Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Plano de Reestruturação

Aston Martin confirma que quer vender 10.000 unidades ao ano até 2025 e ser rentável

Imagem
Mais ativa nos últimos anos e com a estreia de novidades, a Aston Martin quer voltar a ser lucrativa e expandir seus mercados e crescer no mercado. De acordo com informações, a marca quer aumentar suas vendas apostando em novos modelos e também na personalização dos seus carros. De acordo com Lawrence Stroll, Presidente da Aston Martin, a marca tem um plano de aproximar sua gestão ao o que a Ferrari tem feito ultimamente. Tendo a Mercedes-Benz como braço direito, a Aston Martin trabalha na sua eletrificação e recentemente confirmou que quer vender apenas elétricos a partir de 2030. Tobias Moers, CEO da Alfa Romeo, será encarregado de aumentar a lucratividade da marca. “Quando entrei, a empresa era dominada pela fabricação em vez de liderada pela engenharia, o que para um negócio de luxo automotivo é insano. Em uma empresa desse porte, você precisa do máximo de flexibilidade e agilidade.” , destacou Moers em entrevista para a Agência Reuters. Desde a chegada do executivo na marca ingles

BMW não confirma desenvolvimento de compactos elétricos; Série 1 e 2 correm risco

Imagem
A BMW não decidiu se o seu futuro elétrico contará com a gama de modelos compactos. Assim como ocorre com a Mercedes-Benz, que deve cortar parte dos seus carros menores, a BMW também pode fazer alguns cortes. Com um volume de vendas menor e margem de lucros cada vez mais apertadas, apenas o iX1 está confirmado até o momento. O Série 1 chegou a ser cogitado o desenvolvimento de um i1, enquanto os membros da linha Série 2 (Série 2 Gran Coupé, Série 2 Active Tourer e o Série 2 Coupé) não estão confirmados se terão um futuro elétrico. De acordo com informações do site Autocar , a BMW está estudando formas de manter os modelos em linha, principalmente os carros desenvolvidos a partir da base UKL/FAAR. Essa plataforma deve continuar em linha até meados de 2027. De acordo com uma fonte ligada a BMW, ao Autocar, disse: "Há uma série de questões a serem consideradas. Em primeiro lugar, o tamanho do UKL dificulta a eletrificação porque o tamanho potencial de uma bateria é restrito. Em segun

Parte da reestruturação, Lotus revela a sua primeira nova concessionária em Londres

Imagem
A Lotus apresentou o novo padrão de concessionárias que a marca terá nos próximos anos. De acordo com informações reveladas pela marca inglesa, os modelos devem ser vendidos em espaços atualizados. A nova concessionária padrão inaugurou no distrito de Mayfair, em Londres, na Inglaterra. A loja estará localizada na rua Piccadilly, uma das mais famosas do Reino Unido. As novas lojas terão o logotipo da marca, tendo mais de 450m² de espaço comercial deslumbrante em dois andares e servirá como a vitrine para Eletre, Emira e o Evija. O piso térreo tem espaço para mostrar três carros da Lotus em um ambiente espetacular e incluirá uma loja de varejo completa da Lotus. Abaixo, haverá uma sala VIP para clientes visitantes – existentes ou futuros – e um conjunto completo de configuração digital da Lotus. A loja também fornecerá uma casa discreta em Londres para os clientes da Lotus Advanced Performance, a divisão sob medida e experimental da empresa lançada no início deste ano. De acordo com inf

Lifan firma parceria com a Geely para troca de baterias e começa a retomar vendas na China

Imagem
O retorno da Lifan, depois de quase falir nos últimos anos, é gradual. Fomos atrás de algumas informações da marca que deixou o nosso nos últimos anos, depois desse processo de quase falência. Agora fazendo parte da Geely Group, a marca possui apenas a minivan 80V, que não foi nem desenvolvida para a Lifan. Na China, ela foi desenvolvida pela marca Maple. Ainda há poucas informações sobre a marca, mas o pouco que se sabe nos deixa mais esperançosos que a marca tenha um futuro melhor. Na China, ela deve ajudar a Geely em uma joint-venture para desenvolver a troca de baterias em estações, tal qual a Nio faz atualmente. Todos os futuros modelos da Lifan nascerão como elétricos e diferentes produtos estão em desenvolvimento. A joint-venture prevê a instalação de cerca de 5.000 estações de recarga até 2025, cobrindo as 100 principais cidades chinesas. A Lifan deve apostar em produtos e serviços de troca de baterias para perfis de consumidores como taxistas, empresas e o público em geral. Os

