Além de sedãs, BMW apresenta o X1 Li no Salão do Automóvel de Pequim com até 18cm a mais


Até o momento você só viu sedãs com as variantes L no Salão do Automóvel de Pequim, não é mesmo? Pois a BMW também apresentou o X1 Li, a versão com entre-eixos longo do X1. Atendendo ao gosto do consumidor local, o modelo passa a oferecer entre 5 e 18 centímetros a mais de espaço para os joelhos dos ocupantes do banco traseiro graças às novas medidas da distâncias entre os eixos. Na versão com 18 centímetros a mais, 13,5 centímetros foram adicionados no banco traseiro. O porta-malas também cresceu e pode acomodar entre 465 e 675 litros (dependendo da posição dos bancos), ou ainda 1.650 litros com os assentos totalmente rebatidos. O X1 Li será vendido na China em três versões. sDrive18Li, sDrive20Li / xDrive20Li e xDrive25Li. A primeira estará disponível sempre com motor 1.5 12v Turbo de 3 cilindros e potência de 136cv, enquanto a segunda terá um bloco 2.0 16v Turbo capaz de entregar 192cv de potência e a terceira versão possui o mesmo motor, mas entrega 231cv. O câmbio poderá ser automático Steptronic de 6 velocidades para o 1.5 e o de 8 velocidades para o 2.0. Exclusivo da China, o X1 Li foi o último "alongado" dessa edição do Salão de Pequim.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

BYD lança oficialmente o Song Pro no Brasil, com motor de até 235cv e por R$ 189.800

Volvo lança promoção do EX30 no Brasil, além de condições para XC40, C40, XC60 e XC90

Baojun apresenta a chegada do Yunduo na China, o concorrente direto do BYD Dolphin

Volkswagen registra imagens de patente do ID.7 S na China, que será da joint-venture SAIC-VW

Iveco lança o eDaily no Brasil, contra o Ford E-Transit, em três versões e parte de R$ 549.000

Renault lança promoção em julho no Brasil para quase toda a linha, inclusive com elétricos

BYD lança promoção '48 Horas Eletrizantes' e tem condições até o final deste mês

JAC Hunter é uma das apostas da marca chinesa para este segundo semestre no Brasil

Peugeot lança o novo E-2008 no Brasil, elétrico que chega com melhorias e um motor de 158cv

Kia confirma que vai manter os preços no Brasil mesmo com aumento da alíquota de IPI