VAG e Bosch fecham parceria para produzir células de baterias e condução autônoma


A VAG comemorou uma parceria com a Bosch para explorar o estabelecimento de um fornecedor europeu de soluções de equipamentos de baterias. Ambas as empresas vão focar em fornecer sistemas integrados de produção de baterias. A parceria foi confirmada por um memorando assinado por Thomas Schmall, Membro do Conselho de Administração do Grupo Volkswagen responsável pela Tecnologia e CEO da Volkswagen Group Components, e Rolf Najork, Membro do Conselho de Administração do Grupo Robert Bosch e Presidente da Diretoria Executiva da Bosch Rexroth. As empresas vão fornecer toda uma gama de processos e componentes necessários para a fabricação em larga escala de células e sistemas de baterias. A demanda em todo o setor é enorme: somente na Europa, várias empresas planejam construir fábricas de células com uma capacidade total anual de cerca de 700 gigawatts-hora até 2030. De acordo com as empresas, esta aliança é mais um passo para desempenhar papéis de liderança no mundo da e-mobilidade. A parceria se baseará em áreas complementares de especialização: enquanto a Volkswagen é uma montadora de larga escala e está a caminho de se tornar uma grande fabricante de células de bateria, a Bosch possui excelente know-how em automação de fábrica e integração de sistemas. “A Europa tem a chance única de se tornar uma potência global de baterias nos próximos anos. Há uma demanda forte e crescente por todos os aspectos da produção de baterias, incluindo os equipamentos das novas gigafábricas. A Volkswagen e a Bosch vão explorar oportunidades para desenvolver e moldar esta nova indústria multibilionária na Europa. Nossa decisão de nos engajarmos ativamente na integração vertical da cadeia de valor de fabricação de baterias irá explorar novos e consideráveis ​​pools de lucros. O estabelecimento de uma cadeia de suprimentos europeia totalmente localizada para a mobilidade elétrica feita na Europa certamente marca uma oportunidade rara na história dos negócios”, disse Thomas Schmall. 



“Junto com a Volkswagen, buscamos um caminho para industrializar os processos de produção de células de bateria com equipamentos padronizados. Temos os melhores pré-requisitos para isso: a Bosch não é apenas o maior fornecedor automotivo do mundo, mas também um dos principais fornecedores de equipamentos de fábrica. Entendemos como a tecnologia da bateria funciona e sabemos como fabricá-la. Com mais de 135 anos de experiência automotiva e nossa experiência comprovada em industrialização, queremos atender à crescente demanda por baterias. A indústria europeia tem potencial para se tornar um motor tecnológico para a transformação ecológica da economia.”, destacou Rolf Najork. A Bosch ainda confirmou uma parceria com a Cariad, subsidiária da VAG para o desenvolvimento de condução autônoma em larga escala. Ambas as empresas vão desenvolver uma tecnologia de Nível 2 de condução urbana, extra-urbana e rodoviária. De acordo com o comunicado, a parceria vai visar que os motoristas não precisam contar com as mãos no volante e todas as funções de condução serão assumidas pelo carro. As primeiras funções vão estar disponíveis a partir de 2023, desenvolvendo uma plataforma de software que será padronizada e usada por todas as classes de veículos vendidos do Grupo VAG. “Para os proprietários de automóveis, o progresso para a direção autônoma acontece um passo de cada vez. Na Bosch, trabalhamos com sucesso nesse tema há muitos anos. Juntamente com a Cariad, agora estamos acelerando o lançamento destas funções no mercado para todas as classes de veículo. Isto irá tornar a condução nas estradas mais segura e tranquila. Será possível também oferecer as soluções para nossos outros clientes e, dessa forma, estabelecer novos padrões”, destacou Dr. Markus Heyn, Membro da Direção Mundial do Grupo Bosch. "Juntos, podemos testar as funções de condução autônoma de forma ampla em veículos reais e, com isso, implementá-las mais rapidamente. Nosso trabalho de engenharia será feito totalmente em conjunto. Nunca houve uma parceira assim na indústria automotiva", disse Dr. Ingo Stürmer, Diretor do Projeto pela Cariad. 



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

RAM reajusta os preços de Rampage, 1500, 2500 e 3500 no Brasil, em até R$ 5.000

Ford desenvolve um SUV elétrico de 7 lugares que será apresentado em meados de 2025

Fiat reajusta os preços da Toro em versões com motor T270, com cortes de até R$ 10.000

Nosso novo Peugeot 2008 será igual ao modelo europeu, recém reestilizado; terá motor T200

Alfa Romeo surpreende e confirma nome Milano para SUV subcompacto que estreia em abril

Nio ET5 Touring é a primeira station wagon da marca; estreia na China de olho na Europa

Lamborghini comemora aniversário de 60 anos de Sant'Agata Bolognese e revela três séries

Chevrolet Camaro ganha séries especiais Collector's Edition e Garage 56 Edition nos EUA

Jetour apresenta o X90 Plus no Salão do Automóvel de Guangzhou, que é reestilizado

Ferrari apresenta a SF90 XX Stradale e Spider na Europa, com motor híbrido de 1.030cv