Mercedes-Benz confirma plano para reduzir emissões de poluentes em 50% até 2030

Imagem
A Mercedes-Benz confirmou que seus carros devem ajudar a marca a diminuir a quantidade de emissões de poluentes pela metade, até o final desta década. De acordo com a Mercedes, a estimativa prevê a diminuição em 50% até 2030 a vai começar a mudar também sua postura na fabricação de veículos, usando materiais que também são livres da emissão de CO2, a fim de buscar ser uma marca neutra na emissão de gases. Tendo os números de 2020 como meta, a alemã quer buscar, primeiro, encontrar uma solução para produzir baterias sem emitir, o que já resolveria o problema em cerca de 20%. Depois do fim da vida útil destas baterias, a Mercedes já tem planos de reciclar as baterias usadas, com uma instalação de reciclagem neutra em CO2 na cidade de Kuppenheim, na Alemanha. A taxa de reciclagem das baterias será de 96%, graças a um novo processo hidrometalúrgico. O metal usado nos carros também deve ter providência neutra em emissão, enquanto o interior dos carros deve achar uma alternativa para substit

Lancia vai renascer com Ypsilon, Aurelia e Delta, que serão lançados entre 2024 e 2028

Imagem
A Lancia confirmou novas informações sobre o desenvolvimento da sua nova linha de modelos, que deve marcar o retorno da Lancia para uma série de mercados. Essa renovação acontece a partir de 2024, com a nova geração do Ypsilon. Até 2028, a Lancia confirmou que vai lançar cerca de três novos modelos, que devem fazer com que a marca ressurja. “O futuro da Lancia já está presente e até o final de 2022 teremos uma primeira amostra do novo rumo que nos levará a ser uma marca credível no mercado premium, em nome de mobilidade inovadora, limpa e segura”, disse Luca Napolitano, CEO da Lancia. Com o novo Ypsilon aparecendo em 2024, a Lancia confirmou ainda o retorno de nomes clássicos como Aurelia, que será um utilitário esportivo, e o Delta, que será um hatch ou um crossover. A quarta geração do Ypsilon será apresentado com motores híbridos e elétrico, sendo lançado em 2024, em dois anos. Em 2026 será a vez do Aurelia, que estreia como um modelo elétrico e traz o nome que já foi usado entre 19

Peugeot só terá carros eletrificados a partir de 2026, com híbridos e elétricos, na Europa

Imagem
A Peugeot confirmou que, além de se tornar uma marca puramente elétrica até 2030, a Peugeot definiu que será 100% eletrificada até meados de 2026, ou seja, em 2026 os seus carros serão apenas híbridos ou elétricos, sem mais opções de carros a combustão – sejam eles a gasolina ou diesel. E isso, claro, para a Europa. Isso faz parte do plano estratégico Dare Forward 2030 da Stellantis, que prevê os caminhos do grupo até a próxima década. Atualmente, cerca de 80% da sua gama de modelos já possuem uma opção híbrida ou elétrica na Europa e todos seus modelos serão eletrificados até meados de 2026. Até o final da década, a Stellantis confirmou o lançamento de 75 novos modelos elétricos, sendo que 60 serão apresentados na Europa – e em outros mercados, claro. “À medida que avançamos para as novas plataformas da Stellantis, STLA Small, Medium e Large, para 2030 na Europa, todos os nossos modelos serão elétricos. Mas ainda tenho que assegurar-me de manter as ofertas de combustão interna para me

JLR confirma que vai reduzir quase pela metade a emissão de poluentes, em 46%, até 2030

Imagem
A Jaguar-Land Rover confirmou que trabalha na eletrificação de sua linha no mercado global. Tanto a Jaguar como a Land Rover confirmaram suas metas de sustentabilidade para essa década até meados de 2030. A JLR confirma que vai reduzir as emissões diretas de gases do efeito estufa na fabricação dos seus carros em até 46%, considerando o valor absoluto em comparação com a linha base de 2019. A empresa ainda confirmou que vai diminuir em 54% as emissões médias dos veículos em sua cadeia, com redução de 60% na fase de utilização. “A sustentabilidade é a chave da nossa estratégia ‘Reimagine’, cuja meta é atingir a neutralidade de carbono antes de 2039 enquanto criamos os veículos modernos de luxo mais cobiçados do mundo. Ao passarmos de uma ambição climática à ação, temos de integrar a sustentabilidade no ADN da Jaguar Land Rover para minimizar a pegada de carbono em toda a nossa cadeia de valor. Os objetivos científicos permitem-nos determinar a quantidade e a velocidade necessárias para

