Mercedes-Benz apresenta a nova CLA Shooting Brake, que ganha reestilização de meia-vida

Mercedes-Benz também apresenta a nova CLA Shooting Brake, que passa a ser vendida com melhorias e com mudanças visuais sutis de meia-vida desta 2º geração



A Mercedes-Benz apresentou oficialmente a nova CLA Shooting Brake, que estreia na Europa com mudanças visuais bem sutis. O station do CLA passa a ser vendida com uma reestilização desta segunda geração e com mais motores eletrificados. A CLA Shooting Brake recebeu mudanças visuais bem sutis. No caso da shooting brake, a CLA estreia com novo layout dos faróis, que recebem nova iluminação diurna (DRL) em LED e com novo projetor em LED. A grade dianteira também recebeu um novo desenho

A grade recebe uma grelha com várias estrelas da Mercedes e com o logotipo da marca ao centro com uma barra cromada que corta horizontalmente a grade. O para-choque dianteiro traz uma nova entrada de ar inferior com um estilo trapezoidal, além de ter ganho um novo acabamento em plástico preto nas extremidades, que passam a se conectar por meio de uma faixa em mesmo tom de preto. Esse acabamento das extremidades ficam maiores, além de trazer novas entradas de ar.

Nas laterais, as novidades ficam por conta de novas rodas de liga leve, que variam de acordo com cada versão, com rodas de 18 até 19 polegadas. Na traseira, a CLA tem novidades ainda mais sutis. As lanternas ganharam um novo layout em LED, com uma nova assinatura visual, enquanto o para-choque traseiro recebe um novo difusor de ar, que recebe um acabamento em preto brilhante e com novas saídas de escape. No interior, as novidades ficam por conta de pequenos ajustes também.

A marca alemã manteve o quadro de instrumentos de 10,25 polegadas e a central multimídia com telas de 7 ou 10,25 polegadas, dependendo da versão. O painel ainda recebe um novo volante de base reta, com acabamento em couro Nappa, e um console central novo. Sai a alavanca do câmbio automático e um touchpad e entra um espaço para carregador de smartphones por indução. Na frente deste espaço, há um compartimento com porta-objetos. Outra novidade é que ele ganha um sistema de som Surround da Dolby Atmos ou Burmester.



Os bancos recebem o estofamento Artico dos bancos em relevo tridimensional, enquanto a cabine traz o acabamento Progressive com acabamento em preto, bege e um cinza sálvia. Opcionalmente, o CLA ainda pode contar com acabamento em fibra de carbono escuro e acabamentos do painel de instrumentos e painéis das portas. As versões AMG Line ainda trazem um acabamento em alumínio escovado brilhante e costuras em vermelho contrastantes.

O AMG Line ainda pode ter estofamento MB-Tex e microfibra em tom marrom Bahia. De série, as novidades ficam por conta do assistente de luzes de estrada e a câmera de ré, assim como melhorias nos sistemas de assistência, assistente de manutenção de faixa com direção ativa e o pacote Parking, com câmera 360º. Mecanicamente, a principal novidade fica por conta de motores eletrificados com sistemas híbridos-leve de 48V (MHEV) em todas as motorizações. Os sistemas funcionam como um gerador de partida que é acionado por correia.

Esse pequeno motor elétrico tem 14cv. Entre as opções de motor, ele será vendido com a versão CLA 180 com motor 1.3 12v Turbo a gasolina de 150cv (136cv mais 14cv do sistema MHEV) e 23,5kgfm, enquanto o 200 tem o mesmo motor 1.3 Turbo, mas com 177cv (163cv mais 14cv) e 27,5kgfm. Com esses motores, ele traz uma transmissão automatizada de dupla embreagem DCT de 7 marchas. A partir da versão 220 e 250, ele traz o motor 2.0 Turbo a gasolina que desenvolve 238cv (224cv mais 14cv) e 35,7kgfm, acoplado a um câmbio automatizado de dupla embreagem de 7 marchas DCT.



Há também os motores 2.0 Turbo Diesel, onde o CLA 200d vem com 116cv e 28,5kgfm, que acelera de 0 a 100km/h em 9,7 segundos e máxima de 202km/h. Já o 250d traz o motor 2.0 Turbo de 190cv e 40,8kgfm, todos acoplados a um câmbio automatizado de dupla embreagem de 8 marchas (DCT). Ele ainda é vendido com o motor híbrido do CLA 250e que tem como diferencial, vir com mais um bocal para abastecimento das baterias, no lado oposto ao do combustível, que recarrega as baterias de 15,6kWh que recuperam de 10% a 80% em 25 minutos.

