Pagani apresenta o Utopia, substituto do Huayra que chega com V12 de 864cv

Pagani apresenta o substituto do Huayra, o Utopia, que chega ao mercado internacional com um câmbio manual de 6 marchas junto de um motor de 864cv



A Pagani apresentou o sucessor do Huayra, o Utopia, aos seus consumidores. A marca italiana apresentou a continuidade da sua série de esportivos primeiro com o cupê, mas não se descarta que em breve ele seja apresentado com uma opção Roadster. Conhecido como Projeto C10, o esportivo recebe o batismo de Utopia em uma homenagem ao livro de mesma batismo de Thomas More, que fala sobre as utopias de um mundo ideal.

O desenvolvimento do Pagani Utopia levou em consideração a voz dos consumidores da marca no processo de criação do carro. Entre alguns dos pedidos por parte destes consumidores estão a "simplicidade, leveza e prazer ao dirigir" como elementos que se repetiram. Visualmente, o Utopia não fica muito distante do Huayra, mas ganha linhas mais modernas que seu antecessor.

Na dianteira, o cupê possui faróis duplos e conectados, protegidos por uma capa que ajuda na aerodinâmica e tem um acabamento com contorno na cor da carroceria. Além disso, ele tem um capô em cunha e o para-choque dianteiro com entradas de ar unificadas na parte inferior. Há um acabamento duplo que parece formar um ‘A’ ao centro e uma faixa onde estão os faróis de neblina, que fica nas extremidades.

Falando nelas, as extremidades possuem uma entrada de ar maior, vindo ainda com entradas de ar que ajudam na aerodinâmica. Visto de lateral, o belo cupê italiano focou em ser mais aerodinâmico. A dianteira continua com um para-lama dianteiro mais proeminente e com linhas que acompanham até a traseira. A colina A e o teto estão mais aerodinâmicos. O para-brisa tem um desenho mais circular e nas laterais os vidros também tem desenho mais circular.



Há também uma saída de ar na porta, com dutos de ar que provavelmente dão vasão ao ar que entra pelas entradas de ar dianteiras. Essa saída de ar traz o nome Pagani em um friso horizontal e central. Os retrovisores continuam com hastes longas. O teto traz duas entradas de ar após a coluna C, que dá acesso direto ao motor. Por fim, ele possui rodas forjadas de 21 polegadas na dianteira e 22 polegadas na traseira.

Visto de traseira, o Utopia possui lanternas com um novo desenho vertical e com contorno mais quadrado. Ao centro, as lentes seguem com duplas circulares, enquanto um acabamento oval aparece e faz as vezes de um aerofólio duplo na traseira. Esse aerofólio ainda traz, ao centro, as quatro saídas de escape. O para-choque traseiro ainda possui acabamento na cor da carroceria. No lado direito aparece o nome do cupê, tendo uma saída de ar que no centro traz um acabamento em ‘V’ com uma lanterna de neblina, também circular.

Por fim, o difusor de ar possui dois refletores ovalados. Visto de traseira, também é possível notar que ele traz vidro traseiro entre as entradas de ar e um visto que dá acesso ao motor, mais no deque traseiro. Como todo bom Pagani, ele possui aberturas inversas no capô traseiro, capô dianteiro e as portas possuem abertura vertical, como acontecia com o Huayra.



O interior também possui muito parentesco com os últimos carros apresentados pela Pagani. Há medidores do quadro de instrumentos circulares com dois elementos e uma tela digital ao centro que substitui a central multimídia do Huayra. O centro do painel ainda tem outros quatro mostradores, com alguns botões físicos abaixo e o sistema de ar-condicionado abaixo, em três mostradores. Falando neles, as saídas de ar-condicionado ficam no topo do painel, com duas saídas centrais e uma saída em cada extremidade do painel, com desenho que lembra turbinas de avião.

O painel possui ainda um volante de base achatada e um console central esguio que traz a alavanca de câmbio manual de 7 marchas e os comandos ficam no lado dos bancos. O painel tem linhas horizontais e tem um acabamento em couro em sua grande maioria. De acordo com a marca, volante e pedais são de alumínio.

Na mecânica, ele é equipado com um motor Mercedes-AMG 6.0 V12 que desenvolve 864cv e 112,2kgfm de torque, acoplado a um câmbio manual de 7 marchas ou um câmbio automatizado de dupla embreagem de 7 marchas com trocas manuais. De acordo com a marca, ele possui trocas mais rápidas por conta de uma caixa de transmissões com engrenagens helicoidais. Ambos os câmbios são compactos, leve e estão montados transversalmente para otimizar o centro de gravidade.



A Pagani ainda confirma que ele é desenvolvido a partir de um chassi monocasco Carbo-Titanium HP62 G2 e Carbo-Triax HP62, que oferecem maior rigidez. O chassi oferece ainda os subframes dianteiros e traseiros em aço Cromo-Molibdênio e a carroceria é feita com um "novo tipo de fibra de carbono classe A". Toda a estrutura faz o esportivo ser até 38% mais rígido, mas com a mesma densidade dos antecessores.

Estes sub-chassis dianteiros e traseiros ainda colaboram para seu peso ser de apenas 1.280kg. Há ainda uma suspensão adaptativa de duplo A, forjados, com amortecedores controlados eletronicamente e discos de freio com um material carbonocerâmico com pinças de seis pistões na dianteira e quatro na traseira. A Pagani ainda confirma que ele tem uma saída quádrupla de escape com escapamentos feitos de titânio com revestimento em cerâmica

As rodas ainda foram desenhadas para jogar o ar quente para longe dos freios e usam pneus Pirelli específicos para o carro. Os pneus contam com o Pirelli P Zero Corsa ou os pneus de inverno, chamados de Pirelli SottoZero. De acordo com a marca, serão 99 unidades produzidas do Utopia, todas com valor de 2,17 milhões de euros. 




Fotos: Pagani / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

BYD lança oficialmente o Song Pro no Brasil, com motor de até 235cv e por R$ 189.800

Volvo lança promoção do EX30 no Brasil, além de condições para XC40, C40, XC60 e XC90

Iveco já trabalha na homologação do eDaily, que chega ainda neste semestre no Brasil

Baojun apresenta a chegada do Yunduo na China, o concorrente direto do BYD Dolphin

Volkswagen registra imagens de patente do ID.7 S na China, que será da joint-venture SAIC-VW

Mercedes-Benz atualiza itens de série do Classe E no Brasil e fica R$ 61 mil mais barato

Iveco lança o eDaily no Brasil, contra o Ford E-Transit, em três versões e parte de R$ 549.000

JAC Hunter é uma das apostas da marca chinesa para este segundo semestre no Brasil

BYD lança promoção '48 Horas Eletrizantes' e tem condições até o final deste mês

Zeekr revela as primeiras imagens teaser do 'C1XE', que estreia em breve na China