Surgem novidades do plano de eletrificação da Lexus, em entrevista com executivo


A Lexus confirmou que já trabalha no seu plano estratégico para ser uma marca elétrica. E isso já acontece já há alguns anos, sendo que só no ano passado a marca apresentou uma série de conceitos que antecipam os futuros carros. Recentemente, a Lexus apresentou seu primeiro carro puramente elétrico, o RZ, e, antes disso, o primeiro elétrico apareceu em 2019, com o UX. De acordo com Spiros Fotinos, Diretor da Lexus Europe e EV Planning, a nova geração de carros elétricos da Lexus não sairá de nenhum tipo de segmento em que, atualmente, a Lexus está. Ou seja, isso inclui que a marca vai trabalhar com sedãs, utilitários esportivos e cupês. Em entrevista ao Autocar, Fotinos disse que reconhece a demanda por utilitários esportivos nos últimos anos, mas não vai abrir mão de segmentos onde tradicionalmente a marca trabalha. “Não estamos excluindo nada. Os segmentos em que competimos e os segmentos que são os vendedores de volume na Europa são os segmentos que estaríamos olhando principalmente”, disse Fotinos. Todos esses elétricos serão desenvolvidos a partir da plataforma modular e-TNGA, mas o executivo confirmou que a marca estaria olhando para outras oportunidades, ou seja, pode surgir uma plataforma nova na história. Isso porque seria impossível ter toda uma gama de automóveis com a mesma plataforma, principalmente no caso do esportivo apresentado como conceito no ano passado. Essas novas plataformas podem nascer a partir de colaboração com outras empresas, ajudando a diminuir os custos de desenvolvimento. Ano passado, entre as novidades apresentadas pela Lexus estavam o Eletrified SUV Concept, um cupê que parece ser o substituto do Lexus LF-A, um sedã cupê compacto que pode ser o substituto do IS e a versão station wagon deste sedã. Ainda na imagem, parece estar uma versão conversível do cupê apresentados como conceito e um sedã que pode ser a nova geração do ES. Outra novidade é um modelo menor, apresentado meramente como “?”, parecendo ter um porte de um hatch como era o CT, podendo ser seu substituto.




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat confirma que o futuro interior dos seus carros terão inspiração no clássico Lingotto

Ford traz novo lote da Ranger Raptor com mais equipamentos de série e custa R$ 466.500

Jaguar-Land Rover quer construir uma inédita fábrica de bateria para elétricos no Reino Unido

BMW revela as novas imagens teaser do M5 e M5 Touring, que vão ter mais de 700cv

Suzuki Invicto aparece na Índia como rebadge da Toyota Innova e espaço para até oito

Toyota lança o RAV4 com motor híbrido plug-in (PHEV) de 306cv no Brasil, por R$ 399.990

RAM reajusta os preços da Classic e diminui os preços da picape em até R$ 35.000

Volkswagen T-Cross com reestilização chega ainda neste primeiro semestre de 2024

Nio revela primeiro teaser da sua nova marca, a Onvo, que estreia com o SUV elétrico L60

Galaxy apresenta na China o seu sedã L6, que estreia como um PHEV com motor de 390cv