Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Evergrande

Evergrande precisa de investimento na Hengchi; marca corre risco de interromper produção

Imagem
Hengchi sofre com crise da Evergrande na China e demite funcionários na linha de produção do utilitário esportivo, que está em marcha lenta desde setembro passado Parece que o futuro da Hengchi, a primeira marca de automóveis da Evergrande, corre o risco de não ir muito longe. Informações dão conta que o Evergrande Group parece bem endividado e que a marca corre risco de não apresentar todo aquele grande portfólio que chegou a apresentar na China. O Hengchi 5, por exemplo, começou a ser produzido em 16 de setembro de 2022 e, até março, tinha pouco mais de 900 unidades construídas desde então. “Devido à situação de liquidez restrita e para manter as operações comerciais básicas, a Evergrande NEV tomou iniciativas para cortar custos, como a redução do número de funcionários” , disse a marca em comunicado. Com isso, cerca de 931 funcionários foram demitidos da linha de produção, reduzindo a produção para 2.795 funcionários. “Na ausência de novos financiamentos, a Evergrande NEV enfrenta

Hengchi vai abrir a pré-venda do Hengchi 5, primeiro carro da marca da Evergrande

Imagem
A Hengchi já tinha iniciado a pré-produção do seu primeiro automóvel, o Hengchi 5, em janeiro deste ano. Agora, a marca inicia o processo de pré-venda pelo SUV elétrico desenvolvido pela Evergrande. Conhecida por ser empreendimentos imobiliários, a Evergrande também quer se aventurar no mundo dos automóveis e está tendo um início mais lento em ritmo de comercialização dos seus carros. De acordo com informações da Agência Reuters , o Hengchi 5 começaria a ser vendido no dia 5 de junho deste ano, mas por algum motivo acabou atrasando. A marca já confirmou recentemente que pretende vender mais de 1 milhão de carros ao ano até 2025, uma meta super ambiciosa para uma marca que mal começou a produzir seu primeiro carro. Segundo outras informações, a Hengchi teria conseguido 50.000 unidades num regime de pré-venda não oficial em apenas 10 horas. No início deste ano, a marca conseguiu junto ao Ministério da Indústria e Tecnologia da Informação da China (MIIT) deu o aval para a Evergrande começ

Em crise, Evergrande confirma que sua criação de motores elétricos será de domínio europeu

Imagem
A Evergrande, grande grupo imobiliário da China, passou a ter interesse em automóveis recentemente, onde apresentou uma série de automóveis. Agora, a marca confirmou o desenvolvimento de motores elétricos. Por conta de dívidas crescentes, a Evergrande vai vender motores elétricos por meio de sua subsidiária, a e-Traction Europe BV. Sediada na Holanda, a empresa conta com um projeto de transmissões elétricas para caminhões e ônibus, inversores e sistemas de controle. Com isso, entra a Saietta, que é responsável não só pelos motores como também inversores e sistemas de controle. Com isso, a Saietta vai passar a ter acesso à rede de colaboradores que vão ser sequência ao trabalho de pesquisa e desenvolvimento. "A aquisição do e-Traction – escreve Saietta – avança na criação e posterior comercialização de nossos projetos de motores elétricos AFT (Axial Flux Technology) e introduz outras variantes do produto no portfólio" , destacou a Saietta. A marca ainda confirmou que "a t

Mas de novo? NEVS, antiga Saab, pode ser colocada à venda pela Evergrande Group

Imagem
Nós não tínhamos notícias sobre o desenvolvimento dos novos carros da NEVS há mais de um ano. A marca estaria trabalhando nos primeiros automóveis após a aquisição do ferramental da Saab, que foi extinta. Com o endividamento da Evergrande Group na China, a NEVS foi colocada à venda na China e isso explica o motivo do desaparecimento da marca. Formada a partir da Saab, a National Electric Vehicle Sweden (NEVS), a Evergrande estuda a possibilidade de vender a marca, segundo a Agência Reuters. Segundo o Presidente da NEVS, Stefan Tilk, disse que já fez as primeiras conversas com interessados na marca, em busca de dar um destino para a marca e trazer dinheiro para a Evergrande com a venda. A marca poderia custar cerca de US$ 1 bilhão, o que já seria interessante para sanar algumas dívidas do grupo chinês. Alguns investidores demonstraram interesse na compra da marca sueca e as negociações tem sido realizadas com empresas dos Estados Unidos e Europa, ou seja, a empresa deixaria de ter capit

