Postagens

Mostrando postagens com o rótulo JLD

Jaguar pode ser colocada à venda após o cenário de 2025, diz fonte

Imagem
A Jaguar-Land Rover apresentou um novo plano estratégico que deve contar com novos modelos elétricos. Além disso, surgiu uma informação na Europa que a Jaguar seria uma empresa 100% elétrica já em 2025, sendo que a inglesa possui atualmente apenas o I-Pace como um modelo puramente elétrico. Todo esse processo deve ser muito rápido e vai exigir um bom esforço dos britânicos para acontecer. Surgiu rumores de que a Jaguar poderia ser vendida pelos indianos da Tata, que gerenciam a JLR. Entre os motivos que reforçam isso estão essa decisão de eletrificar tudo, o cancelamento do desenvolvimento do novo XJ. De acordo com o CEO da Jaguar-Land Rover, Thierry Bolloré, disse que os carros elétricos da Jaguar terão plataforma elétrica própria e que “o SUV será Land Rover” , enquanto “o Jaguar será diferente dos SUVs” . O CEO ainda destaca que “este é o renascimento do Jaguar” , de modo que a empresa “reposicionará completamente a marca Jaguar”. Isso pode indicar que a marca pode ser colocada à ve

Jaguar-Land Rover muda seu plano estratégico e Jaguar terá apenas elétricos em 2025

Imagem
O último anúncio do seu plano estratégico definido pela Jaguar-Land Rover foi em agosto de 2018, quando os grupos definiram que teriam apenas duas plataformas, sendo a MLA e a PTA. Três anos depois, as marcas britânicas mudaram seus planos e a partir de 2025 devem focar no desenvolvimento de modelos elétricos, de acordo com informações da revista Autocar, especialmente a Jaguar, que a partir de 2025 terá carros elétricos, desenvolvido sobre uma nova plataforma modular exclusiva e inédita. A Land Rover ainda deve ter duas plataformas, sendo a MLA nos modelos mais acessíveis e a PTA deve ser substituída pela EMA. Ambas plataformas devem ter modelos híbridos e elétricos. Sabe-se que o primeiro elétrico da marca deve ser apresentado em meados de 2024, ou seja, ainda não se tem informações sobre qual seria esse modelo, mas que nesse ano deve ser apresentada uma nova geração do Discovery Sport. A Jaguar deve partir para a eletrificação completa, não tendo mais versões a combustão dos seus ca

Jaguar-Land Rover deve apostar em desenvolver tecnologia das células de combustível

Imagem
Enquanto a Volkswagen fala que não deve desenvolver automóveis com a opção de um motor a hidrogênio, a Jaguar-Land Rover veio confirmar que se interessa pelo desenvolvimento da tecnologia. As marcas inglesas confirmaram que querem criar uma alternativa à eletrificação. Vale destacar que a Jaguar quer ser uma marca puramente de elétricos a partir de 2025, enquanto a Land Rover deve começar a ter seus primeiros elétricos em 2024. Até o final dessa década é o prazo que a Jaguar-Land Rover definiu para lançar um carro com essa mecânica, enquanto o grupo se dará uma data limite de até 2022 para dar início ao desenvolvimento desse tipo de combustível para seus carros. Conhecido internamente como Projeto Zeus, essa parceria visa o estudo do hidrogênio e a melhor viabilidade em carros maiores. Ao que se acredita, essa mecânica seria usada em modelos maiores do grupo, onde um elétrico teria baixa rentabilidade e autonomia por ser maior/mais pesado. A Jaguar-Land Rover tem buscado o desenvolvime

