Nova geração do Toyota Corolla surge em meados de 2025, como uma geração evolutiva

Nova geração do Toyota Corolla será apresentada em meados de 2025, que estreia em sua 13º geração e com cara dos modelos da linha de elétricos bZ



Já começam a surgir as primeiras informações sobre a 13º geração do Toyota Corolla, ainda no campo dos rumores. Previsto para ser apresentado em meados de 2025 ou 2026, a nova geração do sedã médio estreia com novidades visuais que vão fazer com que o Corolla tenha um design mais próximo dos últimos lançamentos da marca, como a nova geração do Prius, por um exemplo. Ao mesmo tempo, o sedã médio pode se inspirar no design dos bZs – a linha elétrica da marca.

Assim como Prius e Crown, a nova geração do Corolla deve ficar mais aerodinâmica, com um design que ficará parecido com os últimos lançamentos da marca, como mencionado. Além disso, é esperado que ele continue a vir com a plataforma TNGA, possivelmente com a TNGA-C. Apesar de ser inspirado nos últimos lançamentos da marca, esqueça o fato dele ficar tão ousado quanto um Prius, o que não deve acontecer com o Corolla que segue linhas mais tradicionais.

O mesmo deve acontecer no interior, apesar de ser muito grande as chances deles compartilharem alguns componentes internos como o quadro de instrumentos com uma tela de 7 ou 10 polegadas, TFT LCD, onde o quadro de instrumentos muda de cor a partir dos alertas que o pacote Toyota Safety Sense envia. O painel ainda possui uma central multimídia com tela de 8 polegadas ou 12,3 polegadas, com estilo flutuante, juntamente do Toyota Audio Multimedia, que inclui atualizações Over-The-Air (OTA).

Em termos mecânicos, o Corolla deve seguir basicamente como está, o que confirma que essa 13º geração será muito mais evolutiva que revolucionária. Ele deve trazer o conhecido 1.8 16v Hybrid que agora desenvolve 140cv, com câmbio automático CVT e o 2.0 16v Hybrid (HEV). Este é formado pelo motor 2.0 16v a gasolina de 152cv 19,4kgfm junto de um motor elétrico de 42cv que juntos desenvolvem 196cv, com tração dianteira, tendo um câmbio automático e-CVT que simula 10 marchas.

O que pode acontecer é o desenvolvimento de uma opção mecânica híbrida plug-in (PHEV), que seria algo inédito no Corolla. No Prius, o conjunto PHEV alia o motor 2.0 16v Dynamic Force a gasolina de 148cv junto de um motor elétrico dianteiro de 160cv e uma bateria de 13,6kWh que dão 223cv de potência combinada, que pode ser oferecido em alguns mercados – especialmente a Europa. O fato do Corolla já ter sido reestilizado no exterior no ano passado já indica que a Toyota trabalha em sua nova geração. Informações adicionais chegam em alguns meses.



Projeções: KDesign / reprodução

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat confirma que o futuro interior dos seus carros terão inspiração no clássico Lingotto

Toyota registra imagens de patente de câmbio manual que simula de 14 marchas no USPTO

Chevrolet lança a nova S10 no Brasil, que traz atualizações importantes e parte de R$ 247.860

BMW lança promoção adicional para iX1 e iX no Brasil até o próximo dia 31 de maio

Honda lança promoção no Brasil com ZR-V, que pode ser encontrado por R$ 199.900

Ford tem desconto de R$ 17 mil para a Ranger; Maverick, Bronco Sport e Transit tem promoção

Volkswagen apresenta as primeiras imagens teaser de um possível Golf GTI Edition 50

Chery reajusta o preço do Tiggo 5X em R$ 1.000 e Tiggo 7 Sport pode receber primeiro aumento

Peugeot apresenta a reestilização do 208 na Europa, que ganha opção de motor híbrido

MINI revela imagens teaser do desenvolvimento da condução com uso de óculos VR