Nissan volta a falar sobre desenvolvimento do motor a célula de etanol junto com o IPEN


A Nissan renovou o seu estudo com modelos elétricos movidos com um motor a combustão a etanol como gerador de energia no país. Além disso, a Nissan confirmou que deve manter seus estudos de Célula de Combustível de Óxido Sólido, com um veículo movido com um motor elétrico e com uma célula de combustível assim como acontece com os automóveis movidos com células de combustível de hidrogênio, por exemplo. No lugar do hidrogênio, a Nissan coloca o Etanol e testa os componentes dessa maneira. A Nissan ainda confirmou que trabalha em parceria com o Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (Ipen), para transformar essa tecnologia em uma opção de motor para seus veículos. Previsto para ser estudado até meados de 2025, a tecnologia ainda deve demorar um pouco para se tornar realidade, destacou Ricardo Abe, Gerente de Engenharia de Produtos da Nissan no Brasil. "É um prazer interagir com o time de pesquisa da Nissan e poder colaborar com um desenvolvimento global da marca. Eletrificar o etanol, um combustível renovável e estratégico para o país, tem um enorme potencial no contexto das novas energias sustentáveis. A Nissan tem a visão de que investir globalmente em pesquisa é um caminho para superar os desafios existentes para conquistar novas tecnologias. Ver os desenvolvimentos do IPEN participando desse processo é muito gratificante", destacou Fabio Coral Fonseca, Pesquisador do IPEN/CNEN. Depois de 2025, a Nissan confirmou que deve cotar fornecedores e decidir se vale a pena a sua produção em massa ou estender o ciclo de pesquisa e melhorar o sistema SOFC para se tornar mais rentável.




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat Scudo chega ao Brasil no 2º semestre, com produção uruguaia e duas opções de motor

NBR é marca brasileira que surge como aposta de buggy e terá fábrica em Pernambuco

Audi lança a linha 2023 de A4 e A5 Sportback com motor híbrido-leve 40 TFSI, de 204cv

BMW lança o Série 3 2022, com novidades nas versões 320i, que estreia por R$267.950

Fiat Scudo será vendido nas mesmas versões de Citroën Jumpy e Peugeot Expert, Cargo e Multi

Peugeot 4008 será apresentado em 2022 como um SUV médio cupê com base no novo 308

Stellantis já testa o Fiat Scudo no Brasil; lançamento vai acontecer ainda em 2022

Curiosidades: por que o disco de freio parece com ferrugem mesmo sendo novo?

Volvo abre pré-venda do novo XC40 Recharge Electric P6, com motor de 231cv, por R$ 309.950

Nova Chevrolet Spin não deve ser baseada no Orlando, como era estipulado