Novo logotipo da Buick vaza antes da hora e será apresentado em breve globalmente

Imagem
A Buick vai apresentar em breve o seu novo logotipo. A marca registrou em patentes um novo logotipo que deve fazer sua estreia a partir do seu primeiro modelo elétrico, que surge neste ano. As primeiras imagens foram registradas no United States Patent and Trademark Office (USPTO) e o site CarBuzz descobriu que a marca norte-americana deve receber o novo logotipo. A mudança visa não só a eletrificação da marca como também o seu futuro, depois de parecer perdida dentro do lineup da GM. O logo da Buick se destaca por manter três escudos ladeados desde 1959, mas cada um em um nível. Agora, todos os escudos estarão no mesmo nível e perderam o arco que ficava ao redor dos escudos. O registro foi feito no dia 16 de março de 2022, indicando que as mudanças devem acontecer em breve, de maneira oficial. Além disso, um perfil de Instagram mostrou o novo logotipo já em um volante, de um carro desconhecido, que bate com a imagem de patente dos EUA, ou seja, a marca já produz, inclusive, carros com

Ford muda concessionárias no Brasil visando nova identidade visual e posicionamento

Imagem
Depois de mudar sua estratégia para a América do Sul, cortar mais da metade da rede de concessionárias, a Ford está renovando todas as lojas que permaneceram na ativa. Agora, as lojas passam a contar com um novo conceito visual e de atendimento, que foca na experiência do cliente. Chamado de Ford Signature, agora as concessionárias terão que valorizar os pontos de contato com o cliente, a fim de fortalecer os princípios de confiança, respeito e transparência. O novo padrão começou a ser implantado no final de 2018 e chegou a 23 revendas em 2021. Este ano, mais 18 serão inauguradas ou reformadas, totalizando 45, sendo que quatro delas já foram concluídas até março: Navesa (Campo Grande, MS), Atlanta (Vitória da Conquista, BA), Studio (Guarulhos, SP) e Caminho (Piracicaba, SP). A eede Ford é formada hoje por 109 lojas, distribuídas em todas as regiões do Brasil. “O Ford Signature é um novo passo no processo de evolução da marca, que reforça os nossos princípios de confiança, controle e r

Stellantis revela plano de eletrificação Dare Forward 2030, que prevê 75 novos elétricos

Imagem
A Stellantis revelou mais informações sobre o seu novo plano estratégico, o Dare Forward 2030. O plano prevê os caminhos que o grupo ítalo-franco-americano terá que enfrentar até 2030, atingindo a emissão zero de poluentes até 2038. “Dare Forward 2030 nos inspira a ser muito mais do que jamais fomos. Estamos expandindo nossa visão, rompendo os limites e adotando uma nova mentalidade, que busca transformar todas os aspectos da mobilidade para a melhoria de nossas famílias, comunidades e sociedades em que atuamos” , destacou Carlos Tavares, CEO da Stellantis. Além de se tornar neutra em emissões de poluentes, a redução das emissões já será de 50% em 2030. Como parte dessa liderança, estamos traçando o caminho para que 100% das vendas na Europa e 50% das vendas nos Estados Unidos sejam de veículos elétricos a bateria (BEVs) até o final desta década. Até 2030, a Stellantis confirmou 75 novos modelos elétricos, esperando vender cerca de 5 milhões de elétricos. A Jeep terá o primeiro SUV elé

Ford nega informações sobre apostas em start-ups e confirma reorganização interna

