Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Renault-Nissan-Mitsubishi

Renault e Nissan passam a ter seguros com Assurant, por meio do intermédio da Mobilize

Imagem
Assurant e Mobilize Financial Services anunciam parceria que vai beneficiar interessados em seguro dos carros da Renault e da Nissan no mercado brasileiro A Assurant e Mobilize Financial Services anunciaram uma parceria no mercado brasileiro. Sendo a Mobilize o banco das montadoras Renault e Nissan e especializado em soluções financeiras para aquisição de veículos, a parceria entre as duas empresas vai disponibilizar três modalidades de seguros: prestamista, a garantia estendida original e a garantia mecânica. A parceria entre as empresas será assegurar os proprietários para eventuais situações como imprevistos financeiros e proteção dos novos veículos 0km e seminovos. “A nossa proposta de valor é baseada no desenvolvimento de produtos e ofertas adequados aos consumidores dos nossos parceiros, e isso amplia o mix de serviços e de possibilidades para que os seus clientes possam planejar com segurança a compra do seu carro” , afirma Vladimir Freneda, Presidente da Assurant Brasil. Pres

Mitsubishi revela teaser de SUV elétrico na Europa e é mais um rebadge da Renault

Imagem
Mitsubishi trabalha no desenvolvimento de um SUV médio elétrico na Europa que será irmão do Renault Scenic E-Tech Electric; novidade aparece ainda em 2024  A Mitsubishi na Europa está virando uma especialista em camuflar modelos de outras marcas e vender como seu. Foi assim com a nova geração do ASX ( veja aqui ), que nada mais é que um Renault Captur, e a nova geração do Colt ( veja aqui ), que é um Renault Clio com toques nipônicos. Agora, a Mitsubishi caminha para apresentar seu terceiro veículo com toques franceses. A novidade foi antecipada apenas por uma imagem teaser que mostra o perfil do SUV. Ele será o primeiro elétrico da Mitsubishi na Europa desde a apresentação do i-MiEV, que deixou de ser oferecido nos últimos anos. O novo SUV será apresentado em algum momento de 2024, como irmão do Renault Scenic E-Tech Electric. Apesar do movimento rebadge, esse também é um incentivo para a marca japonesa voltar a ter algum destaque na Europa até que ela possa voltar a desenvolver seu

Renault Alaskan ganhará nova geração e terá independência no design da Nissan Frontier

Imagem
Renault Alaskan também deve ganhar uma segunda geração e deve ganhar independência da Nissan Frontier, ganhando um design mais francês Ao que parece, a Argentina deve ser a casa de uma segunda geração da Renault Alaskan, com a fábrica de Santa Isabel, em Córdoba, produzindo para atender a demanda global da picape francesa. Enquanto a Mitsubishi está próxima de apresentar a nova geração da Triton, a Nissan deve apresentar uma nova geração da Frontier dentro de alguns anos. Com mais tempo, a Renault também vai desenvolver uma segunda geração para a Alaskan – feita na Argentina. A proximidade da Alaskan com a Frontier é um impeditivo para a picape da Renault chegar em novos mercados, como o brasileiro. De acordo com o australiano CarsGuide , a importância da América Latina para o segmento de picapes médias vai garantir que a Renault desenvolva uma segunda geração da Alaskan. “A América Latina é um mercado de cinco milhões de unidades e vamos passar de uma pick-up para duas entre as duas

Mercedes-Benz e Nissan podem encerrar a parceria junto da fábrica em conjunto no México

Imagem
Produção em parceria entre a Daimler e a Renault-Nissan-Mitsubishi corre perigo de ser descontinuada no México, que tem a fábrica de Aguascalientes A parceria entre a antiga Daimler (hoje Mercedes-Benz Group) e a Renault-Nissan (hoje Renault-Nissan-Mitsubishi) corre risco de não continuar depois de 2025. Atualmente com uma fábrica em conjunto em Aguascalientes, no México, a parceria entre as duas empresas pode terminar em meados de 2025. A parceria entre as empresas foi estabelecida em 2010 para a criação de tecnologias, veículos e motores. No México, foi instalada a fábrica que hoje faz Mercedes-Benz GLB, Infiniti QX50 e Infiniti QX55. Os rumores sobre uma parceria deteriorada vieram depois que a Mercedes-Benz, por meio de uma teleconferência trimestral, por meio de Ola Kallenius, disse que as perspectivas de longo prazo da parceria ainda não foram decididos. “Temos uma boa parceria com a Nissan e deve permanecer assim pelos próximos três anos. O que vai acontecer depois disso, aind

