Ford quer ser neutra em emissões até 2050 e fecha parceria com a Manufacture 2030

Ford fecha parceria de desenvolvimento com a Manufacture 2030 para reduzir emissões de poluentes e atingir a neutralidade de CO2 globalmente até 2050



A Ford confirmou uma parceria com a Manufacture 2030 para ajudar os fornecedores da marca a cumprir as metas de redução de carbono e ajudar a marca a chegar a sua neutralidade de carbono até meados de 2050 globalmente e em 2030 na Europa. Com isso, a Ford se torna uma das primeiras montadoras norte-americanas a fazer parte da cadeia de suprimentos globais na Manufacture 2030.

A empresa foi criada justamente para diminuir as emissões de poluentes de várias outras empresas. “Alcançar a neutralidade de carbono para a Ford é uma meta corporativa importante e parte integrante de nosso propósito de ajudar a construir um mundo melhor. Está se tornando uma forte demanda de nossos clientes, acionistas e investidores, e a cadeia de suprimentos é essencial para atingir esse objetivo. Atingir nossas metas exigirá que reduzamos as emissões em toda a nossa cadeia de valor, principalmente da compra de energia, bens e serviços. O M2030 é um programa chave para a Ford para nos ajudar não apenas a relatar as emissões, mas também a formar planos de ação realistas e caminhos para alcançar nossos objetivos”, disse Jonathan Jennings, Vice-Presidente Global da Cadeia de Suprimentos da Ford.

Inicialmente, a parceria entre as empresas vai levar em conta seus mais de 5.000 fornecedores globais de nível 1, que estão presentes em cerca de 66 países. A Manufacture 2030 quer ajudar inclusive empresas de fornecedoras que ainda não estabeleceram metas de redução de carbono com base científica. “Este é um exemplo poderoso de como a escala e a experiência industrial comprovada da Ford podem ajudar a acelerar a mudança para EVs e apoiar uma cadeia de suprimentos diversificada que é boa para as pessoas e para o planeta, e boa para os negócios”, disse Cynthia Williams, Diretora Global de Sustentabilidade, Homologação e Compliance na Ford.

“Ao trabalharmos juntos e alavancarmos nossa experiência coletiva, acreditamos que esta plataforma ajudará nossos fornecedores a obter reduções significativas de carbono e maior impacto positivo.”, acrescentou Williams. Recentemente, a Ford ainda revelou a capacidade de bateria e matérias-primas que serão essenciais para o futuro da marca, visto que pretende produzir cerca de 600.000 unidades até o fim de 2023 – e mais de 2 milhões de unidades até meados de 2026.

Enquanto a Ford cria uma nova cadeia de fornecimento de elétricos que mantém seus compromissos com a sustentabilidade e os direitos humanos, a empresa continua planejando que mais da metade de sua produção global seja de EVs até 2030. A iniciativa também apoiará o compromisso da empresa com a First Movers Coalition, uma iniciativa global para aproveitar o poder de compra e as cadeias de suprimentos para criar mercados iniciais para tecnologias inovadoras de energia limpa. Como parte da coalizão, a Ford se comprometeu a comprar pelo menos 10% de aço carbono e alumínio quase zero até 2030.



Fotos: Ford / divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fiat confirma que o futuro interior dos seus carros terão inspiração no clássico Lingotto

Chevrolet lança a nova S10 no Brasil, que traz atualizações importantes e parte de R$ 247.860

Kia confirma a vinda do EV9 ao Brasil e define estreia para o primeiro semestre de 2024

Tank registra novas imagens de patente do 700 Hi4-T no MIIT e confirma uso de motor de 517cv

Eccentrica apresenta o Lamborghini Diablo remasterizado que agora desenvolve 550cv

Mercedes-Benz lança o Classe G 63 AMG Grand Edition no Brasil, por caros R$ 2.247.900

GWM registra imagens de patente do Veyron na China, que pode ser da marca Haval ou da Sar

Fiat Titano vai virar RAM 1200 no México, antecipa teaser; picape ganhará quarto logotipo

GWM adiciona caminhões elétricos para fazer entregas de peças para concessionárias

Volkswagen lança Polo Robust, versão voltada ao agronegócio, que chega por R$ 89.290