BMW Série 4 e M4 ganham a tela digital dupla e curva do BMW Operating System 8

BMW introduz a tela curva dupla de 12,3 e 14,9 polegadas para Série 4 e M4 na Europa, ganhando assim o mesmo painel do elétrico i4



A BMW passou a equipar os modelos Série 4 e M4, em todas as opções de carroceria, com um novo quadro de instrumentos e central multimídia. Chamado pela BMW de BMW Operating System 8, o novo sistema dá uma atualizada no interior dos modelos e acompanha o que já aconteceu com o Série 3 no ano passado, quando foi reestilizado e aderiu ao mesmo sistema. Sem mesmo ganhar um face-lift, toda a linha Série 4 recebeu a novidade.

O sistema traz uma central multimídia com tela de 14,9 polegadas e um quadro de instrumentos com tela de 12,3 polegadas. As telas possuem um sistema operacional iDrive 8 com funcionalidades como assistente de voz, sistema de detecção de semáforos e atualizações remotas (Over-The-Air, OTA). Há ainda aplicativos de smartphones com a preparação para Apple CarPlay e Android Auto. Outra novidade é que o Série 4 ganhou um novo paddle-shift atrás do volante, bem como um novo seletor de marcha.

O M4 recebeu um acabamento revestido de Sensatec, além de um quadro e uma central com grafismos da M Sport. Há ainda novos detalhes em Rhombicle, que imita alumínio. O sistema deve chegar ao mercado brasileiro dentro de alguns meses. Aqui, o Série 4 é vendido com o Série 4 Cabrio e o Coupé, assim como o M4 Coupé. Fora isso, a empresa alemã confirmou novidades de equipamentos para outros modelos. Série 7, X7 e iX receberam um novo recurso de estacionamento com controle remoto.

Chamado de Parking Assistant Professional, ele permite que os proprietários possam sair do carro e guiar o carro, realizando “manobras mais complexas de fora do veículo por meio do aplicativo My BMW”. A marca ainda confirmou que ele tem um total de 10 manobras em locais diferentes, que podem ser gravadas. “O Maneuver Assistant também pode gravar e armazenar até dez manobras em locais diferentes, cada uma cobrindo uma distância máxima de 200 metros e até um total combinado de 600 metros. Quando o veículo retorna a um dos pontos de partida armazenados, o sistema executa todas as tarefas de direção necessárias para percorrer a distância, incluindo aceleração, frenagem, direção e, se necessário, múltiplas mudanças de direção e marcha”, disse a marca.



Fotos: BMW / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Alfa Romeo surpreende e confirma nome Milano para SUV subcompacto que estreia em abril

RAM reajusta os preços de Rampage, 1500, 2500 e 3500 no Brasil, em até R$ 5.000

Nio ET5 Touring é a primeira station wagon da marca; estreia na China de olho na Europa

Ford desenvolve um SUV elétrico de 7 lugares que será apresentado em meados de 2025

Fiat reajusta os preços da Toro em versões com motor T270, com cortes de até R$ 10.000

Chevrolet Camaro ganha séries especiais Collector's Edition e Garage 56 Edition nos EUA

Lamborghini comemora aniversário de 60 anos de Sant'Agata Bolognese e revela três séries

Nosso novo Peugeot 2008 será igual ao modelo europeu, recém reestilizado; terá motor T200

Ferrari apresenta a SF90 XX Stradale e Spider na Europa, com motor híbrido de 1.030cv

Toyota dá a entender que o Celica pode ressurgir como cupê esportivo criado pela GR