Em 2023 será apresentado o Polestar 4, que é um SUV cupê esportivo e o Polestar 5 será um carro de alto desempenho baseado no Precept Concept, competindo com alguns sedãs cupês. Depois da produção limitada do Polestar 1 e do sucesso do Polestar 2, a marca sueca deve apostar em novos carros para crescer. Depois de vender 10.000 uni

Strasse lança kits da Oettinger para a Porsche no Brasil, com Macan, Cayenne e Panamera

Imagem
A Oettinger passa a vender alguns kits de personalização para veículos da Porsche no mercado brasileiro. Vendido pela Strasse, a loja passa a vender os kits para modelos da Porsche, além de Audi e Volkswagen. Os kits vão ser oferecidos para modelos como Panamera, Cayenne e Macan. Até o final deste ano, a Strasse vai passar a oferecer kits para modelos como o 911, 718 Boxster e 718 Cayman. Ao todo, 20 versões vão ter a opção de preparação pela Oettinger. Para linha Panamera e Cayenne, os kits serão oferecidos até mesmo para as versões híbridas dos carros. No caso do Macan, os pacotes vão ser oferecidos para as versões de entrada até as versões mais caras, com as versões 2.0, S e GTS. No caso do Cayenne, o SUV será oferecido com essas opções com 3.0, S, e-Hybrid, Turbo, Turbo S e Turbo S e-Hybrid. No caso do Panamera, as versões são a e-Hybrid, S e-Hybrid e Turbo S e-Hybrid. Os pacotes de preços vão de R$39.900 a R$149.900, dependendo da versão. Além das modificações mecânicas, cada carr

Nissan Skyline pode receber uma nova geração como um sedã cupê ou até mesmo como SUV

Imagem
A Nissan já pode estar desenvolvendo uma nova geração do Skyline. O sedã pode ser apresentado já em 2022 e pode ganhar um design muito fora do comum. Isso porque ele pode se tornar um sedã cupê com pegada mais esportiva que o modelo atual, que possui um design bem três volumes. De acordo com informações do site japonês BestCar , o modelo seria desenvolvido como um sedã e um SUV (algo como Mustang e Mustang Mach-E, mesmo que o Mustang seja um cupê, e o Toyota Corolla ganhou a companhia do Corolla Cross). Em linha como um sedã desde 1957, o Skyline pode se tornar um SUV por ser um segmento que está em alta no momento. A atual geração, apresentada em 2014, já está bastante envelhecida e nada mais é que uma versão rebatizada do Infiniti Q50. Não se descarta que a versão de produção deste SUV pode ser, na verdade, uma versão Nissan do Infiniti QX55, um SUV com perfil mais cupê. Recentemente, a Nissan confirmou o fim de linha dos sedãs Cima e do Fuga, dois sedãs com nomes diferentes, mas pra

Em pré-venda desde maio, Audi enfim inicia entregas do e-tron GT no mercado brasileiro

Imagem
A Audi iniciou as entregas do e-tron GT no mercado brasileiro. O sedã elétrico foi lançado em nosso mercado em maio e estava em regime de pré-venda desde então. O primeiro lote do sedã foi trazido ao nosso mercado por R$949.990 e um novo lote chega no início de 2022, já com preços atualizados, por R$979.990. O primeiro consumidor do e-tron GT no Brasil é Flávio Abrunhoza (acima), ao lado da sua unidade do sedã elétrico. Para a entrega do carro, esteve presente também Gustavo Valente (Audi Center Alphaville), Gerold Pillekamp (Área de Produto da Audi do Brasil), Flavio Abrunhoza (Cliente) e Renato Celiberti (Área de Vendas da Audi do Brasil), da esquerda para a direita, na foto abaixo. Primo do Porsche Taycan, o e-tron GT se destaca pelas linhas esportivas, linhas fluídas, teto baixo e uma ótima aerodinâmica com um baixo coeficiente de arrasto de 0,24Cx. De acordo com a Porsche, ele é desenvolvido sobre a plataforma J1 e possui 4,99 metros de comprimento, 2,90 metros entre os eixos, 1,9

