Tesla consegue atingir 5.000 unidades produzidas por semana na fábrica do Texas

Tesla comemora a marca de 5.000 unidades produzidas em uma semana na Gigafactory do Texas, nos Estados Unidos, que produz o elétrico Model Y



A Tesla comemorou uma nova marca para a sua fábrica mais nova: a Gigafactory Texas, nos Estados Unidos. A segunda unidade fabril da marca foi a mais recente a ser inaugurada, depois da unidade chinesa de Xangai e a alemã de Berlim. A fábrica é responsável hoje pela produção complementar do Model Y junto com a fábrica de Fremont, na Califórnia. A norte-americana alcançou a marca de 5.000 unidades produzidas em apenas uma semana na fábrica texana.

A unidade produz o SUV elétrico com as baterias cilíndricas 4680, com uma plataforma estrutural da marca, mas a Tesla também produz o Model Y com as baterias 2170 do padrão mais antigo, oferecido nas versões mais simples. O aumento rápido na produção da fábrica se dá por conta da alta demanda que a empresa recebe pelo SUV, que é disparado o elétrico mais vendido do mundo, apesar da marca não ser oferecida em uma série de mercados. Ano passado, quando iniciou a produção da fábrica, a marca ainda trabalhava para deixar a unidade pronta para começar a operar.

Nela, a Tesla adicionou uma GigaPress, uma prensa que possui 9.000 toneladas e desenvolvida pela IDRA, que foi a única empresa que aceitou desenvolver uma prensa deste porte. A nova prensa chegou na fábrica de Austin para ajudar na produção da picape Cybertruck, que será mais um produto a ser feito na unidade. Entre o final de 2022 e o início de 2023, a nova fábrica recebeu funcionários da fábrica de Xangai, hoje a fábrica mais rentável da Tesla em termos de produção de veículos, para ensinar os funcionários a fazerem a fábrica do Texas mais uma fábrica de grande volume.

Cerca de 200 funcionários se deslocaram da China para os Estados Unidos por três meses para concluir tarefas específicas. Tida como a maior fábrica da Tesla no mundo, Xangai recentemente recebeu melhorias que ajudam a aumentar a capacidade de produção em 50%. Com isso, a unidade chinesa consegue fazer 1.000.000 de unidades ao ano. Já Fremont tem capacidade de 650.000 unidades ao ano. A fábrica de Berlim também é trabalhada para alcançar a produção de 1 milhão de carros ao ano e Austin parece estar no mesmo caminho.



Vídeo



Fotos: Tesla / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat confirma que o futuro interior dos seus carros terão inspiração no clássico Lingotto

Volkswagen apresenta as primeiras imagens teaser de um possível Golf GTI Edition 50

Ford tem desconto de R$ 17 mil para a Ranger; Maverick, Bronco Sport e Transit tem promoção

Toyota registra imagens de patente de câmbio manual que simula de 14 marchas no USPTO

BMW lança promoção adicional para iX1 e iX no Brasil até o próximo dia 31 de maio

BMW cogitou produzir 50 unidades da Z4 Touring Coupé Concept, mas desistiu do projeto

MINI revela imagens teaser do desenvolvimento da condução com uso de óculos VR

Chery reajusta o preço do Tiggo 5X em R$ 1.000 e Tiggo 7 Sport pode receber primeiro aumento

GWM lança promoção para o Ora 03, com Pacote Tranquilidade e condições de financiamento

Peugeot apresenta a reestilização do 208 na Europa, que ganha opção de motor híbrido