Land Rover terá primeiro carro elétrico apenas em 2024, diz novo CEO da JLR

Imagem
Depois de alguns anos que a Jaguar já conta com o seu primeiro modelo elétrico com o I-Pace, a Land Rover só terá o seu primeiro carro elétrico em 2024! Enquanto a Jaguar quer ser uma marca completamente eletrificada até o final de 2025, o primeiro elétrico da Land Rover deve ser lançado meses antes. Antes disso, a Land Rover passará por um processo de eletrificação, ganhando versões híbridas, híbridas plug-in e híbridas-leves. Segundo entrevista, a marca inglesa tem consumidores que são mais entusiastas da marca e os projetos de modelos elétricos da Land Rover não foram adiante pela crise que a marca viveu recentemente, com queda nas vendas e consequentemente nos lucros. “Nos próximos cinco anos, a Land Rover dará as boas-vindas a seis variantes puramente elétricas, pois continua a ser o líder mundial de SUVs de luxo por meio de suas três famílias de Range Rover, Discovery e Defender. A primeira variante totalmente elétrica chegará em 2024” , disse Thierry Bolloré, o novo CEO da Jagua

JLR desenvolve Projeto Tucana, que terá base com fibra de carbono e de vidro

Imagem
A Jaguar-Land Rover (JLR) confirmou o desenvolvimento de um novo projeto, chamado de Projeto Tucana. Esse projeto deve ser de um novo modelo elétrico, que deve ser desenvolvido para ser um carro mais leve e mais eficiente em termos de bateria. Enquanto estuda reduzir o peso das células de combustível, o grupo busca solução para tornar os elétricos mais eficientes, usando baterias menores em kWh. Esse novo modelo em desenvolvimento desse projeto deve fazer com que a JLR tenha uma economia de 4,5 milhões de toneladas de CO2 entre 2023 a 2032. Esse novo carro deve contar com essa nova estrutura dentro de dois anos e pode ser um novo crossover da Land Rover. O projeto Tucana ainda deve envolver a construção de técnicas de produção com moldagem de peças maiores, dando mais rigidez torsional ao carro e reduzindo o peso das soldas. Com isso, o carro desenvolvido com essa nova base pode contar com uma bateria mais eficiente em kWh que deve fazer o necessário para alcançar esse padrão de bateri

JLR deve surpreender e investir R$19 milhões na fábrica de Itatiaia (RJ), que produz o Discovery Sport

Imagem
A JLR deve investir pesado no mercado brasileiro e na sua fábrica de Itatiaia (RJ). A fábrica, que vinha sendo cogitada como a quarta marca a deixar de produzir no Brasil, depois de Audi, Mercedes-Benz e Ford, confirmou que deve divulgar em breve um investimento para a unidade. Apesar de ser quase uma boutique no Brasil, produzido menos de 200 unidades mensais para o Land Rover Discovery Sport, a Land Rover confirmou que deve investir R$19 milhões na fábrica em breve. O governo estadual do Rio de Janeiro iniciou uma série de reuniões om todas as fabricantes no RJ (Itatiaia, Porto Real e Resende, da JLR, PSA e Nissan), para saber se existia a possibilidade de alguma marca deixar de produzir no estado. As conversas ainda foram feitas com cerca de 200 empresas. Segundo Leonardo Soares, Secretário Estadual de Desenvolvimento Econômico, Energia e Relações Internacionais confirmou que o governo está em reunião com dirigentes da JLR. A marca confirmou que poderia fazer o investimento de até R

Jaguar-Land Rover quer proibir vendas de SUVs do Grupo VAG nos EUA por uso de Terrain Response

Imagem
Nada como uma concorrência para fazer o mercado se movimentar. Em alguns casos, a concorrência vai parar em questões judiciais. É o que vem acontecendo nos Estados Unidos. A Jaguar-Land Rover entrou com um processo contra o Grupo VAG. De acordo com o site Bloomberg Quint, os ingleses estão pedindo à Comissão Internacional de Comércio dos Estados Unidos para bloquear as vendas de SUVs do Grupo Volkswagen, pelo uso não autorizado do sistema Terrain Response. No documento, a JLR pediu que os modelos como Lamborghini Urus, Porsche Cayenne, Audi Q5, Audi e-tron, Audi Q7, Audi A6 AllRoad, Audi Q8, Porsche Cayenne Coupé, Bentley Bentayga e sobrou até mesmo para o Volkswagen Tiguan. O argumento seria que a tecnologia Terrain Response, criado pela JLR em 2005, está sendo usado pelos modelos do Grupo VAG. O sistema seleciona os modos da tração de acordo com o tipo de terreno. O sistema permite a escolha entre os modos areia, pedra, lama e outros, fazendo com que o motor, freios e transmissão mud

