Hispano-Suiza apresenta o Carmen no Salão de Genebra, com design retro e "coração elétrico"


A Hispano-Suiza retornou com a chegada da Carmen, seu novo superesportivo no Salão de Genebra. O cupê de linhas exóticas surpreende com o retorno da marca, que recebeu esse nome em homenagem a Carmen Mateu, neta do fundador da Hispano-Suiza e mãe do atual presidente. Mas as homenagens à história da marca não ficam só nisso. Visualmente ele possui um design bastante ousado, com uma homenagem visual também ao Xenia Coupé, lançado em 1938. O esportivo é totalmente elétrico, projetando concebido e fabricado em Barcelona, na Espanha. O Carmen foi desenvolvido do zero e combina um motor elétrico de 1.019cv de potência com um carro desenvolvido com monocasco de fibra de carbono e super rígido, pesando 195kg, que protege o habitáculo do carro. No total, o Carmen pesa 1.690kg e acelera de 0 a 100km/h em 3 segundos com velocidade máxima de 250km/h. Ele traz um pacote de baterias em “T” e funciona como uma coluna vertebral do carro e traz baterias de 230Wh/kg com um volume fixo de 560 litros e capacidade de 80kWh. A capacidade da bateria até 105kWh, o que permitirá uma autonomia de 400km. Os componentes da bateria e do powertrain elétrico são refrigerados por líquido através de três radiadores dianteiros. O coeficiente energético do Carmen é de 0325Cx. No seu interior, apesar de não ser revelado, terá Carmen une luxo e estilo clássico com materiais como o couro, o tecido Alcantara e também a fibra de carbono. Inclui um sistema de luz ambiental com base em LED e uma instrumentação com uma central multimídia de 10,1 polegadas, além de um sistema multimídia com um equipamento de áudio que proporciona um som de 360º. De acordo com Miguel Suqué Mateu, bisneto do fundador da empresa, Damián Mateu: “Já em 1900, nas origens da Hispano-Suiza, se construiu o primeiro automóvel elétrico do mundo, um protótipo que não chegou a ser fabricado de maneira industrial. Transcorridos 119 anos, em março de 2019, na Hispano-Suiza teremos nosso primeiro automóvel 100% elétrico, de alto desempenho e projetado, desenvolvido e fabricado em Barcelona, cumprindo também com o sonho de meu bisavô”. O preço do Carmen é de 1,5 milhão de euros e serão produzidas 19 exemplares produzidas entre 2019 a 2021. A produção começa até junho de 2020. 



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat confirma que o futuro interior dos seus carros terão inspiração no clássico Lingotto

Ford traz novo lote da Ranger Raptor com mais equipamentos de série e custa R$ 466.500

Jaguar-Land Rover quer construir uma inédita fábrica de bateria para elétricos no Reino Unido

BMW revela as novas imagens teaser do M5 e M5 Touring, que vão ter mais de 700cv

Suzuki Invicto aparece na Índia como rebadge da Toyota Innova e espaço para até oito

Toyota lança o RAV4 com motor híbrido plug-in (PHEV) de 306cv no Brasil, por R$ 399.990

RAM reajusta os preços da Classic e diminui os preços da picape em até R$ 35.000

Volkswagen T-Cross com reestilização chega ainda neste primeiro semestre de 2024

Nio revela primeiro teaser da sua nova marca, a Onvo, que estreia com o SUV elétrico L60

Galaxy apresenta na China o seu sedã L6, que estreia como um PHEV com motor de 390cv