DRL é mais uma marca que estreia e apresenta o IUV, um híbrido plug-in a hidrogênio


Surge na Alemanha um novo modelo, de uma nova marca, a Deutsches Zentrum für Luft-und Raumfahrt, a DLR, que significa Centro Aeroespacial Alemão. A marca apresentou as primeiras imagens do IUV, sigla de veículo interurbano. O carro conta com cinco metros de comprimento e dois metros de largura, com espaço para cinco ocupantes. Ele possui célula de combustível e bateria com um novo método de gerenciamento de energia e foi projetado para a condução confortável e livre de emissões, com autonomia de rodar cerca de 1.000km. O carro conta com recursos autônomos e fazem com que ele seja criado de dentro para fora. Criado com uma base diferente, o carro possui um peso de 1.600kg, com sistemas de armazenamento de energia. "Este projeto envolveu a construção de um demonstrador de carroceria para uso no banco de testes. O demonstrador dá uma primeira impressão de como o veículo pode parecer na prática. Também facilitou o desenvolvimento de componentes e tecnologias-chave e permitiu sua medição e investigação no teste Ele revela onde há espaço para melhorias e o que pode ser alcançado daqui para frente com parceiros da indústria e pesquisa", diz o Gerente de Projeto, Sebastian Vohrer, do Instituto DLR de Conceitos de Veículos em Stuttgart. Um dos elementos principais do carro é o baixo consumo e o alcance alto, ajuda principalmente pelo baixo peso do carro. "A estrutura da carroceria do IUV pesa apenas 250 quilos, cerca de um quarto abaixo do que é comum neste segmento de veículos", diz Vohrer. Uma variedade de métodos de construção leve foram aplicados para atingir este objetivo. Além disso, o IUV consiste em grande parte de polímeros reforçados com fibra. Estruturas feitas de alumínio ou materiais sanduíche também são usadas em algumas áreas – especialmente onde os componentes precisam apresentar alta rigidez e absorver energia considerável em caso de colisão. Entre outras coisas, os materiais sanduíche combinam uma camada superior de material composto de fibra com um núcleo leve feito de espuma plástica ou até materiais sustentáveis, como madeira balsa. 



Esta estrutura confere ao corpo propriedades de colisão altamente benéficas, diz a marca em seu site. Outro ponto é que o carro não possui uma coluna B, chamado também de pilar central. Isso cria uma grande entrada para as portas, que podem ter abertura contrária. "As estruturas cumprem várias funções aqui. A estrutura do piso, por exemplo, é usada para conduzir eletricidade e transmitir dados, além de transportar todas as superestruturas do veículo. Isso elimina a necessidade de linhas de cabos adicionais e reduz ainda mais o peso total", concluiu Vohrer. Como usa células de combustível e um motor elétrico, formando um conjunto híbrido plug-in a hidrogênio, ele terá células de 61cv, com um tanque de hidrogênio de 700 bar e uma bateria com capacidade de 48kWh. Com esse conjunto, a autonomia de 1.000km. Junto com os motores elétricos, ele desenvolve 185cv, com alcance de velocidade máxima de 180km/h. A bateria, que é recarregada externamente, junto com um tanque de hidrogênio com capacidade de 7,5kg de capacidade. O carro ainda possui um grau de eletrificação do veículo que requer otimizar a eficiência de todos os processos elétricos, de aquecimento e refrigeração, pois, caso contrário, existe o risco de que recursos de alcance ou conforto, como ar condicionado ou sistemas de informação e entretenimento, sejam prejudicados. Em termos de tecnologia, a DRL confirma que o carro terá condução autônoma de Nível 4, quando o motorista pode dar para a tecnologia a função dela guiar o carro. "A automação pode aliviar muito a tensão dos motoristas, especialmente em viagens longas. Ela nos permite tornar o interior do veículo mais aberto e flexível ao mesmo tempo", destacou Vohrer. Com um espaço interno bom, ele vai permitir que os bancos dianteiros se virem em direção aos bancos traseiros, quando estiver com a condução autônoma ativada. Outro ponto mencionado pela DRL é que o carro possui um sistema de ar-condicionado especial para cada um dos cinco ocupantes, sob medida e que se adapta de acordo com cada ocupante, não tendo controles no painel. 



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat confirma que o futuro interior dos seus carros terão inspiração no clássico Lingotto

Chevrolet lança a nova S10 no Brasil, que traz atualizações importantes e parte de R$ 247.860

Kia confirma a vinda do EV9 ao Brasil e define estreia para o primeiro semestre de 2024

Eccentrica apresenta o Lamborghini Diablo remasterizado que agora desenvolve 550cv

Mercedes-Benz lança o Classe G 63 AMG Grand Edition no Brasil, por caros R$ 2.247.900

Tank registra novas imagens de patente do 700 Hi4-T no MIIT e confirma uso de motor de 517cv

Fiat Titano vai virar RAM 1200 no México, antecipa teaser; picape ganhará quarto logotipo

GWM adiciona caminhões elétricos para fazer entregas de peças para concessionárias

GWM registra imagens de patente do Veyron na China, que pode ser da marca Haval ou da Sar

Volkswagen lança Polo Robust, versão voltada ao agronegócio, que chega por R$ 89.290