Imagem
A Ford confirmou que não vai mais investir em empresas start-ups, depois de dizer que poderia apostar novamente. Isso depois da Ford vender as ações que tinha da Rivian, o que gerou um lucro de US$ 8,2 bilhões para a marca, um ganho de mais de US$ 5 bilhões só ao esperar a marca a crescer no mercado financeiro. "Estamos focados em nosso plano Ford+ de transformar a empresa e prosperar nesta nova era de veículos elétricos e conectados. Não temos planos de encerrar nosso negócio de veículos elétricos a bateria ou nosso negócio tradicional de veículos a combustão." , disse a Ford em comunicado para a Agência Bloomberg . A Ford deve trabalhar internamente, possivelmente separando as operações de veículos a combustão e elétricos, a fim de trabalhar nas duas frentes. Jim Farley, CEO da Ford, confirmou que busca reorganizar a marca internamente, reduzindo custos tradicionais para obter acesso a um maior acesso aos mercados de capitais. Não que a empresa seja dividida, mas que, de ac

Rolls-Royce muda seu símbolo da 'Spirit of Ecstasy' para ganhar mais em aerodinâmica

Imagem
A Rolls-Royce confirmou que o ‘Spirit of Exstast’ ou ‘Espírito do Êxtase’, presente em todo capô dos Rolls-Royce, ganhará um novo modelo. Característico da marca inglesa, o símbolo está há 111 anos nos carros da marca e com a chegada da eletrificação, os tempos são outros. Buscando a aerodinâmica e a maior eficiência, os carros precisam contar com a melhor aerodinâmica possível para ter a maior autonomia. O redesenho da estátua do espírito da marca britânica trouxe uma pequena mudança que não altera a essência da estátua. Visualmente, a figura fica mais inclinada para a frente, com as pernas ligeiramente agachadas que, segundo a Rolls-Royce, uma “verdadeira deusa da velocidade”. Isso significa que a estátua fica um pouco mais baixa quando vista lateralmente, reduzindo a resistência do ar e ganhando em eficiência. “Mais que um simples símbolo, é a encarnação de nossa marca e uma fonte constante de inspiração e orgulho para a empresa e seus clientes. Assim como a nossa marca, sempre se m

Ford estuda voltar a produzir na Índia, com aposta em modelos elétricos para exportação

Imagem
Depois de confirmar o fim da produção em solo indiano, a Ford pode acabar voltando a produzir modelos nas suas fábricas que deixaram de produzir o Figo e que em breve se despedem do EcoSport. Isso porque a marca norte-americana estuda produzir elétricos na região, além de estudar vender apenas elétricos no país, já mudando seu foco totalmente para a eletrificação, pelo menos na Índia. Fazendo parte do plano de reestruturação da Ford no mundo todo, a marca do oval azul estaria de reinventando e investindo bilhões para transformar a sua estrutura para a eletrificação. A produção indiana poderia se valer para abastecer tanto o mercado interno como para exportação, o que seria o seu principal foco. Essa chance veio depois do EcoSport indiano ser vendido em outros mercados, como o próprio Estados Unidos, que recebeu o SUV compacto feito em Chennai. A informação da fabricação de elétricos na Índia ainda não é oficial e foi destacada por uma matéria da Agência Reuters. O assunto ainda deve se

Agora é oficial! Daimler muda para Mercedes-Benz Group e Daimler ganha nova direção

Imagem
A Mercedes-Benz Group confirmou o fim da Daimler, com a troca de nomes do grupo. Desde o dia 1º de fevereiro, o nome Daimler passa a ter uma nova função: gerenciar outros setores da Mercedes-Benz, como a divisão de caminhões, que será separada dos automóveis e vai ser batizada de Daimler Truck. Com isso, o grupo ganha uma divisão que vai ajudar os dois grupos a trabalharem de maneira mais independente, apesar de ainda serem Mercedes-Benz. “A renomeação para Mercedes-Benz Group AG reforça o nosso foco estratégico. Ao fazê-lo, queremos deixar claro onde vemos o núcleo da nossa empresa - construir os automóveis mais desejáveis do mundo. A estrela da Mercedes-Benz sempre foi uma promessa para o futuro: mudar o presente para melhor. Queremos continuar esse legado de nossos fundadores, assumindo a liderança em mobilidade elétrica e softwares para veículos” , disse Presidente do Conselho de Administração do Mercedes-Benz Group AG, Ola Källenius. A Daimler Group fica como responsável pelas div

Bentley passa a ser controlada pela Audi dentro da VAG, que vai ajudar em sua eletrificação

