Audi desenvolve suspensão regenerativa para híbridos e elétricos eRot que chega nos próximos anos


A Audi apresentou a suspensão eRot, uma evolução para futuros sistemas de suspensão para os próximos anos. Especialmente para automóveis elétricos ou híbridos, que deverão receber amortecedores eletromecânicos, que usam o novo sistema elétrico de 48 volts que a Audi colocará em linha a partir de 2017, permitem maior leque de configurações que os amortecedores hidráulicos, dependendo do piso, velocidade e até mesmo estilo de condução do motorista. Outra vantagem está que, ao ser montado horizontalmente, o amortecedor não ocupa espaço no compartimento do porta-malas. O eRot possui recuperação de energia. Assim como acontece com os freios da maioria dos elétricos/híbridos, a energia dispensada em forma de calor será aproveitada pelo sistema elétrico do carro. Isso deve poupar o trabalho do alternador e motor, economizando combustível. Durante os testes, o resultado foi de 3 wattas em estradas com bom pavimento e até 613 watts em estradas secundárias. No Brasil essa tecnologia seria muito bem recebida. “Cada buraco, cada solavanco, cada curva induz energia cinética ao carro. Os amortecedores atuais absorvem toda esta energia, que é perdida na forma de calor. Com os amortecedores eletromecânicos rotativos no sistema elétrico de 48 volts, vamos poder utilizar toda essa energia”, diz Stefan Knirsch, um dos responsáveis do desenvolvimento técnico da Audi. Segundo os técnicos da Audi, a tecnologia tem muitas chances de ser usada num futuro breve e representa uma economia de 0,7 a 100km. No Brasil, como dito, seria uma boa alternativa para a chegada de elétricos e híbridos.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat confirma que o futuro interior dos seus carros terão inspiração no clássico Lingotto

Ford traz novo lote da Ranger Raptor com mais equipamentos de série e custa R$ 466.500

Jaguar-Land Rover quer construir uma inédita fábrica de bateria para elétricos no Reino Unido

BMW revela as novas imagens teaser do M5 e M5 Touring, que vão ter mais de 700cv

Suzuki Invicto aparece na Índia como rebadge da Toyota Innova e espaço para até oito

Toyota lança o RAV4 com motor híbrido plug-in (PHEV) de 306cv no Brasil, por R$ 399.990

RAM reajusta os preços da Classic e diminui os preços da picape em até R$ 35.000

Volkswagen T-Cross com reestilização chega ainda neste primeiro semestre de 2024

Nio revela primeiro teaser da sua nova marca, a Onvo, que estreia com o SUV elétrico L60

Galaxy apresenta na China o seu sedã L6, que estreia como um PHEV com motor de 390cv