Citroën lança seu 1º veículo elétrico no Brasil, a ë-Jumpy, que estreia no país por R$ 329.990


A Citroën está lançando o seu primeiro veículo elétrico no mercado brasileiro. Trata-se da Citroën ë-Jumpy, que chega ao nosso mercado como o primeiro eletrificado da francesa no país e como uma solução de transporte com zero emissões de poluentes. Revelada na Europa no ano passado, o furgão elétrico é o primeiro passo da Citroën com seu plano ‘Citroën 4 All’. De acordo com a Citroën, existem hoje cerca de cinco zeros que definem o ë-Jumpy: 1. “Zero ruídos”: rodar silencioso graças ao trem de força elétrico; 2. “Zero emissões de CO2”: eficiência que respeita o meio ambiente; 3. “Zero vibrações”: condução suave, com grande fluidez de movimento e torque instantâneo de 26,5kgfm; 4. “Zero stress”: facilidade de uso e de recarga, aliada a um baixo custo de manutenção; e 5. “Zero concessões”: manutenção da modularidade, do espaço interno e das capacidades do modelo a combustão, com mais tecnologia embarcada, segurança e equipamentos. “O Ë-JUMPY é o primeiro passo da Citroën em direção à eletrificação no Brasil e na América do Sul, conforme apresentamos no início de novembro em nosso plano estratégico, o Citroën 4 All. Ele chega para ser o parceiro ideal e atender às necessidades de mobilidade de todos os profissionais, sejam grandes frotistas ou profissionais autônomos que optem por um veículo elétrico, versátil e eficiente para suas atividades diárias”, afirma Vanessa Castanho, Head da Citroën na América do Sul. O modelo com bateria de 75kWh que oferece uma autonomia de 330km, de acordo com o ciclo WLTP. A bateria conta com 27 módulos, instaladas na plataforma. Há ainda um sistema de frenagem regenerativa para aumentar a autonomia, especialmente na cidade. O motor desenvolve 136cv de potência e torque de 26,5kgfm de torque, o mesmo conjunto dos novos compactos da PSA. A velocidade máxima é limitada a 130km/h e as baterias instaladas na base do comercial leve ajudam a melhorar o centro de gravidade, mais baixo, que aumenta a estabilidade. Ela ainda deve ser vendida com um sistema de carga rápida e com um cabo para recarga doméstica. O carregador é de 11kW, trifásico, que recupera 80% da bateria em 7h30. Em um ponto de recarga de 100kW, ele recupera 80% da bateria em 45 minutos na bateria de 75kWh. A bateria possui garantia de oito anos ou 160.000km. 



A tomada de carga está instalada no para-lama dianteiro esquerdo, a grade intermediária tem um desenho específico e, além disso, aparece o logotipo ‘ë-Jumpy’ na traseira. Também há uma nova transmissão automática ‘e-Toggle’ com Park (estacionamento), Rear (marcha a ré), Neutral (neutro) e Drive (condução) e o botão B-Mode, responsável por ativar a função de frenagem regenerativa para preservar ou carregar parcialmente as baterias, além de diminuir o desgaste das pastilhas de freio. Há um freio de estacionamento elétrico, assim como um seletor de modos de condução Eco, Normal e Power. O quadro de instrumentos recebe uma tela 3.5” digital e colorida, que concentra informações como o velocímetro, modo de condução, marcha selecionada, nível de carga das baterias e consumo de energia. De série, a novidade conta com uma central multimídia com tela de 7 polegadas e com funções de conectividade e espelhamento com Android Auto e Apple CarPlay, dispõe de câmera de ré com visão 180º e vista superior do veículo, recurso nomeado de Visio Park. A versão elétrica que chega ao Brasil tem volume de carga de 6,1m³ e 1 tonelada de capacidade de carga, a melhor otimização de carga para a logística urbana; largura útil de 1,25 metros entre as caixas de rodas, que permite o transporte de paletes por exemplo; portas traseiras com abertura 180° e porta lateral deslizante; e agilidade e eficiência com altura de 1,94 metro, que garante fácil acesso a lugares com espaço reduzido e todos os tipos de garagem. De acordo com a Citroën, a ë-Jumpy vem com garantia de 3 anos ou 100.000km para o veículo e 8 anos ou 160.000km para baterias de tração. Ela será vendida nas cores Branco Banquise (sólida) e Cinza Artense (metálica). De acordo com a Citroën, ela conta com uma economia de 60% no plano de revisões, em relação à versão a combustão. Descarte de baterias onde o ë-Jumpy nasce com um projeto já estabelecido em parceria com a Faarte, com ativação por meio do fluxo de atendimento cliente/concessionário. Outro ponto é o CXC - Customer Experience Center: Referência para veículos elétricos, localizado em Betim; além de E-Centers em São Paulo e Rio de Janeiro, além de forte plano de expansão em 2022 e capacitação de 100% da rede para reparos e revisões em veículos elétricos, a partir do início de 2022. A Citroën ainda destaca o Call Center dedicado e prioritário para elétricos e o Roadside Assistance em território nacional, 24 horas, 7 dias por semana.



ë-Jumpy

De série, ela é equipada com espaço para três confortáveis lugares na cabine (motorista + dois passageiros), sistema de monitoramento de pressão dos pneus – TPMS, acendimento automático dos faróis, freio de estacionamento elétrico, sensor de chuva, modos de condução (Eco, Normal, Power), painel de instrumentos e-Cluster (com Display Colorido 3.5”), seletor de marchas (e-Toggle), sensor de estacionamento traseiro, Cabo Modo 2 para carga de emergência, assistente de partida em rampa (Hill Assist), freios ABS, controle eletrônico de estabilidade, airbag duplo frontal com três pontos de proteção, indicador de fadiga (Coffee Cup Alert), luzes de rodagem diurnas integradas, limitador de velocidade e piloto automático. Como opcional ela poderá ser vendida com central multimídia com tela de 7 polegadas e Vision Park (câmera de ré com visão 180°). 



Preços

  • Citroën ë-Jumpy – R$ 329.990





Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat confirma que o futuro interior dos seus carros terão inspiração no clássico Lingotto

Chevrolet lança a nova S10 no Brasil, que traz atualizações importantes e parte de R$ 247.860

Kia confirma a vinda do EV9 ao Brasil e define estreia para o primeiro semestre de 2024

Eccentrica apresenta o Lamborghini Diablo remasterizado que agora desenvolve 550cv

Mercedes-Benz lança o Classe G 63 AMG Grand Edition no Brasil, por caros R$ 2.247.900

Tank registra novas imagens de patente do 700 Hi4-T no MIIT e confirma uso de motor de 517cv

Fiat Titano vai virar RAM 1200 no México, antecipa teaser; picape ganhará quarto logotipo

GWM adiciona caminhões elétricos para fazer entregas de peças para concessionárias

GWM registra imagens de patente do Veyron na China, que pode ser da marca Haval ou da Sar

Volkswagen lança Polo Robust, versão voltada ao agronegócio, que chega por R$ 89.290