RAM confirma o lançamento de duas novidades para o Brasil ainda neste ano de 2024

RAM prepara o lançamento de duas novidades no mercado brasileiro neste ano de 2024, as duas com mudanças para a picape grande 1500



A RAM teve um ano de 2023 muito importante em nosso mercado com o lançamento da Rampage em nosso mercado. A picape intermediária foi a primeira picape nacional da marca e é considerada primordial para a marca norte-americana avançar em nosso país em termos de vendas e participação de mercado. Neste ano de 2024, a RAM prepara um ano mais tranquilo com a chegada de apenas duas novidades, ambas importadas. E ambas devem ser voltadas para a picape 1500, que recebeu concorrência da Ford e Chevrolet.

A informação de duas novidades previstas para este ano de 2024 foi confirmada por Breno Kamei, Vice-Presidente da Stellantis e Head da RAM no Brasil, durante evento na cidade de Curveilo (MG), para o jornalista Jorge Moraes do UOL Carros. As novidades esperadas devem ser voltadas para a picape grande, que pode ganhar novas opções de motor. Uma das apostas é que a 1500 possa ser equipada com motores eletrificados, sendo um híbrido e um elétrico. A aposta acontece com a 1500 REV, lançada no ano passado nos Estados Unidos, mas que ainda não começou a ser produzida por lá.

A versão conta com dois motores elétricos de 340cv, um em cada eixo. Com isso, a potência combinada é de 663cv e 85,6kgfm capaz de levar a REV de 0 a 100km/h em 4,4 segundos. Criada em uma plataforma STLA Frame de 800V, ela permite ser carregada em estações de recarga de até 350kW em estações rápidas (DC). Nestas estações, ela vai recuperar 177km de autonomia em 10 minutos. A picape possui uma bateria, sendo uma de 168kWh que oferece uma autonomia de 563km. Ainda falando sobre bateria, a RAM confirmou que ela poderá enviar energia para casa em casos de emergência ou para aparelhos eletrodomésticos.

Ela fornece até 7,2kW de energia por meio de tomadas na sua caçamba. A outra opção é a chegada de um motor híbrido, que deve substituir o motor usado hoje pelas versões Limited e Rebel. O conjunto é formado pelo 5.7 V8 HEMI a gasolina, que desenvolve 400cv de potência com torque de 56,7kgfm, acoplado a um câmbio automático de 8 marchas TorqueFlite. A tração é a 4x4 do tipo part-time, a caixa de transferência BorgWarner 48-12, podendo rodar com tração 4x2, 4x4 High e 4x4 Low. Esse conjunto está saindo de linha nos EUA e o substituto pode acabar sendo um 3.0 Hurricane.

Nos EUA, esse motor possui duas configurações: o 3.0 de seis cilindros em linha Biturbo, que é 15% mais eficiente que um motor de oito cilindros, tem a versão Standard, que desenvolve 426cv de potência e torque de 64,7kgfm e o High Output, que desenvolve 517cv de potência com torque de 69,1kgfm. Esse motor deve contar com algum tipo de eletrificação, podendo ser um híbrido-leve de 48V (MHEV) ou um híbrido (HEV). Mais detalhes surgem em breve. 



Fotos: RAM / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

BYD lança oficialmente o Song Pro no Brasil, com motor de até 235cv e por R$ 189.800

Volvo lança promoção do EX30 no Brasil, além de condições para XC40, C40, XC60 e XC90

Baojun apresenta a chegada do Yunduo na China, o concorrente direto do BYD Dolphin

Volkswagen registra imagens de patente do ID.7 S na China, que será da joint-venture SAIC-VW

Iveco lança o eDaily no Brasil, contra o Ford E-Transit, em três versões e parte de R$ 549.000

Renault lança promoção em julho no Brasil para quase toda a linha, inclusive com elétricos

BYD lança promoção '48 Horas Eletrizantes' e tem condições até o final deste mês

JAC Hunter é uma das apostas da marca chinesa para este segundo semestre no Brasil

Peugeot lança o novo E-2008 no Brasil, elétrico que chega com melhorias e um motor de 158cv

Kia confirma que vai manter os preços no Brasil mesmo com aumento da alíquota de IPI