O motor é o 1.3 16v Turbo a gasolina que desenvolve 163cv e 25,5kgfm junto de um elétrico de 109cv e 30,6kgfm. Juntos eles desenvolvem 218cv de potência e 45,9kgfm, com uma transmissão automatizado de dupla embreagem de 8 marchas. Com isso, a CLA 250e acelera de 0 a 100km/h em 7,6 segundos. A velocidade máxima é de 235km/h no modo híbrido e 140km/h no modo puramente elétrico. De acordo com a Mercedes-Benz, a Shooting Brake possui a autonomia elétrica entre 82km, dependendo de como o carro é guiado e se tem muitos recursos ligados.

Nas versões esportivas, CLA 35 e CLA Shooting Brake 45 AMG trazem grade dianteira Panamericana e molduras das extremidades da carroceria com um desenho levemente retocado. Os faróis tem acabamento escurecido e as rodas tem 18 polegadas. Na traseira, as lanternas são escurecidas, ele ganha um pequeno aerofólio na tampa do porta-malas e o para-choque traseiro ainda recebe um pequeno difusor de ar com aletas verticais. No interior, as novidades ficam por conta do volante de base reta e o acabamento em alumínio em múltiplos comandos.



Há também cluster e multimídia MBUX compartilhando duas telas integradas de 12,3 polegadas cada. Na mecânica, a 35 AMG traz o motor 2.0 Turbo a gasolina de 306cv e 40,8kgfm, com câmbio automatizado de dupla embreagem de 7 marchas. Com esse conjunto, ela acelera de 0 a 100km/h em 4,9 segundos e chega a máxima de 250km/h, limitado eletronicamente. A 45 AMG vem com duas configurações: Ele vem com motor 2.0 Turbo que entrega 387cv de potência e 48,9kgfm de torque ou 422cv de potência e 51,0kgfm de torque, com a versão S, ambos com câmbio automatizado de dupla embreagem de 8 marchas AMG SPEEDSHIFT e contam com tração integral 4MATIC.

De acordo com a Mercedes, ambos aceleram de 0 a 100km/h em 4,0 segundos e possuem a velocidade máxima, limitada, em 269km/h. Visualmente, ela vem com enormes entradas de ar nos para-choques dianteiro e pela grande vertical da AMG com doze filetes, com arcos de rodas alargados para abrir as rodas maiores de 19 polegadas, com acabamento usinado e em preto fosco ou brilhante. Completa o pacote as quatro saídas de escape com diâmetro de 82mm e 90mm na versão S. Há ainda detalhes aerodinâmicos espalhados pela carroceria e há um aerofólio específico para os modelos.

A CLA 45 AMG ainda pode trazer o pacote AMG Street Style Edition, que adiciona a cor da carroceria Magno Grey, logotipos da AMG novos e com um desenho de bandeira quadriculada, além de poder ser equipado com os pacotes AMG Night I e II, com detalhes em laranja contrastante e com estofados em microfibra. Outro pacote é o AMG Aerodynamics Package Plus, que traz spoiler traseiro fixo e “garante a aparência expressiva de um piloto intransigente”. Ele ainda pode ser vendido nas duas novas cores, sendo o Hyper Blue e o Starling Blue. 






Fotos: Mercedes-Benz / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

RAM reajusta os preços de Rampage, 1500, 2500 e 3500 no Brasil, em até R$ 5.000

Ford desenvolve um SUV elétrico de 7 lugares que será apresentado em meados de 2025

Nosso novo Peugeot 2008 será igual ao modelo europeu, recém reestilizado; terá motor T200

Fiat reajusta os preços da Toro em versões com motor T270, com cortes de até R$ 10.000

Nio ET5 Touring é a primeira station wagon da marca; estreia na China de olho na Europa

Alfa Romeo surpreende e confirma nome Milano para SUV subcompacto que estreia em abril

Lamborghini comemora aniversário de 60 anos de Sant'Agata Bolognese e revela três séries

Chevrolet Camaro ganha séries especiais Collector's Edition e Garage 56 Edition nos EUA

Jetour apresenta o X90 Plus no Salão do Automóvel de Guangzhou, que é reestilizado

Ferrari apresenta a SF90 XX Stradale e Spider na Europa, com motor híbrido de 1.030cv