Chery e Huawei apresentam a marca Luxeed, que estreia com sedã cupê de linhas esportivas

Chery e Huawei criam uma nova marca chamada de Luxeed, que terá um sedã elétrico; modelo vai estrear no Salão de Chengdu e usará plataforma modular E0X



A Huawei já conta com a parceria de colaborar no desenvolvimento de algumas marcas na China como a Seres e a AITO, mas a marca prepara-se para trabalhar em conjunto em uma terceira marca: trata-se da Luxeed. O CEO da Huawei, Richard Yu, confirmou o desenvolvimento do sedã elétrico e antecipou a primeira imagem do modelo, que foi criado em parceria com a Chery. Ele usará a plataforma modular E0X da Chery e deve ser produzido pela gigante chinesa.

Conhecido até o momento como Projeto EH3, o Luxeed ainda não tem um nome próprio e é chamado apenas pelo nome da marca. Previsto para ser revelado no Salão do Automóvel de Chengdu, na China, a novidade possui um design bem interessante até certo ponto de vista. Na dianteira, ele aposta em um design de linhas aerodinâmicas. Os faróis são retangulares, com cantos arredondados. Ele ainda possui uma faixa em luzes diurnas (DRL) em LED na parte inferior dos faróis, que conectam entre si por meio de uma faixa iluminada.

O nome Luxeed aparece acima dessa faixa. O para-choque dianteiro ainda possui uma entrada de ar vertical conectada com o desenho dos faróis. O para-choque dianteiro possui uma entrada de ar inferior trapezoidal e um friso cromado na parte inferior. O sedã ainda possui um capô com vinco mais nas extremidades, mas com desenhos bem discretos. De perfil, o sedã ainda se destaca por contar com rodas de raios duplos que mostram as pinças de freio em vermelho. O desenho do sedã tem uma linha bem em arco, com os vidros seguindo o mesmo desenho.

A base dos vidros laterais é bem reta, enquanto o contorno tem um acabamento cromado. Ele ainda possui maçanetas retráteis e os retrovisores tem uma haste nas portas. No para-lama dianteiro ele possui um acabamento em preto brilhante que esconde câmeras e sensores. O sedã ainda possui um vinco na parte inferior das portas, que indica que ele terá um avançado sistema de condução autônoma, reforçando ainda pelo radar LiDAR instalado no teto. Falando em teto, ele terá um teto solar panorâmico bem avantajado.

“No recém-concluído HDC 2023, o HarmonyOS 4 fez sua grande estreia. Aqui está outra grande novidade para compartilhar com você. O primeiro cupê puramente elétrico do negócio de carros inteligentes da Huawei será o primeiro a ser equipado com o HarmonyOS 4! Como uma nova categoria de carro inteligente, ele adota uma linguagem de design subversiva e traz uma experiência coupé além da imaginação. Ele vai te encontrar neste trimestre, fique ligado!”, destaca Yu. Desenvolvido sobre a plataforma modular E0X, ele virá com arquitetura elétrica de 800V e será equipado com bateria da CATL, que permitirá autonomia de 700km.

Com um motor duplo e tração integral, o Luxeed vai trazer um desempenho de esportivo. Em termos de condução autônoma, o sedã virá com o sistema Huawei ADS 2.0, composto pelo LiDAR no teto, 11 câmeras HD, radares de 3 milímetros e 12 radares ultrassônicos. Com isso, ele virá com o Navigation Cruise Assist (NCA) que permite que um carro dirija sozinho em cidades ou rodovias. Internamente, ele virá com uma central multimídia com chip 8295 da Qualcomm. Mais detalhes devem ser revelados em breve.



Fotos: Luxeed / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat confirma que o futuro interior dos seus carros terão inspiração no clássico Lingotto

Chevrolet terá Feirão de Fábrica neste final de semana em São Caetano do Sul e promoções

BMW lança novo Série 5 no Brasil, com versão híbrida 530e, que estreia por R$ 574.950

Porsche apresenta seu novo logotipo para comemorar os 75 anos de fundação da marca

Toyota investe mais R$ 160 milhões na fábrica de Sorocaba (SP) com novo Centro de Peças

Hongqi revela oficialmente a segunda geração do HS3 na China, com motor de até 252cv

BYD tem promoção 'DiaE' neste sábado, 22/06, com Dolphin por R$ 135.300, com bônus

BYD King é o batismo global do Destroyer 05 e chega para colocar Toyota Corolla na mira

GM confirma que carros compactos elétricos e lucrativos vão demorar um pouco mais

Toyota apresenta atualização para o catálogo de versões da Hilux, com fim da versão SRX