Renault-Nissan-Mitsubishi confirma 4 novos SUVs para a Índia em seu plano estratégico

Imagem
Aliança Renault-Nissan-Mitsubishi revela detalhes do seu plano estratégico na Índia, que terá um total de quatro novos utilitários esportivos que estreia em alguns anos A Aliança Renault-Nissan-Mitsubishi confirmou o desenvolvimento de novos utilitários esportivos para os próximos anos na Índia. Atualmente, a Índia foi o palco de desenvolvimento de modelos como o Nissan Magnite e o Nissan Kiger, dois SUVs subcompactos e confirmou que os quatro novos modelos serão distantes entre si. A informação foi confirmada por Ashwani Gupta, Diretor e COO da Nissan e membro do conselho da Aliança, enfatizou que, embora os modelos de ambas as marcas se sobreponham no segmento, eles serão muito diferentes entre si. “Nós nos graduamos em cross badge. Como o Magnite e o Kiger, haverá distinção clara em todos os seis carros e eles serão muito específicos para cada marca” , disse Gupta em entrevista ao Autocar Índia . Os novos modelos serão inéditos e serão do segmento C e C superior, ou seja, são dois

Renault e Nissan vão produzir quatro picapes na Argentina; elétricos estão nos planos

Imagem
Aliança Renault-Nissan-Mitsubishi confirma a produção de quatro picapes na fábrica de Santa Isabel, Córdoba, na Argentina, em plano estratégico para a América Latina A Aliança Renault-Nissan-Mitsubishi confirmou detalhes de um plano estratégico para a América Latina. Em nossa região, a fábrica de Santa Isabel, em Córdoba, na Argentina, vai produzir quatro picapes, o dobro de hoje. Atualmente, Nissan Frontier e Renault Alaskan são produzidas na unidade, mas outras duas menores também serão produzidas por lá. A Renault Oroch deve ser transferida para a Argentina e a Nissan vai receber uma picape que será prima do modelo da Renault. Esse projeto vai fazer com que a Nissan também tenha uma nova picape em nosso mercado, inédita. Aqui, a picape deve fazer sua estreia e ambas as picapes intermediárias serão criadas a partir da plataforma modular CMF-B. A picape ganhou, inclusive, uma imagem acima, do que ainda não sabemos se trata-se de um modelo da Renault ou da Nissan. O teaser mostra uma

Renault-Nissan-Mitsubishi detalha parte do seu plano estratégico para a Europa para breve

Imagem
Renault-Nissan-Mitsubishi confirma lançamentos na Europa com um novo plano estratégico e investimento em novidades com a plataforma modular CMF-EV Após divulgar o prolongamento da parceria entre as empresas, a Aliança Renault-Nissan-Mitsubishi confirmam detalhes de plano estratégico na Europa. Por lá, as marcas vão desenvolver novos produtos. O grupo confirmou que a Renault vai continuar trabalhando em melhorias para a dupla de compactos Clio e Captur, que ainda vão gerar as novas gerações de compactos da Mitsubishi, com Colt e ASX, respectivamente. Os modelos japoneses serão rebadges da dupla francesa. Em meados de 2026, o grupo ainda confirmou que vai lançar uma linha de modelos comerciais leves na Europa, chamados de FlexEVan, usando uma tecnologia Veículo Definido por Software, sendo compartilhado com a Nissan. Com isso, as vans de Renault e Nissan vão trabalhar em conjunto, enquanto a Mitsubishi pode não receber essa atenção de comerciais leves. As gamas das marcas da Nissan Gro

Renault vai voltar a produzir no México em uma fábrica da Nissan, dentro de alguns anos

