Curiosidades: Quantos BTUs possui o ar-condicionado de um carro?


Ar-Condicionado que temos em nossas casas, emprego, hospitais, lugares que visitamos de um modo geral quando é comprado é comprado de acordo com os BTUs, que seria a "potência" do ar-condicionado. Em um carro não deixa de ser diferente. Alguns carros tem a mais, outros a menos. A potência do ar-condicionado automotivo varia de um modelo para outro, pois depende do volume da cabine, do isolamento térmico e da rapidez com que se deseja resfriar o interior. Em geral, um sedã médio possui um aparelho de 20.000 BTUs, enquanto um condicionador de ar doméstico varia entre 18.000 e 24.000 BTUs, alguns até mais, principalmente se for empresarial. Mas um Honda Civic pode ter um equipamento de 12.000 BTUs enquanto um antigo, como o Chevrolet Impala de 1970 precisava de 36.000 BTUs. A sigla BTU vem de British Thermal Unit (BTU como é mais conhecida) é a unidade de medida de energia necessária para aquecer 1 libra de água (0,45 kg) em 1 oF (1,8 oC), onde 1cv é equivalente a 2.509 BTUs/h.

Fonte: Quatro Rodas

Comentários

  1. Então, posso instalar um ar-condicionado automotivo em um quarto? O meu é do tipo split e tem 9000 BTUs, menos da metade de um de um sedan médio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Creio que os BTU's do residencial consideram um quarto de alvenaria ou similar, enquanto que os BTU's de um carro levam em conta o habitáculo onde estão apenas os assentos. Portanto acho que, por razões de lógica devido às proporções de espaço, o automotivo não terá eficiência em um quarto, ou sala , de uma casa.

      Excluir
    2. Para você conseguir adaptar um ar condicionado de um carro no seu quarto vc vai enfrentar vários problemas a seguir:
      O compressor terá que ser adotado para funcionar com um motor elétrico e sua polia precisará ser adaptada para ficar travada a embreagem, pois no carro quem aciona ou desaciona o compressor é a bobina magnetica.
      Vc precisará adaptar um motor elétrico para resfriar o condensador na vazão adequada, pode usar o Memo motor do compressor mas vai ter que adaptar e aumentar a potência, pois além do compressor terá a hélice do condensador.
      Vc vai ter que adaptar a caixa evaporadora e terá problema, pois a vazão de ar do evaporador do automóvel é menor que de um split, pois o habitáculo do automóvel também é menor eaí começa mais um problema, pois com a vazão baixa vc não vai conseguir remover todo calor do ambiente e se aí mentar a vazão acima de um limite o ar passa rápido demais e não troca calor com o evaporador.
      A conversa vai longe mas resumindo está brincadeira não vale o trabalho despendido para adaptar tudo e provavelmente vc vai chegar em uma engenhoca parecida com um split comum kkkk

      Excluir
  2. Não daria certo porque o compressor é acionado pelo motor do carro. A não ser que se trate de um híbrido com compressor elétrico para o ar condicionado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. acredito que se adaptar um motor elétrico de certo sim....
      APENAS NÃO VEJO MOTIVO PRA ISSO....
      Um compressor automotivo custa carissimo, mais o motor mais a gambiarra e o risco de ficar uma porcaria...FICARIA COM CERTEZA MUITO MAIS CARO DO QUE UM AR APROPRIADO.... E PROVAVELMENTE NÃO FICARIA BOM...

      Excluir
  3. Boa tarde,em se tratando de capadade de refrigerante as mesmas valem para os dois casos não existe uma unida de BTUs para automóveis e outra doméstica seria incoerente.

    ResponderExcluir
  4. Seria legal, pois poderia funcionar como um inverter modulando o compressor.

    ResponderExcluir
  5. Coloquei um ar condicionado split dê 9000 BTUs na minha Sprinter 313 , coloquei inversor de 3000, bateria estacionaria ,mas não ficou como pensei que ia ficar,abri ventilação nas laterais,abri atraz pra sair o ar quente ,mas não ficou bom.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Novo Chevrolet SS poderá ser nosso novo Chevrolet Omega!

Ford EcoSport sairá de linha globalmente em 2023, com o fim na produção na Romênia

Jeep Compass é oferecido com desconto com CNPJ, que é de 8% em todas as versões

Volkswagen Sagitar, o nosso Jetta, ganha versão alongada no entre-eixos, "L", na China

Primeiro Caoa Chery, Tiggo 2 sai de linha oficialmente por não atender ao Proconve L7

Curiosidades: por que o disco de freio parece com ferrugem mesmo sendo novo?

Jeep já vende o novo Renegade com descontos para consumidores com CNPJ em até R$ 13.063

SsangYong apresenta o Torres e espera que SUV marque recuperação da marca coreana