Imagem
A VAG confirmou que algumas marcas passariam a ser geridas por outras marcas a fim de melhorar o desenvolvimento dos seus modelos. A Bugatti, por exemplo, passou a ser gerida pela Porsche e em conjunto com a Rimac em uma joint-venture firmada no ano passado. Agora, a Bentley passa a ser gerida pela Audi. Desde o último processo de renovação da marca, que trouxe a nova geração do Continental, do Flying Spur e a estreia do Bentayga, além da chegada do Bacalar, a Bentley atingiu novos recordes de vendas. A partir deste ano, a Bentlay passa a responder especialmente à Audi, que será a marca responsável pelo desenvolvimento dos futuros modelos da marca inglesa. Esse gerenciamento por parte da marca das argolas vai ser quase que completo. Isso quer dizer que, se a Bentley quiser firmar parcerias até mesmo com suas marcas “primas”, dentro do próprio Grupo VAG, terá que ter o aval dos executivos da Audi. A marca premium ainda vai atuar em ajudar a marca inglesa a ter mais lucros no futuro e va

Lamborghini confirma data de estreia de primeiro elétrico para 2028 e será um sedã

Imagem
A Lamborghini confirmou a data de quando vai apresentar o seu primeiro modelo elétrico. A marca confirmou que vai apresentar seu modelo puramente elétrico será um modelo de quatro portas, que parece ser o projeto do Espada, baseado no Estoque Concept, apresentado em 2008 como conceito. O sedã vai ser desenvolvido com base em uma nova geração do Porsche Panamera e que também deve ser um irmão de desenvolvimento de modelos como o Audi A8 e Bentley Mulsanne. O CEO da Lamborghini, Stephan Winkelmann, ainda confirmou que o primeiro veículo da marca totalmente elétrico será apresentado em meados de 2028 e será um carro onde a marca não possui um representante neste segmento. Depois de confirmar que a marca vai encerrar a produção de carros movidos apenas a combustão em 2022, a Lamborghini vai apostar em híbridos já em 2023. A unidade de Sant’Agata Bolognese deve receber investimento para receber esse tipo de eletrificação. Contando com um motor que vai buscar o desempenho e um elétrico que a

Ford ainda segue sua reestruturação depois de um ano, com uma operação mais enxuta

Imagem
A Ford já ‘comemorou’ o primeiro ano do fim da sua produção nacional no Brasil. Isso aconteceu em 11 de janeiro de 2021 e caiu como uma bomba no setor automotivo, até porque, a Ford era uma marca com mais de 100 anos de mercado e que era conhecida por ser uma das quatro grandes do nosso país. A marca disse que o fim da produção no Brasil veio por conta da baixa lucratividade motivada pela produção apenas de modelos baratos, como Ka, Ka Sedan e EcoSport. Apenas a Ranger rendia lucros mas ainda assim não cobria as perdas com o trio de compactos. Fora que a fábrica de Camaçari (BA) foi projetada para produzir muito mais que o ritmo de vendas que a marca tinha, de pouco mais de 115 mil unidades em 2020 se levar em consideração apenas os modelos nacionais. O pior, foi ver cerca de 5.000 funcionários da Ford sendo demitidos diretamente e outros 10.000 indiretamente. Ao fim dessa história como produtora, a marca fechou o primeiro ano em 11º, mas há meses que ela luta com a Mitsubishi pela 13º

Postagens mais visitadas deste blog

Chery desenvolve a chegada do eQ1 ao mercado brasileiro, candidato a elétrico mais barato

Renault vai trazer 1º lote de 500 unidades do Kwid E-Tech Electric a partir de agosto

Volkswagen desenvolve um Polo Hybrid com motor eTSI, que chega na reestilização

Volvo abre pré-venda do novo XC40 Recharge Electric P6, com motor de 231cv, por R$ 309.950

Surgem projeções de como pode ficar o Renault 'StepWay', que estreia no Brasil em 2023

Chery fecha fábrica de Jacareí (SP) até 2025, quando retoma produzindo híbridos e elétricos

Com fechamento da fábrica, Chery Tiggo 3X sai de linha e Arrizo 6 virá importado da China

Site confirma a escolha da Fiat para o nome do SUV oriundo do Projeto 376: Fastback

Jeep confirma o lançamento da Gladiator para breve no Brasil; picape terá motor 3.6 V6

Kia Soul ganha reestilização nesta terceira geração e traz mais tecnologia, no exterior