Bowler consegue licença da Land Rover para produzir o CSP-575, um jipão inspirado no Defender

Imagem
Depois de uma disputa judicial entre a Jaguar-Land Rover (JLR) e a Ineos para manter a produção do antigo Defender sob a marca da Ineos. Como não conseguiu, a startup criou o seu próprio modelo, onde a Land Rover julgou ser parecido demais com o seu clássico e entrou na justiça para impedir a sua comercialização. Como a Land Rover perdeu o processo, a Ineos deve conseguir produzir o seu próprio modelo, o Grenadier. Agora, a Land Rover concedeu o direito/licença da Bowler produzir o CSP-575, que é uma cópia do antigo Defender. A Bowler, propriedade da Land Rover desde dezembro do ano passado, deveria ter recebido a preferência pelo modelo antes mesmo da Land Rover e a Ineos causarem toda uma confusão nos tribunais. A Bowler poderá usar as formas básicas do Defender, que usa as linhas da carroceria 110 e tem um motor 5.0 V8 Supercharged que desenvolve 575cv de potência e torque de 71,1kgfm, desenvolvidos pela Special Operations Vehicle (SVO). Ainda não se sabe qual deve ser a transmissão

Jaguar-Land Rover confirma desenvolvimento de dispositivo contra enjoo ao rodar do veículo

Imagem
A Jaguar-Land Rover confirmou que deve desenvolver um novo dispositivo, que deve reduzir as chances dos ocupantes do carro enjoar. Segundo o grupo inglês, os novos modelos serão programados para seguir rotas e estilo de guiada, que reduzem o impacto do enjoo do movimento. Isso significa que a marca deve criar uma pontuação de bem-estar e, com isso, conseguiu uma redução de até 60% no enjoo de movimento. Esse sistema já rodou cerca de 20 mil milhas (32.000km) no mundo real e terá simuladores para calcular parâmetros de dirigibilidade. O carro deve otimizar a sua tocada baseado nas informações que serão coletas pelo sistema. O sistema deve contar com sistema de aceleração, frenagem e posição em faixa como principais ações para evitar enjoo nos ocupantes. Segundo a empresa, a náusea afeta mais de 70% da população ao redor do mundo. "A mobilidade está se transformando rapidamente e precisamos aproveitar o poder dos carros autônomos para alcançar nossa meta de zero acidente e zero cong

Ineos ganha ação judicial da JLR; Land Rover tinha entrado com processo por conta do Grenadier

Imagem
Depois de entrar com um processo judicial contra a Ineos, a Jaguar-Land Rover perdeu judicialmente após dizer que o Grenadier era, na verdade, uma cópia do antigo Land Rover Defender. O Land Rover disse que o modelo era uma cópia do Land Rover Defender até 2017 pela marca. Com isso, a JLR entrou com uma ação para impedir a comercialização do Ineos Grenadier na Europa, alegando similaridades entre os dois modelos, o que caracteriza como plágio. De acordo com o Escritório de Patentes do Reino Unido, definiu que os modelos não são tão parecidos assim como a Land Rover cogita. Com isso, a ação judicial da marca inglesa foi negada e o carro da Ineos poderá ser vendido sem impedimentos jurídicos. De acordo com a Land Rover, a marca se mostrou decepcionada com a decisão da justiça britânica nesse caso, que alega ter o desenho de patente do antigo Defender em vários países. Visualmente, o Ineos Granadier conta com linhas bem “quadradonas” do seu design, com faróis e grade dianteira num mesmo c

JLR confirma desenvolvimento de nova central multimídia, controlada por gestos

Imagem
A Jaguar-Land Rover confirmou que deve criar uma parceria com a Universidade de Cambridge, no Reino Unido, para uma nova central multimídia para os carros das marcas. De acordo com os ingleses, a nova tela deve contar com funcionalidades sem a necessidade de contato touchscreen. De acordo com a JLR, a nova tela terá a função de manter os motoristas focados no tráfego e limitar a propagação de bactérias e vírus. A tela ainda deve contar com sensores que monitoram o motorista, incluindo rastreadores de gestos, olhares e sensores de radiofrequência. Com isso, cada função pode ser selecionada apenas passando o dedo da área indicada na tela. O sistema de inteligência artificial deve descobrir qual a função que o motorista pretende executar e existe a tentativa que a solução seja de diminuir o tempo que o motorista interaja fisicamente com o sistema de entretenimento. "As telas sensíveis ao toque e outras telas interativas são algo que a maioria das pessoas usa várias vezes por dia,

