Volkswagen ID.1 será desenvolvido em base inédita e pode ser feito em países emergentes

Volkswagen trabalha com um hatch elétrico menor que o ID.2, o ID.1, que deve ser produzido também em mercados emergentes, como a Índia; Brasil fica na espera



A Volkswagen não veio a público ainda confirmar que trabalha para que a versão de produção do ID.2all Concept seja produzida também em mercados emergentes. No entanto, o ID.1 é um dos futuros para a Índia, que pode receber o futuro hatch subcompacto elétrico. Lá, é esperado que o modelo comece a ser produzido em meados de 2027, quando ele deve ser apresentado também em meados deste ano na Europa. Ele começa a ser produzido primeiro na unidade alemã de Wolfsburg, mas a Índia surge como potencial candidata para produção.

A informação foi confirmada por Thomas Schaefer, CEO da Volkswagen, que falou que a empresa trabalha com quatro ‘fluxos’ de trabalho e que tem estudado a produção do elétrico em outros mercados, incluindo até mesmo mercados emergentes. "Há quase uma obrigação para nós de acertarmos isso. Essa é a verdadeira Liga dos Campeões. Temos que fazer um carro que seja acessível", destacou Schaefer em entrevista ao Automotive News Europe. Ele não será feito sobre a base MEB-Entry.

Sendo a primeira porta de entrada aos elétricos desde o fim do e-Up!, o ID.1 nascerá com a missão de substituir justamente o e-Up!. Ainda não se tem muitas informações sobre esse novo elétrico que a marca trabalha, mas ele deve usar baterias LFP junto de uma plataforma criada pela Skoda, que é responsável pelo desenvolvimento de produtos de baixo custo, assim como também é responsável por plataformas. Basicamente, o movimento deve ser o mesmo quando a Volkswagen apresentou a plataforma MQB-A0 e a Skoda ainda desenvolveu a MQB-A00 (também conhecida como MQB-A0-IN).

Tudo indica que o modelo usará bateria de fosfato de ferro-lítio de 38kWh, com uma autonomia mínima de 320km e que pode chegar aos 402km. "Ou você resolve o problema com a balança, ou você reduz o tamanho da bateria, ou você faz parceria e dimensiona ainda mais. Ainda não decidimos.", destaca Schaefer. A produção do ID.1 na Índia pode ser interessante para a Volkswagen entrar na concorrência com produtos elétricos como Tata Tiago EV e Citroën ë-C3, por exemplo, que serão produtos com os quais o futuro ID.1 deve acabar concorrendo. 



Fotos: Volkswagen / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat confirma que o futuro interior dos seus carros terão inspiração no clássico Lingotto

BYD lança no Brasil promoção para interessados em seus carros durante este mês de junho

Toyota confirma produção do primeiro elétrico nos EUA em 2025, no estado de Kentucky

Lynk & Co revela um novo teaser do Zero, que será o primeiro veículo 100% BEV da marca

Hyundai apresenta oficialmente o Ioniq 5 N, a versão esportiva com motor de 609cv

Hyundai apresenta a linha 2025 de HB20, HB20S, Creta Action e Creta no Brasil com novidades

GWM vai produzir primeiro o Haval H6 na fábrica de Iracemápolis (SP) por alguns motivos

Stellantis investe em Rennes, inaugura fábrica de baterias e fecha parceria com a Vulcan

Fiat lança a linha 2025 de Mobi, Strada, Pulse, Fastback e Fiorino no Brasil com novidades

InMetro confirma que vai cortar autonomia dos carros elétricos em 30% no ciclo PBEV