Marca da Evergrande Group, Hengchi é a marca mais valiosa da China mesmo sem vender carros

Imagem
A Evergrande Group é um grandioso grupo imobiliário na China, muito conhecido lá por sinal. Patrocinador de um dos maiores times de futebol da China, o Guangzhou FC, o grupo ainda conseguiu adquirir 51% das ações da NEVS, marca que é o restante do que sobrou da Saab automóveis. O investimento de US$930 milhões foi feito em 2019, sendo a primeira estatal a também financiar a Faraday Future, ou seja, faz algum tempo que a Evergrande Group tem se movimentado no mundo dos automóveis. Na China, o grupo apresentou a sua própria marca, a Hengchi, no Salão do Automóvel de Xangai. A marca apresentou sete conceitos no evento, todos elétricos, mas possui nove carros no gatilho. Mesmo sem ainda vender nenhum carro, a Evergrande Group já conseguiu fazer a marca atingir o valor de US$87 bilhões, de acordo com informações da Agência Bloomberg. É quase o mesmo caso da Tesla, que astronomicamente ascendeu no mercado e na bolsa de valores com suas ações disparando nos últimos anos. Mas a marca já vendia

Hengchi faz sua estreia no Salão do Automóvel de Xangai, na China, com sete conceitos

Imagem
A Hengchi foi ao Salão do Automóvel de Xangai, na China, para fazer sua estreia. No entanto, a marca apresentou sete conceitos de carros que devem ser apresentados nos próximos meses. A Hengchi apresentou o Hengchi 1, que é um sedã com porte de Mercedes-Benz EQS, que possui 5,320 metros de comprimento, 3,170 metros entre os eixos e autonomia de 760km com apenas uma carga. Inda existe o Hengchi 9, que deve ser um SUV grande de 4,81 metros de comprimento e 2,910 metros entre os eixos, contando com um motor elétrico que entrega autonomia de 810km. A marca ainda apresentou os utilitários esportivos Hengchi 6, Hengchi 3 e Henchi 5, além da minivan Hengchi 4. A Hengchi ainda deve apresentar o Hengchi 7 e o Hengchi 8, que são dois sedãs. A versão de produção destes carros deve começar ainda em 2021, quando eles devem ser apresentados oficialmente. A Hengchi deve ser a marca premium da também pouco comentada Evergrande, que possui ligações com outras marcas jovens como a Faraday Future, NEVS e

Postagens mais visitadas deste blog

Lamborghini comemora aniversário de 60 anos de Sant'Agata Bolognese e revela três séries

Alfa Romeo surpreende e confirma nome Milano para SUV subcompacto que estreia em abril

Curiosidades: por que o disco de freio parece com ferrugem mesmo sendo novo?

Curiosidades: Os carros mais vendidos do Brasil em 2003!

BYD Dolphin Mini pode ser lançado no Brasil com preço inicial de R$ 89.800 ou R$ 99.800

Toyota Yaris Hatch só ganha nova geração entre 2024 a 2025 na Ásia, depois do sedã e do SUV

BYD Dolphin Mini abre regime de pré-venda no Brasil com sinal de R$ 10.000; estreia é dia 28

Nova geração do Toyota Corolla surge em meados de 2025, como uma geração evolutiva

Ford diz que foi a Volkswagen que não quis produzir a nova Amarok junto da Ranger

Renault e Nissan passam a ter seguros com Assurant, por meio do intermédio da Mobilize