Nico Rosberg fatura GP da Inglaterra e vê a má sorte de Vettel!


Primeiro, Hamilton ficou em segundo, enquanto Vettel roubava a segunda posição de Rosberg, que caiu para terceiro! Nas seguintes provas, Hamilton simplesmente decapou o pneu traseiro esquerdo, e nas últimas voltas, o Vettel teve problemas na caixa de câmbio! Ufa, tudo deu certinho para Nico Rosberg faturar sua terceira vitória na carreira!


Pois é, o maior "Bafafá" da corrida foi os 4 pilotos que foram destinados a enfrentar problemas com os pneus, sempre traseiros! Primeiro foi Hamilton, seguido do brasileiro Felipe Massa que rodou na pista e de Jean-Éric Vergne e Sergio Pérez! Segundo a FIA, na próxima quarta-feira, eles irão fazer uma reunião para levantar possíveis causadores dos pneus que se destruíam do nada! Falando nos pneus, quem mais se deu mal foi Hamilton que liderava a prova e o Massa, que fazia uma brilhante corrida, após largar de 11º e estar competindo com Sutil pela 3º posição!


Na volta 42, o líder do campeonato parou e encostou sua Red Bull, pois o modelo estava com problemas de câmbio e foi a partir desta volta que a corrida ficou muito emocionante! Mas aí o pneu do Pérez furou e lá se foram 3 voltas com Safety Car, esse que apareceu mais de 1 uma em Silverstone, onde tudo mundo foi  quase tudo mundo foi aos boxes para a última troca de pneus e fazer bonito nas últimas voltas e garantir mais posições! Quem se deu mal com isso foi Kimi, que perdeu 3 posições por estar com pneus mais velhos que os demais e terminou em 5º! O brasileiro Massa se recuperou e terminou a prova em 6º! Veja abaixo o grid de chegada!


Pos. Piloto (Nac./Equipe) Tempo
1º. Nico Rosberg (ALE/Mercedes) 52 voltas
2º. Mark Webber (AUS/Red Bull-Renault) a 0s7
3º. Fernando Alonso (ESP/Ferrari) a 7s1
4º. Lewis Hamilton (ING/Mercedes) a 7s7
5º. Kimi Raikkonen (FIN/Lotus-Renault) a 11s2
6º. Felipe Massa (BRA/Ferrari) a 14s5
7º. Adrian Sutil (ALE/Force India-Mercedes) a 16s3
8º. Daniel Ricciardo (AUS/Toro Rosso-Ferrari) a 16s5
9º. Paul di Resta (ESC/Force India-Mercedes) a17s9
10º. Nico Hulkenberg (ALE/Sauber-Ferrari) a 19s7
11º. Pastor Maldonado (VEN/Williams-Renault) a 21s1
12º. Valtteri Bottas (FIN/Williams-Renault) a 25s0
13º. Jenson Button (ING/McLaren-Mercedes) a 25s9
14º. Esteban Gutiérrez (MEX/Sauber-Ferrari) a 26s2
15º. Charles Pic (FRA/Caterham-Renault) a 31s6
16º. Jules Bianchi (FRA/Marussia-Cosworth) a 36s0
17º. Max Chilton (ING/Marussia-Cosworth) a 1min07s6
18º. Giedo van der Garde (HOL/Caterham-Renault) a 1min07s0
Abandonaram:
19º. Romain Grosjean (FRA/Lotus-Renault) na volta 52
20º. Sergio Pérez (MEX/McLaren-Mercedes) na volta 47
21º. Sebastian Vettel (ALE/Red Bull-Renault) na volta 42
22º. Jean-Éric Vergne (FRA/Toro Rosso-Ferrari) na volta 35

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat Scudo chega ao Brasil no 2º semestre, com produção uruguaia e duas opções de motor

NBR é marca brasileira que surge como aposta de buggy e terá fábrica em Pernambuco

Fiat Scudo será vendido nas mesmas versões de Citroën Jumpy e Peugeot Expert, Cargo e Multi

BMW lança o Série 3 2022, com novidades nas versões 320i, que estreia por R$267.950

Audi lança a linha 2023 de A4 e A5 Sportback com motor híbrido-leve 40 TFSI, de 204cv

Peugeot 4008 será apresentado em 2022 como um SUV médio cupê com base no novo 308

Stellantis já testa o Fiat Scudo no Brasil; lançamento vai acontecer ainda em 2022

Curiosidades: por que o disco de freio parece com ferrugem mesmo sendo novo?

Volvo abre pré-venda do novo XC40 Recharge Electric P6, com motor de 231cv, por R$ 309.950

Nova Chevrolet Spin não deve ser baseada no Orlando, como era estipulado