BMW confirma a vinda do iX e i4 para o Brasil, que chegam até o final do 1º semestre de 2022

Imagem
A BMW enfim confirmou oficialmente que deve trazer os seus novos modelos elétricos, i4 e iX. A dupla tinha sido confirmada nas entrelinhas por alguns executivos da marca nas últimas semanas, mas agora veio o anúncio oficial. "A revolução elétrica está em nosso DNA e agora inicia mais uma fase no Brasil, acelerando o ainda mais o Prazer de Dirigir elétrico no país. Os novos BMW iX e i4 chegam com foco nos desejos do cliente brasileiro que amam tecnologia, design e esportividade, agora também elétrico. Este é o primeiro passo em uma nova revolução elétrica" , destaca Roberto Carvalho, Diretor Comercial da BMW no Brasil. Ambos podem ser vendidos em duas versões. No caso do i4, ele pode ser lançado nas versões eDrive40 e M50. A versão eDrive40 tem um motor elétrico na tração traseira que desenvolve 340cv de potência e torque de 43,5kgfm que acelera de 0 a 100km/h em 5,7 segundos e tem a velocidade máxima de 190km/h. O motor é associado a bateria de lítio de 81kWh que oferece uma

Lucid Air quebra recorde de autonomia e chega aos 836km no ciclo EPA nos Estados Unidos

Imagem
O Lucid Air quebrou um novo recorde com o seu sedã Air. Trata-se do recorde de maior autonomia de um carro elétrico. O sedã chegou à marca de 836km, superando a autonomia do Tesla Model S. Vale lembrar que a autonomia é no ciclo EPA, o mais rigoroso dos padrões de avaliação. O antigo recorde era do Tesla Model S com seus 643km na versão Long Range Plus. O Lucid Air ainda possui mais autonomia que o Mercedes-Benz EQS, registrado com seus 770km de autonomia no ciclo WLTP, europeu. A Lucid ainda testou por conta própria a autonomia para ou comprovar os resultados obtidos no EPA ou provar que sua autonomia é superior. Nessa ação foram convocados um jornalista automotivo e o CEO da Lucid, Peter Rawlison. O resultado foi que os sedãs tiveram média de autonomia de 804km, ou seja, dentro da média da autonomia testada pelo órgão equivalente ao nosso InMetro. "Estou muito satisfeito que nosso Lucid Air Dream Edition Range tenha sido oficialmente homologado pela EPA com um alcance de 520 mil

BMW i4 será lançado no 1º semestre de 2022 no Brasil e em duas versões: eDrive40 e M50

Imagem
A BMW deve lançar o i4 no Brasil no primeiro semestre de 2022. O sedã elétrico será lançado com duas versões no país. A eDrive40 e M50. Segundo elétrico confirmado pela marca a ser lançado no Brasil (depois do iX, veja aqui ), o i4 será a versão elétrica do novo Série 4 Gran Coupé. A versão eDrive40 tem um motor elétrico na tração traseira que desenvolve 340cv de potência e torque de 43,5kgfm que acelera de 0 a 100km/h em 5,7 segundos e tem a velocidade máxima de 190km/h. O motor é associado a bateria de lítio de 81kWh que oferece uma autonomia de bons 590km. Já o i4 M50 possui dois motores elétricos, um em cada eixo, e desenvolve 544cv de potência, com torque de 81kgfm, que faz o sedã acelerar de 0 a 100km/h em 3,9 segundos e chegar a máxima de 225km/h. A bateria do modelo é a mesma de 81kWh, que nessa versão, mais pesada, oferece autonomia de 510km. O sedã possui 4,783 metros de comprimento, 2,856 metros entre os eixos, 1,852 metro de largura e 1,448 metro de altura, com capacidade d

Nio confirma expansão na Europa com aumento de países onde atua: Alemanha já em 2022