Jaguar-Land Rover deve diminuir a sua gama de produtos e rever plano estratégico

Imagem
A Jaguar-Land Rover confirmou que trabalha para diminuir a sua linha de produtos dentro de alguns anos. Além de desenvolver as novas gerações de Jaguar XF e Jaguar XJ, além de uma nova geração do Land Rover Range Rover Vogue, a JLR confirmou os problemas financeiros podem afetar que os planos das marcas inglesas mantenham o mesmo lineup atual. A Jaguar-Land Rover confirmou que deve fazer uma análise do mercado e tentará determinar se as vendas globais se recuperarão rapidamente da pandemia de Corona Vírus. Se as indicações forem positivas, ela deve decidir se vai tirar alguns modelos de linha. "No caso da JLR, precisamos esperar mais algumas semanas para entender melhor isso. Não queremos reagir às manchetes dos jornais para decidir a estratégia de longo prazo a decisão nos impactará daqui a três a quatro anos" , disse PB Balaji, Diretor Financeito da Tata Motors, dona da JLR. A informação foi revelada em uma conferência em 15 de junho. Isso deve acontecer porque alguns p

Jaguar-Land Rover pode criar parceria com a BYD para ter acesso a baterias para elétricos e híbridos

Imagem
A Jaguar-Land Rover pode estar próxima de fechar uma negociação com a BYD para a aquisição de baterias para seus carros elétricos e híbridos. De acordo com informações, a área potencial da parceria pode ser o uso de baterias da BYD nos novos modelos híbridos plug-in da marca, assim como a BYD estuda a possibilidade de erguer uma fábrica no Reino Unido para a produção de baterias e vende-las para as marcas próximas que queiram usar as baterias. Tudo indica que as baterias dos modelos híbridos e JLR devem ser produzidas no novo Centro de Montagem de Baterias no Hams Hall, a partir deste ano, com capacidade de produção de 150 mil unidades por ano. Rumores também confirmaram que a JLR e a BYD estudam uma parceria em sistemas de propulsão elétrica, apesar de ser bem mais interessante a parceria de compra das baterias da BYD por parte da JLR. Recentemente a Land Rover apresentou Discovery Sport e Range Rover Evoque com a versão P300e, equipadas com motor 1.5 12v Turbo a gasolina que de

No futuro, divisão SVO de Jaguar-Land Rover deve desenvolver versões esportivas de elétricos

Imagem
Atualmente responsável pelo desenvolvimento de versões de alto desempenho das marcas Jaguar-Land Rover, a SVO pode acabar virando a divisão de carros elétricos da JLR. A Special Vehicle Operations deve começar a desenvolver modelos híbridos e elétricos em um futuro próximo. A nova geração do Jaguar XJ é a principal candidata a ter uma versão SVO desenvolvida a partir de um modelo puramente elétrico, uma vez que o I-Pace foi descartado para receber uma versão esportiva. "Nós estaremos desenvolvendo versões eletrificadas de nossos carros, sejam híbridos totalmente eletrificados ou plug-in. O I-Pace não está nesse caminho, mas existem várias outras coisas em que estamos trabalhando, das quais não podemos falar." , disse Michael van der Sande, Diretor Administrativo da SVO da Jaguar-Land Rover, em entrevista ao Auto Express . Ao que tudo indica, o não desenvolvimento de uma versão elétrica do I-Pace estaria ligado ao fato de que a plataforma do modelo foi projetada sobre medida e

Jaguar-Land Rover deve lançar mais três elétricos até 2021: vem aí XJ, J-Pace e Road Rover