Imagem
Depois de um hiato de 20 anos, a Renault voltará a produzir um automóvel em solo mexicano, em fábrica da Nissan, possivelmente na unidade de Aguascalientes Depois de 20 anos fora das linhas de produção no México, a Renault retornará a produzir automóveis por lá, junto com a Nissan. O misterioso modelo deve ser feito na unidade de Aguascalientes e pode ser um modelo compacto ou médio. Desde sua saída do mercado mexicano como uma fabricante, na década de 1990, a Renault atuou como importadora. Atualmente, o lineup da marca é composto por Kwid, Sandero, Logan, Duster, Oroch, Captur, Koleos, Kangoo e Kangoo E-Tech. Como é possível observar, praticamente toda a linha da Renault vem do Brasil, com exceção das duas gerações de Kangoos (argentina e europeia) e o Koleos. A confirmação da produção de um novo modelo no México foi confirmada pela própria Renault, em seu plano estratégico divulgado com a Aliança Renault-Nissan-Mitsubishi. “No México, a Nissan vai produzir um novo modelo para o Re

Em aliança estremecida, Renault quase limitou acesso da tecnologia com a Geely pela Nissan

Imagem
Renault cogitou limitar a Nissan da parceria com a Geely, que criou a Horse, empresa que vai desenvolver novos motores híbridos mega eficientes Após resolver Aliança Renault-Nissan-Mitsubishi, surgiu informações de que a Renault poderia ter limitado a propriedade industrial do desenvolvimento dos motores da Renault-Geely às empresas demais da aliança, como Nissan e Mitsubishi. Sendo uma nova empresa criada com a marca francesa e a chinesa, estima-se que uma nova geração de motores híbridos seja apresentada em alguns anos. Mas a Renault não queria que todos os motores fossem compartilhados com suas parcerias de aliança, caso a mesma não fosse adiante. De acordo com apuração do Nikkei Asia , isso era uma medida que a Renault tinha tomado antes de uma solução dentro da própria aliança, que, segundo rumores, tinha o risco de se desfazer depois de 24 anos. Conhecida como Horse, a nova empresa vai trabalhar em motores modernos e eficientes, que vão diminuir por si só as emissões de poluent

Renault-Nissan-Mitsubishi confirmam novos rumos da parceria e se adequam globalmente

Imagem
Aliança entre Renault-Nissan-Mitsubishi avança parceria e encontra solução para continuar, depois de rumores de separação e até de desentendimentos  A Aliança Renault-Nissan-Mitsubishi confirmou medidas para continuar firme pelos próximos anos. Em dezembro do ano passado, as empresas ainda não tinham uma solução para a parceria. Unidas desde 1999 quando ainda era uma aliança apenas entre Renault-Nissan, a Mitsubishi chegou na parceria em 2017. No final do ano passado, já tinha um desenho de como funcionaria essa parceria revista. Agora, as empresas revelaram como realmente vai operar daqui em diante. A Aliança Renaullt-Nissan-Mitsubishi vai operar com projetos de criação de valor em mercados como América Latina, Europa e Índia. Para isso, vai trazer maior agilidade estratégica com novas iniciativas em torno das quais as empresas parceiras podem se unir. Para isso, precisa revisar seus planos para ter um maior reequilíbrio nas participações cruzadas entre o Renault Group e a Nissan e

Postagens mais visitadas deste blog

Nio ET5 Touring é a primeira station wagon da marca; estreia na China de olho na Europa

RAM reajusta os preços de Rampage, 1500, 2500 e 3500 no Brasil, em até R$ 5.000

Alfa Romeo surpreende e confirma nome Milano para SUV subcompacto que estreia em abril

Ford desenvolve um SUV elétrico de 7 lugares que será apresentado em meados de 2025

Chevrolet Camaro ganha séries especiais Collector's Edition e Garage 56 Edition nos EUA

Nosso novo Peugeot 2008 será igual ao modelo europeu, recém reestilizado; terá motor T200

Lamborghini comemora aniversário de 60 anos de Sant'Agata Bolognese e revela três séries

Fiat reajusta os preços da Toro em versões com motor T270, com cortes de até R$ 10.000

Ferrari apresenta a SF90 XX Stradale e Spider na Europa, com motor híbrido de 1.030cv

Jetour apresenta o X90 Plus no Salão do Automóvel de Guangzhou, que é reestilizado