Lynk&Co apresenta o 09 Hybrid Plug-in no Salão do Automóvel de Xangai, na China


A Lynk&Co foi ao Salão do Automóvel de Xangai, na China, apresentar o 09. Apesar de ser apresentado como conceito, o carro é quase um modelo de produção. O SUV deve ser o maior utilitário esportivo desenvolvido pela marca e deve ser o primo mais estiloso do Volvo XC90. O modelo ainda deve ser uma versão menos premiu do modelo sueco, então deve ser oferecido como um carro mais acessível, pelo menos na China. Mesmo contando com um parentesco com o Volvo, todo o design do Lynk&Co 09 é diferente do XC90. Ele se destaca por manter os faróis principais na zona superior e os faróis principais ficam mais abaixo e são conectados com a grade dianteira, que possui aberturas verticais. São 12 barras verticais cromadas e que ainda possuem uma entrada de ar inferior logo abaixo da grade e novas entradas de ar nas extremidades do para-choque dianteiro, onde também pode ficar posicionado os faróis de neblina. Visto de lateral, o 09 se destaca por conta das maçanetas retráteis e por um detalhe na porta dianteira que parece ser uma saída de ar e que desenha as portas com frisos. 



Os vidros do modelo ainda possuem um acabamento cromado que nasce na parte superior dos vidros e que morre apenas no vidro traseiro. Ele ainda possui um amplo teto panorâmico e a antena possui estilo barbatana de tubarão. Visto de traseira, o destaque fica por conta das lanternas com estilo bumerangue e que são conectadas ao centro por um acabamento preto brilhante que traz o nome da marca. A tampa do porta-malas ainda possui o espaço para a placa e a traseira ainda deve ostentar dupla saída de escape nos dois lados. A Lynk&Co não revelou imagens do interior do SUV, mas ele deve seguir o mesmo estilo dos demais carros da marca. De acordo com a marca, ele deve ser equipado com a mesma mecânica do Volvo XC90 T8 Hybrid Plug-in, composto pelo motor 2.0 Drive-E que desenvolve 320cv de potência e 40,6kgfm de torque junto de um elétrico de 87cv e 24,5kgfm que juntos desenvolvem 407cv de potência e 65kgfm de torque (T8). O câmbio é automático de 8 marchas e as baterias são de 10,4kWh. O consumo deve ficar em torno dos de 15,5km/l na cidade e 17,4km/l na estrada, podendo rodar ainda 40km no modo EV. O SUV deve ser produzido na fábrica de Meishan, na China. Mais detalhes deve ser apresentados ainda neste ano, de acordo com a Lynk&Co. 




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat Scudo chega ao Brasil no 2º semestre, com produção uruguaia e duas opções de motor

NBR é marca brasileira que surge como aposta de buggy e terá fábrica em Pernambuco

Audi lança a linha 2023 de A4 e A5 Sportback com motor híbrido-leve 40 TFSI, de 204cv

BMW lança o Série 3 2022, com novidades nas versões 320i, que estreia por R$267.950

Fiat Scudo será vendido nas mesmas versões de Citroën Jumpy e Peugeot Expert, Cargo e Multi

Peugeot 4008 será apresentado em 2022 como um SUV médio cupê com base no novo 308

Stellantis já testa o Fiat Scudo no Brasil; lançamento vai acontecer ainda em 2022

Curiosidades: por que o disco de freio parece com ferrugem mesmo sendo novo?

Volvo abre pré-venda do novo XC40 Recharge Electric P6, com motor de 231cv, por R$ 309.950

Nova Chevrolet Spin não deve ser baseada no Orlando, como era estipulado