Imagem
A Jaguar-Land Rover confirmou que deve desenvolver três novos modelos elétricos que serão lançados até o final de 2021. O processo de eletrificação da marca deve crescer nos próximos anos, apostando em carros puramente elétricos, que devem ser produzidos na unidade de Castle Bromwich, que deve produzir o novo XJ, previsto para ser lançado em 2021, que deve ser um sedã puramente elétrico. A mesma fábrica ainda deve apresentar o J-Pace, o maior SUV da Jaguar, que deve ser apresentado com um motor elétrico e se posicionar acima do I-Pace dentro da linha da Jaguar. No entanto, o novo modelo pode contar com opção de motores a combustão como opção. O J-Pace ainda deve usar a mesma mecânica elétrica do novo XJ, além de um novo modelo da Land Rover, conhecido internamente como Road Rover. Esse novo modelo deve ser um SUV aos moldes do Jaguar I-Pace, desenvolvido sobre a plataforma MLA. Esse novo modelo da Land Rover deve ser apresentado também em 2021, assim como o J-Pace. A mesma platafor

Jaguar-Land Rover apresenta o Project Vision Vector Concept, com condução autônoma

Imagem
A Jaguar-Land Rover apresentou o Project Vision Vision Concept, um conceito bastante futurista que antecipa um carro autônomo. O compacto possui um design parecido com o de um furgão futurista, que estamos acostumados a ver em filmes, séries e clipes. Com quatro metros de comprimento (parece maior, não?), ele possui motor e baterias no assoalho. De acordo com as marcas, o modelo possui uma cabine configurável e pode ter assentos para uso compartilhado ou individual. O Vector ainda pode ser desenvolvido para uso comercial. A Jaguar-Land Rover pretende que o carro transforme “as sociedades em lugares mais seguros, saudáveis e limpas”. Com o motor e as baterias no assoalho, a JLR teve a criatividade solta para o desenvolvimento do conceito. Tanto que ele foi projetado aproveitando o máximo do espaço interno e com paredes envidraçadas praticamente planas que aprimora o espaço interno. De acordo com o grupo britânico, essa plataforma flexível permite a utilização de inúmeras configuraçõ

Jaguar-Land Rover confirma que deve diminuir ritmo de produção de suas fábricas na Inglaterra

Imagem
A Jaguar-Land Rover (JLR Group) confirmou que deve diminuir a capacidade produtiva das marcas britânicas. Depois da queda nas vendas na China, as duas confirmaram à Agência Reuters que a queda nas vendas é o principal motivo dessa diminuição da capacidade produtiva. Depois de ver as vendas caírem 2,3%, a nível global, no último trimestre de 2019, ela deve se adequar com a nova realidade e atender a demanda por seus carros. Isso deve ser um dos principais pontos que deve fazer com que a JLR diminua em bilhões de libras esterlinas e prepara o grupo para enfrentar uma situação pior. Com muitos dos seus carros com motor diesel, a JLR migra para a eletrificação em passos mais lentos que a concorrência e vê sua operação na China em queda. A diminuição da capacidade de produção para se adequar a essa nova demanda é o primeiro passo para evitar algo pior. Controlada pela Tata Group, foi confirmado que a fábrica de Castle Bromwich, na Inglaterra, deve produzir quatro dias por semana. Já a u

Postagens mais visitadas deste blog

Chevrolet Tracker PcD volta a ser vendido em breve, mas com mudanças de conteúdo

Curiosidades: por que o disco de freio parece com ferrugem mesmo sendo novo?

Ferrari confirma desenvolvimento e lançamento do primeiro elétrico até 2030

Assim como o Bolt, Chevrolet Bolt EUV deve ser vendido no Brasil dentro de alguns meses

Reestilização do Volkswagen Jetta chega até 2022, com o inédito motor 1.5 TSI

Volkswagen não vê chances em desenvolver modelos com a tecnologia do hidrogênio

Novo Citroën C3 Sporty deverá ser lançado em outubro no Brasil, antes da Índia

Mitsubishi apresenta a nova (e quarta) geração do Outlander nos Estados Unidos

Volkswagen deve receber pedidos pelo up! até final de abril e produção vai até fim de maio

VAG pode vender ações da Porsche para custear processo de eletrificação do grupo?