Primeiro BMW a hidrogênio será produzido entre 2025 até 2030, confirma executivo

BMW confirma que primeiro carro a hidrogênio que será vendido comercialmente será apresentado até 2030, apesar do iX5 Hydrogen estar em testes há tempos



A BMW confirmou que o seu primeiro automóvel movido a células de hidrogênio (FCEV), que será produzido em série, deve acontecer entre 2025 a 2030. Hoje, existem 100 unidades do iX5 Hydrogen que roda incansavelmente em testes, mas pela fala dos executivos da marca alemã, ele não entra em produção. A marca quer desenvolver um espaço para tanques de hidrogênio que caibam no espaço da bateria dos carros elétricos, por mais que os tanques sejam maiores. A BMW coloca toda suas esperanças na plataforma Neue Klasse.

Com ela, a alemã espera resolver os problemas. De acordo com o Engenheiro-Chefe da BMW, Jürgen Guldner, disse que o programa de hidrogênio da marca é “uma questão de tempo”, apesar de entender que a opção mecânica ainda representa uma minora significativa. Alternativa aos elétricos, os veículos movidos a células de hidrogênio podem funcionar como uma alternativa aos modelos elétricos a bateria quando a indústria atingir os seus limites em termos de matérias-primas ou infraestruturas. Guldner confirmou em entrevista ao Autocar que estaria “esperando pelo ponto de inflexão da infraestrutura [de reabastecimento]”.

O executivo também acredita que a tecnologia seja “uma questão de tempo. A escala para carros elétricos a bateria atingirá alguns limites e os limites serão diferentes em diferentes países. Podem ser matérias-primas. Pode ser infraestrutura.”, adicionou Guldner. O executivo ainda destaca que os preços dos carros a hidrogênio ainda são caros de produzir e produzidos artesanalmente. Mas há motivos para comemorar. “Já vimos um declínio bastante acentuado nos custos nos últimos anos”, disse ele. O executivo também destaca que a parcela de matérias-primas para criar FCEVs é menor que os elétricos (BEV).

Ao que tudo indica, os futuros carros a hidrogênio da marca terá um porte similar ao do X5 e veículos maiores, que permite a melhor acomodação dos tanques. “Vamos desenvolver tanques que tenham uma aparência diferente [dos tanques em forma de T dentro do iX5] e que caibam no espaço de design da bateria de um carro elétrico a bateria”, disse Guldner. Mais recentemente, a BMW confirmou que o futuro deve ser benéfico aos carros movidos a célula de hidrogênio. É, ao menos, o que acredita Ilka Horstmeier, membro do Conselho Administrativo do BMW Group e Diretora de Recursos Humanos da BMW.

"Acreditamos no poder da escolha. Por isso, atualmente oferecemos veículos a combustão altamente eficientes, híbridos e puramente elétricos. Nós, contudo, realmente acreditamos que temos de rumar para o hidrogênio, pois este poderá ser o próximo passo além da eletromobilidade. Mesmo assim, não deixamos de pensar e focar no hidrogênio. Para os veículos elétricos, são necessários recursos naturais críticos [para produção] e devem ser analisadas as consequências da exploração destes recursos. Tudo deve ser verificado e você, especialmente na Europa, não é o 'bom moço' ao dizer tal. No entanto, é o que comunicamos e o que queremos continuar a comunicar", afirmou a executiva.



Fotos: BMW / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Curiosidades: por que o disco de freio parece com ferrugem mesmo sendo novo?

Toyota Yaris Hatch só ganha nova geração entre 2024 a 2025 na Ásia, depois do sedã e do SUV

Nova geração do Toyota Corolla surge em meados de 2025, como uma geração evolutiva

Curiosidades: Os carros mais vendidos do Brasil em 2003!

Oshan aparece no Brasil testando seu utilitário esportivo médio X5; marca será que vem?

Fiat Titano estreia na Argélia primeiro, vazando e antecipando alguns detalhes da nossa

Celta voltará? Chevrolet confirma que não vai desenvolver nenhum subcompacto novamente

Yangwang revela as primeiras imagens oficiais teaser do seu inédito sedã elétrico, o U7

Renault e Nissan passam a ter seguros com Assurant, por meio do intermédio da Mobilize

Scout revela novo teaser e confirma que seus produtos farão estreia no mês de julho