Imagem
Depois de ser lançada em alguns países da Europa como a Noruega, a Nio confirmou que deve começar o seu processo de expansão global. Depois do ES8, a marca vai começar a enviar o ET7 para a Europa a partir de 2022. A chegada do ET7 na Europa ainda vai abrir caminho para a Nio na Alemanha. "Entrar na Alemanha é a meta que queremos alcançar. O interesse que encontramos é muito grande e podemos atingir bons volumes de vendas. É por isso que queremos estar no mercado até o final de 2022" , destaca William Li, CEO da Nio. O ET7 é um sedã de 5,100 metros de comprimento, 1,990 metro de largura, 1,500 metro de altura e relação entre os eixos de 3,100 metros; e possui plenas capacidades de ser um concorrente a altura para os demais sedãs da marca. Visualmente, o ET7 possui uma dianteira bem limpa, com destaque para os faróis em LEDs, bem finos e divididos em dois andares. Mais abaixo estão os faróis principais do ET7, que traz ainda uma entrada de ar inferior para refrigerar as bateri

JAC 'e-JS5' será lançado no Brasil em 2022 como elétrico de maior autonomia do país

Imagem
A JAC vem apostando numa geração de modelos, que foram desenvolvidos com algum apoio da Volkswagen e que devem mudar os conceitos dos carros no futuro. Depois de modelos como e-JS4 e e-JS1, a JAC prepara a chegada do seu nono automóvel elétrico no mercado brasileiro. Trata-se do iC5, mas que será rebatizado no mercado brasileiro, seguindo a tendência do batismo “e-JS” (nosso palpite é que ele seja batizado de e-JS5). De acordo com entrevista do site Autoo com Sergio Habib, Presidente do Grupo SHC e responsável pela JAC no Brasil, confirmou que em 2022 a empresa vai começa a trazer a versão puramente elétrica do Refine A5, apresentado em 2019. O sedã conta com 4,755 metros de comprimento, 2,760 metros entre os eixos, 1,820 metro de largura e 1,495 metro de altura. O porta-malas possui capacidade de 540 litros. Com motor elétrico, o ‘e-JS5’ deve ser equipado com motor que desenvolve 193cv de potência com torque de 34,5kgfm, alimentado por uma bateria de 64,5kWh. De acordo com informações

Volkswagen ID.7 é flagrado com carroceria definitiva e será apresentado ainda em 2022

Imagem
A Volkswagen segue desenvolvendo a sua nova família de carros elétricos, com os modelos ID. Depois de ID.3, ID.4 e ID.6, a Volkswagen vai apresentar até o final de 2022, três novos modelos: o ID.5, ID.Buzz (que pode ser batizado de ID.8) e o sedã substituto do Passat, conhecido como ID.7. O sedã começou a ser avistado em testes na Europa já com a carroceria definitiva, o que indica que ele não deve demorar para além de 2022, a não ser que o projeto atrase. Pelas imagens, o carro será bem parecido com o ID Vizzion Concept, com um perfil mais de sedã cupê. Conhecido internamente como Projeto Aero-B, o sedã terá uma versão station wagon que vai conviver com a nova geração da Passat Variant. O modelo em questão será baseado na Space Vizzion Concept. Segundo informações, o sedã vai ser apresentado com um motor elétrico capaz de desenvolver 204cv de potência, juntamente de uma bateria de 82kWh que vai permitir uma autonomia de 500km a 550km. Buscando ser mais rentável, é possível que o sedã

Tesla quebra recorde elétrico com o Model S Plaid na pista de Nürburgring Nordschleife

