Nova geração do Jeep Wrangler será elétrico e designer como será o 'Wrangler do futuro'

Nova geração do Jeep Wrangler chega em meados de 2027 como um produto puramente elétrico; executivo destaca que ele será ainda mais capaz no off-road



A Jeep apresentou a atual geração do Wrangler em 2017 e ele ganhou suas primeiras mudanças visuais em 2023, indicando que ele ainda terá mais alguns anos de mercado até a chegada de uma nova geração. Mas isso não significa que não se tem informações sobre essa nova geração. O clássico jipe da marca norte-americana vai ganhar uma nova geração em meados de 2027, já nascendo como um produto totalmente elétrico (BEV). A informação foi confirmada durante entrevista com Christian Meunier, CEO da Jeep.

Ao Auto Express, o executivo confirmou que a nova geração do Wrangler já nasce como um produto elétrico. E não é de hoje que a marca trabalha com a ideia de um Wrangler elétrico. Desde o Jeep Easter Safari de 2021, quando a marca apresentou o Wrangler Magneto Concept (uma versão elétrica), a empresa apresentou dois outros conceitos, sendo o Magneto 2.0 Concept em 2022 e o Magneto 3.0 Concept apareceu em 2023. Cada ano, aparecia como uma evolução com maior capacidade de off-road. E é justamente isso que a marca antecipa para o Wrangler elétrico.

Meunier confirmou que a nova geração terá uma capacidade off-road maior que a atual geração. Em entrevista ao site inglês, o executivo confirmou que a nova geração elétrica estará na classificação 10 do Trail Rating da Jeep, um ranking que mostra quais são os carros com mais aptidão fora-de-estrada. “A Trail Rating é uma escala de até 10. Aos 10 está o Wrangler Rubicon de duas portas – o Wrangler Rubicon de cinco portas está às nove. Começamos às quatro para o Renegade com Trail Rating. Quero aumentar para 12. Estamos trabalhando com a engenharia nisso.”, destacou Meunier.



“Com o Wrangler de próxima geração queremos aumentar o Trail Rating para 12. A eletrificação não nos impede de fazer nada quando se trata de off-road. No primeiro trimestre, 38 por cento de todos os Wranglers que vendemos eram modelos 4xe [eletrificados]. E até o final deste ano, aposto que será algo em torno de 50 ou 60 por cento. Isso não acontece porque as pessoas são forçadas; quando fazem um test drive, entendem que podem dirigir de 32 a 40 quilômetros com energia elétrica e ir menos ao posto de gasolina”, adiciona. Hoje, o Wrangler de atual geração já é eletrificado com uma mecânica híbrida plug-in (PHEV) chamada de 4xe.

Voltando a falar do Wrangler elétrico de nova geração, o executivo confirmou que a nova geração, por ser elétrica, não terá menos capacidade no off-road. “O melhor da eletrificação é que ela torna um Jeep mais capaz. Isso nos dá mais torque; torna-o mais suave e preciso. Então a arquitetura em torno dele, o sistema de suspensão, o eixo que você vai usar, pode ser qualquer coisa – um eixo sólido ou uma suspensão independente.”, adiciona. Muito provavelmente, uma nova geração vai ser desenvolvida a partir da plataforma STLA Large, a mesma que estará no Recon Concept de produção.

Meunier, no entanto, confirma que o Recon não é um Wrangler. “O Jeep Recon terá classificação de trilha seis na trilha Rubicon, o que é realmente difícil – seis é muito bom. Existe capacidade [do Recon] de chegar a oito com algumas modificações.”, disse voltando a falar sobre o ranking Trail Rating da Jeep. E, recentemente, Jeremy Glover, Designer Exterior da Jeep, divulgou um vídeo no perfil da Stellantis North America, no X (antigo Twitter), sobre o que ele imagina de um Wrangler do futuro. A imagem é o modelo acima, claramente mantendo todas as características que fazem do Wrangler... um Wrangler. Só que elétrico.



Publicação da Stellantis North America



Fotos: Jeep / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat confirma que o futuro interior dos seus carros terão inspiração no clássico Lingotto

Chevrolet lança a nova S10 no Brasil, que traz atualizações importantes e parte de R$ 247.860

Kia confirma a vinda do EV9 ao Brasil e define estreia para o primeiro semestre de 2024

Tank registra novas imagens de patente do 700 Hi4-T no MIIT e confirma uso de motor de 517cv

Eccentrica apresenta o Lamborghini Diablo remasterizado que agora desenvolve 550cv

Mercedes-Benz lança o Classe G 63 AMG Grand Edition no Brasil, por caros R$ 2.247.900

Fiat Titano vai virar RAM 1200 no México, antecipa teaser; picape ganhará quarto logotipo

GWM registra imagens de patente do Veyron na China, que pode ser da marca Haval ou da Sar

Volkswagen lança Polo Robust, versão voltada ao agronegócio, que chega por R$ 89.290

GWM adiciona caminhões elétricos para fazer entregas de peças para concessionárias