Porsche quebra novo recorde com as quase 310 mil unidades vendidas no mundo em 2022

Porsche continua avançado no mercado global a fecha 2022 com um novo recorde de vendas, com aumento de 3% nas vendas e quase 310 mil unidades



A Porsche confirmou detalhes dos seus resultados de vendas em 2022 e eles continuam muito bons. A marca atingiu um novo volume acima das 310 mil unidades globais. Durante todo o ano de 2022, a marca alemã teve 309.884 unidades vendidas, um avanço de 3% nas vendas em relação ao mesmo período de 2021. De acordo com os resultados da empresa, a Europa continua como um dos seus principais mercados (se somar com a Alemanha), com 62.685 (todos os países, exceto a Alemanha) unidades vendidas, avanço de 7% frente ao ano anterior.

Seu mercado doméstico, a Alemanha, absorveu sozinho 29.512 unidades, aumento de 3% nas vendas. A Europa só fica atrás de mercados como a China, que passou de 95.671 unidades em 2021 para 93.286 unidades (única queda global) e a América do Norte, que alcançou 79.260 unidades, um crescimento inferior a 1% em relação ao mesmo período do ano anterior. A Porsche atrela a baixa nas vendas na China aos efeitos da pandemia de COVID. Ondas de infecção, bloqueios relacionados ao COVID e desafios logísticos afetaram as entregas.

“Os muitos desafios causados ​​pela guerra na Ucrânia, cadeias de suprimentos interrompidas e a atual crise de semicondutores moldaram o ano passado e nos colocaram à prova. Portanto, estou muito orgulhoso de toda a equipe Porsche. Neste ambiente difícil, conseguimos realizar o sonho de possuir um Porsche para mais clientes do que nunca”, diz Detlev von Platen, Membro do Conselho Executivo de Vendas e Marketing da Porsche AG.

Outros resultados ainda mostraram mais evoluções, como os ‘Mercados Estrangeiros e Emergentes’, que tiveram a maior evolução. A marca passou de 39.937 unidades para 45.141 unidades, avanço de 13%. Entre os veículos, a alemã confirmou que o Cayenne continua líder com 95.604 unidades, seguido pelo Macan com 86.724 unidades e o 911 apareceu em terceiro com 40.410 unidades. O superesportivo teve um aumento de 5% nas vendas em relação ao ano anterior.

Depois, o Taycan aparece com 34.801 unidades e o Panamera fechou com 34.142 unidades. Por fim, a linha 718 fechou com 18.203 emplacamentos. “Do lado das vendas, os resultados foram positivos em 2022. A Porsche está em uma posição sólida. E estamos construindo com base nisso.”, diz von Platen. 



Fotos: Porsche / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Alfa Romeo surpreende e confirma nome Milano para SUV subcompacto que estreia em abril

RAM reajusta os preços de Rampage, 1500, 2500 e 3500 no Brasil, em até R$ 5.000

Nio ET5 Touring é a primeira station wagon da marca; estreia na China de olho na Europa

Ford desenvolve um SUV elétrico de 7 lugares que será apresentado em meados de 2025

Fiat reajusta os preços da Toro em versões com motor T270, com cortes de até R$ 10.000

Chevrolet Camaro ganha séries especiais Collector's Edition e Garage 56 Edition nos EUA

Lamborghini comemora aniversário de 60 anos de Sant'Agata Bolognese e revela três séries

Nosso novo Peugeot 2008 será igual ao modelo europeu, recém reestilizado; terá motor T200

Ferrari apresenta a SF90 XX Stradale e Spider na Europa, com motor híbrido de 1.030cv

Toyota dá a entender que o Celica pode ressurgir como cupê esportivo criado pela GR