Imagem
A Tesla quebrou um novo recorde no circuito de Nürburgring Nordschleife, na Alemanha. A marca levou o Model S Plaid para quebrar um recorde no circuito que era do Porsche Taycan como carro elétrico de larga produção mais rápido. Vale destacar que ainda existe o recorde de carro elétrico de produção especial/raro, que ainda é do Nip EP9 com seus 6:45,900, registrado em 2017. O Model S Plaid conseguiu 7:30,909, cerca de 12 segundos a menos que o Porsche Taycan, que fez 7:42,300 em 2019. O circuito de 20,6km de extensão foi realizado neste tempo, mas com as novas regras de medição, o circuito aumentou para 20,832km. Com esses 200 metros a mais, o Model S conseguiu fechar em 7:35,579. Ficando acima da versão Performance, o Plaid possui um motor chamado de Palladium, que são três motores que, juntos, desenvolvem 1.034cv de potência e que fazem o sedã acelerar de 0 a 100km/h em 1,99 segundo. O carro ainda consegue cobrir ¼ de milha em 9,23 segundos e com a velocidade máxima de 249,4km/h. A m

Porsche Taycan possui fila de espera de seis meses e já é o quarto Porsche mais vendido

Imagem
A Porsche confirmou que não está conseguindo atender a demanda pelo Taycan. A marca alemã confirmou que o sedã e a station wagon estão com uma fila de espera de seis meses. As 20.000 unidades que seriam produzidas em 2021 foram todas vendidas no primeiro trimestre de 2021, sendo 5.000 unidades apenas nos EUA. No Brasil, o Taycan chegou a ser o Porsche mais vendido nos primeiros meses do ano e se mantém como o elétrico mais vendido do país. "Nossa capacidade de produção inicial para o Taycan era de 20.000 unidades este ano - vendemos esse número no primeiro semestre. Os pedidos recebidos são muitos - eles também estão indo bem na China" , disse Oliver Blume, CEO da Porsche. Com o ritmo de vendas dos modelos nesse ritmo, a Porsche deve vender mais de 40.000 unidades, podendo ser o terceiro Porsche mais vendido do mundo, atrás apenas de Cayenne e Macan, ultrapassando o icônico 911. Ele é equipado com um conjunto de baterias de íon-lítio de 79,2kWh (Performance), menor que as bat

Mercedes-Benz apresenta oficialmente o EQE no Salão do Automóvel de Munique, na Alemanha

Imagem
A Mercedes-Benz comemorou um evento no Salão do Automóvel de Munique com uma série de modelos elétricos. Além do Maybach EQS SUV Concept, EQG Concept e EQS 53 AMG 4MATIC. Além deles, a principal novidade foi o EQE, sedã elétrico mais acessível que o EQS. Ele foi apresentado primeiro na versão 350. Apesar de ser menor, o EQE ainda possui dimensões bem avantajadas. Desenvolvido sobre a plataforma EVA2, ele tem 4,993 metros de comprimento, 3,121 metros entre os eixos, 1,960 metro de largura e 1,511 metro de altura. Ele é apenas 8,89 centímetros menor que o EQS, com que se parece muito. O porta-malas possui espaço para 430 litros de capacidade. Visualmente, o EQE possui um parentesco bem próximo ao do EQS, com a filosofia de design Purpose Design, principalmente quando visto de traseira. Na dianteira, o sedã tem faróis maiores, com iluminação em LED em “L” e que é conectado com a grade dianteira em Black Panel e com o logotipo da marca ao centro. O para-choque possui uma entrada de ar infe

Postagens mais visitadas deste blog

Jeep Compass possui fila de espera até 2022 pra algumas versões por falta de semicondutores

Último Troller T4 produzido será vendido por R$ 299.990; unidade está localizada em Natal (RN)

Sem nenhum emplacamento, Jeep Commander já possui longa fila de espera de até 6 meses

Chery Arrizo 6 Pro terá condições especiais no seu mês de lançamento, para financiamento

Curiosidades: por que o disco de freio parece com ferrugem mesmo sendo novo?

Lifan apresenta as primeiras novidades, agora no controle da Geely Group, e retoma produção

Ford testa novas versões para a Ranger na Argentina, como a FX4; será que vem pra cá?

Fiat Pulse Abarth está em desenvolvimento e será apresentado em 2022, de acordo revista

Nova geração do Audi A4 será apresentada em 2023 e será geração de transição para o elétrico

Renault segue estudando a chegada do Kwid ZE ao Brasil, puramente elétrico, para 2022